hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Sul da Bahia’

Museu das Cadeiras Brasileiras é inaugurado em Belmonte

Fernando Mendes, 2010 - Morito Ebine, 2010 - Juliana Vasconcellos, 2018

A cidade de Belmonte,  no litoral sul da Bahia,  conhecida como a terra do cacau, acaba de ganhar o primeiro museu totalmente dedicado à cadeira. O Museu das Cadeiras Brasileiras é um projeto do designer Zanine de Zanine, filho de Zanini Caldas, artista belmontense e um dos principais representantes do modernismo brasileiro no design de móveis, do empresário do ramo da construção civil, Daniel Katz, e da Secretaria de Cultura e Turismo de Belmonte.

Museu das Cadeiras Brasileiras_fachadaO espaço traz a história desse móvel e seu papel social, além de ser inspiração para profissionais do design. “A cadeira tem um papel icônico na profissão do designer, especialmente por transitar com muita fluidez entre a usabilidade e a possibilidade de ser um ícone peculiar, transformando o ambiente em que está inserida”, comenta Zanini de Zanini.

O endereço para sediar o museu foi cedido pelo empresário mineiro Daniel Katz. No local, uma casa branca com arquitetura histórica, localizada no centro da cidade, funcionava o escritório comercial da Katz Construções, empresa do setor de construção civil de alto padrão, que possui empreendimentos em Belmonte e Santo André.

Museu das Cadeiras Brasileiras“O Zanini e eu começamos a idealizar um projeto que uniria a cultura de Belmonte à importância do design brasileiro. O Museu das Cadeiras é único e reúne um acervo de referência no ramo. Além de ser uma oportunidade para mostrar o quanto essa cidade é cheia de boas surpresas. A cada nova visita, uma descoberta de sua importância para a região”, conta Daniel.

O responsável pela organização do acervo de cadeiras, que estão expostas no Museu, é Christian Larsen, curador do The Metropolitan Museum of Art de Nova York. “Esse é outro ponto que reforça a importância e o reconhecimento do projeto para a valorização da cultura nacional e sua visibilidade, a nível internacional, especialmente para a rica herança cultural que Belmonte carrega”, explica Zanini.

Read the rest of this entry »

Sesab garante que Hospital Costa do Cacau mantém atendimento

DCIM/100MEDIA/DJI_0007.JPG

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia esclarece que o Hospital Regional da Costa do Cacau (HRCC), que é administrado pelo Instituto Gerir, encontra-se com o atendimento normal, seja em nível ambulatorial ou emergência. Na oportunidade, informamos que são realizados pagamentos regulares e consecutivos a todos os fornecedores, sendo o último efetuado em 11 de dezembro de 2018, no montante de R$ 5,328 milhões ao Instituto Gerir.

Cabe ressaltar que a unidade encontra-se em fase de transição para que uma nova Organização Social assuma a gestão da unidade pelos próximos 60 meses. A divulgação do vencedor foi publicada no Diário Oficial de 5 de janeiro de 2019.

A invenção do Chocolate da Mata Atlântica

Gerson Marques

 gerson marquesFazer chocolates é uma atividade muito nova para nos do Sul da Bahia, o antigo modelo exportador de matéria prima, com base monocultural, ficou congelado por mais de um século, travando alternativas e oferecendo um certo conforto, que mais tarde se mostraria insustentável.

Neste sentido, existe um fator positivo com a crise da vassoura, como ensina os orientais, as crises são o fim e início ao mesmo tempo, depende de seu ponto de vista, ou como se comporta perante a adversidade.

A busca por alternativas que viabilizasse saídas para um quadro de insustentabilidade econômica da atividade agrícola do cacau, foi sem dúvidas o fator motivador e indutor para o surgimento da chocolataria no Sul da Bahia.

chocolate do sul da bahiaMas, como se faz chocolates? Está era a pergunta a ser respondida anos noventa, no mundo até então, prevalecia a escola Suíça, com forte tradição no chocolate ao leite, traduzido para o Brasil, em chocolates com baixo teor de cacau, baixa qualidade e muitos aditivos suspeitos, fidelizando consumidores de doces, com o nome chocolate entrando como fantasia.

A falta de tradição e conhecimento sobre a produção de chocolates, era uma dificuldade que parecia intransponível apontando para um mar de desafios pela frente.

Também nos anos noventa, surge na Califórnia-EUA, um movimento de inovação do chocolate, comandado por chefs de culinária que resolveram reinventar o chocolate com base na seleção de amêndoas de alta qualidade e diminuição ou eliminação do leite na fórmula de seus inventos, este movimento ficou logo conhecido como “been tô bar”, foram fundamentais no desenvolvimento de uma linha de máquinas e equipamentos, de pequeno porte que viabilizaria o surgimento da micro e pequena fábrica de chocolate, coisa impensável pouco tempo antes.

Read the rest of this entry »

Mais de 7 mil empreendimentos foram atendidos pelo Sebrae no Sul da Bahia

Claudiana Figueiredo

Claudiana Figueiredo

O Sebrae em Ilhéus, que agrega a região Sul da Bahia, atendeu 7.810 empreendimentos em 2018. Desse total, 5.280 são microempreendedores individuais, 2.184 são microempresas e 346 empresas de pequeno porte. A esse público, foram ofertados cursos, palestras e seminários com foco na melhoria dos pequenos negócios, que contou com atendimento feitos a distância nas plataformas de EAD, e-mail e telefone.

Segundo o gerente adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, um total de 2.547 pessoas procuraram a instituição, interessadas em montar o próprio negócio. No mês de setembro deste ano, a Receita Federal registrou 394 novos MEI na região Sul da Bahia, sendo 151 em Ilhéus, alcançando o total de 5.626 empreendedores, e 137 em Itabuna, com 9.142.

Ainda em 2018, o público atendido pela instituição participou de 179 eventos realizados na região, entre cursos, palestras, oficinas e seminários. O Sebrae ainda promoveu capacitações para o desenvolvimento de lideranças à nível regional, através do programa Líder, que resultou na criação da Agência de Desenvolvimento para agregar os iniciativas das instituições participantes, incluindo seis municípios da região: Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Uruçuca, Canavieiras e Una.

Junto a isso, o Sebrae promoveu o programa Liderar o Futuro, que marcou a formação de líderes engajados com o fortalecimento empresarial e da população de Itabuna. Para a gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo, “ter um processo de formação de lideranças nos faz acreditar que teremos movimentos favoráveis aos micro e pequenos negócios e de uma região com processos de desenvolvimento vinculados a estas novas competências”.

Sobre as ações realizadas em 2018, a gerente classifica como um resultado positivo no âmbito empresarial, considerando o cenário do país. Para 2019, Claudiana destaca que “o Sebrae vai trabalhar inovação, melhoria dos processos e fazer com que as empresas reinvistam nos seus negócios, visando obter um resultado positivo no próximo ano”.

Read the rest of this entry »

Canoístas de Itacaré conquistam 13 medalhas no Sul-Americano da Argentina

A delegação de Itacaré foi mais uma vez destaque no itacanoa, realizado neste final de semana na cidade de Enseada, Província de Buenos Aires, conquistando 13 medalhas na competição. A equipe que representou Itacaré na Argentina foi formada pelos atletas Luíza Lima, Evily Santos, Diego Araújo, Tânia Santos e Jack Goodman, sob a orientação do treinador Luiz Quadros.

No quadro de medalhas, o atleta Diego Araújo levou duas de ouro e uma de prata. Jack Goodman também conquistou duas medalhas de ouro e uma de prata. Evily Santos ficou com uma de ouro e outra de prata, Luiza Lima levou o bronze em sua categoria e Tânia Santos ficou com 5 medalhas de prata. Para os atletas, o evento foi mais uma oportunidade de participar de um evento onde estiveram presentes canoístas de diversos países, num momento de aprendizagem e confraternização, além de representar bem a cidade de Itacaré numa competição internacional.

Read the rest of this entry »

Desafios do Chocolate

Alcides Kruschewsky

alcidesGrandes desafios podem ser vencidos pela união de talentos e esforços. Com cada um fazendo a sua parte, chega-se aos objetivos. No nosso caso, poderíamos falar só dos problemas e dificuldades do nosso dia a dia. Isso é necessário, mas é também o mais fácil. Estamos estimulados com as perspectivas do turismo rural e com os passos largos do chocolate de origem do sul da Bahia. Esses serão pilares do turismo em Ilhéus, sem dúvida. Hoje já dão grande contribuição para o grau de satisfação dos nossos visitantes.

