hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Posts Tagged ‘estupro de adolescentes’

Julgamento da Banda New Hit entra no segundo dia

Nesta terça-feira (19) estão previstas novas audiências de instrução do caso New Hit, que ocorrem na cidade de Ruy Barbosa, a 321 quilômetros de Salvador. Com a oitiva da sexta testemunha de acusação, os trabalhos no Fórum Edgard Mendes Quintela foram encerrados na noite desta segunda-feira (18). O principal fato do dia foi o depoimento de uma das vítimas que durou cerca de três horas. Segunda apuração do Bahia Notícias, a adolescente respondeu a todas as perguntas dos advogados, mas aparentava constrangimento.

Para esta terça, a outra menor deve ser ouvida, além de novas testemunhas de acusação. As da defesa começam a serem ouvidas em seguida, como manda a ordem do rito. Os integrantes da banda de pagode devem se pronunciar só na quarta (20), quando se espera que as audições sejam encerradas nessa primeira etapa do julgamento do caso. Depois desta fase, outras testemunhas vão prestar depoimentos por carta precatória e uma nova audiência deve acontecer em Salvador, no dia 5 de junho, para ouvir depoentes de defesa da New Hit. (do Bahia Notícias)

Banda New Hit: julgamento por acusação de estupro coletivo começa segunda-feira

 

laudo confirmou que jovens foram estupradas por integrantes da banda

Os membros da banda de pagode New Hit serão julgados a partir da próxima segunda-feira (18), no tribunal da cidade de Ruy Barbosa. Os músicos são acusados de estuprar duas adolescentes após um show na região em agosto do ano passado. O soldado da PM acusado de facilitar o crime será julgado também será julgado. A expectativa é que o julgamento termine no dia 20 de fevereiro. O Ministério Público da Bahia (MP-BA) acusou o grupo e o soldado por estupro qualificado, com características de crime hediondo. A promotoria sustenta que as jovens foram abusadas repetidas vezes, com extrema violência, e em alternância, dentro de um ônibus, que estava estacionado na Praça Santa Tereza, no centro de Ruy Barbosa. A banda foi presa em flagrante.

As adolescentes foram para Ruy Barbosa participar de uma micareta, e no final do show da banda, se dirigiram ao grupo para pedir autógrafos e tirar fotos. Uma das adolescentes violentadas era virgem. Dois meses depois do crime, o Tribunal de Justiça da Bahia  concedeu habeas corpus para os integrantes da banda, pois o inquérito policial já havia terminado, e os acusados tinham residência fixa e não possuíam antecedentes criminais. (do Bahia Notícias)

 

BANDA DO ESTUPRO: PAGODEIROS DEVEM IR A JURI EM 2013

A banda no banco dos réus

Os integrantes da banda de pagode New Hit devem ser julgados somente em 2013. De acordo com o advogado dos acusados, Kleber Andrade, e o delegado Marcelo Cavalcanti, a Justiça não deve agilizar o processo em tempo para que a decisão saia ainda neste ano.

Os acusados respondem em liberdade por estupro e formação de quadrilha. Segundo a polícia e o Ministério Público da Bahia, o abuso contra duas menores de idade teria ocorrido depois de um show na cidade de Ruy Barbosa, no interior da Bahia, no dia 26 de agosto. Um dos acusados é um policial militar que fazia bico como segurança da banda e foi denunciado por não impedir o crime. Ele voltou à corporação, mas fará apenas serviços administrativos.

As vítimas são duas adolescentes de 16 anos. Depois da denúncia, elas dizem ter sofrido ameaças de morte por celular e tiveram as casas vigiadas por carros “suspeitos”. Por causa disso, elas tiveram que mudar de escola, de casa e cortar vínculo com amigos. Hoje, as duas estão sob proteção do Programa para Crianças e Adolescentes, e recebem acompanhamento psicológico e policial.

Read the rest of this entry »

JUSTIÇA MANDA SOLTAR INTEGRANTES DA ´BANDA DO ESTUPRO´

garotas, eles estão na área

O Tribunal de Justiça concedeu nesta terça-feira (2) habeas corpus para os integrantes da banda de pagode New Hit, acusados pela polícia de estuprar duas adolescentes em um ônibus depois de um show na cidade de Ruy Barbosa. As informações são da TV Bahia.

Eles  foram  indiciados pelo delegado Marcelo Cavalcanti, titular de Ruy Barbosa, por estupro e formação de quadrilha.

O documento foi protocolado na Vara Criminal da Comarca de Rui Barbosa, na segunda-feira (24). O delegado informou que por meio do laudo fornecido pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana foi possível evidenciar a existência de provas materiais para o crime, como a quantidade de sêmen encontrada nas roupas das meninas e dos músicos.

“O volume identificado é bastante superior à quantidade que seria possível atribuir a uma, duas ou até três pessoas”, disse Cavalvanti em nota divulgada pela Polícia Civil.  Os integrantes da New Hit continuam no Presídio Regional de Feira de Santana mas devem ser soltos ainda hoje. Estão presos Alan Trigueiros,  Guilherme Augusto, Eduardo (Dudu) Martins, Willia Ricardo, Micael Melo, John Ghendow, Jefferson Pinto, Edson Bonfim e Weslen Lopes. (com  informações do  Correio)

CASO NEW HIT: UMA DAS JOVENS ESTUPRADAS ERA VIRGEM

adolescentes foram brutalmente seviciadas pela banda de pagode

Os exames  que confirmaram  o estupro contra as duas adolescentes que acusam dez integrantes da banda de pagode New Hit, também comprovaram que uma delas era virgem, de acordo com o delegado Marcelo Cavalcanti, que investigou o caso. A outra menor de idade também disse em depoimento que nunca teve relação sexual antes do abuso, mas não foi confirmada a presença de sangue no laudo, segundo o delegado.

Cavalcanti explicou que uma grande quantidade de esperma foi encontrada nas roupas das adolescentes e que toda a versão contada por elas desde o início foi comprovada.

— Por mais fantasiosa que pareceu a história em um primeiro momento, tudo ficou comprovado. Elas chegaram a ter sêmen no cabelo e no rosto. Quero parabenizar a perícia pelo excelente trabalho nessa investigação.
Um exame minucioso deve identificar o DNA dos espermas encontrados. O laudo não tem data para ficar pronto e será encaminhado diretamente à Justiça. Segundo Cavalcanti, o resultado não altera a decisão do indiciamento. Os dez integrantes foram responsabilizados pelo estupro e formação de quadrilha. O inquérito foi encaminhado na terça-feira (25) ao Ministério Público.

Nove integrantes estão presos no presídio Regional de Feira de Santana, a 108 km de Salvador. O policial militar, que teria vigiado a porta do ônibus onde o estupro aconteceu, está custodiado na Coordenadoria de Custódia Provisória da Polícia Militar, localizada no Batalhão de Choque em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador.

As duas adolescentes estão em um abrigo na capital. As menores disseram que passaram a receber ameaças  depois que o caso foi divulgado. O Conselho Tutelar foi acionado e pediu proteção para as duas.

O estupro aconteceu no dia 26 de agosto, após uma apresentação do grupo em um Carnaval fora de época na cidade de Ruy Barbosa. Elas contaram à polícia que foram estupradas dentro do ônibus da banda, onde entraram para tirar fotos com os integrantes. A dupla afirmou que foi levada ao banheiro do veículo e as duas foram violentadas pelos rapazes, que agiram em duplas.

CASO NEW HIT: LAUDO CONFIRMA ESPERMA DE MUSICOS EM ROUPAS DE ADOLESCENTES

que p… é essa, meu rei?

O delegado Marcelo Cavalcante, titular de Ruy Barbosa  (BA) afirmou  que os exames periciais revelaram a  presença de grande quantidade de esperma nas roupas das duas adolescentes de 16 anos que acusam nove integrantes da banda New Hit de estupro. O resultado dos exames feitos pelo Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana foi divulgado nesta segunda.

“Esse laudo confirma a declaração das duas jovens, de que não houve sexo consensual e sim estupro”, afirmou o delegado. Os exames detectaram manchas de esperma  nas roupas das garotas e de um dos integrantes do grupo, cujo nome não foi revelado pela polícia.

