hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Sul da Bahia’

 

“A crise da lavoura  cacaueira se equivale a uma guerra. E nós somos o lado que perdeu a guerra”

 

Juvenal Maynart, superintendente da Ceplac, que ainda assim é um otimista, adepto da filosofia de que pesquisa, educação, união e muito, muito trabalho, podem gerar um novo ciclo de desenvolvimento no Sul da Bahia.

 

 

MIAU…

o gato não olha o próprio rabo

 

 

 

A julgar pelo “currículo” de algumas pessoas que estão à frente de algumas dessas marchas contra a corrupção no Sul da Bahia é o caso de se concluir que botaram o gato pra vigiar o aquário.

Vai sobrar para o peixe.

O lambarizinho, bem entendido…

 

 

“171” USAVA NOME DA POLICIA PARA ARRECADAR DINHEIRO

as cartelas tinham o nome da PRF, mas era golpe

Um homem que usava o nome da Polícia Rodoviária Federal para arrecadação de dinheiro foi preso em flagrante.Há cerca de um ano e meio, esse tipo de golpe foi aplicado no Sul da Bahia e desde então, a PRF vem investigando a quadrilha. Após denúncias e investigações, os policiais constataram que o acusado de 35 anos, natural de Ipubi-PE, estava aplicando um golpe vendendo cartelas de um suposto sorteio, a concorrer pela Loteria Federal em 17/12/2011, para cidadãos e comerciantes da cidade, em nome da Associação dos Policiais Rodoviários Federais de Itabuna. Com o acusado foram encontrados R$2.275,00 em dinheiro e cheques, cartelas que eram vendidas a R$100,00 cada e adesivos da Associação

Depois de ser flagrado no exato momento em que fazia mais uma venda, ele foi encaminhado para a Polícia Judiciária local, juntamente com os cupons do sorteio, aonde foi enquadrado na Lei das Contravenções Penais. O dinheiro arrecadado por ele foi devolvido às vítimas.

A  PRF orienta  que pessoas que tenham sido lesadas ou que venham ser procuradas entrem em contato para denunciá-los e alerta que a instituição não comercializa cupons para sorteios e cotas de patrocínio. O telefone do Núcleo de Comunicação Social da PRF/BA é o (71) 2101-2249, das 07:00 às 16:00 horas. As denúncias poderão ser feitas também através do telefone do Plantão PRF (24h) (71)2101-2201 e pelo 191.

Ilhéus sedia Congresso da Micro e Pequena Empresa

“Nos últimos 4 anos, cerca de 4 milhões de empregos foram gerados pelas micros e pequenas empresas. No mesmo período, as médias e grandes produziram apenas 700 mil novos postos de trabalho. Em virtude desses e de outros números, podemos afirmar com tranquilidade que o pequeno empresário e o pequeno agricultor, que segue colocando comida na mesa dos brasileiros, movem este país”. A declaração foi feita pelo secretário municipal de Governo, Alisson Mendonça, durante a manhã desta sexta-feira (21) na solenidade de abertura do II Congresso do Norte e Nordeste da Micro e Pequena Empresa e do Empreendedor Individual, evento que aconteceu no Centro de Convenções Luis Eduardo Magalhães, na avenida Soares Lopes, em Ilhéus.

 Representando o prefeito Newton Lima, o secretário de Governo chamou atenção para a importância dos trabalhadores informais do município buscarem a formalidade com vistas à aquisição de benefícios variados, como o crédito, e de inúmeros direitos, como a aposentadoria. “Para isso, quando eu ainda era secretário de Indústria, Comércio e Planejamento, criamos um espaço para atender, única e exclusivamente, as pessoas que querem tornar-se empreendedoras individuais. Ao todo, já possuímos 2.500 formalizadas e registradas no Portal do Empreendedor”, completou Mendonça.

