hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Posts Tagged ‘Queimadas’

Rui Costa pede soluções urgentes para a Amazônia

rui costa

O governador Rui Costa usou suas redes sociais, na manhã desta sexta-feira (23), para se colocar à disposição nos esforços para combater as queimadas na Amazônia. Inspirado pelo Louvor a Chico Mendes, música gravada por Simone há 30 anos, ele lamentou que o cenário continue igualmente crítico com o passar de tanto tempo: “Enquanto o mundo clama por resoluções sustentáveis de curto e médio prazo, o Brasil vira manchete internacional pela destruição da Amazônia, um dos mais importantes biomas do planeta”.

Na postagem, Rui cobrou medidas para sanar as chamas que devastam a floresta amazônica, um dos mais importantes biomas do planeta. “A Bahia lamenta e une-se ao mundo em defesa desse patrimônio da humanidade. Pedimos soluções urgentes, e oferecemos nosso apoio e oração. Não podemos tratar a Amazônia como questão político partidária. É uma questão nacional. É mesmo uma questão mundial”, afirmou. *Confira a declaração na íntegra do governador, no post publicado na página oficial do Facebook:* https://www.facebook.com/ruicostaoficial/videos/368746590740654

Nelson Leal diz que que questão amazônica requer reação rápida do governo brasileiro

leal“A Amazônia, hoje, é a principal pauta do mundo. O governo brasileiro tem que agir muito rápido para conter essa forte reação, principalmente dos países europeus, contra os desmatamentos e as queimadas na floresta amazônica. Caso não estanque essa sangria, o Brasil vai sofrer duras consequências no comércio internacional, com prejuízos diretos ao agronegócio, comprometendo principalmente a exportação de alimentos, como carne, frutas e grãos”, criticou hoje (23.08), em Andaraí, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Nelson Leal, onde, à noite, participa do Festival de Igatu, na Chapada Dimantina.

Para Leal, o estrago já é irreversível e pode ser pior. “A fatura, por tanta inabilidade do governo brasileiro no xadrez da diplomacia internacional, começa a chegar. E, como produtor de frutas, posso assegurar: será uma conta cara. A Finlândia, por exemplo, já fala abertamente em proibir a importação de carnes brasileiras. O acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia poderá ser também alvejado, dada as tensões já vividas entre a posição brasileira e os governos da Inglaterra, Irlanda, França, Noruega e Alemanha”, disse o chefe do Legislativo da Bahia.

Nelson Leal diz que reavivar o discurso de que a “Amazônia é nossa” não seduz mais ninguém. “Nos anos 1970, diziam que outros países do mundo queriam invadir a floresta e tomá-la do Brasil. Passou meio século e ninguém invadiu nem tomou nada. Reativar esse discurso é querer fazer os outros de trouxas. A Amazônia é, sim, nossa, mas pertence ao mundo inteiro, porque ela intacta significa que o planeta está a salvo. A defesa do meio ambiente, a preservação das florestas do mundo, é coletiva, é obrigação de todos, não de uma pessoa ou de apenas um grupo”, defendeu Leal.

“Vamos seguir resistindo”: o recado dos povos da floresta

Lideranças indígenas, quilombolas e ribeirinhas nas filmagens da campanha em Presidente Figueiredo (AM), em fevereiro.ISA / DIVULGAÇÃO

Lideranças indígenas, quilombolas e ribeirinhas nas filmagens da campanha em Presidente Figueiredo (AM), em fevereiro.ISA / DIVULGAÇÃO

(El Pais)- “Vamos seguir resistindo”. Essa é a principal mensagem que a campanha #PovosDaFloresta pretende passar. Por meio de um vídeo veiculado na internet, TV e cinemas, 25 lideranças indígenas, quilombolas e ribeirinhas tentam chamar atenção para a luta pela proteção ambiental e em defesa dos direitos dessas comunidades. A iniciativa é do Instituto Socioambiental (ISA), que completa 25 anos neste ano.

No vídeo, dirigido por Daniel Klajmic da Prodigo Films, com criação da agência J. Walter Thompson, estão no alvo os garimpeiros, grileiros e demais invasores de terra. “Se a floresta, ou a natureza de maneira geral, é nosso passaporte enquanto país para algum futuro, os povos que vivem nela são seus verdadeiros guardiões”, diz André Villas-Bôas, secretário-executivo do ISA. “Temos que valorizar a enorme contribuição dessas comunidades para o equilíbrio ecológico do planeta”.

Read the rest of this entry »

PM presta homenagem a sete soldados mortos em Queimadas pelo bando de Lampião

Nesta segunda-feira (22), às 10h, no município de Queimadas, a 300 quilômetros de Salvador, a Polícia Militar irá homenagear sete policiais assassinados em serviço no ano de 1929 pelo bando do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, mais conhecido como Lampião. O objetivo da solenidade é homenagear a memória dos policiais militares que faleceram no exercício de sua missão constitucional, que é proteger a sociedade mesmo com o risco à própria vida.

Na ocasião serão descerradas duas placas: na cadeia pública de Queimadas, local onde ocorreram as mortes, e na sede do pelotão da cidade para homenagear o soldado Aristides Gabriel de Souza que, antes de morrer, desafiou Lampião mesmo cercado pelos cangaceiros.

O evento será finalizado no cemitério da cidade após serem depositadas coroas de flores nos túmulos dos sete policiais militares vitimados, seguido do toque de silêncio.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930