WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

universidade lasalle livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

outubro 2022
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: ‘metrô’

Governo realiza viagem teste de novo trecho do metrô até Águas Claras/Cajazeiras

 

Realizada nesta segunda-feira (26), a viagem teste do Tramo 3 da Linha 1 do Sistema Metroviário Salvador-Lauro de Freitas (SMSL) contou com a presença do governador Rui Costa. O novo trecho do sistema metroviário possui aproximadamente cinco quilômetros de extensão, a partir da estação Pirajá, com duas novas estações: uma em Campinas de Pirajá, nas imediações da Brasilgás, e a outra denominada Águas Claras/Cajazeiras, implantada na confluência da Avenida 29 de Março com a BR-324.

As novas estações, somadas às demais já em operação, totalizam 22 estações, em uma malha metroviária de 38 quilômetros, atendendo 340 mil passageiros por dia. A obra do Tramo 3 contempla ainda o Terminal de Integração ao lado da Estação Campinas de Pirajá, junto com o Terminal de Integração de Ônibus Urbano e Metropolitano em Águas Claras. A Estação Águas Claras/Cajazeiras ainda terá acesso à nova Rodoviária da capital baiana, figurando como um importante complexo de mobilidade da cidade.

Com obras iniciadas em abril de 2020, em meio à pandemia, a construção do Tramo III é destaque nacional deste ano, entre todas as obras metroferroviárias do Brasil. O investimento é de R$ 635 milhões, que serão revertidos em benefício de novos 40 mil passageiros por dia.

:: LEIA MAIS »

Prestes a completar oito anos de operação, metrô já gerou mais de R$ 11,1 bilhões na economia do estado

metrô 11Inaugurado pelo Governo do Estado em junho de 2014, o Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas (SMLS) é um dos meios de transporte que mais cresceu na América Latina. Com duas linhas e 20 estações, distribuídas por 33 quilômetros de extensão, o modal trabalha por meio de 40 trens, além de oito terminais de ônibus integrados. O sistema recebeu investimentos de R$ 2,7 bilhões do Governo do Estado e já gerou um impacto positivo de mais de R$ 11,1 bilhões na economia da Bahia.

Atualmente, a Linha 1 do metrô funciona de Pirajá até a Lapa, enquanto a Linha 2 vai do Acesso Norte até a Estação Aeroporto, nas mediações de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Mais de 370 mil passageiros são transportados por dia. Além de potencializar avanços na área de desenvolvimento urbano, o transporte de passageiros gera emprego e renda. Em 2021, durante a pandemia da Covid-19, mais de 4.885 empregos diretos e indiretos foram criados com os investimentos e operações do sistema.

metrô 22

A importância do modal na rotina dos soteropolitanos foi tema de um estudo inédito que reuniu membros do autoridades do estado, na última quarta-feira (8), na Casa do Comércio. Intitulado ‘Impactos Econômicos e Sociais do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas’, o estudo revelou a dimensão operacional do metrô na Bahia. Desde 2016, o número de estabelecimentos e oportunidades de trabalho proporcionadas pelo sistema posiciona o transporte como um centro de prestação de serviços para a comunidade.

:: LEIA MAIS »

Rui Costa determina utilização de máscaras para usuários do metrô a partir de segunda-feira

A partir da próxima segunda-feira (4), será obrigatório o uso de máscaras por usuários do sistema metroviário de Salvador. A informação foi confirmada pelo governador Rui Costa, nesta terça-feira (28). A obrigatoriedade é adotada como mais uma das formas de conter a disseminação do novo coronavírus. O governador ainda informou que durante esta semana, máscaras de tecido serão distribuídas aos passageiros do metrô.

De acordo com Rui Costa, as câmeras para medição da temperatura no metrô chegam a Salvador nesta semana e devem ser instalados inicialmente em três estações que ainda serão definidas. “Essas câmeras medem a temperatura de diversas pessoas ao mesmo tempo e quem estiver com o indicativo de febre, que é um dos sintomas da Covid-19, não poderá utilizar o serviço. Para isso, teremos uma equipe de saúde na retaguarda para orientar essas pessoas a procurarem orientação médica, já que elas poderão estar com o coronavírus ou outra doença”.