 A solenidade de abertura do II Congresso do Norte e Nordeste da Micro e Pequena Empresa e do Empreendedor Individual contou com a presença de inúmeras outras autoridades e personalidades ligadas ao setor. Entre elas, Valdir Ribeiro, anfitrião e presidente da Ampesba (Associação das Micro e Pequenas Empresas do Estado da Bahia), Ercílio Santinoni, presidente do Monampe (Movimento Nacional das Micro e Pequenas Empresas), deputado estadual Rosemberg Pinto, Carlos Leahy, secretário de Indústria, Comércio e Turismo de Itabuna, Renato Lisboa, diretor regional do Sebrae, Helder Falk, diretor de Negócios do Desembahia e Marcus Vinícius, da Caixa Econômica Federal, além de dirigentes, empresários, técnicos, políticos e estudantes.

 

O cacau e o chocolate da Bahia vão brilhar em Paris

do Sul da Bahia para o mundo

O secretário estadual da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, produtores de cacau e chocolateiros da Bahia, seguem nesta terça-feira, (18), para a França, para preparar a chegada do governador Jaques Wagner no Salon du Chocolat de Paris, evento internacional que no próximo ano será realizado na Bahia, na primeira semana de julho.

A participação do Estado “será um momento histórico, quando estaremos promovendo eventos para divulgar e convidar os maiores chocolateiros do mundo para participar da primeira versão do Salon num país produtor”, disse o secretário.Bem no centro do local do evento, a Bahia terá um estande com 80m², ao lado do palco principal, onde vai reunir os produtores e chocolateiros da Bahia. Eles vão demonstrar que o estado que tem o melhor cacau, premiado em concurso do Salon, no ano passado, pode produzir também o melhor chocolate do mundo.

O estande terá uma área para exposição e comercialização do chocolate produzido no Estado. Coordenado pela Associação dos Produtores de Cacau (APC) e Instituto Cabruca, com execução da M21/ MVU Empreendimentos, em parceria com o governo da Bahia, através da Secretaria da Agricultura, Setur e Sedir, além da Ceplac e Ministério da Agricultura, o estande terá a participação de mais de dez marcas de chocolates finos da Bahia, além da presença de fazendas produtoras de cacau, cooperativas diversas, projetos de agricultores familiares, e rodadas de negócios. 

 De acordo com Henrique Almeida, presidente da APC, a participação da Bahia é uma grande oportunidade de promover a qualidade do cacau produzido no Estado num dos maiores eventos de chocolate do mundo, demonstrando ao mercado internacional que o Brasil e a Bahia estão avançando na organização para a produção de cacau fino, com a indicação geográfica e do padrão de qualidade para o cacau baiano

Geraldo Simões destaca EIA-RIMA para consolidação do Porto Sul

Geraldo Simões

Em pronunciamento no Congresso Nacional, o deputado federal Geraldo Simões (PT/BA) destacou que o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) publicou no Diário Oficial da União, o edital que oficializa o recebimento e aceite do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e do Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) do projeto Porto Sul. Agora, o próximo passo deste processo será a audiência pública relativa ao processo de licenciamento, que já está marcada para o dia 29 de outubro, a partir das 14 horas, no Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, em Ilhéus.

O Porto Sul será construído pelo governo baiano na região de Aritaguá, norte de Ilhéus. A configuração é de um moderno porto em mar aberto, com área de cais avançada, a2,5 quilômetrosda costa. Essa característica confere ao terminal portuário maior flexibilidade para a aproximação das embarcações e para a implantação de modernos equipamentos de carga e descarga, ocupando o mínimo da faixa da orla. O empreendimento terá um porto público, que será constituído por terminais para armazenamento e movimentação de cargas diversas, edificações administrativas e operacionais e Zona de Apoio Logístico (ZAL), e pelo Terminal de Uso Privativo (TUP), destinado à exportação de minério de ferro da Bahia Mineração (Bamin).

