hanna thame fisioterapia animal
prefeitura ilheus livros do thame

Posts Tagged ‘Walter Pinheiro’

Walter Pinheiro empossa novos membros do Conselho Estadual de Educação da Bahia

pin 1

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, empossou os novos membros do Conselho Estadual de Educação da Bahia (CEE), nesta segunda-feira (23), durante sessão especial do CEE. A cerimônia foi realizada no auditório do Centro Estadual de Educação Profissional Empreende Bahia (CEEP), em Salvador. Foram empossadas a presidente Anatércia Ramos Contreiras, e a vice-presidente Mere Suely Oliveira, para o biênio (2018-2020), além dos conselheiros titulares e suplentes, que cumprirão o mandato de quatro anos (2018-2020).

Na ocasião, Pinheiro ressaltou a importância do Conselho e os desafios da gestão. “São membros que chegam com um nível de inserção e preparação sobre Educação Indígena, do Campo, Quilombola, representantes das secretarias municipais, da área da Educação Profissional, Educação Inclusiva e de todos os aspectos que vão norteando a nossa participação em um Conselho a partir do que a gente pode elaborar para esse novo perfil da Educação e, portanto, preparando o Conselho para a gente caminhar de forma acelerada nessa transformação pedagógica e que nós precisamos levar para as escolas. O Conselho pode nos ajudar muito nisso e eu espero que os novos conselheiros estejam completamente imbuídos nessa tarefa”, destacou.

Read the rest of this entry »

Pinheiro decide permanecer na Secretaria da Educação

Transformaê no Colegio Elisabeth Veloso 324O secretário da Educação do Estado e senador licenciado, Walter Pinheiro, decidiu permanecer na pasta onde assumiu em junho de 2016 a convite do governador Rui Costa. Pinheiro teria até este sábado (7) para se desincompatibilizar do cargo caso viesse a concorrer às eleições de 2018, mas afirmou, nesta sexta-feira (6), que ficará à frente da Secretaria da Educação do Estado para continuar contribuindo com a gestão do governador no âmbito da Educação.

 

Pinheiro falou sobre a decisão e agradeceu a todos que contribuíram para a sua vida parlamentar, destacando o papel da família e dos eleitores que acreditaram nele, conduzindo-o a quatro mandatos como deputado federal e um como senador. Ele também destacou o diálogo e as vivencias que os quase dois anos de gestão à frente da Secretaria da Educação do Estado tem lhes proporcionado, a partir do convívio com gestores escolares, professores, estudantes e as família.

Read the rest of this entry »

Rui lança projeto e-Nova Educação em parceria com o Google

educacao 2O governador Rui Costa lança, às 9h desta quarta-feira (4), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), na capital, o projeto e-Nova Educação, em parceria com o Google. O projeto é inovador e levará as tecnologias digitais para a sala de aula, integrando acesso a internet de alta velocidade com os dispositivos móveis, dentro da proposta de propiciar a contextualização da Educação no Século XXI. A iniciativa também contempla formação de professores.

Para o secretário Walter Pinheiro, o e-Nova Educação é um marco na contextualização dos processos de ensino e aprendizagem na rede estadual. “É uma iniciativa estratégica que estamos implementando para fortalecer o eixo pedagógico das escolas, por meio de um conjunto de aplicativos de última geração, configurando uma rede social de conhecimentos que integra estudantes e professores à realidade do mundo em que vivemos. Esse projeto potencializa os processos de inovação nas escolas e contribui efetivamente na preparação dos estudantes para a vida e para o mundo do trabalho”, afirma

educação 1O lançamento do e-Nova terá a presença do principal executivo mundial do Google for Education, Bram Bout, bem como dos diretores para o Mercado Internacional, John Vamvakitis; para a América Latina, Rodrigo Pimentel; e para o Brasil, Alexandre Campos Silva.

Na fase piloto, o e-Nova Educação contemplou escolas de 11 municípios baianos (Salvador, Feira de Santana, Mata de São João, Camaçari, Lauro de Freitas, Jequié, Vitória da Conquista, Ilhéus, Itabuna, Senhor do Bonfim e Luís Eduardo Magalhães), englobando 20 escolas das mais variadas modalidades de ensino, desde Centros Noturnos de Educação até escolas regulares, passando também por Centros de Educação Profissional dentre outros. Nessa etapa foram adquiridos 300 Chromebooks para utilização no teste e em processos de formação.

Segundo o coordenador-geral de Articulação de Projetos para a Educação da Secretaria da Educação do Estado, Rogério Quintella, a meta é chegar a 500 unidades escolares até o início do segundo semestre de 2018, já tendo sido adquiridos 14 mil Chromebooks a serem distribuídos entre estas escolas.

Formação

No final de 2017, na etapa piloto, foram formados cerca de 650 educadores, 130 dos quais tentaram e tiveram sucesso na obtenção da certificação internacional. “Nesta semana, já superada a fase de projeto piloto, temos 24 mil professores concluindo o primeiro dos dois módulos que compõem a formação inicial para o uso pedagógico dessas tecnologias educacionais, sob a responsabilidade da Ufba, em parceria com o Instituto Paramitas”, explica Quintella.

Escolas estaduais não serão municipalizadas em 2018

O deputado Rosemberg Pinto (PT) foi o responsável pela interlocução entre diretores, professores, integrantes do Núcleo Territorial de Educação (NTE-5) e o secretário Estadual de Educação, Walter Pinheiro, na reunião para discutir a municipalização de escolas de cidades do sul baiano e do médio sudoeste. Para Rosemberg, a reunião foi muito proveitosa, mas pontuou que faltou comunicação da secretaria de Educação para com o NTE e destacou que a pasta precisa permitir uma maior participação do Núcleo em suas decisões.

berg
É lógico que divergências de opiniões existem e sempre vão existir. Às vezes, quando a gente cobra determinados posicionamentos, nós estamos cobrando pensando na sociedade e no governo, que é o governo que eu ajudei a eleger e quero que ele faça o melhor pela população. A conversa com o secretário foi boa e desmistificou a ideia de dar municipalização a qualquer custo. O ano de 2018 não haverá mais nenhum processo de municipalização de escolas, principalmente nas cidades de Itabuna e Ilhéus. É lógico que a transferência do ensino fundamental para os municípios é uma decisão que o Estado tem que cumprir até o ano de 2020”, afirmou o parlamentar petista.

 

 

A atuação do deputado Rosemberg foi parabenizado por diversos integrantes presentes no evento. ”Rosemberg se mostra otimizando as nossas ações de luta”, comemorou Rita Fonseca, professora do Colégio Estadual Estado do Ceará, em Ilhéus. Para Josefina Castro, diretora do (NTE-5), “a intermediação do deputado foi fundamental porque deu a direção no sentido de dar sugestões de como poderá ocorrer esse processo do planejamento porque a gente percebeu esse lapso da secretaria com o núcleo”. Robson Pinto de Souza, um dos coordenadores do (NTE-5), resumiu Rosemberg como o melhor parlamentar defensor das causas envolvendo a educação na Bahia. Agora, o processo de municipalização das escolas ficará apenas na fase do planejamento e só deverá ser retomado em 2019, devendo ser concluído no ano seguinte, quando encerra o prazo imposto pela lei.

Experiências estudantis marcam aula inaugural da rede de ensino do Estado

Programa de Abertura do Ano Letivo/Aula Inaugural Foto: Elói Corrêa/;GOVBA

Música, artes, cultura, ciência, tecnologia e um pouco de cada atividade realizada pelos alunos da rede estadual de ensino no ano anterior, marcou o Programa de Abertura do Ano Letivo, realizado pela Secretaria da Educação do Estado, nesta quarta-feira (21), no auditório do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Escola Parque, no bairro da Caixa D’Água, em Salvador. Com a diretriz ‘Contextualizada nos Territórios de Identidade, Conectada com o Século XXI’, o evento teve a presença do secretário Walter Pinheiro.

