hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Seagri’

Pescadores do Sul da Bahia recebem equipamentos e assistência técnica

A Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri), realizará, entre  12 e 15 de março, uma grande ação de fortalecimento da pesca e aquicultura no Sul da Bahia. Os pescadores de Santa Cruz Cabrália e Belmonte receberão 25 bolsões para a criação de filhotes de peixes, 60 travesseiros (onde são colocadas as sementes de ostras), rolos de corda e caixas plásticas para ostreicultura.

Além disso, pescadores e piscicultores de Itapebi, Alcobaça e Prado saberão mais sobre o programa de assistência técnica e extensão rural que a Bahia Pesca realizará ao longo de 2018 e 2019. As atividades tem início em Santa Cruz Cabrália, hoje, às 9h, quando os piscicultores da Comunidade Indígena Pataxó, localizada na Coroa Vermelha, receberão 25 bolsões para criação de filhotes de peixes. No mesmo dia, em Itapebi, às 14h, na Câmara Municipal da cidade (Travessa. Ana Nery, 204, Centro), os pescadores conhecerão os serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) que serão prestados pela Bahia Pesca.

Read the rest of this entry »

Banco do Brasil oferece descontos de 20% a 95% para liquidação de dívidas de produtores rurais

cacauMicro, pequenos e médios produtores de todo o estado podem ser beneficiados pelos descontos de 20% a 95% que o Banco do Brasil está oferecendo para a liquidação de saldos devedores de operações de crédito rural. O benefício tem base na Lei Federal nº 13.340 e varia conforme 3 fatores: data de contratação, valor originalmente contratado e região.

Em todo o país, cerca de 241 mil produtores poderão ser beneficiados pela medida. A Bahia tem o maior número de produtores com possibilidade de ter acesso aos descontos: mais de 61 mil clientes do BB, com financiamentos a empreendimentos localizados na área de abrangência da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).  O  valor total contratado no Estado é superior a R$ 693 milhões (o maior volume do país – cerca de 26% do total nacional).

Podem ser contempladas operações adimplentes ou não, contratadas até 31/12/2011, sendo que um mesmo mutuário poderá obter o desconto em mais de um financiamento, obedecido o teto de R$ 200 mil em valores contratados.

lavora 2 O secretário estadual de Agricultura, Vitor Bonfim, destacou a importância da lei que oferece descontos tão significativos para produtores. “Os baianos precisam aproveitar essa oportunidade e se dirigir às agências do BB localizadas em todo o estado para fazer essa negociação e quitar seus débitos com o banco, podendo, a partir daí, fazer novas operações de crédito”, disse o secretário.

Para o superintendente Estadual do BB na Bahia, Carlos Motta, “esta é uma oportunidade ímpar para os produtores rurais, principalmente no nosso estado. Com essa medida, buscamos dar novo fôlego ao produtor, fortalecendo uma das principais vocações do nosso país”.

Segundo a Lei, a concessão do rebate para liquidação dos financiamentos tem vigência até 29/12/2017.  “Apesar de haver prazo até o final deste ano, é muito mais vantajoso que o produtor procure o BB o quanto antes, uma vez que os juros continuam incidindo sobre os saldos até a liquidação.”, complementa Motta.

Os mutuários que possuem operações de crédito abrangidas pela lei podem procurar qualquer agência do Banco do Brasil para consultar as operações e o percentual de desconto a que têm direito, além de simular o valor a ser pago para quitação da dívida.

Produtores de Itapetinga recebem peixes e curso de piscicultura

Cerca de 60 produtores cadastrados nas associações rurais de Itapetinga terão a oportunidade de participar de uma capacitação de piscicultura realizada pela Bahia Pesca (empresa vinculada à Secretaria de Agricultura). A aula, gratuita, acontecerá no dia 20 de maio, às 14h, e faz parte da programação da 47ª Exposição Agropecuária de Itapetinga. O evento acontece no parque de exposições Juvino de Oliveira. No mesmo dia a empresa distribuirá 60 mil alevinos de tambaquis para os participantes do curso, que receberão também toda a assistência técnica para realizar a engorda e a despesca dos peixes.

O curso gratuito de “piscicultura básica em viveiro escavado e tanque rede” será ministrado por técnicos da Bahia Pesca. Entre os temas abordados no curso estão sistemas de criação, quantidade de água necessária, construção de tanques e viveiros, escolha de espécies, dentre outros.

A exposição contará também com um estande da Bahia Pesca, onde será exibido um tanque de produção de peixes em sistema bioflocos, ideal para regiões com baixa disponibilidade hídrica. Além disso, técnicos da Bahia Pesca estarão disponíveis para tirar dúvidas sobre aquicultura e pesca e apresentar os principais serviços e ações da empresa no estado. O estande estará aberto entre os dias 16 e 21 de maio, das 10h às 22h.