“Com todas estas ações, tanto o Governo Federal, como o Governo do Estado da Bahia estão tomando todas as medidas para acelerar a implantação do Porto Sul, garantindo que o meio ambiente seja afetado o mínimo possível e que as ações sejam realizadas da maneira mais democrática e transparente possível, ouvindo detalhadamente todos os setores da população, priorizando um desenvolvimento sustentável com justiça social”, finalizou o parlamentar.

INTERESSE PÚBLICO

 A Casa Civil do Governo da Bahia marcou uma reunião nesta quinta-feira (8) para apresentar o Relatório de Impacto Ambiental do projeto Porto Sul a sete prefeitos sul-baianos. Foram convidados os de Ilhéus, Itabuna, Uruçuca, Itajuípe, Barro Preto, Itacaré e Coaraci, mas somente dois prefeitos apareceram: Mário Alexandre, prefeito em exercício de Ilhéus, e Moacyr Leite, de Uruçuca.

O relatório é peça fundamental para garantir o inicio da obra, que juntamente com a Ferrovia Oeste Leste, permitirá que o Sul da Bahia  viva um novo ciclo de desenvolvimento.

Detalhe: todos haviam confirmado presença. (do Pimenta na Muqueca)

CARRO ROUBADO EM SÃO PAULO É ENCONTRADO NO SUL DA BAHIA

Policiais rodoviários federais da Delegacia de Itabuna, em conjunto com agentes da Polícia Civil de Gandu recuperaram na manhã desta
quinta-feira(08/09) mais um veículo roubado em São Paulo e utilizado no transporte irregular de passageiros na BR 101. Às 08h40m no km 355 da BR 101, os policiais civis abordaram o veículo VW/Kombi, placa DSH5741/SP conduzido por Elenildo Souza Santos, 33 anos, o qual apresentou um CRLV referente ao exercício 2010. Até então, nada de irregular havia sido encontrado, porém, o veículo foi encaminhado para o Posto da PRF de Gandu onde os policiais rodoviários federais constataram que apesar de estar licenciado no município de Bastos/SP, o documento apresentado tinha a chancela da Ciretran de Jacareí/SP. Ao realizar uma vistoria mais
minunciosa, foram constatados indícios de adulteração nas etiquetas de identificação e na numeração do chassi. Através de consulta pela numeração do motor, os policiais constataram que tratava-se de um veículo clonado, e que o veículo verdadeiro, de placa JJQ8235/SP, possui ocorrência de roubo na capital paulista datada em 04/03/2010.
Segundo Elenildo, o veículo lhefoi entregue a cerca de 6 meses atrás para que fosse utilizado no transporte remunerado de passageiros e todos os meses eram depositados R$500,00 na conta do suposto proprietário, o qual está sendo procuradopela polícia civil de Gandu. O condutor, o veículo e o documento foram encaminhados para a Depol local onde foi lavrado o flagrante.

Seagri distribui 490 mil alevinos de tilápia para municípios do Sul da Bahia

Eduardo Salles assina convenios
 

O município de Camacan, no Sul da Bahia,        que comemora o  50º aniversário de emancipação, ganhou ontem dois importantes presentes. O secretário estadual da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, assinou ordem de serviço para a recuperação da unidade de beneficiamento de pescado da cidade, e fez a entrega de 490 mil alevinos de tilápia para agricultores familiares de sete municípios da região, entre eles Camacan. Os demais são Arataca, Canavieiras, Jussari, Mascote, Pau Brasil e Santa Luzia, cada um com 70 mil. Os alevinos vão povoar barragens e aguadas.O objetivo da ação é dar sustentabilidade à piscicultura.

Os atos aconteceram no segundo dia de realização do projeto Seagri Itinerante, numa reunião que contou com a participação de mais de 300 pessoas, entre elas deputados estaduais, vereadores e prefeitos, lideranças políticas, empresariais e sindicais dos municípios do Território de Identidade Litoral Sul, além de representantes das cadeias produtivas da fruticultura, cacauicultura, café, bovinocultura de corte e de leite, apicultura, mandiocultura e piscicultura. O objetivo do encontro foi debater os problemas que afetam estas cadeias e as possíveis soluções.