Programa de Abertura do Ano Letivo/Aula Inaugural Na foto: Walter Penheiro, Secretário de Educação do Estado Foto: Elói Corrêa/;GOVBA

“É um dia muito especial em toda a rede, não só pelas boas-vindas, como pelas boas notícias. A rede começa a experimentar algumas práticas pedagógicas que foram colhidas ao longo de 2017 em um diálogo com gestores, professores, o debate envolvendo a nova base curricular e a própria reestruturação do método pedagógico, a chegada dos novos coordenadores, o concurso que agora se inicia no dia 25 de fevereiro, a chegada da internet nas escolas, a transformação do ponto de vista da formação continuada para os nossos professores”, disse Pinheiro, entre outras práticas da gestão.

Programa de Abertura do Ano Letivo/Aula Inaugural Foto: Elói Corrêa/;GOVBAA aula homenageou alguns estudantes que se destacaram no ano passado e também a dupla Dodô e Osmar, inventores do trio elétrico e da guitarra baiana. Os Irmãos Macedo, Armandinho, Aroldo e André se apresentaram para os estudantes, pais, professores e coordenadores. “A gente fica muito honrado em estar participando. A educação é tudo. Eu me lembro que, na época da gente, não tinha música nas escolas, e hoje tem. Isso é muito bom para a formação de uma geração que vem”, afirmou Aroldo.

As aulas na rede estadual começaram na segunda-feira (19) em 1.251 unidades escolares. Em 2018, já foram matriculados mais de 807 mil alunos, nos 417 municípios baianos. (fotos: Eloi Correia/GOVBA)

Jornada Pedagógica reforça planejamento coletivo para o fortalecimento das escolas estaduais

06.07_Jornada Pedagógica_NTE 8_15Depois de três dias de discussões em torno da Jornada Pedagógica 2018, os professores, coordenadores e gestores das unidades escolares da rede estadual de ensino já vivem a expectativa do início das aulas no próximo dia 19 de fevereiro. Em Salvador e no interior, os educadores participaram ativamente da Jornada Pedagógica, de segunda até esta quarta-feira (7), e realizaram o planejamento do ano letivo a partir do tema: “Aprendizagens e Territórios: Novos Rumos para a Educação do Século 21”. No mês de julho, uma nova etapa da Jornada Pedagógica acontecerá para avaliação, monitoramento e novas construções coletivas direcionadas ao segundo semestre.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, que participou da jornada, ressalta que o envolvimento dos professores, coordenadores pedagógicos, dos gestores, técnicos e até das famílias na Jornada Pedagógica em todas as escolas da rede estadual reflete o novo momento da Educação na Bahia. “Estamos fortalecendo o eixo pedagógico das escolas e ofertando novos cursos, inclusive de curta duração, além de um novo perfil de oferta da Educação Profissional e Tecnológica, com o tempo reduzido de quatro para três anos. São ações para dinamizar o ensino e tornar mais atrativo o aprendizado dos estudantes, inclusive potencializando os projetos inovadores de iniciação científica, o ensino das artes com o teatro, música, audiovisual, artes visuais e o empreendedorismo”, afirmou, ao destacar que “esta mobilização da Jornada Pedagógica fortalece o projeto educacional de cada unidade escolar e prepara o ano letivo, considerando, também, o que foi realizado em 2017, sendo que teremos a segunda etapa da Jornada Pedagógica no meio do ano, prática que implantamos no ano passado”, destaca Pinheiro.

 

Read the rest of this entry »

Governo do Estado inaugura Fábrica-Escola de Chocolate e projeto Escolas Culturais em Gandu

ginc 2Nesta sexta-feira (6/10), o governador da Bahia, Rui Costa, acompanhado pelo secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, inaugura, às 9h, a Fábrica-Escola de Chocolate, no Centro Territorial de Educação Profissional do Baixo Sul (CETEP), no Lago Azul, às margens da BR-101. No período da tarde, às 14h, na mesma unidade de ensino, será lançado o projeto Escolas Culturais, que propõe fortalecer e dinamizar o ambiente escolar, potencializando os projetos artísticos e culturais  e promovendo a integração da escola com a comunidade trazendo o pertencimento e fomentando a valorização da cultura local.

“A inauguração da Fábrica-Escola de Chocolate marca as novas ações do Estado para contribuir no processo do ensino-aprendizado dos estudantes da Educação Profissional através de aulas práticas, no desenvolvimento de projetos de pesquisa, intervenção sociais, na capitação de certificação de trabalhadores e na incubação, pré-incubação e aceleração de empreendimentos”, destaca o secretário da Educação, Walter Pinheiro. A proposta é inaugurar novas fábricas em Arataca, que funcionará no CEEP da Floresta do Cacau e do Chocolate Milton Santos, em Ipiaú, no CETEP do Médio Rio das Contas e em Ilhéus, no CEEP do Chocolate Nelson Schaun.

Ainda no CETEP Baixo Sul, em Gandu, nesta sexta, será implantado o projeto Escolas Culturais que visa a integração entre a escola e a comunidade, promovendo o intercâmbio entre as diversas áreas artísticas e culturais. O objetivo é promover a implementação do projeto em 85 escolas públicas da rede estadual, em 85 municípios, nos 27 Territórios de Identidade da Bahia, em parceria com as Secretarias da Cultura, de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social e Casa Civil. Já foram inauguradas as Escolas Culturais nas unidades dos Colégios Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna e Juazeiro. O lançamento do projeto Escolas Culturais vai contar na programação com apresentações de música, dança, teatro, artes literárias e audiovisual, desenvolvidos pelos estudantes nas escolas da rede estadual.

Começam as aulas de curso técnico em agroecologia pelo regime de alternância

2017-10-02-PHOTO-00000039A Secretaria da Educação do Estado realizou a aula inaugural do novo curso técnico de nível médio em agroecologia, que funcionará em regime de alternância. Com a presença de gestores e professores, a ação aconteceu simultaneamente nos locais de funcionamento do curso, nos Centros Estaduais e Territoriais de Educação Profissional (Ceep e Cetep), localizados nos municípios de Arataca, Ipiaú e Wagner.

Neste primeiro momento, o curso beneficia 70 estudantes em cada município, dentre eles, integrantes de povos e comunidades tradicionais, como pescadores, marisqueiras e povos do campo. Os estudantes terão orientação qualificada de professores.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, explica que pelo regime de alternância, os estudantes ficarão 15 dias imersos nas atividades teóricas e práticas do curso e 15 dias voltarão para suas rotinas nas comunidades de origem. “O Estado criou todas as condições para implantar o regime de alternância, arcando com os custos de alimentação, hospedagem e deslocamento dos estudantes, na sua maioria vindos da zona rural”, afirma.

A estudante Natiene Souza Evangelista, 22 anos, moradora da zona rural da cidade de Bonito, é uma das beneficiadas pela nova oferta. Ela integra a turma do curso ofertado no Cetep da Chapada Diamantina, em Wagner. “Gosto muito dessa área e o curso vai me proporcionar mais conhecimento para poder ajudar a minha mãe, que é agricultora familiar, no desenvolvimento das atividades na nossa propriedade onde cultivamos café e mandioca”, revela.

Tudo pronto para a Virada Educacional Bahia nas escolas estaduais

virada 1Arte, cultura, esporte, intervenções sociais, inovação, empreendedorismo e mostra de experimentos científicos estão entre as ações que irão marcar, nesta quinta (21), a segunda edição do #TransformaÊ – Virada Educacional Bahia. Tanto nas escolas como nos Centros de Educação Profissional, estudantes, professores, gestores e funcionários estão prontos para a apresentação dos projetos, que estão sendo desenvolvidos durante o ano letivo de 2017. Serão 12 horas de atividades simultâneas, abertas para a participação da comunidade e das famílias.

Em  Ilhéus, no Sul da Bahia,  o Colégio Estadual Fábio Araripe vai contar com diversas apresentações culturais e artísticas, além de palestras, oficinas e a culminância do projeto #GrafitaÊ. “Nossa programação vai incluir muitas ações para os visitantes que comparecerem na unidade. Teremos a culminância do #GrafitaÊ que incluiu diversas oficinas prévias para o aperfeiçoamento técnico e conceitual dos estudantes. A novidade para essa segunda edição é que faremos a parte esportiva no dia seguinte, mobilizando toda a comunidade por dois dias seguidos”, explicou Astor Vieira, coordenador do Programa de Educação Integral (ProEI) da unidade.

virada 2O secretário da Educação, Walter Pinheiro, fala da importância das atividades para as unidades escolares. “Este é um momento em que a escola discute o ambiente de ensino e realiza transformações. Por isso, nessa ação, a Secretaria da Educação aproveita para apoiar e acompanhar as atividades com o objetivo de ouvir, perceber e sintonizar-se com a situação das escolas, para que trabalharemos para intensificar a melhora do eixo pedagógico, que consideramos o espírito da escola”, ressaltou.

Redijaê – Na virada educacional também será lançada a ação Redijaê, com a proposta de fazer com que os estudantes da 3º série do Ensino Médio escrevam, até duas redações, e cadastre os textos no ambiente virtual da Plataforma Anísio Teixeira, pelo endereço: colaborativus.pat.educacao.ba.gov.br. Os textos serão corrigidos e devolvidos aos estudantes, como mais uma forma de auxiliar na preparação para a redação do ENEM.

Saiba mais sobre o #TransformaÊ no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br)

 

Pinheiro busca atrair parcerias na Alemanha para a área da Educação

pinO secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, tem cumprido agenda na Alemanha, onde tem negociado acordos de cooperação com focos na Educação e na Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) na área de energia solar. Ontem (07), Pinheiro visitou o Instituto de Tecnologia de Karlsruhe (KIT), universidade técnica estatal da Alemanha, localizada na cidade de Karlsruhe e mantida pelo estado de Baden-Württemberg.

Os convênios Bahia/Alemanha vão envolver assuntos como modelo de escolas, diretrizes de Educação Profissional, formação continuada, intercâmbio educacional e cultural, além de troca de experiências. “Esses convênios vão, necessariamente, envolver o Sistema S, com base no que já iniciamos na Bahia, com foco no empreendedorismo, Startup, novas práticas, cursos de curta duração e abertura de novas frentes vinculadas à demanda e perfil regional”, disse Pinheiro, ao completar que a ideia é centrar no modelo de escolas públicas com foco nas áreas das energias renováveis, porém adotando experiências em outras áreas.

Antes de visitar o KIT, o secretário se reuniu na Câmara de Comércio e Indústria  (Die Industrie- und Handelskammer Karlsruhe – IHK) com o secretário de finanças de Karlsruhe, Ragnar Watteroth, e  com o Dr. Udo Götschel, gestor de Comércio exterior e infra-estrutura da IHK, também para estabelecer parcerias na área da Educação. Na quarta-feira (06), Pinheiro esteve no Instituto Fraunhofer para Sistemas de Energia Solar (ISE), na cidade de Freiburg, onde negociou uma cooperação técnico-científica-educacional entre a Secretaria da Educação do Estado, o instituto alemão e o Senai/Cimatec da Bahia, com foco na energia solar. “A reunião foi excelente e acertamos uma troca de protocolos até o final de setembro, quando, após essa data, técnicos da Secretaria da Educação, do Cimatec e do Instituto Fraunhofer vão elaborar a proposta de Cooperação Técnico- Científica-Educacional”, destacou o Secretário.

