hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Joana Angélica Guimarães da Luz’

Sem verbas, reitora da UFSB afirma que “não há condições para continuar”

Joana Angélica Guimarães

Joana Angélica Guimarães

Por Juliana Sayuri | para o The Intercept

Faz 29 graus em Itabuna, no sul da Bahia. Joana Angélica Guimarães da Luz, 61 anos, se dirige diariamente ao km 39 da BR 415, a Rodovia Ilhéus – Vitória da Conquista. Ali, num prédio antigo alugado na Vila de Ferradas, bairro pobre na periferia de Itabuna, fica a reitoria da Universidade Federal do Sul da Bahia, a federal que mais perdeu dinheiro com os cortes do Ministério da Educação.

Segundo a Andifes, a Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior, o orçamento da UFSB em 2019 caiu para menos da metade: o valor inicial de R$ 31,5 milhões foi para R$ 14,5 milhões. O primeiro efeito do corte é sentido pelo corpo: apesar do inverno quente, em que a temperatura chega a 27 graus, a ordem é deixar o ar-condicionado desligado em todas as unidades. Nos últimos dias, me disse a reitora, eles tiveram “sorte”: choveu e ao calor deu uma trégua.

Luz é a primeira mulher negra eleita reitora de uma universidade federal. Empossada há pouco mais de um ano, ela teme não conseguir sequer concluir a construção dos campi da universidade, inaugurada em 2014. São três: Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Todos em obras. Todas, paradas.

Luz nasceu nos arredores de Itabuna. Filha de trabalhadores rurais, ela migrou do nordeste ao sul do país para estudar: primeiro, fez graduação em geologia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, seguida pelo mestrado na Universidade Federal da Bahia e pelo doutorado na Cornell University, em Nova York. A partir de 2012, participou ativamente da construção do projeto político-pedagógico da UFSB, declaradamente pautado por ideias de intelectuais como Anísio Teixeira, Milton Santos e o temido Paulo Freire. Segundo Luz, a UFSB foi idealizada como uma universidade de inclusão: a jovem federal abriga 4,5 mil alunos de graduação e pós-graduação – cerca de 80% deles de famílias de baixa renda.

O iminente virou imediato. “Universidades estão dizendo que vão parar as atividades, e a nossa está incluída. Não é tom de ameaça, não é retaliação. É realidade: não há condições concretas para continuidade”, relata a reitora. A administração está precisando escolher quais contas e contratos pode honrar e quais inevitavelmente vai pagar com atraso. “Estamos chegando ao ponto de paralisar tudo.”

Em entrevista ao Intercept, Luz fala sobre essas escolhas e a expectativa de liberação de recursos extras em setembro. Se não entrar mais dinheiro no caixa, a situação será “o caos”.

 

 

 

Intercept – Hoje, 15 de agosto, como está a UFSB?

Joana Angélica Guimarães da Luz – Hoje temos uma despesa de R$ 1,2 milhão por mês, mas recebemos R$ 860 mil. Estamos literalmente precisando escolher quais contas a gente paga e quais a gente atrasa, quais contratos a gente honra e quais não. O campus fica em uma cidade muito quente, mas definimos desligar o ar-condicionado para economizar energia elétrica. Os projetos de pesquisa estão em stand-by. Também temos diversas obras paradas, pois não temos recursos para pagar a empreiteira. A ordem direta é agora é suspender as obras, pois não há como arcar com os custos – mas ainda estamos discutindo com o MEC. Até lá, estamos nesse jogo de atrasar aqui, reduzir ali e ir levando para fechar o mês.

Read the rest of this entry »

Secretaria da Educação e UFSB ampliam parcerias para o fortalecimento da Educação Básica

sec ufsb (2)

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) e a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) irão ampliar a parceria para o desenvolvimento de ações voltadas ao fortalecimento da Educação Básica. A temática foi discutida, nesta quarta-feira (8), em reunião com a participação do secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, da reitora da UFSB, Joana Angélica Guimarães da Luz e de técnicos da SEC.

sec ufsb (1)
Na oportunidade, foi discutido o trabalho desenvolvido nos Colégios Universitários (CUNI), que funcionam em unidades da rede estadual de ensino, nas cidades de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Teixeira de Freitas, Itamaraju, Itabuna, Ilhéus, Coaraci e Ibicaraí. Nestes locais são ofertados cursos de Licenciaturas Interdisciplinares, com foco na formação de professores.  O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou que “a UFSB é uma grande instituição parceira e que tem um papel muito importante no desenvolvimento da Educação da Bahia e, por isso, devemos estreitar, ainda mais, essa relação de parceria e que vem sendo muito positiva”, salientou.

 
A reitora da UFSB, Angélica Guimarães da Luz, falou sobre os projetos que serão ampliados. “A gente já tem uma parceria com a Secretaria desde o início da UFSB na implementação de algumas políticas para a formação de professores e, neste momento, estamos reafirmando essa parceria e já trabalhando na perspectiva de ampliação. Nós iniciamos o processo de criação dos Colégios Universitários no Sul da Bahia e achamos que já está na hora de ampliarmos isso, inclusive, para a formação continuada dos professores da rede nos próprios municípios, sem a necessidade deles se deslocarem para os centros”, destacou.

Reitora da UFSB faz palestra em encontro de lideranças femininas

JOANA GUIMARÃES - FOTO - ASSESSORIA MARIE CLAIRE

A professora Joana Angélica Guimarães da Luz, reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia-UFSB, foi a palestrante da abertura do  Power Trip Summit 2019, promovido pela revista Marie Claire,  em Salvador. Os temas prioritários foram feminismo e diversidade na sociedade atual. A reitora da UFSB foi convidada pela organização do evento por ser a primeira mulher negra eleita reitora pela comunidade acadêmica de uma universidade federal. Na fala de abertura do encontro, Joana Guimarães abordou sua trajetória pessoal e acadêmica. A partir da própria história, a reitora ressaltou a falta de representatividade feminina e negra no meio acadêmico, destacando que, dentre as 63 universidades federais, hoje, apenas 19 mulheres são reitoras, poucas negras.
Sobre o mundo empresarial, a reitora destacou que a presença de mulheres, pessoas negras, LGBT+, pessoas com deficiência em lugares de destaque abre as empresas para outros modos de viver, de ver o mundo, permitindo também mais possibilidade de inovação.

Read the rest of this entry »

Reitora da UFSB recebe prêmio no Dia Internacional da Mulher

Joana Guimarães recebendo o Troféu Mãe Ilza - 3“Dai à mulher toda glória sem temor”. Este foi um dos versos repetidos na canção de abertura da cerimônia de entrega do VI Troféu Mãe Ilza Mukalê a mulheres inspiradoras por sua atuação na sociedade sul-baiana. O evento foi realizado no Dia Internacional da Mulher, no Terreiro Matamba Tombenci Neto, em Ilhéus.

O prêmio foi concedido a dez mulheres e grupos de mulheres que se destacam na região. Dentre elas, a reitora da Universidade Federal do Sul da Bahuia-UFSB, professora Joana Angélica Guimarães da Luz, primeira mulher negra eleita pela comunidade acadêmica para o cargo máximo de uma universidade federal brasileira. Muito emocionada, a reitora manifestou sua gratidão a Mãe Ilza pelo troféu, dizendo que o melhor de sua trajetória profissional são momentos como esse, “de enorme honra, que me enaltecem como mulher, mulher negra e professora.”

“Este prêmio não é meu, mas de todas as companheiras de sonhos e realizações que tenho comigo na UFSB”, festejou a reitora. Agradeceu a presença de colegas de trabalho na cerimônia, afirmando que o troféu revela o reconhecimento que o trabalho desenvolvido pela UFSB já tem na região. “Significa que estamos trilhando o caminho certo e queremos contribuir muito mais com as regiões Sul e Extremo Sul da Bahia”, comemorou a professora Joana.

