WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

julho 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘Destaque1’

Aves frugívoras otimizam alimentação em ambientes estressantes

Um estudo realizado por um grupo de pesquisadores de diversos países, do qual participaram o professor do Departamento de Ciências Biológicas (DCB), José Carlos Morante-Filho, e o egresso do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Conservação da Biodiversidade, Ícaro Menezes, ambos da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), aponta que aves frugívoras otimizam sua alimentação perto dos limites de sua distribuição geográfica.

A pesquisa foi publicada recentemente na revista Science, considerada de alto impacto internacional, sob o título “Birds optimize fruit size consumed near their geographic range limits”. A investigação faz parte da busca de cientistas para compreender como espécies nativas conseguem sobreviver em ambientes perturbados, uma vez que os habitats naturais de diversas espécies são cada vez mais degradados e reduzidos.

Usando um amplo banco de dados com informações coletadas em seis continentes sobre centenas de espécies de aves e plantas que produzem frutos, o artigo demonstra que populações que vivem próximas ao limite da sua distribuição geográfica, onde as condições bióticas e abióticas são menos adequadas, podem mudar sua dieta como um mecanismo de sobrevivência.

Outra estratégia pode estar associada a otimização alimentar através da obtenção de recursos mais energéticos e que demandam menos tempo de forrageamento, a exemplo de aves que são forçadas a “consumir frutos maiores, que cabem facilmente em seus bicos e que serão pouco manuseados”, explica Morante-Filho. “Esse resultado foi ainda mais evidente para as espécies consideradas frugívoras obrigatórias, como as aves da família Cotingide que possuem dieta composta majoritariamente de frutos”, acrescenta.

:: LEIA MAIS »

Chocolate Festival valoriza arte e cultura e incentiva solidariedade em Espaço Social

A arte a cultura do Sul da Bahia, com toda a sua originalidade e diversidade, estão presentes no Chocolat Festival Bahia. Com o apoio do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura da Bahia (SECULT e Secretaria da Fazenda), o Palco Cacau e o Pavilhão Cultura tem apresentações de artistas e grupos regionais.

 

Entre as atrações do Palco Cacau, João Hoffman e Airumã, Malu do Pagode, Gabriela Maja, Mulheres de Dominio Público, Putorkestra, Mel de Forró, Orquestra Gongombira, Marcos Abaga, PH do Acordeon, Diego Schaun, Pier 5, Zouk Mania e Marcelo Ganem.

“É sempre uma honra levar as nossas releituras de cantos de trabalho da lavoura cacaueira e de lavadeiras para o palco deste evento, pois trazemos a poesia da produção de cacau e contribuímos para revitalizar a memória cultural da nossa região”, disse Tácila Mendes, uma das integrantes da Banda Mulheres de Domínio Público.

No Pavilhão Cultural, acontecem apresentações do Circo da Lua, Grupo Batukelelê, Cabeça Isidoro, Sarau da Palavra, Bate Papo com escritoras, lançamentos de livros e contação de histórias. A programação também inclui performances itinerantes como Balé Afro Dilazenze, Cortejo Afrocultural, Sussuros Poéticos e Grupo Maktub, interpretando personagens de Jorge Amado.

 

“Cantar no Festival do Chocolate foi uma honra e uma experiência fascinante, fui muito bem recebida pela platéia e amei esse momento magico”, afirma     Valderez Freitas Teixeira, que lançou o disco Autoridade Dona Val nas plataformas digitais e  fez uma apresentação especial no Palco Cacau.

 

CHOCOLAT SOCIAL

 

O Chocolat Social é um espaço colaborativo para ONGs de Ilhéus, onde são apresentados projetos e campanhas sociais de entidades como a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais-APAE, Rotary Club, Grupo Amigos da Praia, Planeta dos Bichos e Tribo Indígena Tupinambá; além do projeto Capacita Comunidade Confeitaria.

Para Indira Ribeiro, da APAE, “além de divulgar o nome da instituição e atrair novos colaboradores, também apresentamos os trabalhos artesanais produzidos pelos alunos, um evento que reúne milhares de pessoas”.

 

No Chocolat Social também é possível encontrar produtos cuja venda serve para angariar recursos que fazem diferença na vida das pessoas atendidas pelas instituições.

Marcela Souza, do Instituto Amigos Solidários, afirma que “esse é um espaço extremamente importante para as ONGs, estamos capacitando mulheres carentes e  nossa instituição está recebendo apoio inclusive de pessoas de outros estados, que vem para o Chocolat Festival”.

Hidroterapia: conheça a queridinha dos fisiovets!

ht hidro terHannah Thame

 

A Hidroterapia nada mais é que a prática de exercícios guiados em água. Os mais utilizados pelos pets são a hidroesteira e a natação.

 

Como funciona a Hidroterapia?

 

Você já percebeu que dentro da água o seu corpo é mais leve e que você realiza movimentos que provavelmente não conseguiria realizar fora dela?

 

Assim é com os animais!

 

Como assim Tia Hannah?

 

Por exemplo, um animal com paralisia nas patinhas pode ganhar mobilidade fazendo movimentos que seriam praticamente impossíveis em solo.

 

Quais os benefícios da Hidroterapia?

->Aumento da circulação sanguínea;

 

->Diminuição da dor;

 

->Aumento da flexibilidade e mobilidade;

 

->Fortalecimento dos músculos;

 

->Auxilia no equilíbrio, coordenação e manutenção da postura do pet

 

->Relaxamento do animal

 

->Estímulo sensorial

 

A terapia na água tem contraindicações?

 

Sim, não indicamos a hidroterapia para pets que tenham:

 

->Lesões na pele;

 

->Otites (inflamações no ouvido);

 

->Dermatopatias (doenças de pele);

 

->Doenças sistêmicas severas como cardiopatias, hepatopatias, doenças renais, hiper ou hipotensão.

 

Se a água relaxa a gente imagine os pequenos que já são relaxados por vida!

Zé Drone mostra avanço das obras da nova BA 649

As obras da nova rodovia BA 649, que está sendo construída pelo Governo da Bahia e que ligará a Itabuna, segue e ritmo avançado.

 

O cinegrafista Zé Drone registrou essa semana o andamento das obras.

 

Acompanhe:

 

Governo do Estado fortalece turismo, agricultura familiar  e economia solidária no Chocolat Festival Ilhéus

 

Foi aberto na noite desta quinta-feira (18) e vai até domingo (21) no Centro de Convenções, o Festival Internacional do Chocolate e Cacau de Ilhéus-Chocolat Bahia 2024. O evento que tem  o apoio do Governo do Estado, reune cerca de 200 produtores e mais de 100 marcas de chocolates de origem do Sul da Bahia, que a cada ano conquistam consumidores do Brasil e do Exterior.

Durante os dias do Chocolat Festival, além da exposição e comercialização de produtos e serviços, acontecem atividades como Fórum do Cacau, Choco Day, Cozinha Show, Cozinha Kids, Rodadas de Negócios, Atelier do Chocolate e apresentação de artistas regional. O acesso ao festival é feito através de um Tunel Sensorial, que remete os visitantes à sensação de entrar numa fazenda de cacau cabruca.

O secretário de Agricultura, Wallison Tum, “o Governo de Estado tem atuado no sentido de fortalecer a lavoura cacaueira do Sul da Bahia e o festival é um evento que incentiva investimentos na produção de amêndoas de qualidade e consolida o Sul da Bahia como a Capital Brasileira de Chocolates de Origem”.

 

O Governo da Bahia marca presença no evento com uma série de atividades. No Empório da Agricultura Familiar  são comercializados produtos de 27 territórios de identidade da Bahia. São mais de 60 itens como doces,  geléias, licores, cerveja, iogurtes, queijos, cafés, bombons, etc, mostrando toda a diversidade do Estado. Para o secretário de Desenvolvimento Rural, Osni Cardoso, “70% dos produtores de cacau são agricultores familiares e estamos apoiando uma cultura que gera emprego e renda e garante uma vida digna para milhares de pessoas. Além disso, o cultivo de cacau cabruca é único no mundo e contribuiu para a conservação do meio ambiente”.

:: LEIA MAIS »

Chocolat Festival reune mais de 200 expositores e 100 marcas de produtos de origem

Começa nesta quinta-feira (18) e vai ate o dia 21, no Centro de Convenções, o Festival Internacional  do Cacau e Chocolate de Ilhéus-Chocolat Festival, que chega a sua  38º. Edição, 15 delas na cidade celebrizada por Jorge Amado, onde o evento que é considerado o maior do gênero da América Latina começou e se espallhou para Belém, Altamira, São Paulo, Salvador, Brasil e, na sua primeira versão internacional, Portugal.

O Chocolat Bahia Ilhéus, que tem o apoio do Governo do Estado e a participação das secretarias de Turismo, Cultura, Desenvolvimento Rural, Agricultura e Trabalho, Emprego e Renda,  terá atrações como degustação de chocolatesl, Cozinha Kids, Cozinha Show, palestras, shows musicais, rodada de negócios,  workshops, Chocoday e o Fórum do Cacau, reunindo cerca de 200 expositores e mais de 100 marcas de chocolates de origem.

“É uma alegria muito grande poder voltar a Bahia e especialmente a Ilhéus. Vamos fazer um festival incrível com muita discussão sobre negócios do cacau e do chocolate, pratos deliciosos na Cozinha Show, tudo  com a energia que só o povo baiano tem”, afirma Marco Lessa (foto),  CEO do Grupo M21 e idealizador do Chocolat Festival.

 

 

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

:: LEIA MAIS »

Chocolat Festival em Ilhéus oferece visita a fábricas de cacau e chocolate, praias paradisíacas e ´magia´ de Jorge Amado

Evento único do mundo vai além da exposição no Centro de Convenções

O Festival Internacional do Cacau e Chocolate de Ilhéus-Chocolat Festival, que acontece de quinta a domingo (18 a 21 de julho), com o apoio do Governo da Bahia, reunindo mais de 200 expositores e cerca 100 marcas de chocolate de origem, é um evento que vai além  das atividades no Centro de Convenções.

?As milhares de pessoas que devem visitar a cidade durante o festival, irão vivenciar um evento único no mundo, onde além de conhecer as tendências do mercado do cacau e chocolates e experimentar produtos com a magia do Sul da Magia, poderão  conhecer fazendas encravadas em plena Mata Atlântica, fábricas processadoras de chocolate, uma grande indústria, um porto de exportação e o Quarteirão Jorge Amado, um espaço mítico presente nos romances do escritor, em que se incluem o Bataclan, a Catedral de São Sebastião, o Bar Vesúvio, a Casa-Memorial onde Jorge escreveu seu primeiro romance, “O País do Carnaval”. Um atrativo a mais é a belíssima Ponte Jorge Amado, cenário da novela ´Renascer`, que se tornou um dos cartões postais da cidade.

 

TURISMO

A Estrada do Chocolate, primeira estrada temática da Bahia, oferece opções de turismo rural na Fazenda Almada, Fazenda Capela Velha, Fazenda Riachuelo, Fazenda Provisão, Fazenda Ilha Bela, Fazenda Conduru-Dengo Origem Experience e Fazenda Independência. Na Rodovia Jorge Amado (Ilhéus-Itabuna), as opções são a Fazenda Yrerê e Colina Benevides Experiência.

 

:: LEIA MAIS »

Em noite de homenagens, personalidades e instituições recebem a Medalha 2 de Julho

A mais alta honraria do Estado foi concedida pelo

governador para 22 pessoas e entidades

A luta de personalidades e organizações pela garantia das liberdades públicas foi reconhecida nesta terça-feira (16), com a entrega da Medalha da Ordem 2 de Julho – Libertadores da Bahia. A mais alta honraria do Estado faz parte das comemorações pelos 201 anos da Independência do Brasil na Bahia, celebrada no último dia 2. A cerimônia foi realizada no Museu de Arte Contemporânea, em Salvador, e contou com a presença do governador Jerônimo Rodrigues.

Durante a entrega das medalhas aos homenageados, o governador destacou a importância dos baianos reconhecerem os bons exemplos destas pessoas e organizações. “Eu espero que essa simbologia da medalha seja um reconhecimento às pessoas que de fato lutam e lutaram e resistem em momentos difíceis da vida, mas também que estimule a outros a reconhecerem nessas pessoas a oportunidade de continuar lutando”, destacou o governador, lembrando que a luta pela independência não é apenas da soberania do país, mas também está relacionada com a lua contra a homofobia, o preconceito racial, contra a fome e a pobreza.

Maria da Penha Maia Fernandes, cuja luta por justiça social originou a criação da Lei 11.340/2006, a Lei Maria da Penha, foi uma das personalidades condecoradas. A indicação para o mérito partiu da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), por ela ser um símbolo de luta contra as diversas violências de gênero que atingem milhares de mulheres e meninas em todo o mundo. “A luta de Maria da Penha é uma força que impulsiona todas nós mulheres no combate e enfretamento às violências de gênero. Sua trajetória culminou na criação da Lei, que representa uma conquista para todas nós. Ao concedê-la essa medalha, o Governo do Estado enaltece a bravura desta mulher extraordinária que merece todas as honrarias e reverências”, afirmou a titular da SPM, Elisangela Araújo.

:: LEIA MAIS »

Itacaré promove curso “ Boas Práticas para o Turismo de Observação de Baleias”

Será realizado no próximo dia 18, das 16 às 19 horas, no auditório do Ecoporan Resort, em Itacaré, o curso  “ Boas Práticas para o Turismo de Observação de Baleias”, que no dia 19 terá uma visita guiada às áreas onde os animais podem ser vistas.

 

 

O curso tem como público alvo o trade turístico, agências de viagens  e proprietários de barcos e lanchas que fazem passeios em alto mar, que receberão o Certificado de Participação.

A região de Itacaré é muito especial, especialmente devido à sua plataforma continental mais estreita, que proporciona uma geografia privilegiada para a observação de baleias tanto por terra quanto por mar.

 

O curso objetiva  discutir as boas práticas para o turismo de observação de baleias, destacando a importância dessa atividade para a economia local, a conscientização ambiental e a preservação da rica natureza de Itacaré, consolidando-o como um destino completo.

Entre os temas abordados estão “A Importância do Turismo de Observação de Baleias”, “ Como essa atividade contribui para a economia local”, “Conscientização ambiental e a preservação do ecossistema marinho” e “ Itacaré como um destino privilegiado pela sua rica biodiversidade”.

O curso terá palestrantes do Instituto Baleia Jubarte, Marinha do Brasil, Projeto Ciência é Minha Praia-Uesc, Secretaria do Meio Ambiente da Bahia-SEMA, e  Secretaria de Turismo de Itacaré.

“Este evento não apenas celebra a beleza natural de Itacaré, mas também promove práticas sustentáveis que ajudam a proteger e preservar nosso ecossistema marinho. Participe e contribua para um futuro mais consciente e sustentável”, destaca o secretário de Turismo de Itacaré.

 

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no link

https://forms.gle/bKoYevV8tehV2c8j9

(Fotos Divulgação Setur Itacaré)

Marcha para Jesus atrai 10 mil pessoas em Itacaré

A Marcha para Jesus 2024 em Itacaré foi um grande sucesso, reunindo mais de 10 mil pessoas de diversas cidades. O evento, realizado na Praça São Miguel, se tornou um divisor de águas para a comunidade, mostrando a força da fé e da fraternidade entre os participantes, reunidos em oração e louvor.

A principal atração da marcha foi a jovem cantora Maria Marçal, que encantou o público com um show emocionante e repleto de energia. Sua apresentação superou todas as expectativas, animando a multidão e elevando ainda mais o clima de adoração no evento. A conexão entre os artistas e os presentes foi incrível.

A realização da Marcha para Jesus foi organizada pelos pastores locais, que se dedicaram para proporcionar um evento de grande importância para a cidade. A Marcha contou também com a participação de diversos artistas locais, autoridades religiosas e a presença do prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio e da primeira Dama Ivonete Damasceno.





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia