hanna thame fisioterapia animal
festival chocolate bahiagas universidade lasalle coronavirus 155 livros do thame

Posts Tagged ‘IV Festival Internacional do Chocolate da Bahia’

O FANTÁSTICO FESTIVAL DE CHOCOLATE

Ilhéus sedia até amanhã, o IV Festival Internacional do Chocolate da Bahia. O evento, que incluiu a região no roteiro nacional do chocolate, só é possível por conta dessa virtude que brota em alguns grapiunas: o empreendedorismo.

Não fosse pela persistência de Marco Lessa, publicitário e faz tudo, e o festival teria morrido no primeiro ano, tantos foram e são os obstáculos encontrados.

Mas Marco é daqueles que não desistem nunca.

O assim, o Festival do Chocolate ganha, a cada ano, mais sabor.

Deveria ganhar, também, mais apoio.

 

ILHEUS, CAPITAL BRASILEIRA DO CHOCOLATE

é daqui que sai o chocolate mais saboroso do mundo

O IV Festival Internacional do Chocolate da Bahia promete transformar a cidade de Ilhéus na capital brasileira de chocolates finos. O evento acontecerá de 28 de junho a 2 de julho, no Centro de Convenções do município, e reunirá investidores, turistas, pesquisadores, estudantes e chefs de várias partes do planeta. O Festival agrega diversos segmentos da cadeia produtiva do cacau e do chocolate, expõe e vende produtos derivados, promove cursos e palestras sobre o tema, oferece um espaço exclusivo para crianças, além de uma série de atividades culturais, com shows de artistas regionais e nacionais. A unidade regional do Sebrae em Ilhéus é mais uma vez parceira do evento.

Este ano, o Festival do Chocolate terá como tema “Amado Chocolate na Terra de Jorge”, em comemoração ao centenário de nascimento do escritor baiano Jorge Amado, um dos mais importantes autores da literatura, traduzido em 55 países e em 49 idiomas. Além disso, o evento traz atrações e personalidades do mundo do chocolate e o público estimado é de 30 mil visitantes. “Nós somos parceiros desde a primeira edição, em 2009, e acompanhamos de perto crescimento do evento, que este ano ganha o status de internacional”, afirma o coordenador da Regional do Sebrae em Ilhéus, Renato Lisboa.

“A Bahia não quer apenas fazer um bom chocolate. Quer toda experiência envolvida nesse produto, compartilhada, inclusiva, ecologicamente correta, socialmente justa e que traga benefícios a toda cadeia produtiva do cacau e do chocolate”, afirma o realizador do evento, o publicitário Marco Lessa, da M21/MVU. Segundo ele, isso fará do chocolate da Bahia um produto que, além de saboroso e único, é capaz de atrair o público de todo o mundo.

O Festival do Chocolate da Bahia, em Ilhéus, integra o circuito estadual de eventos deste ano, que envolve outros dois eventos em Salvador: o Fórum Mundial do Chocolate, realizado nos dias 4 e 5 de julho, e o Salon du Chocolat da Bahia, de 6 a 8 de julho. Esta ação é uma iniciativa da Associação dos Produtores de Cacau do Sul da Bahia (APC), com realização da empresa M21/MVU Eventos, em parceria com o Governo da Bahia, através da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri), Secretaria de Turismo da Bahia (Setur), Secretaria de Desenvolvimento e Integração regional (Sedir), Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Comissão Executiva da Lavoura do Cacau (Ceplac), Ministério da Agricultura, Sebrae, e apoio do governo do Pará, além de produtores, fábricas e empresários.

HARALD FARÁ MINICURSOS NO IV FESTIVAL INTERNACIONAL DO CHOCOLATE

O IV Festival Internacional do Chocolate da Bahia em parceria com a empresa produtora de chocolate Harold, uma das maiores do mundo neste segmento, trará a Ilhéus minicursos com aulas expositivas e experimentais sobre técnicas de manuseio do chocolate. Os minicursos acontecerão no Centro de Convenções Luis Eduardo Magalhães no período de 28 de junho a 02 de julho como parte da programação do festival.

O chocolatier André Bispo, da Harald, será o responsável por ministrar ao público durante os três dias de curso diferentes temáticas, entre elas preparação de tortas clássicas e finas, tendo chocolate como ingrediente base do passo a passo, com os mais variados exemplos de montagens, recheios, coberturas e decorações. André traz ainda o processo de fabricação de bombons e trufas de forma artesanal, utilizando moldagem e modelagem especiais e inovadoras, além de aula especialmente dedicada às sobremesas mais elaboradas.

As aulas demonstrarão técnicas para decorar e melhorar a apresentação visual dos bombons, trufas, tortas e sobremesas, bem como inúmeros processos de pintura e textura. Além disso, revelarão os segredos de derretimento e temperagem, simulações de erros e acertos do chocolate, conservação dos produtos acabados e utilização de todas as temperaturas indicadas. Haverá também orientação profissional sobre a utilização de ferramentas e utensílios adequados para um melhor resultado profissional.

Os interessados em participar dos minicursos de culinária especializada em chocolate já podem se inscrever pelo site www.festivaldochocolate.com, onde está disponível a ficha para o preenchimento de dados. Com vagas limitadas as inscrições custam R$60,00 para 03 dias de minicurso, com direito à meia-entrada para estudantes e para pessoas ligadas às associações e institutos do setor.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
dezembro 2021
D S T Q Q S S
« nov    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031