hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘lula’

Entrevista de Lula a Bob Fernandes

Na TVE Bahia, Lula fala sobre Moro, Dallagnol, Globo, militares, Bolsonaro, FHC, Queiróz, EUA, Palocci…

Lula concede entrevista a Bob Fernandes para a TVE Bahia

fidel lulaNa última quarta-feira (14), na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, o ex-presidente Lula concedeu entrevista exclusiva ao jornalista Bob Fernandes, a primeira para uma televisão pública desde que passou a cumprir pena, em abril de 2018. A TVE Bahia exibe a entrevista nesta sexta-feira (16), no YouTube, Facebook e Twitter, às 18h, e na TV às  22h.

Na entrevista, o ex-presidente afirmou não saber como as informações reveladas pelo site The Intercept nas últimas semanas chegam aos ministros do Supremo Tribunal Federal e que, após tomar conhecimento das mensagens entre o ex-juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallangnol, “a suprema corte pode fazer uma correção” no processo que o condenou.

Para Lula, os últimos acontecimentos no Brasil têm relação com a atuação do governo estadunidense. “Tudo que está acontecendo tem o dedo dos Estados Unidos, que manda mais no Sergio Moro do que a mulher dele”, afirmou.

Já em relação ao Procurador do Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol, considera que “desde o dia que ele deu uma coletiva dizendo que não tinha provas contra mim, mas apenas convicções, o Conselho Nacional do Ministério Público tinha que ter tirado esse moleque”. E afirmou que não pretende solicitar progressão da pena para sair da condição atual em Curitiba. “Estou aqui até para provar que eles são bandidos e eu não”, disse.

Read the rest of this entry »

Lula deve ser liberto e não transferido para São Paulo”, afirma Robinson Almeida

Lula Livre

O deputado estadual Robinson Almeida (PT) criticou a autorização para transferência do ex-presidente Lula, dada nesta quarta-feira (7), pela juíza Carolina Lebbos, da carceragem da Polícia Federal (PF), em Curitiba, para um estabelecimento prisional de São Paulo. O parlamentar defende a liberdade imediata do ex-presidente, considerado por ele “um preso político”, e avalia a medida como “mais um capítulo cruel da perseguição da justiça” contra Lula.

robinson“Mais um capítulo da cruel perseguição da justiça de Curitiba ao presidente Lula. Condenado sem provas, Lula sofre com a injustiça e com a crueldade dos seus julgadores. Transferir para um presídio comum em São Paulo é violar as garantias dadas aos ex-presidentes da República”, afirmou Robinson. “O presidente Lula é um preso político, vítima de uma perseguição ardilosa que viola a Justiça e o Estado Democrático de Direito. O Brasil quer Lula Livre porque sabe da sua inocência e da injustiça e arbitrariedade que representa seu encarceramento”, enfatizou o parlamentar.

A autorização de transferência do ex-presidente atende um pedido da Superintendência Regional da Polícia Federal no Paraná, órgão subordinado ao ministro da Justiça, Sergio Moro. O ex-juiz é o responsável pela condenação que prendeu Lula em abril de 2018.

Rui Costa afirma que novo aeroporto de Conquista deve ser inaugurado por quem trabalhou e pelo povo

Em vídeo publicado nas redes sociais na tarde desta segunda-feira (22), o governador Rui Costa afirmou que não participará da inauguração do Novo Aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da Conquista. Na opinião do governador, o evento se transformou em uma convenção político-partidária. “A medida anunciada é excluir o povo da inauguração, fazer uma inauguração restrita a poucas pessoas, escolhidas a dedo como se fosse uma convenção político-partidária. Não posso concordar com isso”, disse ao explicar a decisão.

Na mensagem, Rui destacou a importância de todos os trabalhadores que se dedicaram por muitos anos na construção do equipamento e reconheceu o papel dos ex-presidentes Dilma Rousseff e Michel Temer; do ex-governador Jaques Wagner; e do ex-secretário estadual de infraestrutura, Otto Alencar, para a conclusão da obra.

Os heróis instantâneos

 

Genaldo de Melo

genaldoEm qualquer sociedade os grupos que se organizam e que se propõem a administrar politicamente a coisa pública, precisam de seus líderes, de seus ícones e de seus heróis. Jamais poderia ser diferente na sociedade brasileira.

Os grupos políticos que sempre estiveram no poder no Brasil criam seus líderes da noite para o dia, com dinheiro fácil, com mídia e com os aparatos de que dispõem com mais facilidade do que a maioria do povo que se organiza.

Porém, esses grupos não representam o todo da sociedade, eles representam apenas quem tem dinheiro, mídia e os aparatos. Cabendo sempre a maioria construir seus líderes, ícones e heróis às duras penas.  Por isso, que na mais das vezes os heróis da maioria do povo brasileiro, são sempre os heróis da minoria que os criam da noite para o dia.

Nos últimos tempos a grande liderança do povo foi Lula. Este preso, outros líderes menores não conseguem nem mesmo conviverem juntos, por isso que falsos heróis enganam a todos.  Os chamados líderes menores do povo estão tão perdidos, que a cada novo dia um ícone da minoria rica protagoniza alguma coisa, que os deixam eufóricos e cegos com falsas promessas.

Read the rest of this entry »

Lula: PHA não se curvou diante das autoridades

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva emitiu uma nota de pesar pela morte do jornalista Paulo Henrique Amorim, vítima de infarto nesta quarta-feira (10) no Rio de Janeiro.

“Em tempos onde a maior parte da imprensa se levou pelos consensos, ele manteve suas análises e opiniões críticas, independente dos seus patrões”, diz o texto.

Leia a íntegra da nota:

Paulo Henrique Amorim nos deixou cedo demais. Jornalista e apresentador com décadas nos jornais e na televisão, também foi um pioneiro na internet.

A importância de Paulo Henrique só cresceu ao longo da sua carreira. Em tempos onde a maior parte da imprensa se levou pelos consensos, ele manteve suas análises e opiniões críticas, independente dos seus patrões. Pelo seu compromisso com o Brasil sofreu perseguições, cada vez mais intensas, daqueles que querem destruir com sua intolerância, notícias falsas e censura a soberania nacional. Não se curvou as autoridades que criticava, nem as forças que detém as TVs desse país.

Nesse momento de dor, minha solidariedade com sua esposa, Geórgia, seus familiares, amigos, leitores, telespectadores, todos que, como eu, o acompanhavam no site Conversa Afiada. A morte de Paulo Henrique Amorim não é uma perda apenas para o jornalismo. Com sua partida perde também o Brasil e sua democracia.

Lula, Fidel e a História

Josias Gomes

 

josias gomesEm Cuba, no dia 16 de outubro de 1953, um jovem advogado, líder revolucionário, cometeu um dos maiores atos de coragem do século XX. Depois de um assalto malsucedido ao quartel Moncada e cair nas garras da feroz ditadura de Fulgêncio Batista, o destemido cubano fez uma histórica autodefesa, finalizando o seu discurso com a célebre frase: “A História me absolverá”.

O nome do revolucionário cubano era Fidel Castro. A História não somente absolveu como o tornou uma lenda da esquerda internacional.

Relembramos uma lenda, a injustiça e a ditadura arquitetada pelos EUA para destacar o crime continuado que estão cometendo contra Luís Inácio Lula da Silva, que enfrenta forças opressoras tão prostituídas e violentas quanto as de Fulgêncio Batista.

lula e fidelSeus inimigos não lhe dão um segundo de trégua. No entanto, Lula mantém o vigor de um jovem diante da perseguição, porque quem nasceu para revolucionar o mundo não envelhece.

Guardadas as devidas diferenças dos fatos históricos que envolvem os dois revolucionários, podemos dizer que Lula é mais “perigoso” e “subversivo” do que Fidel. Depois de dois mandatos presidenciais e mais duas outras vitórias apoiando a presidenta Dilma, ele conseguiu feitos que levam as forças do atraso e do império norte-americano a considerá-lo um inimigo mortal. Consequentemente, o ataque é mais brutal.

Fidel conseguiu fazer a sua autodefesa dentro do Hospital Civil Saturnino Lora, onde estava sob custódia, e confrontou a ditadura: “A Justiça devia estar muito doente para convocar os ilustres magistrados de tão alto tribunal para trabalhar em um quarto de hospital”, disse.

 

Read the rest of this entry »

Governador Rui Costa visita ex-presidente Lula em Curitiba

O governador Rui Costa visitou o ex-presidente Lula nesta quinta-feira (27), em Curitiba. Após o encontro, Rui afirmou que “ele manifestou sua inquietação e preocupação com as notícias sobre o aumento da fome, da população de rua e da pobreza no país. Mas sempre muito otimista, falando do potencial do país e da necessidade de o Brasil voltar a crescer, gerar empregos e cuidar das pessoas”.

Na visita, o governador da Bahia foi acompanhado pelo governador do Piauí, Wellington Dias. Em conversa com militantes, Rui disse também ter manifestado a Lula “a solidariedade do povo nordestino e dos governadores do Nordeste e a vontade que se faça Justiça. As últimas notícias deixam claro para o mundo inteiro a falta de respeito à Lei e à Constituição e a perseguição política-partidária ao ex-presidente Lula”.

Após o encontro, Rui falou com as pessoas que estão em Curitiba, no movimento #LulaLivre.

Com o Supremo com tudo…

Lula vai levar à ONU denúncia de pressões de militares e Bolsonaro para mantê-lo preso

lulaA defesa do ex-presidente Lula vai levar à ONU as conversas entre o ex-juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol reveladas pelo site The Intercept. Será mais uma denúncia no organismo internacional das manipulações ilegais do hoje ministro do governo de extrema-direita que resultaram na condenação do ex-presidente.

A informação é da coluna Painel da Folha de S.Paulo que ressalta ainda que os advogados de Lula vão apresentar à ONU as declarações de membros das Forças Armadas e do governo Bolsonaro como demonstração de que todas as instâncias do Judiciário brasileiro são pressionadas no sentido de manter o ex-presidente preso.

A expectativa dos advogados é que o caso de Lula seja apreciado no organismo multilateral em setembro. Os advogados estão munindo-se de informações e argumentos para demonstrar que no Brasil “não há remédio jurídico possível” devido às tensões políticas e pressões sobre o Poder Judiciário para impedir a libertação de Lula.

 

Jaques Wagner a Moro: ´foi medida sensacionalista divulgar conversas grampeadas de Dilma?´

wagner(Brasil247) – O senador Jaques Wagner (PT-BA) questionou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, se ele não achou “sensacionalista” a divulgação dos grampos da então presidente Dilma Rousseff com o ex-presidente Lula no Jornal Nacional, da TV Globo, pela Lava Jato em abril de 2016. A indagação foi feita nesta quarta-feira 19 durante audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no Senado, onde Moro depõe.

“O ministro insiste em desualificar o site e chamá-lo de sensacionalista. O site já ganhou o ‘Oscar do jornalismo’ com a revelação dos ‘wiki leaks’. O combate à corrupção é pré-requisito para qualquer pessoa na vida pública. A melhor forma é responder o que está sendo revelado. Foi uma medida sensacionalista divulgar conversas grampeadas de Dilma? Colocar no pelourinho a dignidade de pessoas que deveria ser mantido em sigilo? Como no caso da Escola Base, por exemplo, que não tem nada a ver com Vossa Excelência”, disse Wagner.

“Pensa em se afastar do cargo para não prejudicar as investigações se ela for para a Polícia Federal?”, indagou ainda.

Antes disso, Moro por diversas vezes se referiu ao site The Intercept, responsável pela divulgação das conversas vazadas entre o ex-juiz e a força-tarefa da Lava Jato, como “sensacionalista”.

“O impacto inicipal decorrente do sensacionalismo da divulgação dessas notícias geraram uma repercussão indevida e o tempo está colocando as coisas no seu devido lugar. Há divulgação sensacionalista e isso coloca em questionamento quais as motivações”, respondeu Moro.

Jaques Wagner voltou a cobrar: “o senhor ainda não respondeu se foi sensacionalista a divulgação dos áudios de Dilma”. “O senhor acha de bom tom deixar o cargo para as investigações?”, repetiu o senador.

TVE exibe entrevista de Lula após reportagens do The Intercept Brasil

fidel lulaO programa Entre Vistas desta terça-feira, às 22h, na TVE Bahia, exibe a primeira entrevista do ex-presidente Lula, concedida aos jornalistas Juca Kfouri e José Trajano, após as reportagens publicadas pelo site The Intercept Brasil, revelando conversas entre o ex-juiz Sergio Moro, atual ministro da Justiça, o procurador da República Deltan Dallagnol e outros procuradores da Lava Jato.

Autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a entrevista ao canal TVT foi gravada da sede da Polícia Federal, em Curitiba.

Lula relembrou a invasão da Polícia Federal na sua casa, na dos seus filhos, e ao Instituto que leva o seu nome. “A Polícia Federal não encontrou absolutamente nada e não teve coragem de dizer na televisão”, afirmou, ao acrescentar que não houve um pedido de desculpas pela situação.

O ex-presidente aproveitou a entrevista para convidar Sergio Moro e Deltan Dallagnol para um debate. “A Globo poderia fazer um debate entre eu, o Moro e o Dallagnol. Eu sozinho contra os dois”, sugeriu.

A entrevista poderá ser acompanhada também pelo Portalwww.tve.ba.gov.br/tveonline

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930