WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

universidade lasalle livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

agosto 2022
D S T Q Q S S
« jul    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘Hospital Materno Infantil’

Hospital Materno-Infantil abre “Agosto Dourado” e destaca coleta de ordenha existente na unidade

hminf (2)Ao som de “Carinhoso”, interpretação do violonista Neilan Silva, o Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, abriu oficialmente na manhã de hoje (04) o “Agosto Dourado”, mês designado pela Organização Mundial de Saúde para simbolizar a luta pelo incentivo à amamentação. Com o tema “Apoiar e Educar”, a iniciativa deste ano, de acordo com a diretora de Enfermagem do HMIJS, Adriana Cardoso, destaca sentimentos como fortalecimento nas relações, criação de vínculos afetivos e gestos de amor e de respeito. A cor da campanha faz alusão ao “alimento de ouro” para a saúde dos bebês.

hminf (1)

“A gente cresce à medida que temos um ambiente saudável, onde se presta uma assistência humanizada aos usuários e às nossas relações internas”, disse durante a abertura oficial da campanha. Para Adriana, falar de aleitamento é falar de possibilidades de mudar o mundo. “E uma das formas de mudar o mundo é através do afeto”, destacou.

:: LEIA MAIS »

Hospital Materno-Infantil de Ilhéus é o primeiro da Bahia a apresentar um Plano de Incentivo para Atenção à População Indígena

hmifios (1)O Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus é a primeira maternidade da Bahia a elaborar um plano de ação para a execução de um programa de incentivo da atenção especializada para os povos indígenas do estado. O HMIJS já atende, por mês, em média, 60 gestantes que se autodeclaram indígenas. Com a iniciativa, o atendimento – feito até aqui sem este plano de ação -, ganhará qualificação e recursos na prestação do serviço, respeitando contextos interculturais e cuidados tradicionais, além de outros importantes eixos, conforme previsto na Portaria 2.663, de Outubro de 2017, do Ministério da Saúde.

Com apenas sete meses de funcionamento, equipes técnicas do hospital estiveram reunidas neste período com representações indígenas do sul da Bahia, de entidades de proteção ao índio, do Distrito Sanitário Especial Indígena da Bahia e da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) na fase organizacional do plano. O programa federal de Incentivo para Atenção à População Indígena (IAPI), visa adaptar o hospital para questões culturais e práticas compartilhadas de cuidado. A expectativa é que, já em setembro, após aprovação do Ministério da Saúde, gestantes indígenas de alto risco, bebês e crianças destas comunidades da região, passem a ser atendidas através do programa de incentivo.

:: LEIA MAIS »

Hospital Materno-Infantil de Ilhéus tem Visita de Vinculação

hmi (2)Realizar visita antecipada à maternidade escolhida para o parto no Sistema Único de Saúde (SUS) é um direito da gestante e seu acompanhante que fortalece a vinculação – garantida por Lei desde dezembro de 2007. É o momento para conhecer a unidade, discutir sobre boas práticas na atenção ao parto e nascimento como: tipo de parto, métodos de alívio da dor, aleitamento materno, dentre outros questionamentos. Além disso, orientar sobre os fluxos e rotinas da instituição hospitalar escolhida pela família. Em Ilhéus, o Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio oferece essa oportunidade para as gestantes que queiram se vincular ao seu serviço, que fazem pré-natal nas unidades de saúde da família e para aquelas que fazem o pré-natal de alto risco II no ambulatório do próprio hospital. As visitas ocorrem todas às terças-feiras, às 13h.hmi (3)

De acordo com a enfermeira que coordena a visita, Emilly Moreira, para garantir esse direito as gestantes podem fazer o agendamento pelo e-mail ambulatoriohmijs@gmail.com, ou pelo telefone do hospital (73) 3234-3850. Outra opção, é solicitar o agendamento na unidade de saúde por onde vem sendo acompanhada. Os grupos serão de, no máximo, 10 gestantes por visita, para garantir distanciamento e os cuidados sanitários necessários. É obrigatório estarem com ciclo vacinal para COVID completo e o uso de máscara.

:: LEIA MAIS »

Estudantes de Enfermagem fazem visita técnica ao Hospital Materno-Infantil, em Ilhéus

enf mat inf (2)Estudantes do curso de Enfermagem da Faculdade de Ilhéus realizaram, na última semana, uma visita técnica ao Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, situado no Bairro da Conquista, sob a supervisão da professora Brenda Valles. A atividade objetiva oportunizar aos alunos uma vivência prática nos campos de atuação do enfermeiro, para a consolidação do conhecimento teórico adquirido em sala de aula.

 

enf mat inf (1)O Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, construído pelo Governo da Bahia, foi inaugurado em 6 de dezembro do ano passado e funciona como unidade de referência para a região Sul do Estado, em cirurgia pediátrica e parto de alto risco. Possui 105 leitos de internação, sendo 10 de UTI Neonatal e 25 de semi-intensivo, integrados à Rede Cegonha e atenção às urgências e emergências da região, durante 24 horas, com acesso por demanda espontânea e referenciada, integrada às unidades de atenção primária.

 

A comitiva foi integrada por estudantes do sexto semestre do curso de Enfermagem, através da disciplina Enfermagem na atenção à saúde da criança e do adolescente, ministrada pela professora Brenda Valles. A atividade ocorreu em virtude de parceria entre a Faculdade de Ilhéus e o Hospital Materno-Infantil, que prontamente atendeu à solicitação, após o cumprimento de requisitos necessários.

:: LEIA MAIS »

No Hospital Materno-Infantil, Thaís ganha Théo, o seu primeiro filho, no Dia das Mães

mães mat infantil (4)A previsão de nascimento do pequeno Théo Abner era para o próximo dia 20. Mas ele resolveu antecipar a chegada e homenagear a mãe Thaís Santos, de 25 anos. Théo nasceu neste domingo, dia das mães, de parto normal. É o primeiro filho do casal Elias e Thaís, moradores do bairro Teotônio Vilela, zona oeste de Ilhéus. Thaís considera a coincidência da data “um presente de Deus” e assegura que Théo chega para mudar muita coisa. Autônoma, ela sabe que a rotina a partir de agora será outra. A missão de tornar-se mãe exigirá dela um novo caminho “De fato, uma experiência diferente, especial. Me sinto uma nova pessoa, mais alegre e com muito mais determinação pela vida”, afirma.

mães mat infantil (3)

O domingo das mães levou um clima especial parta as gestantes e puérperas internadas no Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus. Nas primeiras horas do dia, durante o café da manhã, as puérperas foram agraciadas com um trabalho artesanal feito por elas próprias para homenagear os filhos: porta-retratos com fotos dos recém-nascidos e o “carimbo” dos pezinhos dos bebês. Crianças que ainda não havia tido oportunidade de conhecer pessoalmente os irmãozinhos na UTI foram convidadas à uma visita ao lado das mães que, no dia-a-dia, acompanham sozinhas a evolução dos dos bebês. No corredores do HMIJS, muita música.

Muitas homenagens

:: LEIA MAIS »

Defensoras Públicas participam de roda de conversa com equipe de mulheres do Hospital Materno-Infantil

defen mat inf (2)Dando continuidade às ações do mês das mulheres, a equipe de gestão do HMIJS realizou uma roda de conversa para troca de experiências sobre os direitos das mulheres na sociedade e no ambiente de trabalho, nesta terça (22). A iniciativa contou com a presença e facilitação das Defensoras Públicas, Luanna Lira Ramalho, Juliana Florindo e Cristiane Barreto, que fazem parte de um Grupo de Trabalho criado pelas seccionais da instituição em Ilhéus e Itabuna, de combate à violência obstétrica e promoção de direitos reprodutivos e sexuais.

defen mat inf (1)Este Grupo de Trabalho surgiu a partir do registro de muitos casos de mulheres que estavam em trabalho de parto, especialmente em Ilhéus, e não tinha espaços de acolhimento, segurança e UTI Neonatal. “A gente foi conhecendo o cenário de como era parir na região e decidimos participar mais ativamente desta discussão”, disse a promotora pública Luanna Ramalho. “O fato é que hoje estamos felizes com a chegada do Hospital Materno-Infantil de Ilhéus. A gente estava esperando ansiosamente esta instituição abrir as portas porque a gente sabia que este espaço iria provocar uma mudança de cultura na região, como estamos vendo na prática”, complementou.

“Não somos apenas defensoras públicas. Somos mãe, esposa, companheira, que abraçam a causa contra a violência à mulher, um tema sempre muito difícil, mas que precisa ser debatido para tirar a invisibilidade e a naturalização da violência contra a mulher em todos os espaços”, destacou a defensora Cristiane Barreto. Ela reconhece que na maioria das vezes a Defensoria Pública acaba recebendo “apenas na ponta” os dramas das mulheres violentadas, quando as mesmas já precisam de medidas de proteção. “Com este trabalho a gente também atua na prevenção e na orientação sobre os direitos que elas têm. E isso torna importante a oportunidade de dialogar sempre, como estamos fazendo aqui agora”, disse.

:: LEIA MAIS »

No Dia Internacional da Mulher, Hospital Materno-Infantil insere a banqueta de parto vertical como mais uma opção para as gestantes parirem com segurança

mulher mat infA partir desta terça-feira (08), data dedicada ao Dia Internacional da Mulher, o Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, passa a contar com mais uma opção de escolha das suas gestantes para a realização do parto normal: a banqueta de parto vertical. O equipamento permite que a mulher permaneça sentada com os pés no chão. Com isso, os músculos do assoalho pélvico ficam mais relaxados, facilitando o nascimento do bebê. Outro benefício é que essa posição não força as articulações de joelho, tornozelo e demais membros inferiores durante o parto.

“A banqueta de parto vertical ajuda a mulher a se fortalecer na sua competência natural para dar a luz e é a tecnologia relacional mais importante no parto”, explica a diretora médica do HMIJS, Esther Vilela. Formada pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), especialista em Ginecologia e Obstetrícia, doutora Esther implantou um modelo de atenção humanizada ao parto e nascimento que se tornou referência para o Ministério da Saúde.

 

:: LEIA MAIS »

Colaboradores do Hospital Materno Infantil estão sendo vacinados contra Difteria, Tétano e Coqueluche

vacina hmiColaboradores do Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, que têm contato com os bebês internados na unidade hospitalar estão sendo imunizados com a vacina DTPA, que previne difteria, tétano e coqueluche.

A enfermeira Daniele Barros de Freitas Silva, coordenadora da Sala de Vacina do HMIJS, destaca que a campanha tem por objetivo proteger os recém-nascidos, em especial os prematuros, até os seis primeiros meses de vida, contra a Coqueluche (pertussis), uma doença grave que pode vir a causar problemas pulmonares sérios e levar o bebê a óbito.

Como a contaminação pode ocorrer através de pessoas próximas ao recém- nascido, inclusive em condições assintomáticas, o Hospital Materno-Infantil deflagrou a campanha preventiva, que tem como objetivo proteger os bebês expostos à bactéria.

Novos profissionais de saúde aprovados em seleção pública são recebidos pela diretoria do Hospital Materno Infantil

hminfFarmacêuticas, nutricionistas, técnicas de enfermagem e enfermeiras aprovadas e convocadas na seleção pública para atuarem no Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, foram acolhidas pela diretoria da instituição, durante a tarde desta segunda-feira (28). A lista de aprovados traz mais profissionais qualificados e experientes para o quadro de trabalhadores da instituição.

No primeiro contato com os novos colaboradores, a diretora-geral do hospital, Aline Costa, fez questão de salientar que a proposta do Sistema Único de Saúde (SUS) não é construir ilhas de excelência, mas, sim, serviços que fortaleçam a rede de atenção à saúde. “Por tudo isso nosso trabalho está baseado em três pilares: evidência científica, direitos das mulheres e das crianças e pactuações de rede regional”, esclareceu Aline.

A enfermeira e representante do Conselho Curador da FESFSUS, Bárbara Vilas-Boas, também presente à roda de acolhimento das novas profissionais, lembrou que uma das principais vertentes defendidas pela fundação que administra o hospital é a humanização no atendimento. “Somos uma maternidade pública, gerida por uma fundação pública de direito privado que tem como princípio trabalhar a qualidade no atendimento, com respeito a todos os usuários. Não adianta termos equipamentos se não tivermos recursos humanos qualificados”, disse.

Escolha justa

O processo seletivo nas áreas técnicas e administrativa do Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio foi realizado pela Fundação CEFET, de Salvador. Nesta primeira etapa foram convocados os profissionais técnicos na área da saúde. Em breve se apresentarão os novos colaboradores da área administrativa. “A seleção pública oferece para a administração a possiblidade de recrutar pessoas qualificadas para melhor desempenho das missões estabelecidas por ela”, afirma o diretor administrativo do hospital, Ari dos Santos, que também recepcionou as novas colaboradoras.

FESFSUS e UESC constroem parcerias para qualificação de profissionais e melhoria de serviços

mat inf (2)A construção de futuras parcerias técnicas, acadêmicas e científicas entre a Fundação Estatal Saúde da Família (FESFSUS) e a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) foi debatida entre representações das duas entidades, visando a permanente qualificação dos colaboradores do Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, e a melhoria da qualidade dos serviços prestados à população do sul e baixo-sul do estado.

mat inf (3)Participaram do encontro a enfermeira e representante do Conselho Curador da FESFSUS, Bárbara Vilas-Boas; a diretora-médica do Hospital Materno Infantil, Maria Esther Vilela; a coordenadora do Núcleo Estadual de Saúde Sul (SESAB), enfermeira Domilene Borges; o reitor da UESC, Alessandro Santana e o Pró-Reitor de Extensão, Neurivaldo Guzzi Filho. O próximo passo será a FESF apresentar uma Carta de Intenção de parceria com a universidade nas áreas de extensão, ensino e pesquisa, o que ocorrerá nos próximos dias.

Durante a visita, Bárbara Vilas-Boas entregou um documento assinado pelo diretor geral da FESFSUS, Ricardo Mendonça, destacando o caráter cooperativista que a fundação mantém com outros entes públicos em prol do fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS). O que a fundação busca – explica Ricardo – é formar profissionais de saúde e gestores qualificados em diversas áreas para a formulação e consolidação de projetos que beneficiem a sociedade baiana.

Visita Técnica de Professoras do Curso de Medicina

mat inf (1)Para além da reunião com os dirigentes da UESC, no Campus da Rodovia Jorge Amado, as diretoras do HMIJS receberam as professoras Rosângela Melo e Regiana Quinto de Souza, responsáveis pelos estágios do 5º e 6º ano do curso de Medicina da universidade, para conhecer as instalações do HMIJS e fortalecer outras parcerias. Na oportunidade foi proposta a assinatura de um Convênio entre as instituições, para formalizar o hospital como campo de prática dos alunos da UESC, nas especialidades de Obstetrícia, Neonatologia e Pediatria.

A diretora-geral do hospital, Aline Costa, destacou a importância destes encontros e das parcerias estabelecidas. “Estamos construindo caminhos de mão dupla. A UESC nos ajuda a qualificar nossos colaboradores e nós oferecemos qualificação prática aos seus alunos de medicina”, informou.

Hospital Materno-Infantil de Ilhéus inicia implantação do Sistema Integrado de Automação em Segurança do Trabalhador

mat in iosO Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, já iniciou os trabalhos de implantação do SIAST (Sistema Integrado de Automação em Segurança do Trabalhador), que atuará no controle, prevenção e cuidado com a saúde dos seus mais de 330 colaboradores. O objetivo é prevenir contra riscos e agravos à saúde, mas o SIAST também atuará com orientações, palestras, campanhas educativas, explicando a necessidade de o servidor manter a máxima proteção no seu ambiente de trabalho.

“Dentre as etapas planejadas, está o desenvolvimento de programas para promoção e preservação da saúde dos trabalhadores, levando em consideração as exposições submetidas por cada setor do hospital e suas singularidades”, explica a Enfermeira do Trabalho, Gláucia Marques, que coordena a iniciativa. O Médico e o Enfermeiro serão representados pela Medicina do Trabalho, a segurança do trabalhador, contará com o profissional Técnico de Segurança.

:: LEIA MAIS »

Hospital Materno Infantil de Ilhéus inaugura Ouvidoria e se abre para receber críticas, elogios e sugestões

hminf

O Ministério da Saúde autorizou, a pedido da instituição, e já está em funcionamento no Hospital Materno Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, o serviço de Ouvidoria. A iniciativa tem o objetivo de centralizar e administrar dúvidas, sugestões ou reclamações de trabalhadores e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). É nesse setor, que, a partir de agora, as demandas estão sendo acolhidas e encaminhadas para análise e providências, sejam elas de cunho administrativo, técnico ou jurídico. A Fundação Estatal Saúde da Família (FESF SUS), gestora do hospital que pertence à Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), define a criação da Ouvidoria como uma ferramenta para transparência e escuta das pessoas, para, cada vez mais, cumprir as propostas do SUS e tornar o hospital uma unidade de referência e de excelência no estado.

A Assistente Social Maria Anjos, coordenadora do serviço, explica que, na área da saúde, as ações de gestão e assistência têm como foco a qualidade da experiência do usuário. “Não há como elaborar estratégias de atendimento e subsidiar melhorias sem a participação de profissionais, pacientes, familiares e a própria comunidade”, afirma. O trabalho de implementação da Ouvidoria foi iniciado em dezembro e concluído este mês. De imediato, o serviço entrou em funcionamento.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia