WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

prefeitura itabuna sesab bahia livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


:: ‘Hidrogênio Verde’

Jerônimo leva potencial energético da Bahia para maior evento do mundo sobre hidrogênio verde

Ao lado de outros governadores da região, o governador Jerônimo Rodrigues integra a missão do Consórcio Nordeste que participa do maior evento global sobre o hidrogênio verde. O World Hydrogen 2024 Summit & Exhibition foi aberto nesta segunda-feira (13), em Roterdã, na Holanda, onde a comitiva nordestina se reuniu em uma série de encontros e apresentações com iniciativas europeias ligadas à produção da fonte de energia limpa que atrai atenção de todo o mundo.

O potencial nordestino para a produção de hidrogênio verde é reforçado pela forte expansão de seus estados na produção de energias de fonte renovável, como eólica e solar, fundamentais para a cadeia de produção do hidrogênio verde. A Bahia, por exemplo, produz, em média, 30% de toda a energia eólica e 20% de toda a energia solar geradas no Brasil. A matriz elétrica do estado é mais de 90% renovável, considerando a capacidade instalada.

“Nós viemos aqui com os governadores do Nordeste, é uma missão nordestina. Isso é importante porque nos une. Cada qual que tem o seu potencial de produção de energia solar, energia eólica. Cada um está fazendo o seu papel, mas, em bloco, temos potencial de convidar esses empresários para investir, gerar emprego, gerar renda. E esses contatos, de fato, aconteceram”, contou o governador, salientando as qualidades do estado: “os empresários sabem o tamanho que a Bahia tem. Nós já somos líder na produção de energia eólica. Estamos próximos de superar Minas Gerais e ser o maior produtor de energia solar. E, agora, o hidrogênio verde, que é a energia que deverá modificar a matriz energética do futuro”.

:: LEIA MAIS »

Na Espanha, Jerônimo Rodrigues articula acordo de cooperação técnica com centro de pesquisa em hidrogênio verde

O Governo do Estado já deu o primeiro passo para estabelecer um acordo de cooperação técnica com o Centro de Pesquisa e Tecnologia em Hidrogênio (CER-H2), da Universidade Politécnica da Catalunha, na Espanha. Na manhã desta quarta-feira (28), o governador Jerônimo Rodrigues visitou o campus onde funciona o centro, em Barcelona, e, além de conhecer os equipamentos utilizados na pesquisa, iniciou as tratativas para a parceria entre a universidade e o governo baiano.

“Esse termo de cooperação que nos comprometemos a assinar vai garantir a troca de experiências e o intercâmbio de profissionais, como cientistas e técnicos, com a intenção de fazer a Bahia avançar na produção do hidrogênio verde. Sabemos que com o potencial do nosso estado e os conhecimentos que serão compartilhados podemos, tranquilamente, produzir os nossos fertilizantes”, pontuou Jerônimo Rodrigues.

Uma das linhas de estudos e experimentos dos pesquisadores espanhóis é para aplicação do hidrogênio verde para veículos. Eles estudam também alternativas para diminuição de custo na produção dessa fonte de energia limpa.

:: LEIA MAIS »

Missão baiana na Espanha conhece unidade que abastece ônibus de transporte público com hidrogênio verde


Cerca de 60 ônibus que fazem parte da rede de transporte público na cidade de Barcelona, na Espanha, são movidos a hidrogênio verde. A Bahia tem projetos em andamento para a geração desse tipo de energia limpa e, nesta segunda-feira (25), o governador Jerônimo Rodrigues foi conhecer uma planta de produção, armazenamento e distribuição, onde os veículos são abastecidos.

A unidade, localizada no distrito de Sants-Montjuic, foi instalada pela Iberdrola, holding espanhola do ramo de produção, distribuição e comercialização de energias renováveis. A planta visitada pela comitiva baiana já tem mais de quatro anos de funcionamento e é a primeira da Espanha voltada para veículos do transporte público.

O delegado institucional da Iberdrola na Cataluña, Andrés Carasso, recepcionou o governador e apresentou as instalações da planta. No abastecimento dos ônibus, o hidrogênio verde é medido em quilos e, com 18 quilos do produto, os veículos conseguem percorrer cerca de 200 quilômetros.

:: LEIA MAIS »

Economia do Hidrogênio Verde na Bahia ganha reforço das Instituições de Ciência e Tecnologia

Foi assinado nesta quarta-feira (14), Memorandos de Entendimentos entre Reitores e representantes de 10 Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs), o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), André Joazeiro e o secretário executivo da Comissão Especial do Plano Estadual para a Economia do Hidrogênio Verde e coordenador de Fomento à Indústria de Energias Renováveis, Roberto Fortuna. As instituições vão apoiar no desenvolvimento de inovações tecnológicas, aprimoramento de processos industriais, qualificação profissional e formação de novos pesquisadores no âmbito das universidades e das empresas. As assinaturas ocorreram no auditório da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB).

O secretário da Secti, André Joazeiro, destaca que esse investimento energético é fundamental para o crescimento econômico do estado nos próximos anos. “O Hidrogênio Verde é o futuro energético da Bahia e da indústria do Estado. O desenvolvimento dessa tecnologia com baixo custo vai dinamizar de novo a nossa indústria, vai promover uma transformação energética no nosso parque industrial e vai dinamizar, em termos de receita e de produção, vendas para o exterior. É um projeto que hoje é o mais estratégico que existe para nossa indústria e desenvolvimento da Bahia”, diz.

“A relação das universidades com o governo e com as empresas são fundamentais para aprimorar a economia para Hidrogênio Verde a partir de inovação, desenvolvimento de processos e qualificações de pessoas. Esse apoio faz com que a economia de hidrogênio se torne mais sólida, competitiva e sustentável, se implantando com toda a qualidade, a competitividade e a estruturação necessária para ela ter fôlego no longo prazo. A partir desses memorandos, nós vamos ter como articular e atender com soluções devidas e necessárias os problemas, os percalços e todas as necessidades das empresas que se implantarem na Bahia para desenvolver seus projetos de hidrogênio e derivados”, declara Fortuna, secretário executivo da comissão.

:: LEIA MAIS »

Hidrogênio Verde é debatido Bahia Energia 22

Os negócios e oportunidades do Hidrogênio Verde na Bahia foram apresentados no Webinar Bahia Energia 22.  Na oportunidade, Paulo Guimarães, superintendente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), discorreu sobre o tema proposto e apresentou dados das Energias Renováveis do estado.

 

Líder na geração das energias eólica e solar, a aposta no hidrogênio verde, combustível do futuro, foi um grande passo do governo da Bahia que lançou, em abril desse ano, o Plano Estadual para Economia de Hidrogênio Verde (H2V), instituído pelo Decreto nº 21.200 de 2 de março de 2022. O Estado vai abrigar ainda a primeira fábrica de hidrogênio e amônia verde do Brasil, que deverá entrar em operação até o fim de 2023, no Polo Industrial de Camaçari.

“Nós temos uma série de ações para garantir a competitividade da cadeia produtiva. Tudo começou com o decreto de isenção de ICMS que foi feito ano passado pelo Governo da Bahia. O ICMS da energia elétrica para produção do Hidrogênio Verde está isento. Estamos estimulando a produção do hidrogênio, depois vem a questão de armazenamento, distribuição e o desenvolvimento do mercado consumidor. Estamos tentando trabalhar em todas as etapas, por isso, o mapeamento do Cimatec é essencial. A partir dele poderemos direcionar as nossas ações”, afirma Guimarães.

:: LEIA MAIS »





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia