hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Posts Tagged ‘hotel’

Memórias de um Dinossauro

dt

Sul da Bahia, 2010.  Utilizar o motel como pousada, principalmente quando é apenas pra passar a noite, não chega a ser novidade. É mais prático e quase sempre mais barato. Foi o que fizemos após um evento em Teolândia.

Mas pousada e motel funcionando no mesmo lugar, isso este rodado blogueiro nunca tinha visto. Pois em Wenceslau Guimarães, cidadezinha sul-baiana às margens da BR 101, existe um estabelecimento desse tipo.

motel hotelE não se trata do motel de um lado e a pousada do outro lado, separados por um muro.

É motel e pousada lado a lado.

De um lado do corredor, o ambiente familiar.

Do outro, bem do outro, é putaria mesmo, a menos que alguém vá ao motel para assistir desenho do picapau (ops!) ou aqueles programas religiosos que inundam as madrugadas da tevê.

A situação produz cenas inusitadas.

Um sujeito que lá se hospedou com a família, sem saber das peculariadades da casa, dirigiu-se à recepcionista, todo preocupado:

-Acho que tinha uma mulher passando mal no quarto ao lado, ela gemia a noite toda…

Quem passou mal foi a recepcionista.

De tanto rir.

Juiza de Itabuna diz a parentes de presos que cadeia não é hotel

juiza não admite “mordomias” no presidio

A juíza Antônia Faleiros da 1ª Vara Crime de Itabuna recebeu em seu gabinete no Fórum Ruy Barbosa, dezenas de parentes de presos do Conjunto Penal da cidade. O encontro ocorreu após um protesto na frente da casa da justiça. Mães, esposas e filhos estavam cobrando visitas para os internos condenados e alegaram que os internos tem recebido alimentação “azeda”.

De acordo com a magistrada, que mostra e prova conhecer a realidade de todos os presos, “não é bem assim como se pinta a história”. Ela afirma que existia uma “mordomia” entre os internos, mas que hoje isso não acontece mais. “Eles tinham ventilador, geladeira, recebiam objetos pessoais, mas eles ao contrário de usar, vendiam ou cobravam para outros presos o uso de um simples creme dental”, exemplifica.

Segundo a juíza, agora eles terão todo material de higiene fornecido pelo estado, sendo um creme dental de 90 gramas, uma escova e um rolo de papel higiênico. “Produtos básicos para o uso durante uma semana”.

A juíza ainda foi mais enfática exemplificando que todo material necessário será encaminhado para os presos, mas sem recheio. “Não vamos permitir que levem sabão em pó com cocaína, maconha, e outras coisas mais”, frisou.

Em relação a tortura e ou qualquer tipo de agressão, a juíza Antônia Faleiros informou que o presídio está monitorado e, não existe nenhum fato registrado de agressão aos presos. “O que não pode acontecer é um grupo ir de encontro aos policiais, de alguma forma tem que ser contido”, conclui. (do Portal Sul da Bahia)

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031