hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Secretaria de Segurança Pública’

Polícia baiana apreende 2,2 mil armas

armasMais de 2,2 mil armas de fogo foram retiradas de circulação na Bahia no primeiro semestre deste ano, com uma média de 12 apreensões por dia. O trabalho foi realizado pelas polícias civil e militar. O número inclui revólveres, metralhadoras, submetralhadoras, fuzis, espingardas usadas em atividades ilegais no estado.

De acordo com informações da SSP, entre os armamentos mais apreendidos está o revólver calibre 38, com 1.021 unidades. Além disso, foram encontradas duas metralhadoras, 17 submetralhadoras, 11 escopetas, 8 fuzis, 6 carabinas e 769 espingardas.

Na relação de apreensões constam ainda 250 pistolas e 95 garruchas. Segundo o secretário Maurício Teles Barbosa, a apreensão dessas armas representa preservação de vidas. “Se considerarmos que cada arma de fogo dessas seria utilizada para cometer pelo menos um crime, temos que celebrar muito o trabalho das polícias”

Reconhecimento Facial é destaque no primeiro semestre de 2019

O sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública da Bahia foi destaque nacional e internacional no primeiro semestre de 2019. Nas cidades de Salvador e Feira de Santana a ferramenta tecnológica auxiliou na captura de 39 criminosos foragidos da Justiça ou descumprindo critérios de prisão domiciliar. Os balanços da tecnologia e das ocorrências policiais foram apresentados na manhã desta sexta-feira (9), pelo secretário Maurício Teles Barbosa, no Centro de Operações e Inteligência.

ssp facial (1)
Os criminosos foram flagrados por câmeras espalhadas nas estações de Metrô, Rodoviária, Aeroporto Internacional de Salvador, além das utilizadas em grandes eventos como o Carnaval, Micareta de Feiras e Copa América. “Somos pioneiros e nos orgulhamos da Bahia ser referência no Brasil. Estados das regiões Sudeste e Sul estão montando os seus sistemas de reconhecimento facial espelhados no nosso”, comemorou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, lembrando que até o início de agosto, a ferramenta alcançou a marca de 47 capturados.

ssp facial (2)
Ele acrescentou ainda que uma nova licitação está em curso para aquisições de mais câmeras. “Vamos avançar na Região Metropolitana de Salvador e nas maiores cidades do interior da Bahia, mantendo sempre o protocolo de apuração durante cada abordagem. Importante ressaltar que não tivemos erros, na Bahia, e isso graças à tranquilidade e preparo dos nossos policiais”, enfatizou Barbosa.

Estatísticas

Read the rest of this entry »

Eunápolis tem redução de 46% nos delitos contra a vida

Homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte apresentaram queda de 46% nos primeiros quatro meses de 2019, na comparação com o mesmo período do ano passado, na cidade de Eunápolis. Em números absolutos foram 14 casos a menos. No quesito feminicídio, o município continua sem registro. De acordo com o tenente-coronel Sandro Lopes, comandante da 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Eunapólis), representantes das forças de segurança estaduais, do Judiciário, do Ministério Público que atuam na cidade mantêm uma discussão constante, na busca pela ampliação do trabalho e, por consequência, reduzir os delitos.

35626068545_f92fd62fa6_b (1)

“Fizemos um grande São João e estamos preparados para promover o maior e mais seguro Pedrão dos últimos 13 anos”, garantiu o oficial, lembrando que o município é conhecido por fazer a maior festa de São Pedro da região. O titular da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorrpin/Eunápolis), delegado Moisés Nunes Damasceno, por sua vez, revelou que ações qualificadas tiraram de circulação os principais envolvidos em crimes contra a vida, culminando com o decréscimo nestes tipos de delito. “Identificamos e prendemos inúmeros homicidas. Só no ano passado foram cerca de 50 prisões na região”, enfatizou.

Feriado do São João termina sem registro de homicídios

O São João na Bahia, que este ano teve a festa iniciada ainda no dia 20 em alguns municípios, terminou sem registro de morte violenta. No período de 20 a 24 de junho também não houve tentativa de homicídio. A maior parte das ocorrências, como geralmente acontece em grandes eventos, refere-se a furtos, que este ano totalizaram 260 casos.  Trinta e nove pessoas foram presas em flagrante, quatro casos a mais do que o mesmo período do 2018. Outras 217 foram conduzidas para averiguação (165 pela Polícia Militar e 52 pela Polícia Civil), resultando na instauração de 29 inquéritos e 102 registros de termos circunstanciados.

1
As polícias também conseguiram tirar de circulação 11 armas brancas e quatro de fogo. Já o número de lesão corporal dolosa apresentou um acréscimo de oito casos, passando de 18 para 26. “O São João é uma das festas mais tradicionais do estado e a Polícia Militar se preparada para fazer com que baianos e turistas curtam na paz. O balanço do trabalho é positivo, sem dúvida”, afirmou o comandante de Operações Policiais da PM, coronel Humberto Sturaro. Já o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin) da Polícia Civil, delegado Flávio Gois, destacou o clima de paz nos municípios. “Se considerarmos a quantidade de pessoas e de municípios e o número de registro de crimes, percebemos que a porcentagem é bastante baixa e isso não é à toa. São muitos profissionais trabalhando de forma integrada para que tudo termine da paz”, concluiu.

Bahia utilizará Reconhecimento Facial nos jogos da Copa América

facialDestaque nos maiores eventos esportivos do mundo, a polícia baiana inova mais uma vez, na Copa América, com a estreia do sistema de Reconhecimento Facial em um torneio internacional. Disponível dentro e no entorno da Arena Fonte Nova, nas Estações de Metrô, Aeroporto e em pontos estratégicos, a tecnologia é mais uma aliada para a prevenção de crimes. Além das câmeras que permitem a identificação de pessoas procuradas, mais 190 aparelhos vão auxiliar o monitoramento no perímetro do evento.

À frente da tecnologia, mais de 11 mil profissionais vão garantir a segurança dentro e fora da Arena. Do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), policiais civis, militares, técnicos e bombeiros, além de representantes de forças federais e municipais, defesa civil e saúde, têm acesso às imagens da festa, facilitando o acionamento das instituições em casos de emergência. No total, 28 instituições públicas e privadas integram o CICC. Drones serão utilizados para captar situações de crise.

O centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICC-M) ficará estacionado na frente da Arena, recebendo as imagens do entorno e de dentro do estádio. O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, revelou que o veículo também recebe informações do sistema de Reconhecimento Facial, facilitando a comunicação das equipes. “Queremos tornar a Bahia referência em segurança de grandes eventos esportivos, como aconteceu nas copas do Mundo e das Confederações, e nas Olimpíadas”, enfatizou o gestor.

Read the rest of this entry »

Mortes violentas seguem em queda na Bahia nos últimos cinco meses

pactoA diminuição de 14,8% das mortes violentas (homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte), na Bahia, nos cinco primeiros meses, foi discutida durante a reunião semanal de avaliação realizada pela Secretaria da Segurança Pública. Integrantes das polícias Militar, Civil e Técnica, além do Corpo de Bombeiros participaram do encontro, na tarde desta terça-feira (4), no Centro de Operações e Inteligência (COI).

Em números absolutos, de janeiro a maio deste ano, foram contabilizados 2.159 casos, contra 2.535, em 2018. “São cinco meses com reduções e as preservações de 376 vidas, na Bahia, e seguimos trabalhando para mantermos esses índices. Lembro ainda que fechamos 2018 com o menor número de mortes dos últimos seis anos, aumentando o nosso desafio em 2019”, destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

A redução na Bahia refletiu os números das macrorregiões, com as quedas em Salvador de 13,5%, na Região Metropolitana de 12,7% e no Interior de 15,6%. “Analisamos, nesta reunião, pontos relevantes, operações, casos emblemáticos, entre outras situações. O principal é que permanecemos com a filosofia de integrar as ações ostensivas e de inteligência”, finalizou Barbosa.

Porto Seguro tem menor número de homicídios desde 2014

p segA cidade de Porto Seguro, no Sul da Bahia, um dos principais e mais procurados pontos turísticos da Bahia e do Brasil, fechou o primeiro trimestre de 2019 com o menor número de mortes violentas dos últimos seis anos. Os 20 casos registrados este ano são inferiores ao ano de 2013, quando, no mesmo período, aconteceram 34 crimes fatais contra a vida. Nos anos seguintes foram computados 44 (em 2014), 37 (em 2015), 28 (em 2016), 38 (em 2017) e 35 (em 2018).

Partindo para comparação entre janeiro a março de 2019, com os três primeiros meses do ano anterior, a queda ficou em 42,9%. Em números absolutos foram evitadas 15 mortes violentas. O comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar (BPM/Porto Seguro), major Anacleto França, enfatizou que o resultado expressivo tem relação direta com a integração entre as forças de segurança. “Compartilhamos informações com os colegas da Polícia Civil e vice-versa. Ampliamos também as abordagens em pontos sensíveis, aumentando a produtividade”, explicou.

Já o titular da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Eunápolis), delegado Moisés Damasceno, salientou as ações de inteligência contra os traficantes de drogas, principais autores de crimes contra a vida. “Infelizmente eles brigam por disputa de espaço. Com o trabalho direcionado contra estas quadrilhas, os ataques diminuem e eles percebem que serão capturados se cometerem”.

Bahia fecha trimestre com queda de 16% de mortes violentas

A Bahia terminou o primeiro trimestre de 2019 (janeiro a março) com uma redução de 16,4% dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) – homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte-, na comparação com os três primeiros meses do ano passado. Salvador, Região Metropolitana e Interior fecharam o período com quedas de 8,8%, 25,5% e 16,9%, respectivamente.

Na capital foram contabilizados 83 casos, contra 91 em 2018. Já a Região Metropolitana de Salvador (composta de 13 cidades) fechou o período com 41 ocorrências, enquanto no ano passado aconteceram 55. O interior do estado somou 299 registros em 2019, contra 360 no ano anterior.

“Fechamos 2018 com a maior redução de mortes violentas dos últimos seis anos e estamos mantendo o foco em 2019. Saímos de finais de semana com média de 20 mortes em Salvador e RMS para aproximadamente 12 casos. Isso tudo é resultado de esforço, inteligência e investimento”, destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Carnaval contará com câmeras de reconhecimento facial e 26 mil policiais

Foto Manu Dias_GOVBA (1)
A operação que vai garantir a segurança dos foliões na capital e no interior do estado durante o Carnaval foi apresentada na manhã desta terça-feira (26) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), no Hotel Fiesta, em Salvador. A Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, a Polícia Civil e o Departamento de Polícia Técnica (DPT) integram as ações que foram anunciadas na presença do governador Rui Costa.
Foto Manu Dias_GOVBA (3)“São R$ 46 milhões aplicados na festa este ano, envolvendo infraestrutura, remuneração de pessoal e toda a logística da operação, em Salvador e nas cidades do interior que têm a tradição do Carnaval. O objetivo é repetir ou superar os resultados obtidos na festa do ano passado, que registrou baixos índices de violência nas ruas”, destacou Rui.
O governador também ressaltou o uso da tecnologia na operação. “O aparato tecnológico tem crescido a cada ano no esquema de segurança do Carnaval em Salvador. Câmeras foram instaladas em vários pontos da cidade, inclusive no metrô e nos coletes de policiais. Além disso, drones também serão utilizados. Tudo para termos acesso a detalhes do que está acontecendo nos circuitos e no entorno deles”, explicou.
Tecnologia

Read the rest of this entry »

Secretaria de Segurança apresenta megaoperação de carnaval

A Secretaria da Segurança Pública da Bahia apresenta, em coletiva realizada nesta terça-feira (26), às 9 horas, no auditório do Hotel Fiesta, no bairro do Itaigara, a megaoperação montada para atender a população durante o Carnaval 2019, na Bahia. Investimento em efetivo, inovações tecnológicas e estratégias especiais para a folia serão detalhadas pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, os comandantes-gerais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, coronel PM Anselmo Brandão e coronel BM Francisco Teles, respectivamente, o delegado-geral da Polícia Civil, Bernardino Brito Filho, e diretor-geral do Departamento de Polícia Técnica, Élson Jefferson

Bahia e e mais quatro estados nordestinos reduzem mortes violentas

mauricio barbosaCinco estados nordestinos, entre eles a Bahia, iniciou o ano de 2019 com redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) – homicídio, latrocínio e lesão corporal dolosa seguida de morte, de acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública. No território baiano, janeiro de 2019 terminou com diminuição de 21,7% crimes contra a vida – na comparação com o mesmo período do ano passado. Rio Grande do Norte (-38,5%), Paraíba (-40%), Sergipe (-30,4%) e Alagoas (-32,7%) completam a lista.

Na capital baiana, a queda foi de 23%. Em números absolutos foram 107 casos, no ano de 2018, contra 82 registrados este ano. A Região Metropolitana de Salvador (RMS), por sua vez, teve recuo de 15,5%, com 49 crimes em 2019, enquanto no ano passado ocorreram 58. Por último, a macrorregião que engloba o interior do estado contabilizou decréscimo de 22,2%. Em números totais 388 mortes aconteceram em 2018 e neste ano a polícia investiga 302. No geral a Bahia teve 433 casos em 2019, contra 553 do mesmo período do ano anterior.

“Conseguimos um grande resultado no ano passado com uma redução histórica de 11,5%, menor número dos últimos seis anos. Continuaremos, este ano, perseguindo a meta de 6% determinada pelo programa Pacto Pela Vida (PPV)”, disse o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, ressaltando também o bom desempenho no Nordeste. “Estaremos mais unidos em 2019, ajudando quando for preciso e também solicitando apoio nas grandes operações contra quadrilhas interestaduais”, completou.

SSP apura vandalismo em galpão de fábrica de calçados em Itapetinga

galpãoA Secretaria de Segurança Pública (SSP) está investigando os atos de vandalismos e roubo de equipamentos no galpão do governo, localizado no bairro Quintas do Morumbi, em Itapetinga. A depredação ocorreu no início da semana e foi denunciada às autoridades policiais e à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) na última quinta-feira (10). No local, será implantada uma fábrica de calçados, com previsão de instalação até março deste ano.

De acordo com Almir Santos, presidente do grupo Suzana Santos, empresa detentora da concessão para o uso do galpão, arrancaram as janelas, quebraram as pias e sanitários dos banheiros e roubaram os quadros elétricos e fiação. Segundo o empresário, que já registrou boletim de ocorrência, os prejuízos chegam a R$ 140 mil.

“Assim que fomos informados deste ato criminoso, acionamos a SSP. Não podemos permitir que um local que vai abrigar uma nova empresa no município de Itapetinga, gerando emprego e renda na região, seja alvo de uma ação deste tipo. A investigação será rigorosa para chegarmos aos autores”, afirmou Luiza Maia, titular da SDE.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930