hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Posts Tagged ‘jorge amado’

Um banho de tinta no amado Jorge

Estátua de Jorge Amado recebe revitalização da pintura - Secom (2)

Um dos monumentos mais fotografados de Ilhéus, a estátua do escritor baiano Jorge Amado, está passando por uma revitalização na sua pintura. Iniciou hoje (27), pelas mãos do artista plástico ilheense Beto Shaolin, um trabalho cuidadoso de remoção dos fungos e detritos de sujeira que estão impregnados na estátua, devido ao desgaste da ação do tempo. O serviço está sendo realizado em parceria com o restaurante Vesúvio que reabriu as portas para o público.

“Jorge Amado é nosso escritor maior. Foi por ele e com ele que Ilhéus foi apresentada ao mundo. Tudo que fizermos ainda é pouco para fortalecer sua obra”, reforça o gestor cultural, Pawlo Cidade.

A obra-prima material está localizada em frete a Casa de Cultura que leva seu nome e, homenageia o escritor que está usando um chapéu, gravata e bengala, retratando uma das últimas imagens de Jorge ainda em vida.

amado jorge

Jorge, Itabuna e Ilhéus: indiferença e amor

jorge

Se vivo fosse, Jorge Amado completaria 105 anos. Um dos mais importantes escritores brasileiros, conhecido em todo o mundo, Jorge Amado deu à chamada Civilização Cacaueira uma dimensão planetária, em obras imortais como Cacau, Terras do Sem Fim, Tocaia Grande e, principalmente, Gabriela Cravo e Canela, todas ambientadas no Sul da Bahia.

Nascido na Vila de Ferradas, na então recém emancipada Itabuna, Jorge passou parte da infância e juventude em Ilhéus, cidade em que inspirou grande parte de sua obra e onde escreveu o primeiro romance, O Pais do Carnaval.

Enquanto a relação dos ilheenses com o escritor é de admiração, reconhecimento e afeto, os itabunenses o tratam com olímpica indiferença.

Casa onde Jorge nasceu em Ferradas: portas fechadas

Casa onde Jorge nasceu em Ferradas: portas fechadas

Jorge Amado sempre se definiu como ilheense ou, no máximo, um grapiuna. Só ao completar 80 anos disse enfaticamente, num programa especial da TV Cabralia, que nasceu em Itabuna. De Ferradas, escreveu em Navegação de Cabotagem, livro de memórias, que nascera “no cú do mundo”.

Óbvio que se tratava de uma brincadeira, mas os orgulhosos ferradenses receberam a blague como ofensa. E jamais o perdoaram, tanto que um busto colocado na praça principal foi retirado durante a noite e sumiu e uma estatua colocada na entrada no bairro foi alvo de vandalismo e, depois de restaurada, abrigada em segurança no campus da Universidade Federal do Sul da Bahia.

Casa onde Jorge vivem em Ilhéus: ponto turístico

Casa onde Jorge viveu em Ilhéus: ponto turístico

Na celebração dos 105 anos de Jorge, os contrastes que explicam a relação. A casa em que o escritor nasceu é um projeto inacabado de memorial e passa a maior parte do tempo fechada. Já a casa em que o escritor morou em Ilhéus é atração turística, com direito a uma estátua, foto obrigatória para pessoas de todas as partes do Brasil e do Exterior.

Indiferença em Itabuna, amor em Ilhéus.

Não importa. Nosso Menino Grapiuna é imortal.

Salve Jorge!!!

De José Delmo, para Jorge Amado

Exposição, palestra e contação de histórias marcam Semana de Arte e Cultura Jorge Amado

casa jorgeA exposição ‘Candaces’, da estilista Ana Cristina Neves abre no dia 7 deste mês, a partir das 10 horas, a Semana de Arte e Cultura Jorge Amado, na Casa de Cultura que leva o nome do escritor, situada no Centro Histórico de Ilhéus. A mostra busca valorizar e propagar a cultura africana, através de roupas e acessórios.

‘Candaces’ é o nome de linhagem de rainhas que reinaram por três gerações no sul do Egito, de forma matriarcal, onde o poder era passado de mãe para filha. Eram rainhas-mães, mulheres guerreiras que detinham o poder político, civil e militar dos seus reinos. A exposição é inspirada nessas rainhas guerreiras mostrando roupas confeccionadas com tecidos africanos e estampas étnicas, brincos, colares, pulseiras, anéis e turbantes.

Com programação eclética, a Semana de Arte e Cultura segue de 7 a 10 deste mês, com visitas gratuitas na Casa de Cultura Jorge Amado. Já no dia 9, a partir das 16 horas, o escritor, ex-guerrilheiro valenciano e membro da Academia de Letras de Valença, Araken Vaz Galvão, faz palestra para estudantes e professores com o tema “Jorge Amado e eu”, no auditório da Academia de Letras de Ilhéus. A tônica da sua fala será a experiência com a escrita de Jorge Amado e sua passagem pela ditadura militar. Araken Vaz Galvão é autor de mais de 20 livros, dentre eles “Pargo e outras histórias”.

Ainda em homenagem ao escritor Jorge Amado consta na programação a realização do programa Leitura na Praça, em parceria com o Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler), na praça Castro Alves, nas imediações da Biblioteca Pública Municipal Adonias Filho. O evento acontece no dia 10, a partir das 14 horas. Também a Semana de Arte e Cultura tem a contação de histórias, com “O gato Malhado e a andorinha Sinhá” e “A bola e o goleiro”. A atividade é gratuita e é para crianças das redes públicas de ensino de Ilhéus.

Read the rest of this entry »

O imortal Jorge Amado feito de chocolate. Uma deliciosa homenagem ao nosso eterno Menino Grapiuna

O imortal Jorge Amado feito de chocolate. Uma deliciosa homenagem ao nosso eterno Menino Grapiuna

Coronel Horácio de Carvalho, Maria Machadão e a moçoila dadivosa Berta. Jorge Amado revive no Festival Internacional do Chocolate e Cacau

Coronel Horácio de Carvalho, Maria Machadão e a moçoila dadivosa Berta. Jorge Amado revive no Festival Internacional do Chocolate e Cacau

Jorge e São Jorge dos Ilhéus

capa livro DT

Jorge nasceu em Itabuna, mas Amado mesmo ele é em Ilhéus, terra onde ele deu seus primeiros passos como escritor e produziu uma obra definitiva, “Cacau”.

Jorge Amado ganhou o mundo, mas nunca deixou de ser um Menino Grapiuna.

Nunca deixou de amar essa Ilhéus que aos 483 anos ainda é uma cidade em que a cada esquina se tropeça nas histórias e nos personagens que saltam dos livros para a realidade/fantasia.

Salve São Jorge dos Ilhéus. Salve Jorge!

Salvador recebe primeira Festa Literária do Pelourinho

jorge e zeliaO Centro Histórico de Salvador será palco de uma diversa programação de literatura este ano. É que, de 9 a 13 de agosto, acontece a primeira Festa Literária Internacional do Pelourinho (Flipelô). Ruas e espaços culturais serão ocupados por mesas de debates, lançamentos de livros, oficinas literárias, saraus, apresentações teatrais, exibição de vídeos, shows musicais, no histórico bairro da capital baiana.

A Flipelô é apresentada pelo Ministério da Cultura e Instituto CCR, por meio da Lei Rouanet, e tem apoio da CCR Metrô Bahia, em parceria com o Governo da Bahia. Nesta primeira edição, o evento comemora os 30 anos da Fundação Casa de Jorge Amado e homenageia o escritor, além de Zélia Gattai e Myriam Fraga, duas das mais relevantes escritoras e personalidades culturais, diretamente interligadas com a trajetória de vida do escritor.

flipeloSalvador entra no cenário nacional de eventos literários com mais de 50 atividades, além de autores, pesquisadores, críticos, estudantes e apaixonados pelo mundo das palavras. Tudo isso cercado pela arquitetura histórica, com fachadas de casas, de igrejas e dos paralelepípedos do Pelourinho.

O evento tem ainda o apoio do Shopping da Bahia, co-realização do Serviço Social do Comércio (Sesc), produção da Maré Produções Culturais e realização da Fundação Casa de Jorge Amado. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (71) 98272 0880/ 98804 5446.

Estudo sobre escritores nordestinos abre escola para a comunidade em Camamu

obras escQual a relação de escritores como João Ubaldo Ribeiro, Jorge Amado, Graciliano Ramos e Ariano Suassuna com a região e o povo Nordestino? É na perspectiva de estimular a leitura e fortalecer o sentimento de pertencimento dos estudantes com o local onde eles vivem que o Colégio Estadual Manoel Benício Dias, localizado na cidade de Camamu, na região Sul do Estado, está promovendo o projeto sobre os Escritores Nordestinos. Por meio do projeto, os estudantes desenvolveram pesquisas sobre vários escritores ao longo das primeiras unidades e, nesta semana, promoveram a III Feira Literária, que foi aberta à comunidade.

Além de pais, mães e responsáveis, a escola foi aberta para estudantes de outras unidades escolares do município e da região. Na oportunidade, foram realizadas exposições, recitais e encenações teatrais para a apresentação dos resultados do projeto. “Tivemos por volta de dois mil visitantes na escola durante o evento. Conseguimos alcançar nosso objetivo, que era passar conhecimento sobre os escritores nordestinos para nossos alunos e fomentar para eles e a comunidade a questão da identidade nordestina, através da Literatura”, comenta a diretora do Colégio, Tânia Alves.

Read the rest of this entry »

Carnaval de Ilhéus: alegria na terra de Jorge

História, cultura e praias intensificam fluxo turístico em Ilhéus

ios 2A mistura entre a realidade e a ficção que transborda das páginas da obra de Jorge Amado para o quarteirão cuja arquitetura caracteriza os tempos prósperos e coronelistas do cultivo do cacau, resume um dos mais importantes atrativos de Ilhéus, no sul da Bahia. O município registra intenso fluxo turístico, de 480 mil pessoas, durante a temporada de verão, de acordo com dados fornecidos pela Secretaria Municipal do Turismo.

Visitar Ilhéus é como fazer uma viagem no tempo. De Maria Machadão e o cabaré Bataclan, à Gabriela, morena da cor de cravo e canela, os lugares retratados pelo escritor baiano ficam em um centro conhecido como Quarteirão Jorge Amado, nos anos 20, época retratada pelo autor.

ios 1Os leitores e turistas que curtem essa viagem cultural também se deliciam com a gastronomia, o chocolate e as belas praias que banham Ilhéus, como as do Norte (no caminho para Itacaré), ou pelos resorts em direção à vizinha Una, ao longo da estrada que passa perto do mar. O animado roteiro mantém elevado o movimento do aeroporto. São oito voos diários para atender aos baianos e visitantes.

Em dezembro de 2016, 501 pousos e decolagens foram registrados. O embarque e o desembarque superaram os 61 mil passageiros, de acordo com dados da Infraero. Ao longo de todo o ano passado, Ilhéus totalizou 576 mil embarques e desembarques.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2022
D S T Q Q S S
« abr    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031