Rui autoriza ampliação do metrô até Cajazeiras/Águas Claras

metro (3)

O metrô de Salvador vai chegar ao bairro de Cajazeiras, passando por Águas Claras, na região onde será construída a nova rodoviária. A ordem de serviço para a construção do tramo 3 foi assinada pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (9), no estacionamento da estação de Pirajá. O novo tramo contará com duas estações: uma em Campinas de Pirajá e outra em Águas Claras/Cajazeiras, onde também será construído um terminal de integração. O trecho terá 5,5 quilômetros de extensão, implantado pelo lado esquerdo da Rodovia BR-324, no sentido Salvador/ Feira de Santana, começando no KM-622, em Pirajá, e seguindo até o KM-616 (viaduto de Águas Claras).
metro (1)O governador Rui Costa destacou que Salvador está recebendo o maior investimento da história em obras de mobilidade urbana. “São mais de R$ 10 bilhões aplicados em obras de mobilidade. A estação de Águas Claras vai ficar junto à nova rodoviária, criando ali um novo vetor de desenvolvimento e um novo polo de geração de emprego tanto para o povo daquela região quanto para os moradores de Cajazeiras, Águas Claras, e Fazenda Grande, e também para a população do subúrbio ferroviário. Nós estamos estimando que cerca de dez mil empregos serão gerados com a obra, além dos que serão gerados no equipamento e à margem da via, na nova rodoviária e nas estações de metrô”.
Rui ainda revelou que o metrô será ampliado também em direção à Barra e ao Campo Grande. “Esse mês nós concluímos os estudos de topografia, sondagem em geologia daquela região do centro. Nós pretendemos ampliar o metrô para o centro também, chegando até o Campo Grande. Serão mais três estações, incluindo uma na Graça e outra na Barra. Agora será licitado o anteprojeto e ano que vem devemos licitar a obra”.

:: LEIA MAIS »

Metrô e VLT do Subúrbio modernizam transporte urbano em Salvador

m 2

Com 470 anos de fundação, comemorados nesta sexta-feira (29), Salvador mistura história e modernidade. Nos últimos anos, o sistema de transporte da capital baiana tem passado por grandes mudanças. O metrô entrou em funcionamento, os trens do subúrbio vão ser substituídos pelo Veículo Leve de Transporte (VLT) e uma nova Estação Rodoviária será construída.

m 1Realizados pelo Governo do Estado, esses investimentos impactam não apenas no jeito do soteropolitano se transportar. “Investir em mobilidade é criar condições de infraestrutura urbana para o desenvolvimento econômico, para a melhor qualidade de vida da população”, afirmou o secretário da Casa Civil, Bruno Dauster.

Para o secretário, houve um salto de qualidade no transporte de Salvador. Há cerca de cinco anos, a cidade possuía um dos piores índices de mobilidade do Brasil e da América Latina. A perda de tempo desestimulava a economia e desgastava a população.

O metrô ajudou a reduzir o tempo de deslocamento. Com duas linhas, o sistema vai da Estação da Lapa ao bairro de Águas Claras, passando pelo Acesso Norte, e chega até o Aeroporto de Salvador, integrado às linhas de ônibus. Hoje, a operação já está completamente adaptada à rotina dos moradores.

“Estamos com uma média de 370 mil passageiros por dia. Temos esquemas de funcionamento especial para os dias de festas, para todos os shows e jogos, inclusive para o Carnaval”, explica o coordenador de atendimento da CCR Metrô Bahia, empresa que administra o sistema, Leonardo Balbino.

:: LEIA MAIS »

Metrô amplia funcionamento e transporta 1 milhão de passageiros

m 2

De 1 a 6 de março, o Metrô Salvador abriu uma hora mais cedo, às 4h, para atender melhor o folião que usou o sistema para ir e voltar do Carnaval. Com isso, a CCR Metrô Salvador, empresa que opera o sistema, registrou um aumento de 21,73% no número de passageiros em relação ao Carnaval de 2018. No total, 1.057.786 pessoas foram transportadas, 188.803 a mais que no ano passado.

m 1“Isso mostra uma adesão da sociedade soteropolitana ao modal transporte metroviário, que proporciona uma viagem confortável, rápida, segura, integrada ao ônibus e ao transporte por aplicativo, possibilitando a chegada em todos os circuitos, tanto no Circuito Batatinha (Pelourinho), desembarcando na Estação Campo da Pólvora, como no Circuito Osmar (Campo Grande), desembarcando na Estação Lapa. E também com facilidade para chegar ao Circuito Dodô (Barra-Ondina), desembarcando na Estação Lapa e utilizando os ônibus exclusivos para o circuito”, destaca o gestor de Atendimento e Operação da CCR Metrô, Hamilton Trindade.

O pleno funcionamento do sistema, que este ano incluiu a Estação Aeroporto, também influenciou no aumento do número de usuários. “Com certeza, [a estação] ajudou porque facilitou a chegada de pessoas que moram na Região Metropolitana Salvador e também para os turistas que estavam chegando. Muitos utilizaram o metrô, já levando para hotéis que ficavam próximos dos circuitos do Carnaval”, acrescentou Hamilton.

:: LEIA MAIS »

Metrô acrescenta trens na operação e oferta mais viagens aos passageiros

metro 2A partir desta sexta-feira (7), a CCR Metrô Bahia vai acrescentar mais dois trens na operação do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas para aumentar o conforto durante as viagens, passando a operar com 34 trens e ofertar 110 novas viagens, disponibilizando mais de 100 mil novos lugares por dia útil. A iniciativa vai aumentar o número de viagens e reduzir os intervalos entre os trens. Viabilizada pelo Governo do Estado, a implantação do sistema metroviário baiano é uma das mais importantes intervenções de mobilidades em andamento no país.

Nos horários de pico da manhã (das 6h29 às 8h38) e da tarde (das 16h45 às 19h20), na Linha 1 passará um trem a cada 2 minutos e 41 segundos; na Linha 2, a cada 3 minutos e 10 segundos. Nos horários entre picos, o intervalo será de 5 minutos e 20 segundos na Linha 1, e de 6 minutos na Linha 2.

Além disso, para facilitar as compras de fim de ano, a concessionária também vai reduzir os intervalos entre trens das 8h às 18h nos sábados e domingos que antecedem ao Natal – dias 15, 16, 22 e 23, aumentando a oferta de lugares. A estratégia foi pensada levando-se em consideração o aumento na demanda de clientes no período que antecede as festas.

Passarela de acesso à Estação Pituaçu do metrô é entregue à população

Foto Elói Corrêa_GOVBA (1)A nova passarela da Estação Pituaçu foi entregue, nesta quinta-feira (9), aos usuários do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas, garantindo uma travessia mais segura, com conforto e comodidade. O equipamento liga a estação de metrô ao estádio de Pituaçu, ao Terminal de Ônibus Pituaçu, à 4ª Avenida do Centro Administrativo da Bahia (CAB) e à Avenida Paralela. O evento contou com a presença de diretores da concessionária CCR Metrô Bahia e de secretários de Estado.

“A passarela é de grande importância para essa região, que dá acesso ao CAB e também ao estádio de Pituaçu, por ter um movimento intenso de pessoas que utilizam os serviços do metrô, principalmente em dias de jogo. O equipamento vai dar condição para que essas pessoas cheguem nesses dois lugares com mais segurança”, explicou o secretário estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Demir Barbosa.

Foto Elói Corrêa_GOVBA (5)Com 836 metros de extensão e seis metros de largura, a nova passarela tem capacidade de fluxo para 27 mil pedestres por hora. O equipamento atende às especificações exigidas de acessibilidade, como piso tátil e rampas. O acesso pode ser feito pelos dois sentidos da Avenida Paralela – através de duas escadas rolantes inteligentes, rampas e escadas fixas – pelo Terminal de Ônibus Pituaçu e pelo canteiro central da Avenida Paralela.
Intervenções

Para solucionar a questão do acesso dos usuários para a estação e para o terminal de integração, optou-se por realizar as adaptações necessárias na passarela existente, assim como construir um novo tramo de passarela metálica modular, que fará a interligação da existente ao mezanino da estação, dando acesso às bilheterias e às plataformas no nível inferior. (Fotos: Elói Corrêa/GOVBA)

Estação Pituaçu de Metrô ganha nova passarela de acesso

Nesta quinta-feira (9), será aberta aos usuários do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas a nova passarela de acesso à Estação Pituaçu, garantindo uma travessia mais segura, com conforto e comodidade. O novo equipamento liga a estação de metrô ao estádio de Pituaçu, ao Terminal de Ônibus Pituaçu, à 4ª Avenida do CAB e à Avenida Paralela. O canteiro central também será oficialmente entregue. A solenidade será às 08h30 e vai contar com a presença de diretores da concessionária CCR e de secretários de governo.

 

Com 836 metros de extensão (entre trecho novo e trecho adaptado) e 6 metros de largura, a nova passarela tem capacidade de fluxo para 27 mil pedestres por hora. O equipamento atende às especificações exigidas de acessibilidade, como piso tátil e rampas. O acesso pode ser feito pelos dois sentidos da Avenida Paralela – através de duas escadas rolantes inteligentes, rampas e escadas fixas – pelo Terminal de Ônibus Pituaçu e pelo canteiro central da Avenida Paralela.

Rui destaca ações no interior da Bahia

rui #papocorreria

Na edição desta semana do programa Digaí, Governador, Rui Costa fala sobre o andamento das obras complementares do metrô e a agenda de entregas no interior do estado, com destaque para a inauguração da Policlínica Regional do Litoral Norte, com sede em Alagoinhas, na próxima sexta-feira.

Ouça:





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia