WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

junho 2023
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  


:: 3/jun/2023 . 10:13

Luiz Viana Neto, TV Cabralia e um ´repirror´ em Ilhéus

dr luizDaniel Thame

dthameTV Cabrália, metade da década de 1990. Depois de implantar e consolidar a emissora como a imagem e a voz do Sul da Bahia, Nestor Amazonas partiu para encarar novos desafios. Ramiro Aquino ocupava a superintendência e eu comandava o departamento de Jornalismo.

 

A liberdade que o dono da emissora, o Dr. Luiz Viana Neto, que já partiu para a Eternidade, nos dava era tamanha que perdia-se o anunciante, tipo prefeitura ou supermercado, porque uma matéria-denuncia ia ao ar, para desespero do departamento comercial, então comandado por Rui Carvalho, hoje boss da RCM, uma das melhores agências de publicidade da Bahia.

 

No espectro político, a TV era quase um apêndice do PT e dos sindicatos, numa época em que PT e sindicatos não eram propriamente bem digeridos.

 

Mas o Dr. Luiz sabia disso e nunca partiu dele um único ato de censura.

 

Até um belo dia (sempre chega o belo dia,  e quase sempre prenuncio de tempestade), o Dr. Luiz convida Ramiro e a  mim para um ´rapirror´ no Hotel Jardim Atlântico, então o mais luxuoso de Ilhéus.

 

Uisque vai, uísque vem (eu odeio uísque, adoro é uma cachacinha, mas não ia fazer desfeita ao doutor Luiz), desce um camarão aqui, um peixinho ali. “Como vai a família?”, “O cacau ainda tem futuro?”, “O Rio Cachoeira está muito poluído?” e outras amenidades.

 

E  eu discretamente olho pra Ramiro como quem diz: “O Dr. Luiz não chamou a gente aqui pra comer e beber do bom e do melhor,  nem pra esse lenga-lenga”.

 

Não chamou  mesmo. Lá pelas tantas, as sutilezas foram jogadas ao mar.

 

Sem elevar o tom de voz, o Dr. Luiz se vira para mim e diz:

 

-Eu sei como você toca o jornalismo e  respeito suas posições políticas. Mas eu sou de direita e se você quiser continuar fazendo esse tipo de jornalismo compre uma televisão pra você.

 

Comprar uma televisão? Só se fosse um aparelho nas Casas Bahia (olha o jabazinho aí!) e ainda assim a perder de vista no  crediário.

 

Sejamos justos a esse extraordinário ser humano, que nem era tão de direita assim, mas um democrata conciliador que convivia bem com todas as tendências políticas.

 

O Dr. Luiz produziu uma frase de efeito, porque se dono ele era e as orientações eram claras, não foram poucas as vezes que essas ordens foram solenemente ignoradas e em vez de punição, recebi outra frase de efeito:

 

-Você tem um sério problema auditivo, só escuta o que é conveniente.

Em tempo: a TV Cabrália foi um divisor de águas na comunicação regional, mas até hoje o Dr. Luiz Viana Neto não teve o devido reconhecimento nessas quase plagas grapiunas.

 

Se eu tivesse comprado uma televisão…

As cores e luzes de Almira Reuter

 

Juraci Masiero Pozzobon

 

Almira2

Almira Reuter nasceu em 1946 em Nanuque no interior de Minas Gerais. Auto didata, expressionista, começou as suas criações artística em 1986. Almira Reuter trabalha suas criações focando se na trajetória de sua vida de sua terra natal e a sua vida no campo.

 

Almir 1Foi para o Mato Grosso, onde tudo começou com uma vida simples, mudou-se para Cárceres e depois para Cuiabá, onde se destacou como uma grande artista. No início fez trabalhos regionais matogrossenses, memórias de Cuyabá, Chapada dos Guimarães, Pantanal sua história com o fermento e o tempo, com o mesmo título lançou um livro de sua próprio autoria, onde tem abusado e registrados o seu tempo em telas.Hoje Almira Reuter reside em Salvador, cidade capital que escolheu para dar continuidade de sua vida artística, onde inova, trazendo as cores vibrantes e luz. Almira experimentou diversas técnicas e materiais, como em estopa, seda, chitão papel entre outras, também trabalhou na escultura.

almira3

Almira já participou de inúmeras exposições coletivas e individuais, tanto no Brasil como no exterior, a artista destacou-se com vários prêmios em salões, um dele da Funarte com o título “Obras primas” que contemplou uma exposição na Funarte em Brasília, Almira Reuter está sempre reinventando sem perder sua identidade, sendo fiel aos seus sentimentos.

——

juraci mazieroJuraci Masiero Pozzobon, Bacharel em Artes plásticas na UNIC – Cuiabá,

Graduada em Ensino da Arte pela FASIPE e Arte Terapia pela Cândido Mendes, RJ.

Doutoranda em Epistemologia e História da Ciência pela

Instituição Iesla/UNTREF – Buenos Aires, Argentina.

 

A Imprensa na Era da Inteligência Artificial: enfrentando desafios e preservando a Verdade

Andreyver Lima

 

Em meio a um mundo em constante transformação, a imprensa desempenha um papel fundamental em conectar o público com realidades distantes e complexas. Através de diversas mídias, jornalistas têm a responsabilidade de narrar os fatos de forma completa e precisa, criando consciência e promovendo um mundo melhor informado. Contudo, no contexto distópico em que vivemos, enfrentamos desafios ainda maiores, com a propagação de fake news, manipulação e pós-verdade.

Nesse cenário, a inteligência artificial surge como um fator adicional de complexidade e desafio para a imprensa. Com avanços tecnológicos rápidos, a disseminação de informações falsas pode ser potencializada, exigindo um olhar atento e crítico por parte dos jornalistas. A capacidade da inteligência artificial de criar conteúdo e disseminar informações suscita a necessidade de verificar, filtrar e contextualizar os dados para garantir a precisão e a confiabilidade das notícias.

Diante dessa realidade, a responsabilidade de transmitir informações precisas e verificadas torna-se ainda mais crucial. A luta contra as tendências negativas, como fake news, manipulação e pós-verdade, ganha uma dimensão ampliada. É fundamental que a imprensa continue na linha de frente, preservando a credibilidade e combatendo a desinformação. A busca pela verdade e pela informação de qualidade nunca foi tão importante como agora.

Neste Dia da Imprensa, é oportuno refletir sobre o papel essencial que a imprensa desempenha na sociedade e na defesa da verdade. Com os desafios da era da inteligência artificial, a missão dos jornalistas se torna ainda mais nobre e indispensável. Que a imprensa continue a desempenhar seu papel vital como guardiã da boa informação em meio às transformações e avanços tecnológicos.


Andreyver Lima  é jornalista, comentarista político, âncora do podcast Café iPolítica e editor do blog Seja Ilimitado.

O futebol elegante de Carlos Riela

Fluminense de Itabuna. Em pé. Luiz Carlos,Orlando Anabizu, Valdemir Chicão, Amilton, Ronaldo Dantas e Boquinha_ Agachados. Vanderlei (Teiú), Santinho, Jonga, Carlos Riela e Fernando Riela

Walmir Rosário

 

Essa é a minha opinião, quem achar que estou errado, que me corrija, mas não acredito que terei vozes discordantes, só se o distinto não gostar, ou sequer já assistiu a uma partida do bom futebol. É preciso que o atleta, para ser considerado um craque completo, tenha mais do que os cinco sentidos, quem sabe seis ou sete, além de uma ou duas especialidades e muito gosto pela bola.

Pra começo de conversa, o craque em questão deve ter em boa conta os cinco sentidos humanos, como a boa visão: ver de onde o jogo vem e pra onde deve ir; audição: escutar tudo o que os jogadores do seu time e os adversários conversam; olfato: sentir no vento o cheiro da bola e dos adversários; paladar: um dos mais importantes, pois tem que comer a bola, encará-la como se fosse um delicioso prato de comida em frente a um esfomeado; e o tato: saber como vem a bola e dar o efeito necessário para desviá-la do concorrente.

Mas o meu craque, que passarei a descrevê-lo agora, tem muito mais que isso, ultrapassa a simples ciência pelos gramados, bem sofríveis ou ruins, à época, é verdade, e ele conseguia pelo tipo de arrepio de sua pele, dominar a jogada; com equilíbrio, dominava a bola; e com a intuição despachava a pelota para o companheiro que sabia se colocar na área e marcar o gol.

Pelo que já noticiei, passamos por oito sentidos em uma só jogada e poderíamos enunciar mais com a ajuda da ciência. Mas vamos ficar por aqui, não sem antes de anunciar outra qualidade maior deste meu craque: O DNA. Basta verificar o sobrenome dele para finalizar alguma discussão que por ventura surja, mas não creio. Eu estou me referindo a Carlos Riela, que com os irmãos Fernando, Leto e Lua proporcionavam o espetáculo no Campo da Desportiva Itabunense, ou qualquer campo adversário.

:: LEIA MAIS »

Grupo Brasileiro forma sua primeira orientadora de motoristas

Letícia da Silva Correia recebeu o certificado de orientadora de motoristas das mãos do diretor Paulo Carletto

O Grupo Brasileiro  promoveu a certificação de nove motoristas que participaram do Programa de Treinamento Intensivo de Motoristas Orientadores e Instrutores, projeto pioneiro que tem como objetivo o desenvolvimento comportamental e a capacitação técnica de profissionais selecionados internamente.

Uma mulher integra a nova turma de orientadores, a motorista Letícia da Silva Correia, natural de Salvador, mãe de dois filhos, um garoto de 13 anos e uma adolescente de 18 anos. Ela iniciou a dirigir ônibus urbanos na capital do estado, no ano de 2007. Desde pequena era fissurada em carros e, hoje, ama a profissão que exerce. No Grupo Brasileiro ingressou em 2022, através da Cidade Sol, onde se sente muito bem acolhida e só tem elogios a fazer “uma empresa que abraça os funcionários e que realmente se preocupa com eles”.

A cerimônia de entrega dos certificados contou com a presença do diretor-executivo do Grupo Brasileiro, Paulo Carletto, da diretora da Unidade do SEST SENAT em Itabuna, Nácia Martins, do gerente da Unidade Rota Sul e Extremo Sul da Bahia, Vladimir Almeida, e do gerente da Unidade Cidade Sol Regional Salvador, Juscelino Peixoto. Estiveram presentes ainda, as coordenadoras de Recursos Humanos, Administrativa e de Suprimentos do GB, respectivamente, Jaciara Santos, Carina Vivas e Patrícia Zanotelli, consultoras, professores e instrutores.

:: LEIA MAIS »





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia