hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘PT’

Fim de domingo tristonho no barzinho do Engelho Velho

Thais Alves

capoeiraAs pessoas afogavam suas mágoas, suas tristezas, seus medos, suas lutas e, principalmente, seus cansaços. Estamos na cidade da Bahia, se levantasse a cabeça até dava para ver os orixás do dique olhando todos para baixo.

Paulo grita uma palavra de ordem para política. Um senhor de 63 anos mestre em capoeira (veja bem, mestre em capoeira) chega junto e responde que naquele lugar as pessoas gostavam mais do opositor. “Votei no PT”, ele diz.

Paulo, possesso com o enfrentamento daquele velhaco, afinal porque as pessoas deviam pensar diferente? Mais da metade do país não concorda com ele, mas ali na sua vizinhança, aturar isso é insuportável.

Ele vai em casa e volta. Veja bem, o sujeito homem vai em casa. Podia ter respirado, podia ter tomando um banho, podia ter namorado a crush, podia ter aberto mais uma cerveja da geladeira e sentado no sofá para ver sorridente o tamanho do rombo no qual o país se afogava. Podia ter feito tanta coisa. Mas ele escolheu voltar ao bar. E o fez com uma faca. Foram, ao todo, treze golpes. 12 no senhor. 1 no braço do parente que tentou defender seu mais velho.

13 golpes de raiva. Pelas costas. Um senhor de 63 anos. Podia ser seu avô, podia ser seu pai. Foi Mestre Moa, agora meu ancestral.

Paulo contou que foi xingado, que estava bebendo desde de manhã, que estava arrependido. Foi encontrado no banheiro de casa. Um rastro de sangue no caminho simplesmente levou a polícia até ele. Paulo, também tinha uma vida. Não terá mais. Assassino bom é assassino morto, diriam alguns.

 

Eu digo que Paulo vai amargar alguns anos de reclusão e uma vida inteira de remorso. A vida que ele tinha, não terá mais. Porque voltou ao bar com uma faca. Porque não respirou. Porque não se controlou. Paulo matou. Minutos antes de entoar um grito de apoio ao seu candidato, que foi, na verdade, uma ameaça, uma afronta. Uma semente jogada pelo ódio.

Paulo, que bebeu o dia inteiro para comemorar a votação expressiva de seu mito, matou uma pessoa e feriu outra. Paulo matou uma pessoa. Matou porque odiou, porque se cegou, porque achou que podia, entendeu que deveria. Desses entendimentos silenciosos que a gente escuta com a cabeça e não com os ouvidos.

Dessas mensagens que eu também recebo nos grupos do zap, grupos de amigos, pessoas queridas até, pessoas de bem (como eu e como mestre moa), que com certeza não matariam ninguém, mas defendem quem mataria, quem matou, quem mata.

Eu penso que se Paulo estivesse armado a tragédia teria sido muito pior. Mas ele não estava, ele não precisou estar. Ele foi em casa, ele pegou uma faca, ele enfiou a faca 12 vezes nas costas de um senhor de 63 anos. Podia ser seu pai. Podia ser seu avô. Podia ter sido você. E foi. Foram 43 milhões de brasileiros. Quase metade do país, quase metade, QUASE.

Bahia: mestre de capoeira é morto a facadas por fã de Bolsonaro após declarar que votou no PT

moaBahia 247 – O mestre de capoeira conhecido como Moa do Katende (foto) foi morto com 12 facadas nas costas na madrugada desta segunda-feira (8), em um bar em Salvador, após dizer que tinha votado em Fernando Haddad (PT) para a presidência da República.

O autor do crime, Paulo Sérgio Ferreira de Santana, 36 anosque teria começado a discussão, manifestou aos gritos seu apoio a Jair Bolsonaro (PSL), de acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA). Ele também admitiu aos policiais  que estava consumindo bebida alcoólica desde o início da manhã de domingo. Em depoimento ele comentou ainda que estava arrependido.

Paulo Sérgio

Paulo Sérgio

Katende estava em um bar no bairro Engenho Velho de Brotas por volta das 2h40 desta segunda-feira. A SPP-BA informou que o suspeito chegou ao local gritando o nome de Bolsoraro. A analisar o corpo da vítima, a perícia constatou que foram desferidas 12 facadas na região das costas.

Amigos e parentes lamentaram a violenta morte. Um dos posts diz que “aguerrido defensor da cultura e do povo negro, sempre a frente pela qualidade de vida da população mais pobre e desfavorecida fará muita falta”. “Meus sentimentos à família desse grande Baluarte da Capoeira! Adeus, Mestre Moa Do Katende! A Capoeira está de luto!!”, escreveu outra pessoa.