Vice-governador João Leão visita a Biofábrica de Cacau

biof 1No Dia do Trabalho, 1º de maio, o vice-governador da Bahia, João Leão, visitou as instalações do Instituto Biofábrica de Cacau (IBC), onde conheceu  o processo de produção implantado em 2016. Leão esteve acompanhado do secretário estadual da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri), Vítor Bonfim, do Secretario de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Vivaldo Mendonça e do deputado estadual Eduardo Salles.

“Nosso objetivo é fazer uma grande distribuição de mudas na Bahia, e para isso nós vamos organizar ainda mais nossa participação na Biofábrica. O governador Rui Costa tem um projeto que está cedido à minha secretaria, a Secretaria do Planejamento, que é o Ageter – Agenda de Desenvolvimento Territorial em cada Território de Identidade da Bahia, e por ele nós vamos fazer um trabalho com a Biofábrica, com o Sebrae e as universidades, de dar condições ao homem do campo, principalmente aquele mais pobre, o pequeno produtor. Temos todo interesse que a Biofábrica passe a funcionar no máximo da sua capacidade”, destacou o vice-governador.

A Biofábrica produz atualmente, aproximadamente 490 mil mudas, de cacaueiros, bananeiras, abacaxizeiros, goiabeiras, açaizeiros, entre outras fruteiras, além de mandioqueiras, essências florestais e orquídeas. Parte dessas mudas é micropropagada em laboratório. Os cacaueiros, que são multiplicados por enxertia ou enraizamento, com as novas tecnologias implantadas no IBC alcançaram o inédito índice de até 95% de sobrevivência.

Read the rest of this entry »

Marisqueiras de Canavieiras recebem equipamentos de proteção

canesAs marisqueiras de Canavieiras (a 560 km de Salvador) vão ter mais segurança para desenvolver suas atividades. A Bahia Pesca (empresa vinculada à Secretaria da Agricultura) vai entregar 45 equipamentos de proteção individual a estas profissionais. A ação será realizada na próxima sexta-feira, 31, às 16h, na sede da Associação Mãe da Reserva Extrativista de Canavieiras (na Praça Armindo de Castro, centro da cidade). Além disso, as marisqueiras serão cadastradas no CadCidadão, sistema que registra a situação social e econômica dos profissionais e encaminha-os para programas sociais e de crédito dos governos federal e estadual.
“Cada conjunto de EPI, desenvolvido especialmente para o trabalho de mariscagem, é composto por pares de luvas e botas em neoprene, camisa em dry fit, e calça e boné em tactel com bloqueio de 98% dos raios UVA e UVB”, explica a coordenadora de promoção social da Bahia Pesca, Eliana Carla Ramos.

O conjunto possui fator de proteção ultra-violeta, que protege a pele e não absorve o calor solar, minimizando a incidência de câncer, desidratação e envelhecimento precoce. Além disso, as luvas e botas evitam que as mulheres cortem mãos e pés ao tocar os mariscos ou caminhar nas pedras.

Vacinação anti-aftosa chegou a 93,84% na Bahia

Vacinação contra Febre Aftosa e Raiva; Prefeito e Sec Chico Machado

O índice de vacinação contra a febre aftosa na Bahia atingiu 93,84% na primeira etapa. Foram imunizados 9 milhões e 700 mil animais.

As unidades regionais da Agência de Defesa Agropecuária de Salvador, Itapetinga, Teixeira de Freitas, Itaberaba e Irecê apresentaram os melhores resultados, entre 95,27% e 97,95% do rebanho.

Os municípios com os melhores resultados foram de Acajutiba, Cairu, Cardeal da Silva, Ibitita, Itaparica, Ituberá e Rio do Pires, que alcançaram o índice de 100%.

Quem deixou de imunizar o rebanho ou não declarou a vacinação no período da campanha está impossibilitado de transportar os animais. Eles também estão proibidos de participar de eventos até a regularização da situação.

Festival apresenta receita exótica de peixe com molho de chocolate

peixocOs visitantes do 8º Festival Internacional do Chocolate e Cacau, que acontece de quinta a domingo (21 a 24 de julho) em Ilhéus, serão surpreendidos com uma mistura exótica de sabores durante o evento. É que a Bahia Pesca (empresa vinculada à Secretaria de Agricultura do estado) oferecerá aos participantes da feira a oportunidade de degustar, comprar e até mesmo preparar pratos que harmonizam o sabor do chocolate com a suculência e a textura dos peixes encontrados no litoral brasileiro.

O objetivo da empresa é incentivar a população a inserir a carne de peixe no seu consumo diário. “Os brasileiros consomem atualmente 12 quilos de peixes por ano, exatamente a quantidade mínima recomendada pela Organização Mundial da Saúde. Ao mostrar a versatilidade das receitas preparadas com esta carne saudável, vamos aumentar a diversidade de alimentos ingeridos pela população e, conseqüentemente, ajudar os pescadores a venderem cada vez mais seus produtos”, explica o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior.

Cozinha Show

A cozinheira Maria Aparecida Mendes, mais conhecida como Cida Pescadora, foi convidada pela Bahia Pesca a preparar as receitas que serão exibidas na feira. No domingo (24), às 17h30, ela ensinará aos visitantes como fazer uma receita de tilápia com molho de chocolate. As inscrições para a “Cozinha Show” são gratuitas. Além disso, durante todos os dias do evento Cida Pescadora comercializará seus produtos à base de peixes em um estande montado na feira. Na quinta (21) o estande funcionará das 19h às 22h, e nos demais dias (22 a 24) das 15h às 22h.

Pescadores, aquicultores e outros produtores que desejam investir nestas áreas na Bahia ou mesmo aumentar sua produtividade, podem se dirigir ao estande do governo do estado montado no espaço. Uma equipe técnica da Bahia Pesca estará no local para apresentar as ações da empresa e atender este público.

Agricultores familiares de Canavieiras recebem mudas de cacaueiros

cacau 2A Prefeitura de Canavieiras, por meio da Secretaria da Agricultura, entregou, 8 mil mudas de cacaueiros seminais aos pequenos agricultores já cadastrados no programa de distribuição sementes e mudas. As mudas são produzidas pelo Instituto Biofábrica de Cacau, no distrito de Banco do Pedro, em Ilhéus, e fazem parte do convênio firmado entre a Prefeitura de Canavieiras e a Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária da Bahia (Seagri).

cacau 1Segundo o secretário municipal  da Agricultura de Canavieiras, Josemar Brasil Vieira, desta vez foram beneficiados oito agricultores familiares das várias regiões de Canavieiras. “O programa de distribuição de sementes e mudas vem beneficiando pequenos produtores, com a finalidade de ampliar a produção e produtividade”, diz Josemar Brasil.

Desta vez foram beneficiados com as mudas de cacaueiros os agricultores familiares: Amélia Lúcia da Silva Gonçalves – Faz. Arca de Noel – Região KM – 21; Ricardo de Oliveira C. Júnior – Faz. São Sebastião – Região das Laranjeiras; Raildo Santos Negrão – Faz. São José – Região Rio Pardo; Angela Cezário da Silva – Faz. Pomar – Região KM -21; Genivaldo Rosa dos Santos – Faz. KM 21 – Região KM – 21; Ana Rosa dos Santos – Sitio Cantinho do Céu – Região KM – 21; Carlos Antônio B. da Silva – Faz. Banco Floresta – Região das Laranjeiras; e Cláudio Silva Santos – Faz. São José – Região da Ruinha.

 

Índios de Porto Seguro participam de curso de pesca e navegação

indios peixeCerca de 20 indígenas da Aldeia Bujingão, de Porto Seguro, serão capacitados, a partir do dia 3 de maio (terça-feira), em pesca e navegação em águas abrigadas e profundas. O curso será realizado pela Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura, no Centro Vocacional Tecnológico do Pescado (CVTT), mantido pela empresa em Santo Amaro da Purificação.

“Serão 32 horas de aulas teóricas e práticas que irão capacitar os índios a aumentarem sua produtividade, obtendo mais alimento e renda para suas famílias”, explica o professor do curso e técnico da Bahia Pesca, Roberto Pantaleão. Durante a capacitação os alunos aprenderão a traçar rumos em carta náutica, coordenadas geográficas, uso de GPS, novas tecnologias de pesca (espinhel e jump jig), tipos de cabos, nós, voltas e trabalhos do marinheiro. As aulas desta primeira turma terminam no dia 6 de maio.

“Outros 50 indígenas da aldeia, que não puderam participar desta turma, terão uma segunda oportunidade em data a ser divulgada em breve. A aldeia Bujingão foi escolhida para esta capacitação por já utilizar, na atividade pesqueira, embarcações em fibra de vidro motorizadas”, complementa o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior. Além de disponibilizar a estrutura do CVTT para os cursos, a Bahia Pesca também disponibilizará um ônibus para o transporte dos alunos, alojamento, alimentação e material didático gratuito.

Bahia produz primeiros queijos finos de cabra com vinho e cachaça

cabra 1 Os primeiros queijos finos de cabra baianos, produzidos conforme as normas sanitárias exigidas pela Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), já começaram ser produzidos no município de Juazeiro. Utilizando tecnologia francesa, o primeiro curso de fabricação de queijos finos utilizando leite de cabra, ministrado pela médica veterinária, Maria Helena, consultora do Sistema Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), especialista em qualidade de leite e derivados, aconteceu nos dias 15, 16 e 17 deste mês, no laticínio Bom Sabor. “A Bahia sai na frente, com ação pioneira de fabricação de queijos finos, a partir do leite de cabra, tendo na sua composição e tecnologia, vinhos e cachaças produzidos na região do Vale de São Francisco”, declarou o secretário da Agricultura, Vitor Bonfim.

cabra 2Essa é a primeira ação do Projeto Cabra Produtiva e Rota do Leite, da Seagri, que pretende organizar e profissionalizar a caprinocultura de leite no Estado, promovendo a inclusão dos pequenos produtores e fomentando a agroindustrialização, com produção especializada de queijos de cabra.  Os queijos produzidos durante o curso serão apresentados ao público e aos empresários do ramo, na EXPOVALE 2016, realizada entre os dias 17 e 22 de maio, Juazeiro.  Foram produzidos os queijos tipo Reino, Coalho Maturado com Vinho e Cachaça, Boursin, Feta, Perladon, Valençay e Chabichou.

Read the rest of this entry »

Agricultores familiares expõem no Aleluia Ilhéus Festival

agri 1A terceira edição do Aleluia Ilhéus Festival representa mais uma oportunidade de negócios para pequenos agricultores da região e integrantes do segmento conhecido como economia criativa. Numa parceria entre a Companhia de Ação Regional (Car), secretarias de Agricultura da Bahia e de Ilhéus, BahiaPesca e cooperativas, cerca de 35 expositores apresentam seus produtos até o próximo sábado, último dia do evento.

Nos estandes, os visitantes podem conferir artesanatos em argilas, produtos desidratados – que aumenta o prazo de validade, cocadas, arte decoração, além de uma variedade de frutas cultivadas no interior do município de Ilhéus e de cidades vizinhas, “o que demonstra a riqueza de nosso solo”, afirmou o secretário municipal de Agricultura, Sebastião Vivas.

Alberto Matos, 54 anos, que cultiva banana na zona rural de Ilhéus, conta que antes costumava perder boa parte da produção porque não tinha como escoar. “Depois que tivemos acesso à técnica de desidratar a fruta, garantimos maior prazo de validade, evitamos perdas e agora podemos vender, principalmente para a alimentação escolar”.

agri 2A variedade de produtos atrai a atenção dos visitantes. Miguel Veigda que é chileno e visitava os estandes na noite desta quinta-feira, 24, afirmou que é ‘interessante celebrar uma festa religiosa, o município tem padrão santo religioso, e chama atenção que há muito que ver, comprar, principalmente relacionado à agricultura familiar e ao chocolate”.

Pesca –Durante o Aleluia Ilhéus Festival, a BahiaPesca, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura, realizará a doação de alevinos (filhotes de peixes) e cadastrará os pescadores e aquicultores em programas sociais e de crédito dos governos estadual e federal.

Dentre as atividades desenvolvidas no estande da Bahia Pesca está o cadastramento dos pescadores e aquicultores no CadCidadão, sistema que registra a situação social e econômica dos profissionais e encaminha-os para diversos serviços públicos de assistência e crédito, a exemplo do Vida Melhor.

 

Aleluia Ilhéus tem programação voltada a pescadores e aquicultores

 

peixe bahiapescaO Aleluia Ilhéus, festival que acontece de quarta a sábado (23 a 26/03) na Avenida Soares Lopes, terá programação voltada especialmente aos pescadores, aquicultores e produtores da região sul da Bahia. Durante o evento a Bahia Pesca, vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), realizará a doação de alevinos (filhotes de peixes) e cadastrará os pescadores e aquicultores em programas sociais e de crédito dos governos estadual e federal.

“Além disso, os piscicultores que tiverem dúvidas sobre seus processos produtivos ou sobre os programas e ações da Bahia Pesca podem visitar nosso estande no evento, que funcionará entre os dias 24 e 26, das 9h às 20h”, explica o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior.

Cadastramento

Dentre as atividades desenvolvidas no estande da Bahia Pesca está o cadastramento dos pescadores e aquicultores no CadCidadão, sistema que registra a situação social e econômica dos profissionais e encaminha-os para diversos serviços públicos de assistência e crédito, a exemplo do Vida Melhor.

O cadastramento no CadCidadão servirá também para que estes profissionais obtenham a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP). A Declaração é a comprovação de enquadramento do aquicultor ou pescador como produtor familiar. É indispensável para acesso a políticas públicas como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), o Programa de Aquisição de Alimentos, e o de Habitação Rural.

Peixamento

“Na quinta-feira (24), às 9h, entregaremos às famílias de aquicultores de sete associações e cooperativas de pescadores e aquicultores de Ilhéus um total de 130 mil alevinos de tambaquis e tilápias”, complementa o presidente da Bahia Pesca. Cerca de 50 famílias da região serão beneficiadas com a ação.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031