TOPA: Primeiro dia de aula emociona idosas que sonham com a alfabetização

topa 2Sabe aquele momento que uma pessoa nunca mais vai esquecer? Assim foi a primeira aula para a dona de casa Anatília Freitas, na noite de segunda-feira (7). Só agora, aos 79 anos, ela entrou na escola para ser alfabetizada pelo Programa Todos pela Alfabetização (Topa), que já beneficiou 1,5 milhões de baianos. Dona Anatília vai estudar no Centro Estadual de Educação Profissional em Logística e Transporte Luís Pinto de Carvalho, no bairro do São Caetano, unidade da rede estadual de ensino em Salvador.

“Eu vou realizar o meu sonho de aprender a ler e a escrever, de poder falar bem, de me comunicar e entender melhor o que as pessoas falam”, comenta, sem disfarçar a emoção pelo momento. Com a sabedoria dos seus 79 anos, dona Anatília não quer pensar no passado, na exclusão e na falta de oportunidade de estudar que marcou a vida, na época que morava na zona rural e muito distante da escola. Otimista, ela fala: “Tudo tem o tempo certo e agora chegou a minha vez”, comemora.

Dona Renilda Barbosa dos Santos, 66 anos, diz que dedicou a vida aos filhos. Agora, realizada como mãe, ela busca outra realização. “Eu casei muito cedo e tive dez filhos. Agora, meus filhos estão todos crescidos e formados e eu estou tendo a oportunidade de estudar. Estou me sentindo como voltar a ser criança e vou curtir cada momento com meu caderno e a caneta nas mãos”, sorri.

Read the rest of this entry »

Universitários beneficiados pelo Partiu Estágio ingressam nas escolas e no NTE de Itabuna

 

Os estudantes universitários beneficiários pelo Programa Partiu Estágio, do Governo do Estado, já começaram a estagiar nas escolas estaduais e nos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). Desde o lançamento do projeto, em abril deste ano, já foram convocados mais de 4 mil jovens para estagiar no serviço público em toda a Bahia. O Núcleo de Itabuna (NTE 05) recebeu seis universitários, que já foram designados para os seus locais de estágio.

Diego (1)Para o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, “o Programa Partiu Estágio se integra a uma política de governo que gera oportunidades para os jovens baianos, assim como os programas Primeiro Emprego e o Mais Futuro. Portanto, são políticas públicas que comprovam a prioridade que o Governo do Estado vem dando para apoiar a formação profissional e a inserção destes jovens no mundo do trabalho”, afirmou.

Diego Ferreira, 27, que cursa Ciências Contábeis na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), já está atuando no NTE de Itabuna, no setor de prestação de contas. “O aprendizado prático na área pública servirá de complemento para o suporte teórico que a universidade oferece”, afirma, entusiasmado.

Mirrailly (1)Mirrailly Jordan Costa, 25, que cursa Direito na Unime, também está estagiando no NTE 05, no setor de sindicância. “Iniciei o estágio segunda-feira e estou muito empolgado porque vou ter experiência com análises de processos e a bagagem adquirida já vai ser útil no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), para o qual estou me preparando”, explica.

Na  quinta-feira foi o primeiro dia de estágio de Kaliane Santos Araújo, 25, que cursa Administração na Unime, em Itabuna. Ela vai aturar por um ano no setor administrativo do Complexo Integrado de Educação (CIE), antigo Colégio Amélia Amado. “Estou muito feliz por conseguir esta vaga porque vou saber como funciona a administração de uma unidade escolar”, afirma, contente com a oportunidade.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
abril 2018
D S T Q Q S S
« mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930