hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Posts Tagged ‘Isaquias Queiroz’

O exemplo dourado de Isaquias Queiroz

Isaquias Queiroz atropela e é Ouro na Hungria. Tóquio vem aí…

isa(Correio24hs)A Bahia ficou mais dourada na manhã deste domingo (25). Baiano de Ubaitaba, o canoista Isaquias Queiroz disparou na reta final da prova dos C1 1000m e conquistou com folga o título no Mundial de Canoagem de Velocidade, disputado em Szeged, na Hungria. Ele foi o único a terminar abaixo dos quatro minutos: 3min59s23.

Ele não nega que estava cansado, desgastado, mas virou um gigante para que, no dia em que seu filho Sebastian completou dois anos, não chegasse de mãos abanando em casa. “Hoje é aniversário dele!”, disse com um sorrisão no rosto. Antes de anunciar suas primeiras palavras como melhor do mundo, ele avisou: o discurso teria as cores verde e amarela e um sotaque nordestino.

isa 2

“Thank you (obrigada, em inglês). Ó, eu não sei falar inglês, mas quero agradecer a toda a minha equipe por ter me preparado para estar aqui, hoje, como melhor do mundo. É muito bom poder ganhar aqui. Vim sem estar totalmente preparado, com uma gripe, mas é trabalho. Eu botei o tronco embaixo e fui remando. Acordei feliz, acordei bem e fui pra cima. Quando abri vantagem ali nos 250 metros finais, eu disse: ‘é minha, meu filho, ninguém tira’!”, comemorou.

Read the rest of this entry »

Isaquias Queiroz e Erlon de Souza garantem vaga nas Olimpíadas de Tóquio

Dupla do sul da Bahia conquista vaga para os Jogos Olímpicos|| Foto Marcelo Courrege/GloboEsporte

Dupla do Sul da Bahia conquista vaga para os Jogos Olímpicos (Foto Marcelo Courrege/GloboEsporte)

De Ubaitaba e Ubatã, no sul da Bahia, para a disputa de mais uma Olimpíada. Os atletas brasileiros Isaquias Queiroz e Erlon de Souza garantiram a vaga para a competição que será realizada no próximo ano, no Japão, ao completarem a prova C2 1000m na final do Mundial de Canoagem de Velocidade da Hungria, com tempo 3m44s34.

Na prova da final do Mundial de Canoagem, realizada na manhã deste sábado, os baianos precisavam ficar entre os oito primeiros colocados para seguirem para mais uma disputa de Jogos Olímpicos. Eles só ficaram atrás dos cubanos Serguey Torres Madrigal e Fernando Dayan Jorge Enriquez (3m41s46) e dos chineses H. Liu e H. Wang (3m40s55).

Mas o sul Bahia pode ter mais um motivo para comemorar neste final de semana. O canoísta Isaquias Queiroz briga por medalha na C1 1000m individual.Neste sábado, às 10h58min (horário de Brasília), o atleta de Ubaitaba compete na semifinal do Mundial da Hungria e é um dos favoritos para prova.

Na prova do C1 Feminino 200 metros, a itacareense Valdenice Conceição ficou em quarto lugar. Com o resultado, ela disputará a final B, e não garante vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 no Mundial, mas terá ainda, em outras competições, a oportunidade de buscar uma vaga. (do Pimenta)

Isaquias e Erlon estão na final do Mundial e a uma ´remada` das Olimpíadas

 Isaquias e Erlon disputam final do Mundial de Canoagem|| Foto Helena Rebello/GloboEsporte.

Isaquias e Erlon disputam final do Mundial de Canoagem|| Foto Helena Rebello/GloboEsporte.

Com o tempo de 3m27s34, os atletas Isaquias Queiroz e Erlon de Souza venceram a semifinal no C2 1000m, no final da manhã desta sexta-feira (23), e garantiram vaga na final do Campeonato Mundial de Canoagem de Velocidade de Szeged, na Hungria. A dupla do sul da Bahia volta a entrar na água para disputar medalha neste sábado (24), a partir das 7h04min (horário de Brasília).

Com a classificação de hoje, Isaquias Queiroz e Erlon de Souza ficaram bem perto de conseguir uma vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Para garantir o passaporte para o Japão, a dupla brasileira precisa terminar a prova de amanhã entre os oito primeiros colocados.

Na prova desta sexta-feira, os canoístas do sul da Bahia chegaram à frente dos atletas Serguey Torres Madrigal e Fernando Dayan Jorge Enriquez. Os cubanos conquistaram medalha de ouro nos Jogos  Pan-Americanos de Lima, no Peru, no mês passado. A dupla brasileira teve que abandonar a prova depois que Erlon de Souza passou mal. (Pimenta)

Isaquias Queiroz conquista o ouro no C1 1000m no Pan-Americano

isa pan

O canoísta sulbaiano Isaquias Queiroz conquistou a medalha de ouro nesta segunda-feira (29), no C1 1000 m, no Pan-Americano, disputado em Lima no Peru. A prova foi realizada no Parque Nacional de Albufera de Medio Mundo e o baiano venceu com o tempo de 1min49s093.