Eduardo Salles explicou que a Seagri Itinerante tem o objetivo de aproximar o governo dos produtores, e verificar in loco as dificuldades de cada território. “Estamos aqui com a secretaria em peso para, em conjunto com os agricultores, com os elos das cadeias produtivas, buscarmos as soluções para os problemas detectados”, disse ele.

MELÔ DA LAVANDERIA

Voltando de Salvador pela BR 101, sintonizo a Ubatã FM, que dá pra ouvir com o som limpinho de Santo Antonio de Jesus até Itabuna.

       Eis que, em meio a comerciais de remédios (e bicho do pé a prevenção de enfarto), empreendimentos da região (mercados, farmácias, lojas de roupas e calçados, etc.) e videntes que prometem trazer de volta a pessoa amada e resolvem até questões de terras (atenção MST!), me deparo com muitos anúncios de festas, todas elas bancadas pelas prefeituras.

       Chama a atenção que quanto menor a cidade, maior é o tamanho da festa, com atrações que incluem grandes nomes do forró, pagode, axé, arroja e até cantores gospel. Tudo bancado pelos cofres públicos.

       Estaria tudo  muito bom, tudo muito bem se os moradores dessas cidades-festeiras não sofressem com a falta de saneamento básico, saúde precária, prédios escolares caindo aos pedaços e jovens lançados ao ócio e à tentação das drogas.

       Com a garantia do anonimato, um promotor de eventos que conhece bem o negócio, revelou a esse blog que em alguns casos (não são todos, vamos deixar bem claro, para não generalizar), a coisa funciona mais ou menos assim: você coloca um trio, uma banda ou um artista por 10 mil, assina uma nota de 30 mil e a diferença: bem, o que seria deste país sem o respeito as diferenças?

GRANDES OBRAS!!!

esse prefeito é tão bonzinho

Prefeito de uma pequena cidade do Sul da Bahia alardeia, com direito a veiculação de propaganda numa radio de grande alcance regional, as suas realizações.

Entre elas a aquisição de um ônibus-ecológico para transportar estudantes (o que seria isso, um buzu feito de garrafas pet?), implantação do Conselho de Assistência Social (uma obrigatoriedade, para receber recursos federais) e, acreditem, a criação do Dia do Gari.

Com todo o respeito à laboriosa turma da limpeza, é muita falta do que fazer ou do que mostrar.

Ou, as duas coisas juntas…

 

 

Pesquisa é base para turismo sustentável no Sul da Bahia

é lindo e precisa ser conservado

 
 O turismo na cidade de Ilhéus, sul da Bahia, passa a planejar um novo momento a partir deste mês de agosto de 2011. No dia 29, entra em campo a equipe de pesquisadores escalada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) para realizar o Inventário Turístico e Análise da Sustentabilidade Local, um levantamento minucioso e inédito, que representa para o turismo ilheense conhecer exatamente suas demandas, carências e desafios. Significa também a possibilidade de construir um banco de dados fundamental para apontar o caminho que leve ao fortalecimento do setor, ampliando o seu

A pesquisa em Ilhéus começa pela área central e em seguida as informações serão apuradas nas zonas sul e norte da cidade. Depois, o levantamento ocorrerá em Itacaré e Uruçuca (no distrito de Serra Grande). O levantamento inclui informações oficiais em repartições públicas do município, chega no próximo dia 29 aos hotéis, pousadas, restaurantes, espaços de eventos e outros equipamentos e serviços relacionados com o turismo. O Inventário inclui ainda informações sobre a área ambiental e atividades culturais.

O Inventário é fruto de uma parceria da Uesc com a empresa Bahia Mineração (Bamin), que aguarda licença para construir um Terminal de Uso Privativo dentro do Porto Sul,em Ilhéus. Essaestrutura servirá para o escoamento da produção de minério de ferro de uma jazida situada na região de Caetité, com início das operações previsto para 2014.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930