hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Posts Tagged ‘Secretaria de Segurança Pública’

SSP e Sefaz operam contra grupo que adultera combustíveis

comb (2)

Um grupo suspeito de adulterar combustíveis e sonegar impostos foi alvo da operação ‘Na Trilha do Álcool, deflagrada pelas Secretarias da Segurança Pública (SSP) e da Fazenda (Sefaz), na manhã desta sexta-feira (1º). Investigadores do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e da Coordenação de Operações Especiais (COE), além de auditores fiscais, cumpriram mandados de busca e apreensão.

comb (1)

Nos imóveis usados pelo bando, localizados na Região Metropolitana de Salvador (RMS), os policiais civis encontraram combustíveis e equipamentos usados para misturas ilegais, além de documentos, computadores, pen drives, arma, entre outros materiais.

“Já temos provas da participação de pessoas ligadas à Aspra que praticaram vandalismo”, afirma Maurício Barbosa

ssp (1)

Todas as sedes da Associação dos Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado (Aspra), na capital e no interior da Bahia, foram interditadas na manhã desta quarta-feira (16). A ação, comandada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MPBA) com apoio da Secretaria da Segurança Pública (SSP), é resultado de uma decisão judicial que suspende por tempo indeterminado todas as atividades da entidade que lidera um movimento na Polícia Militar. Uma coletiva de imprensa realizada na sede do MPBA, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), na manhã desta quarta-feira (16) esclareceu a operação

ssp (2)Além da interdição dos prédios, foram cumpridos mandados de busca e apreensão de documentos, computadores e dinheiro. Também foi determinado o bloqueio das contas da entidade; e 17 militares e nove civis foram conduzidos à Corregedoria da PM e para o Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRACO).

“Desde a tentativa de decretação do movimento de greve, nós acompanhamos e emitimos relatórios diários para o MPBA. Isso serve também para investigações e ações no âmbito da Justiça Militar que vem apurando crimes militares e pessoas que fazem incitação a motim. Já temos sim provas da participação de pessoas ligadas à Aspra que praticaram vandalismo”, declarou o secretário da SSP, Maurício Barbosa.

Read the rest of this entry »

SSP promove ações para bem-estar de policiais militares

Foto_Elói Corrêa_GOVBA

Para melhorar o bem-estar dos policiais militares em todo o estado, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) tem desenvolvido diversas ações por meio do Programa de Valorização do Servidor – Mais Valor. As palestras, exercícios de meditação e acompanhamento psicológico ajudam na prevenção de doenças que afetam a saúde física e mental dos profissionais de segurança.

 Cel PM Lázaro Monteiro, superintendente de Prevenção à Violência (SPREV).

Cel PM Lázaro Monteiro, superintendente de Prevenção à Violência (SPREV).

“Nossos servidores são os principais agentes para que o sistema de segurança funcione corretamente. Por isso, estamos sempre nos empenhando para cuidar não apenas do corpo, mas também da mente desses profissionais”, explica o superintendente de Prevenção à Violência da SSP, coronel Lázaro Monteiro.

A secretaria, destaca o coronel, possui “um acordo de cooperação com faculdades de psicologia para que os policiais tenham um acompanhamento de qualidade disponível. Também estamos desenvolvendo atividades de conversa e bate-papo em todos os órgãos e instituições para a melhoria da qualidade de vida da tropa”.

Read the rest of this entry »

Bahia ganha especialistas em incêndio, pânico e defesa civil

1

A Bahia conta agora com 27 bombeiros e policiais militares especialistas em Gestão Pública, Segurança Contra Incêndio, Pânico e Defesa Civil. A cerimônia de formatura da turma de especialização na modalidade Latu Sensu do Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO), do Corpo de Bombeiros Militar, ocorreu  na Chácara Baluarte, no Santo Antônio Além do Carmo, em Salvador.
2aca5a7e-e40d-4c8e-9a3f-e74dc4d741dcOs formandos, agora aptos a ocuparem postos de oficiais intermediários das corporações, assistiram a 400 horas de aulas ministradas nas instalações do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFBA), em Simões Filho. Além de integrantes do CBM e da Polícia Militar da Bahia, a turma também teve alunos dos Corpos de Bombeiros do Maranhão (sete) e Espírito Santo (três).
O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, destacou o empenho do grupo que apresentou monografias nas áreas de Gestão e Segurança. “Estes profissionais agora dominam uma expertise necessária para atender de forma ainda mais eficaz e eficiente a população baiana”, enfatizou.

Read the rest of this entry »

Polícia baiana apreende 2,2 mil armas

armasMais de 2,2 mil armas de fogo foram retiradas de circulação na Bahia no primeiro semestre deste ano, com uma média de 12 apreensões por dia. O trabalho foi realizado pelas polícias civil e militar. O número inclui revólveres, metralhadoras, submetralhadoras, fuzis, espingardas usadas em atividades ilegais no estado.