Conhecido por posições extremistas, Bolsonaro defende a Ditadura Militar (1964-1985), a pena de morte e o porte de armas para a população. No dia 1 de setembro deste ano, o presidenciável também simulou “fuzilar” a “petralhada” do Acre.

 

Rui e reeleito na Bahia com votação histórica

rui 2Rui Costa (PT) acaba de ser reeleito governador da Bahia. Com cerca  de 80% das urnas apuradas,  o petista atingiu 75,88% dos votos válidos e impôs diferença de mais de 2,7 milhões de votos sobre Zé Ronaldo (DEM), com 21,81%, garantindo matematicamente a vitória.Rui Costa tem 3.858.685 votos contra 1.108.958 votos de Zé Ronaldo. O governador tem praticamente garantida a eleição de toda a chapa majoritária, pois Jaques Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD) estão virtualmente eleitos para o Senado Federal.

A Bahia também garantiu ótima votação ao candidato a presidente apoiado pelo governador. Fernando Haddad obtém, até aqui, quase 60% dos votos válidos. Exatamente 59,72% contra 23,67% de Jair Bolsonaro (PSL).

QUARTO MANDATO DO PT

O PT vai para o quarto mandato à frente de um dos maiores estados do Brasil. Chegou ao poder ao derrotar o carlismo em 2006. Naquela disputa, Jaques Wagner, eleito senador pela Bahia neste domingo, derrotou Paulo Souto (DEM) contrariando as pesquisas de então.

Em 2010, Wagner foi reeleito e fez o sucessor quatro anos depois. Hoje, Rui Costa, que era secretário e deputado federal em 2010, obteve a mais expressiva vitória de um governador baiano, após a derrota imposta por Waldir Pires a Josaphat Marinho, na década de 80.

Golpe e Barbárie

Vitória e derrota

 

Janio de Freitas, na Folha

janio de freitasA preocupação com a possibilidade de que militares oponham as armas ao voto encobre, mas não enfraquece, outra possibilidade negativa.

O juiz e os procuradores da Lava Jato, o tribunal federal da região Sul (o TRF-4), o Tribunal Superior Eleitoral e o Supremo já ganharam parte do seu confronto com a maioria do eleitorado, mas as pesquisas comprovam que há dificuldade para ir além. Lula ficou excluído das eleições, no entanto o PT e seu candidato mais do que sobrevivem. Meia vitória é, no mínimo, meia derrota.

Aquelas forças, que já foram chamadas de partido da justiça ou do Judiciário, há semanas mantêm-se como espectadoras. Não é um silêncio confiável, até por não terem experimentado sequer uma derrota nos seus quatro anos, e não se sabe como a receberiam agora. Ou como recebem a perspectiva de tê-la.

togaComparados os anos recentes de militares e do sistema judicial, não é na caserna que se encontram motivos maiores de temer pelo estado democrático de direito. Os avanços sobre poderes do Legislativo e do Executivo, os abusos de poder contrários aos direitos civis, ilegalidades variadas contra os direitos humanos —a transgressão da ordem institucional, portanto— estão reconhecidos nas práticas do Judiciário e da Procuradoria da República.

Em tais condições, seria pouco mais do que corriqueiro o surgimento, nos dez dias que nos separam das eleições, de um petardo proveniente de juiz ou procurador para perturbar a disputa eleitoral, na hierarquia a que chegou.

Read the rest of this entry »

Ibope: Haddad sobe e Bolsonaro estaciona

haddad manu 1O candidato do PT à presidência da República, Fernando Haddad, cresceu três pontos na pesquisa Ibope divulgada no início da noite desta segunda-feira 24.  Haddad registrou 22% das intenções de voto, diminuindo a vantagem sobre Jair Bolsonaro, que estagnou em 28% desde o último levantamento, divulgado na última terça-feira 18.

O terceiro colocado, Ciro Gomes (PDT), manteve 11%, à frente de Geraldo Alckmin (PSDB), que oscilou de 7% para 8%, e de Marina Silva, que oscilou de 6% para 5%.

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro perde para todos os adversários, com exceção de Marina Silva, com quem empata. Numa disputa entre Haddad e Bolsonaro, o candidato do PT venceria com 43% das intenções de voto, contra 37% do deputado. Os números da pesqusia anterior mostravam os dois empatados, com 40% cada um.

A vantagem de Bolsonaro sobre Haddad, desde que o petista foi oficializado candidato, no dia 11 de setembro, caiu de 18 para 6 pontos. O candidato do PT é agora o único presidenciável que apresenta tendência de alta em toda a série de cinco pesquisas Ibope divulgadas desde 20 de agosto.

O Ibope foi às ruas entre os dias 22 e 23 de setembro. Foram entrevistadas 2.506 pessoas em 178 municípios. A margem de erro estimada é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

 

A História do Golpe

Ato 1: A derrubada de um governo legítimo

Ato 2: O Desastre

Memórias de um Dinossauro

dt

Potiraguá, 2010- Conheci “seu” Gentil lá pelos idos do começo dos anos 80 do século passado. Era o período da mobilização pelas Diretas Já e eu passava férias em Potiraguá, cidade nos limites da Região Cacaueira da Bahia. Na época “seu” Gentil era presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, o que não era pouca coisa em tempos semi-coronelistas. É não é que cismamos de fazer ali em Potiraguá um comício pelas Diretas Já. Cismamos e fomos à luta.

Arrumamos um carro de som e saímos convocando o povo de Potiraguá e da vizinha Itarantim. A idéia ganhou corpo, atraiu outras pessoas e fizemos um grande comício, que contou com as presenças de lideranças da época, como Raul Ferraz e Pedral Sampaio, então um ícone de esquerda, que depois se bandeou para os braços de ACM e sumiu melancolicamente da vida pública.

Durante o comício, aconteceu algo inusitado: o prefeito mandou cortar a energia da praça, que estava lotada. Não tive dúvidas: pedi que o pessoal acendesse os isqueiros e dessa maneira levamos o comício até o fim, num clima emocionante. O espírito da democracia que a gente ia respirando após tantos anos de ditadura contagiou a praça.

gentilLogo depois, “Seu” Gentil fundou o PT de Potiraguá e até hoje continua na luta, desafiando a idade com aquela gana dos que acham que é possível fazer um mundo melhor, que o sonho é, sim, possível.

No último domingo, durante a visita de Jaques Wagner a Potiraguá, reencontrei e abracei “seu” Gentil, agora presidente de honra do PT local, mas acima de tudo um militante do partido que se confunde com sua própria vida.

Foi como um passeio no tempo, pra reforçar a convicção de que é compensador seguir o caminho que as vezes é mais longo e mais cheio de obstáculos, mas é o caminho que faz a gente acreditar que vale, valeu e valerá a pena caminhar.

—-

Em 2016, seu Gentil partiu para um lugar chamado eternidade. Como bom petista, foi ser estrela lá no céu.

Lula: “peço a todos que votem no Haddad”

O PT exibiu no horário eleitoral da noite desta quinta-feira, 13, seu novo programa com a participação de Fernando Haddad como o candidato a presidente no lugar de Luiz Inácio Lula da Silva.

A peça emocionante conta com leitura da carta de Lula em que o ex-presidente anuncia a substituição de sua candidatura. “SE querem calar a nossa voz, estão muito enganados. Continuamos vivos no coração e na memória do povo.E o nosso nome agora é Fernando Haddad. Eu quero pedir de coração a todos que votariam em mim, que votem no Haddad para presidente”, diz Lula.

Programa do PT: pura emoção

Primeiro programa do PT na televisão, com Haddad presidente

Direção do PT confirma candidatura de Haddad

haddad manu 1

Em reunião fechada em Curitiba, membros da Executiva Nacional do PT aprovaram por unanimidade no início desta tarde Fernando Haddad como novo candidato do partido à presidência da República, após a impugnação de Lula pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na semana passada. A decisão já havia sido tomada por Lula, que submeteu a decisão oficial para a Executiva por meio de uma carta em que indicava Haddad.

O ex-prefeito de São Paulo, que até então era candidato a vice do ex-presidente, terá seu nome lançado oficialmente em ato marcado para 15h na capital paranaense, com Manuela Dávila, do PCdoB, como vice. Lideranças petistas estarão em peso na cidade, onde Lula é mantido como preso político na sede da Polícia Federal desde 7 de abril.

 

Nas redes sociais, militantes petistas têm usado as expressões “somos todos 13 de Lula” e “Lula é Haddad e Manu 13″, para consolidar a nova chapa. “Haddad acaba de ler a carta do Lula na reunião da Executiva Nacional do PT”, relatou o deputado José Guimarães (PT-CE) no Twitter, sobre a reunião da Executiva.

Cúpula do PT vai a Curitiba para lançamento da chapa Haddad-Manuela

haddad manu 1(Paraná 247) – A cúpula do PT está em Curitiba ou viajando para lá na manhã desta terça para o ato de transferência de titularidade da candidatura ao Planalto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) e Manuela D’ávila (PCdoB) como vice, que deve acontecer nesta terça-feira (11), às 15h, na Vigília Lula Livre, próximo à Superintendência da Polícia Federal, onde Lula se encontra preso.

O governador de Minas Gerais e candidato à reeleição, Fernando Pimentel, cancelou toda a sua agenda do dia e está se dirigindo para a capital paranaense. Outros governadores e lideranças do partido também estão na cidade.

A candidatura do ex-presidente Lula tem o prazo até às 19h desta terça-feira, de acordo com as regras do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para ser substituída.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031