isaquias

O final da prova foi apertado e Isaquias cruzou a linha de chegada pressionado pelo cubano Fernando Jorge, que fechou com o tempo 1min49s144 e terminou com medalha de prata. Com 1min55s501, o canadense Drew Hodges completou o pódio ficando o bronze. (Bahia Noticias)

Isaquias Queiroz leva o ouro na Copa do Mundo de Canoagem na Alemanha

isa ale

Depois de se sentir mal no sábado e não completar a disputa do C1 1000m, prova olímpica, na etapa de Duisburg da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade, na Alemanha, o sulbaiano Isaquias Queiroz, de 25 anos, deu show neste domingo na final do C1 500m. Ele desbancou o bicampeão mundial dessa distância, Martin Fuksa, da República Tcheca, um de seus principais concorrentes rumo aos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, e saiu com a medalha de ouro.

Isaquias começou a prova atrás de Fuksa, que imprimia um ritmo muito intenso nas remadas iniciais. Pouco antes da marca de 200m, o brasileiro igualou o tcheco na corrida e, forçando bem, passou pelo europeu para pegar a liderança. No fim das contas, medalha de ouro e tempo de 1min44s731, contra 1min45s740 de Martin, e 1min46s743 de Conrad-Robin Scheibner, da Alemanha, que levou o bronze. A prova do C1 500m é uma especialidade de Isaquias. Apesar de não estar no programa olímpico, ela serve como uma ótima preparação para o C1 1000m. O baiano é tricampeão mundial na distância mais curta. Parceiro de Isaquias, Erlon também fez os 500m neste domingo, ficando em terceiro lugar na final B, que não vale pódio.

Na bagagem com dois ouros, ou deles conquistado na etapa da  Polônia,Isaquias não vê a hora de retornar ao Brasil para continuar a temporada de treinos e se preparar para o Mundial. “A prova foi bem pesada, medalha de ouro é sempre bom para o atleta. Agora é voltar pra casa repensar esse momento para competir de igual para igual com o Brendel (Sebastian Brendel – atleta da Alemanha) e Fuksa (Martin Fuksa – canoísta checo) no Mundial”, fala que dividiu espaço no pódio com o Fuksa que garantiu a prata, já o bronze ficou com o alemão Robin Conrad Scheibner.

Isaquias Queiroz é Ouro na Copa do Mundo de Canoagem

Isaquias Queiroz brilhou no último dia da etapa da Polônia da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade. Neste domingo, o brasileiro superou o checo Martin Fukza e levou o ouro em Poznan na disputa do C1 500 metros para reafirmar o seu domínio na prova, da qual é tricampeão mundial. O atleta do Brasil teve facilidade para conquistar o título, de modo que fechou a prova, que não faz parte do programa olímpico, em 1h46min55s, com mais de um barco de vantagem para Fukza. O terceiro colocado foi o polonês Tomasz Kaczor. Erlon de Souza, outro brasileiro na disputa, foi o sexto. “A prova foi muito boa, o Martin Fucza deu muito trabalho no início e também na saída. Agora é pensar na próxima etapa e enfrentar o (Sebastian) Brendel em Duisburg (Alemanha) na sua casa”, disse Isaquias, já de olho na segunda etapa, no próximo final da semana.

isa q

O Brasil encerra a sua participação no evento com um saldo de três medalhas. Além do ouro de Isaquias, o time nacional faturou duas medalhas na paracanoagem: ouro para Luiz Carlos Cardoso no KL1 200m e prata para Caio Ribeiro no VL3. A segunda etapa da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade e Paracanoagem será disputada em Duisburg, na Alemanha, entre os dias 31 de maio a 2 de junho.

 

Isaquias Queiroz e Erlon de Souza disputam Copa do Mundo de Canoagem

erlon e izaComeçou nesta quinta-feira (23), em Poznan, na Polônia,  a 1ª Etapa da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade e Paracanoagem. Os atletas do sul da Bahia Isaquias Queiroz e Erlon de Souza são os únicos representantes do Brasil na Canoagem Velocidade. A competição reúne uma longa lista de medalhistas olímpicos e campeões mundiais e será realizada até domingo (26).

Os dois atletas baianos estão na Europa desde a semana passada e irão competir somente as provas individuais do C1 Masculino 1000 metros e C1 Masculino 500 metros. Isaquias Queiroz teve uma pequena dor no pé esquerdo, mas garante que isso não abala o ritmo de treinos e está bem preparado para competir. “Está normal e vamos tentar remar o máximo para aguentar o gás”, contou.

De acordo com o atleta baiano, a prova servirá de estudo, “vamos participar dessas duas etapas para colher a sensação da disputa e visar o mundial (O Mundial de Canoagem Velocidade será realizado em Szeged na Hungria, em agosto). Depois dessa temporada vamos voltar pra casa para melhorar ainda mais os nossos treinamentos”,  adiantou.

Há 10 anos sem remar nas competições em um barco individual, Erlon Souza vê como um desafio a disputa. “O objetivo aqui é ser finalista, pegar a melhor posição possível”, explicou o atleta que nasceu em Ubatã.