Quem viu essas propostas embrionárias, pouco acreditava que pudesse acontecer. E já é uma realidade. A “Floresta de Chocolate” parecia apenas um conto de fadas para quem assistia à difusão da ideia na fase de “gestação”. Hoje a sensação de apenas um sonho vai se afastando, ao passo que 70 marcas de chocolate de origem carimbam a nossa identidade, número que continua crescendo.

O Festival do Chocolate é um bom parâmetro dessa evolução em número e qualidade. Produtores oferecem ao mercado uma diversidade de derivados de cacau, cada vez maior e mais inusitada. Por isso, convido-os a imaginar essa mesma iniciativa semeada apenas entre os incrédulos e opacos, que se ocupam mais com as teses dos porquês do não daria certo, realçando sempre o que falta, os óbices e as deficiências.

chocolate do sul da bahiaCertamente Ilhéus e a região não teriam essa quantidade de produtores de chocolate, não teria os prêmios e destaque internacional para o cacau fino e chocolate de origem, nem os empregos e renda que em parte já foram resgatados. Com certeza ainda teríamos somente o Chocolate Caseiro Ilhéus, e isto graças a um visionário que não dava “bolas” para as “vozesinhas” que jogam tudo pra baixo. Se essas vozes prevalecessem não teríamos Mendoá, Sagarana, Yrerê, Haras Ilha Bela, Maltez, Policarpo, Tavares, Badaró, Capela Velha e a nova fábrica ICB, de chocolates finos, aqui no Iguape, alem de estrada e rotas do cacau e do chocolate em implantação, entre outros.

O mundo dos desafios não é para os fracos, para os pessimistas, para os que reclamam muito e trabalham pouco. Nem é para os que se ocupam apenas de se queixar e reclamar. O mundo dos grandes desafios é para aqueles que creem na capacidade de superação, no esforço comum e na criatividade. O mundo dos desafios exige mais foco no “o que cada um pode fazer” para somar, para juntar forças, conhecimento e espírito de nação, patriotismo. Os desafios e os sonhos caminham juntos. Só os que sonham realizam e vencem as dificuldades.

Read the rest of this entry »

Chuvas mantém Sul da Bahia em ´Alerta Máximo´

tempo

A Sala de Situação do Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Estado da Bahia (INEMA) informou que, para as próximas 24 horas, permanece a previsão de chuvas intensas, acompanhadas de trovoadas e rajadas de vento
.
Com essa condição, a situação é de Alerta Máximo para algumas localidades da faixa centroleste, que inclui municípios da Chapada Diamantina, Recôncavo e parte do Sul da Bahia. Para as demais regiões do Estado, a situação continua sendo de Atenção e Alerta.

Itacaré sedia o I Fórum de Culturas Populares e Identitárias

Itacaré 1Itacaré vai sediar o I Fórum de Culturas Populares e Identitárias e o Fórum de Agentes e Gestores Culturais Território Litoral Sul, nos dias 13 e 14 de dezembro, no Centro Cultural Porto de Trás. Durante os eventos serão realizados debates, reflexões, mesas redondas e apresentações da cultura popular. A realização é do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Itacaré, com o apoio da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura, Ser Mulher, Amurc e Universidade Estadual de Santa Cruz.

De acordo com a programação, o evento começa no dia 13 às 9 horas da manhã com a mostra cultural com artistas e grupos culturais de Itacaré, seguindo com diálogos entre os representantes da FAEG-Sul e parceiros e o lançamento do Cordel com a mestra Janete Lainha. Ao meio dia será a vez da Feijoada da Criola.

Read the rest of this entry »

Municípios sulbaianos seguem em alerta por causa das fortes chuvas

Coaraci

Coaraci

As fortes chuvas que vem atingindo a região Sul da Bahia, deixaram até o momento, um saldo de duas pessoas mortas e uma pessoa desaparecida, em Coaraci. Em outras localidades, como Itabuna, Ibicaraí e Itapé, os níveis de água dos rios e córregos elevaram, causando alagamentos e deixando muitas pessoas desabrigadas, principalmente a população ribeirinha. De acordo com informações obtidas pela Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano – Amurc, até o momento, os municípios de Coaraci e Ibicaraí vão decretar situação de emergência.

Segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura de Coaraci, foram confirmadas duas mortes e uma pessoa desaparecida desde a noite desta segunda-feira, 3, no distrito, em Itamotinga, que está alagado e deixou muitas pessoas desabrigadas. Ainda de acordo com informações, a prefeitura disponibilizou um ginásio, mas muitas pessoas permaneceram em suas casas ou foram para casa de parentes. Na sede do município aconteceram alagamentos, deslizamentos, levando a equipe da Defesa Civil a elaborarem um decreto de emergência.

Read the rest of this entry »

Estudantes do Sul da Bahia dão um show de talento em projetos de arte e cultura

face sul da bahia (4)

Os estudantes das escolas pertencentes ao Núcleo Territorial de Educação de Itabuna (NTE 05) deram um show de talento nas apresentações da etapa territorial dos projetos de Arte e Cultura realizadas nesta quarta-feira (28), no Centro de Convenções de Ilhéus. O evento, que reuniu um público de 1200 pessoas, foi marcado pelas performances vocais dos estudantes compositores das 15 canções finalistas do projeto Festival Anual da Canção Estudantil (FACE) e declamações de poemas e poesias do projeto Tempos de Arte Literária, além da premiação de todos os demais projetos que já foram aparentados, a exemplo do Artes Visuais Estudantis (AVE).

face sul da bahia (2)

A estudante Lara Ellen dos Santos, 17, 2º ano, que estuda no Colégio Estadual Anísio Loureiro, em Camacã, cantou a música ‘Elas por elas’, que retrata sobre empoderamento feminino. “Esta é a primeira vez que eu participo do FACE e poder cantar para um público grande como este é uma honra. Gosto muito deste projeto, pois canto desde os 12 anos e foi através dele que eu perdi a minha timidez”, revelou.

face sul da bahia (7)

Joémille Souza, 19, 3º ano, do Colégio Estadual Paulo Américo de Oliveira, localizado em Ilhéus, declamou a sua poesia ‘Coisa de preto’. “Fiz esse poema com base no comentário racista do jornalista William Waack. Trata-se de uma revolta transformada em poesia”, afirmou a estudante.

Sul da Bahia sedia meeting nacional de Retina e Vítreo

brams 1

Foi realizado no   Hotel Transamerica,  na Ilha de Comandatuba, no Sul da Bahia, o primeiro BRAMS (Brazilian Retina and Vitreous Society Medical & Surgical Case Meeting), um novo conceito de evento científico de alto padrão da Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo (SBRV).

brams 2

A primeira edição do BRAMS, teve como presidentes/coordenadores o Dr. Rafael Andrade, Diretor do Centro Avançado de Retina e Vítreo do Hospital de Olhos Beira Rio em Itabuna e coordenador do Mutirão do Diabetes, e o Dr. Luiz Lima, de São Paulo, um dos maiores  especialistas em Retina e Vítreo do Brasil.

brams 3

O BRAMS é um evento científico nacional onde são apresentados vários casos clínicos e cirúrgicos desafiadores de retina e vítreo de alto nível de dificuldade. “Além do intercâmbio de experiências clínicas, é também uma oportunidade de confraternização entre os oftalmologistas e seus familiares e é motivo de orgulho para o Sul da Bahia ter sediado a primeira edição”, afirma o Dr. Rafael Andrade.

Cafeteria de Piatã e Chocolateria do Sul da Bahia são destaques da Feira da Agricultura Familiar

Um cantinho aconchegante para uma boa prosa? Também temos! Os visitantes da 9ª Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária contam este ano com uma cafeteria e chocolateria, ambiente criado especialmente para os amantes de café e chocolate degustarem um produto de qualidade.choco

O evento acontece no Parque de Exposições de Salvador, em paralelo à 31ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro), até o domingo (02/12). No local, os visitantes encontram ainda mais de 2 mil produtos da agricultura familiar, distribuídos em 27 armazéns, representando os territórios de identidade da Bahia, Praça Indígena, Praça Quilombola, Praça de Artesanato, além da Praça Gastronômica, com variados pratos de 22 regiões do estado e uma vasta programação cultural, a partir das 16h.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
junho 2019
D S T Q Q S S
« mai    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30