De acordo com informações da SSP, entre os armamentos mais apreendidos está o revólver calibre 38, com 1.021 unidades. Além disso, foram encontradas duas metralhadoras, 17 submetralhadoras, 11 escopetas, 8 fuzis, 6 carabinas e 769 espingardas.

Na relação de apreensões constam ainda 250 pistolas e 95 garruchas. Segundo o secretário Maurício Teles Barbosa, a apreensão dessas armas representa preservação de vidas. “Se considerarmos que cada arma de fogo dessas seria utilizada para cometer pelo menos um crime, temos que celebrar muito o trabalho das polícias”

Reconhecimento Facial é destaque no primeiro semestre de 2019

O sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública da Bahia foi destaque nacional e internacional no primeiro semestre de 2019. Nas cidades de Salvador e Feira de Santana a ferramenta tecnológica auxiliou na captura de 39 criminosos foragidos da Justiça ou descumprindo critérios de prisão domiciliar. Os balanços da tecnologia e das ocorrências policiais foram apresentados na manhã desta sexta-feira (9), pelo secretário Maurício Teles Barbosa, no Centro de Operações e Inteligência.

ssp facial (1)
Os criminosos foram flagrados por câmeras espalhadas nas estações de Metrô, Rodoviária, Aeroporto Internacional de Salvador, além das utilizadas em grandes eventos como o Carnaval, Micareta de Feiras e Copa América. “Somos pioneiros e nos orgulhamos da Bahia ser referência no Brasil. Estados das regiões Sudeste e Sul estão montando os seus sistemas de reconhecimento facial espelhados no nosso”, comemorou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, lembrando que até o início de agosto, a ferramenta alcançou a marca de 47 capturados.

ssp facial (2)
Ele acrescentou ainda que uma nova licitação está em curso para aquisições de mais câmeras. “Vamos avançar na Região Metropolitana de Salvador e nas maiores cidades do interior da Bahia, mantendo sempre o protocolo de apuração durante cada abordagem. Importante ressaltar que não tivemos erros, na Bahia, e isso graças à tranquilidade e preparo dos nossos policiais”, enfatizou Barbosa.

Estatísticas

Read the rest of this entry »

Eunápolis tem redução de 46% nos delitos contra a vida

Homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte apresentaram queda de 46% nos primeiros quatro meses de 2019, na comparação com o mesmo período do ano passado, na cidade de Eunápolis. Em números absolutos foram 14 casos a menos. No quesito feminicídio, o município continua sem registro. De acordo com o tenente-coronel Sandro Lopes, comandante da 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Eunapólis), representantes das forças de segurança estaduais, do Judiciário, do Ministério Público que atuam na cidade mantêm uma discussão constante, na busca pela ampliação do trabalho e, por consequência, reduzir os delitos.

35626068545_f92fd62fa6_b (1)

“Fizemos um grande São João e estamos preparados para promover o maior e mais seguro Pedrão dos últimos 13 anos”, garantiu o oficial, lembrando que o município é conhecido por fazer a maior festa de São Pedro da região. O titular da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorrpin/Eunápolis), delegado Moisés Nunes Damasceno, por sua vez, revelou que ações qualificadas tiraram de circulação os principais envolvidos em crimes contra a vida, culminando com o decréscimo nestes tipos de delito. “Identificamos e prendemos inúmeros homicidas. Só no ano passado foram cerca de 50 prisões na região”, enfatizou.

Feriado do São João termina sem registro de homicídios

O São João na Bahia, que este ano teve a festa iniciada ainda no dia 20 em alguns municípios, terminou sem registro de morte violenta. No período de 20 a 24 de junho também não houve tentativa de homicídio. A maior parte das ocorrências, como geralmente acontece em grandes eventos, refere-se a furtos, que este ano totalizaram 260 casos.  Trinta e nove pessoas foram presas em flagrante, quatro casos a mais do que o mesmo período do 2018. Outras 217 foram conduzidas para averiguação (165 pela Polícia Militar e 52 pela Polícia Civil), resultando na instauração de 29 inquéritos e 102 registros de termos circunstanciados.

1
As polícias também conseguiram tirar de circulação 11 armas brancas e quatro de fogo. Já o número de lesão corporal dolosa apresentou um acréscimo de oito casos, passando de 18 para 26. “O São João é uma das festas mais tradicionais do estado e a Polícia Militar se preparada para fazer com que baianos e turistas curtam na paz. O balanço do trabalho é positivo, sem dúvida”, afirmou o comandante de Operações Policiais da PM, coronel Humberto Sturaro. Já o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin) da Polícia Civil, delegado Flávio Gois, destacou o clima de paz nos municípios. “Se considerarmos a quantidade de pessoas e de municípios e o número de registro de crimes, percebemos que a porcentagem é bastante baixa e isso não é à toa. São muitos profissionais trabalhando de forma integrada para que tudo termine da paz”, concluiu.

Bahia utilizará Reconhecimento Facial nos jogos da Copa América

facialDestaque nos maiores eventos esportivos do mundo, a polícia baiana inova mais uma vez, na Copa América, com a estreia do sistema de Reconhecimento Facial em um torneio internacional. Disponível dentro e no entorno da Arena Fonte Nova, nas Estações de Metrô, Aeroporto e em pontos estratégicos, a tecnologia é mais uma aliada para a prevenção de crimes. Além das câmeras que permitem a identificação de pessoas procuradas, mais 190 aparelhos vão auxiliar o monitoramento no perímetro do evento.

À frente da tecnologia, mais de 11 mil profissionais vão garantir a segurança dentro e fora da Arena. Do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), policiais civis, militares, técnicos e bombeiros, além de representantes de forças federais e municipais, defesa civil e saúde, têm acesso às imagens da festa, facilitando o acionamento das instituições em casos de emergência. No total, 28 instituições públicas e privadas integram o CICC. Drones serão utilizados para captar situações de crise.

O centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICC-M) ficará estacionado na frente da Arena, recebendo as imagens do entorno e de dentro do estádio. O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, revelou que o veículo também recebe informações do sistema de Reconhecimento Facial, facilitando a comunicação das equipes. “Queremos tornar a Bahia referência em segurança de grandes eventos esportivos, como aconteceu nas copas do Mundo e das Confederações, e nas Olimpíadas”, enfatizou o gestor.

Read the rest of this entry »

Mortes violentas seguem em queda na Bahia nos últimos cinco meses

pactoA diminuição de 14,8% das mortes violentas (homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte), na Bahia, nos cinco primeiros meses, foi discutida durante a reunião semanal de avaliação realizada pela Secretaria da Segurança Pública. Integrantes das polícias Militar, Civil e Técnica, além do Corpo de Bombeiros participaram do encontro, na tarde desta terça-feira (4), no Centro de Operações e Inteligência (COI).

Em números absolutos, de janeiro a maio deste ano, foram contabilizados 2.159 casos, contra 2.535, em 2018. “São cinco meses com reduções e as preservações de 376 vidas, na Bahia, e seguimos trabalhando para mantermos esses índices. Lembro ainda que fechamos 2018 com o menor número de mortes dos últimos seis anos, aumentando o nosso desafio em 2019”, destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

A redução na Bahia refletiu os números das macrorregiões, com as quedas em Salvador de 13,5%, na Região Metropolitana de 12,7% e no Interior de 15,6%. “Analisamos, nesta reunião, pontos relevantes, operações, casos emblemáticos, entre outras situações. O principal é que permanecemos com a filosofia de integrar as ações ostensivas e de inteligência”, finalizou Barbosa.

Porto Seguro tem menor número de homicídios desde 2014

p segA cidade de Porto Seguro, no Sul da Bahia, um dos principais e mais procurados pontos turísticos da Bahia e do Brasil, fechou o primeiro trimestre de 2019 com o menor número de mortes violentas dos últimos seis anos. Os 20 casos registrados este ano são inferiores ao ano de 2013, quando, no mesmo período, aconteceram 34 crimes fatais contra a vida. Nos anos seguintes foram computados 44 (em 2014), 37 (em 2015), 28 (em 2016), 38 (em 2017) e 35 (em 2018).

Partindo para comparação entre janeiro a março de 2019, com os três primeiros meses do ano anterior, a queda ficou em 42,9%. Em números absolutos foram evitadas 15 mortes violentas. O comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar (BPM/Porto Seguro), major Anacleto França, enfatizou que o resultado expressivo tem relação direta com a integração entre as forças de segurança. “Compartilhamos informações com os colegas da Polícia Civil e vice-versa. Ampliamos também as abordagens em pontos sensíveis, aumentando a produtividade”, explicou.

Já o titular da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Eunápolis), delegado Moisés Damasceno, salientou as ações de inteligência contra os traficantes de drogas, principais autores de crimes contra a vida. “Infelizmente eles brigam por disputa de espaço. Com o trabalho direcionado contra estas quadrilhas, os ataques diminuem e eles percebem que serão capturados se cometerem”.

Bahia fecha trimestre com queda de 16% de mortes violentas

A Bahia terminou o primeiro trimestre de 2019 (janeiro a março) com uma redução de 16,4% dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) – homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte-, na comparação com os três primeiros meses do ano passado. Salvador, Região Metropolitana e Interior fecharam o período com quedas de 8,8%, 25,5% e 16,9%, respectivamente.

Na capital foram contabilizados 83 casos, contra 91 em 2018. Já a Região Metropolitana de Salvador (composta de 13 cidades) fechou o período com 41 ocorrências, enquanto no ano passado aconteceram 55. O interior do estado somou 299 registros em 2019, contra 360 no ano anterior.

“Fechamos 2018 com a maior redução de mortes violentas dos últimos seis anos e estamos mantendo o foco em 2019. Saímos de finais de semana com média de 20 mortes em Salvador e RMS para aproximadamente 12 casos. Isso tudo é resultado de esforço, inteligência e investimento”, destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930