Para Erlon, a prova faz parte do caminho traçado até Tóquio. “Estamos aqui para fazer uma somatória do que queremos para o Mundial onde vamos buscar as vagas para os Jogos Olímpicos. Queremos fazer bem feito para saber como está o nosso nível com o nível dos atletas europeus. Vai ser uma das competições mais disputadas”, afirmou. (do Pimenta)

Isaquias Queiroz assina contrato com o Flamengo

iza flaO maior medalhista do Brasil numa edição de Olimpíada, com três conquistas, o canoísta Isaquias Queiroz assinou contratado com o Flamengo até os Jogos de Tóquio, em 2020. Nascido em Ubaitaba, no sul da Bahia, o atleta será a principal referência do Projeto Flamengo Náutico e poderá ter o contrato estendido até 2024. Além de destaque nos Jogos no Brasil, em 2016, o canoísta é dono de 10 medalhas em mundiais.

Isaquias Queiroz seguirá treinando e morando com a Seleção Brasileira de Canoagem, em Lagoa Santa, em Minas Gerais, e se deslocará para o Rio de Janeiro para treinamentos especiais.  O gerente de Remo e Canoagem do Flamengo, Marcello Varriale, explica que o clube está alinhado com o Comitê Olímpico do Brasil, já que o interesse é o mesmo, “dar suporte para que Isaquias conquiste medalhas olímpicas”.

Garantir vaga para os Jogos de Tóquio-2020, no Mundial da Hungria, em agosto, é uma das principais metas do atleta, que neste ano disputará o Pan-Americano e a Copa do Mundo de Canoagem. “Quero turbinar ainda mais minha carreira e ter meu nome entre os ídolos de um dos clubes mais importantes do país”, disse o canoísta baiano. (do Pimenta)

Isaquias Queiroz e Ana Marcela Cunha vencem o Prêmio Brasil Olímpico 2018

Isaquias e Ana (foto André Durão/Globo Esporte)

Isaquias e Ana (foto André Durão/Globo Esporte)

(do Globo Esporte)- A noite foi de aplausos e muita comemoração. Em mais uma edição do Prêmio Brasil Olímpico, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) reconheceu o esforço e premiou os melhores atletas do ano no país. Em festa em um teatro na Zona Oeste do Rio de Janeiro, a entidade levou ao palco os destaques de cada modalidade e também revelou os grandes vencedores de 2018 como Atleta do Ano no masculino e feminino. Entre os homens, Isaquias Queiroz levou a melhor. Foi a terceira vitória dele no prêmio – ele havia ganho em 2015 e 2016. Já entre as mulheres, Ana Marcela Cunha foi a vencedora, repetindo o seu feito de 2015. O prêmio de Atleta da Galera, através de votação na internet, ficou com o ciclista Henrique Avancini.

 

 

– Estar do lado de Gabriel Medina e Pedro Barros é uma honra muito grande para mim. Estou muito feliz e devo tudo às pessoas que estiveram comigo esse tempo todo, em especial ao meu técnico Jesus Mórlan, que não está mais conosco. Sem o apoio da minha comissão técnica e dos meus apoiadores eu não teria chegado ao nível que estou hoje – disse Isaquias Queiroz.

Read the rest of this entry »

Jesus Morlán remou para a eternidade…

jesus e isaquias

A última e comovente entrevista com Jesus Morlán, o técnico que fez de Isaquias Queiróz um multicampeão de canoagem, que faleceu no dia 11, vítima de um câncer no cérebro.

Uma lição de vida e amor ao esporte.

Veja em a reportagem do UOL Esporte em:

https://esporte.uol.com.br/reportagens-especiais/jesus-morlan-a-vida-e-como-um-raio-e-isso-e-o-que-mais-me-incomoda/index.htm#tematico-1

Isaquias Queiroz vence Sebastián Brendel e fatura “Mano a Mano”

isa 1

Em uma revanche das Olimpíadas, o brasileiro Isaquias Queiroz e o alemão Sebastian Brendel se enfrentaram novamente, na Lagoa Rodrigo de Freitas, mesmo lugar onde duelaram pelos Jogos Rio 2016. Mas agora eles duelaram pelo Desafio Mano a Mano Canoagem. E mais uma vez deu o brasileiro. Com o tempo de 1:56.640, o baiano venceu o desafio com uma boa vantagem em cima do alemão.

isa 2
– O brasileiro pode esperar uma grande disputa entre eu e Brendel em Tóquio 2020. Mas tenho que treinar muito, porque esse cara é diferenciado – comentou Isaquias após a vitória.

 
Com uma largada perfeita, Isaquias conseguiu abrir vantagem logo no início da prova. Mas o alemão Brendel tentou encostar no brasileiro. O vento e as ondas da Lagoa Rodrigo de Freitas bem que tentaram atrapalhar, mas o baiano mostrou toda sua força física e ficou com o ouro. Brendel ficou com a prata, o polonês Wictor Glazunow ficou com o bronze e o colombiano Daniel Cipagauta ficou em quarto. (do G1)

Veja prova, transmitida pelo Esporte Espetacular, da Rede Globo:

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930