Read the rest of this entry »

UFSB empossa reitora e vice-reitor

ufsb

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) realiza,na quinta-feira (12), no campus Jorge Amado, em Itabuna, a solenidade de transmissão de cargo para professora Joana Angélica Guimarães da Luz e para a posse do professor Francisco José Gomes Mesquita como vice-reitor.A cerimônia está prevista para começar às 17h e é aberta à comunidade.

A reitora Joana Guimarães foi nomeada por decreto publicado, no dia 24 de maio, no Diário Oficial da União. Ela foi empossada no dia 20 de junho, pelo ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, em cerimônia realizada em Brasília.Joana e Mesquita foram eleitos pela comunidade acadêmica para o quadriênio 2018-2022, com 64,82% dos votos na primeira eleição direta da Ufsb.

QUEM É JOANA
Graduada em Geologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com mestrado em Geoquímica pela Universidade Federal da Bahia e doutorado em Engenharia Ambiental pela Cornell University (EUA) e estágio Pós-doutoral na Brown University (EUA), a professora Joana Angélica Guimarães da Luz participou da Comissão de Implantação da Universidade Federal do Sul da Bahia (2011-2013), onde exerceu o cargo de vice-reitora de 2013 até a eleição.

QUEM É MESQUITA
Graduado em Geologia pela Universidade Federal da Bahia, tem mestrado em Geociências pela Universidade Federal da Bahia e doutorado em Geologia pela Universidade Federal da Bahia. Foi vice-reitor da Universidade Federal da Bahia. É Pró-Reitor de Planejamento e Administração da UFSB. (do Pimenta)

Joana Angélica Guimarães é empossada reitora da UFSB

reitora da UFSB joana guimarãesA professora Joana Angélica Guimarães da Luz foi empossada reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia pelo Ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, em solenidade oficial ocorrida no MEC na manhã de hoje (20), em Brasília.  Joana Guimarães foi eleita pela comunidade acadêmica com 64,82% dos votos, em consulta realizada no mês de novembro de 2017. É a única mulher negra reitora em exercício em uma universidade federal brasileira neste momento, conforme informação da Assessoria de Políticas Públicas da Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior (ANDIFES), que engloba 63 Universidades.

“Atualmente, o quadro de dirigentes que fazem parte da Andifes é composto por 29% de reitoras, um total de 19 mulheres à frente de Universidades Federais, das quais apenas uma é negra, havendo duas ex-reitoras negras”, destacou a Assessoria de Políticas Públicas da Entidade. Esse número reflete a realidade da presença deficitária das mulheres nos altos cargos públicos e também na ciência brasileira. Embora sejam maioria como estudantes e até bolsistas de graduação, a presença das mulheres vai diminuindo ao longo da carreira acadêmica pelo predomínio de valores machistas. Isso se agrava no caso das mulheres negras, pois ocupam os piores lugares na sociedade.

A professora Célia Regina da Silva, do Programa de Pós-Graduação em Ensino e Relações Étnico-Raciais do Campus Jorge Amado, informa que, “de um universo de aproximadamente 60 mil professores universitários, nós, mulheres negras, somos apenas algo em torno de 260. Se a gente for contar na UFSB, o número de pesquisadoras negras é muito inferior ao número de não negras.”

Read the rest of this entry »

MEC define posse da nova reitora da UFSB

angelicaO Ministério da Educação (MEC) agendou para a próxima quarta-feira, 20, às 11 horas, em Brasília, a cerimônia solene de posse da Reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia, professora Joana Angélica Guimarães da Luz. A nomeação foi assinada pela Presidência da República no dia 24 de maio de 2018. A professora Joana Guimarães foi eleita pela comunidade acadêmica com 64,82% dos votos, em consulta realizada no mês de novembro de 2017. Foi vice-reitora na gestão anterior, que permaneceu pro tempore do início das atividades da instituição até a consulta.

Desde então, a reitora eleita exerce o cargo na condição de “Reitora em exercício”. A posse define um momento importante para a Universidade, com a efetivação no cargo de uma representante eleita democraticamente. A Reitora já estará em Brasília para participar, entre os dias 18 e 20 de junho, do Seminário Internacional e IV Encontro dos Bacharelados e Licenciaturas e de Reuniões da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes). No retorno da capital federal, conforme protocolo, a Reitora dará posse ao vice-reitor, Professor Francisco Mesquita, em cerimônia agendada para o dia 5 de julho de 2018, na Reitoria da Ufsb.

Governo confirma Joana Angélica na reitoria da UFSB

FOTO MESQUITA E JOANA

O Diário Oficial da União publicou hoje, 24 de maio, o decreto presidencial de nomeação da professora Joana Angélica Guimarães da Luz para exercer o cargo de reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia, com mandato de quatro anos. O decreto endossa o desejo da comunidade acadêmica da UFSB, que escolheu a professora Joana Guimarães para reitora e o Professor Francisco Mesquita para vice, em consulta realizada em outubro de 2017.

A data da posse ainda não foi definida pela  UFSB.

UFSB e da UESC debatem parcerias

adelia

A vice-reitora em exercício do cargo de reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia-UFSB, professora Joana Angélica Guimarães da Luz, visitou a Universidade Estadual de Santa Cruz -UESC para tratar de projetos de interesse conjunto e em prol da região, sendo recebida pela reitora, professora Adélia Maria Carvalho Melo de Pinheiro.

A reunião abordou possibilidades de apoio interinstitucional, com ideias que devem ser aprimoradas em próximas reuniões de trabalho. A formação em saúde coletiva, o cenário nacional da educação pública e pontos nos quais as duas universidades podem colaborar foram tópicos abordados pelas gestoras. A reitora da UESC lembrou do percurso de colaboração cuidadosamente construído entre as duas instituições, e fez votos de que a UFSB tenha um processo tranquilo de consolidação institucional. A professora Joana manifestou o pleno interesse de fortalecer a cooperação entre as duas universidades.

Nota Oficial- UFSB

Na última reunião extraordinária do Conselho Universitário – CONSUNI, da Universidade Federal do Sul da Bahia-UFSB,   ocorrida em 29 de setembro de 2017, fomos informados sobre o pedido de exoneração do Reitor da nossa universidade. Diante desse fato, na condição de vice-reitora no exercício do cargo de reitora, comunico a todos e todas que as atividades permanecem normalmente na instituição. Todas as decisões tomadas pelo Conselho Universitário serão devidamente encaminhadas e aquelas que ainda não foram deliberadas serão objeto de discussão nas próximas reuniões. Entre as ações urgentes destacam-se;

1) Encaminhamento do processo de colação de grau dos formandos 2017.2

2) Encaminhamento do processo de migração para o segundo ciclo

3) Encaminhamento do cronograma de escolha de dirigentes cuja resolução foi aprovada no último dia 18 de setembro, processo esse iniciado em 2016.

É importante salientar que todos os esses encaminhamentos tem como base o princípio da legalidade e legitimidade, o primeiro seguindo o que tem sido feito até aqui, onde o CONSUNI, como instância deliberativa máxima da instituição, tem legislado sobre todas as questões acadêmicas e administrativas, através de resoluções que tem regulado uma série de ações da instituição a exemplo da criação de cursos de primeiro, segundo e terceiro ciclo, estabelecimento de Políticas de Ações Afirmativas, Políticas de Sustentabilidade, só para citar algumas. O segundo a partir da constituição de um Conselho onde a ampla maioria dos seus membros foram eleitos por seus pares, seguindo a legislação vigente, passando pelo crivo da comunidade. Continuaremos a trabalhar com a inclusão através da ampliação e aprimoramento dos Colégios Universitários, da política de cotas, que deve ser ampliada e aprimorada. Por fim continuamos a seguir o caminho da universidade inclusiva e inovadora sem mudanças significativas que não passem por uma ampla discussão com a comunidade.

 

Itabuna, 02 de Outubro de 2017

Joana Angélica Guimarães da Luz
Vice-Reitora no exercício do cargo de Reitora

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930