Marcelo Cavalcante ressaltou que foi encontrado sêmen de mais de duas pessoas. Porém, ainda não se pode confirmar de quem era o material nem a quantidade exata dos integrantes envolvidos. “Pela simples declaração das jovens, eu já poderia indiciar os acusados. O laudo serve como mais um elemento”, declarou o delegado.

Cavalcante disse que já concluiu o inquérito e indiciou os componentes da New Hit e o PM Carlos Frederico Santos de Aragão. O soldado seria cúmplice do crime, ocorrido no ônibus do grupo, em 26 de agosto.

 

 

CASO NEW HIT E A BANALIZAÇÃO DO SEXO

A secretária nacional de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres, Aparecida Gonçalves, comentou o caso de violência sexual que envolve a banda New Hit, no município baiano de Ruy Barbosa. “Por ser um caso emblemático, tem ampliado a discussão sobre a violência sexual no país”, afirmou Aparecida, que disse acompanhar o desenrolar dos fatos relacionados ao episódio e defendeu a punição dos envolvidos.

De acordo com a secretária, “o caso desta banda contra duas meninas de 16 anos reflete a banalização do sexo por meio da violência, o que deve ser combatido com veemência no Brasil”. O delegado Marcelo Cavalcanti confirmou que as adolescentes foram estupradas pelos integrantes da banda.

As  famílias das  jovens estupradas afirmam   que estão  sofrendo ameaças através de ligações anônimas e já tiveram  que deixar  suas casas.

Integrantes da New Hit, a Banda do Estupro, são transferidos para presídio em Feira de Santana

ora veja, banda muda de cadeia, pra preservar musicos.

A Polícia Civil transferiu, nesta sexta-feira (31), para o Presídio Regional de Feira de Santana, os nove integrantes da banda New Hit, que estavam custodiados na Delegacia Territorial (DT) de Ruy Barbosa. O grupo saiu da unidade policial por volta das 7h40min e chegou ao presídio às 9h, onde foram submetidos a exames de rotina. O décimo envolvido, um soldado da PM que fazia a segurança do grupo, já está recolhido no Batalhão de Choque da Polícia Militar, em Lauro de Freitas.

Acusados de terem estuprado duas adolescentes, os músicos foram transferidos por determinação da juíza Márcia Simões Costa, titular da Vara Criminal da cidade, que atendeu solicitação do titular da DT/Ruy Barbosa, Marcelo Cavalcanti. O crime ocorreu no domingo (26), dentro do ônibus da banda, que estava estacionado na praça da cidade, local para onde as duas garotas foram levadas, depois de pedirem para fazer fotos ao lado dos artistas.

Aguardando o resultado do laudo do exame de corpo delito das duas jovens, em elaboração no Departamento de Polícia Técnica (DPT), de Feira de Santana, o delegado Marcelo Cavalcanti, explicou que fez o pedido de transferência à juíza da Comarca objetivando  preservar a integridade física dos músicos. “Devido a natureza do crime e, para não criar uma situação de risco aos rapazes, conclui que seria melhor custodiá-los, até sair a decisão da justiça sobre o caso, num local mais adequado”, esclareceu Cavalcanti.

APURAÇÃO DE ESTUPRO DE ADOLESCENTES POR INTEGRANTES DE BANDA DE ARROCHA SERÁ AGILIZADA

A Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) informou, que irá colaborar na agilidade da apuração sobre a denúncia de estupro que envolveu os integrantes da banda New Hit e um policial militar no município de Ruy Barbosa.  A titular da pasta, Lúcia Barbosa, solicitou em ofício direcionado ao secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, celeridade no resultado dos exames de corpo delito realizado nas vítimas, examinadas no Departamento de Política Técnica (DPT) de Feira de Santana.

Com a ação, a pasta espera colaborar com o caso enquanto organismo governamental que lida com o enfrentamento à violência sexual. Além do contato com a SSP, a SPM tem envolvido os órgãos de segurança pública nas discussões e campanhas de sensibilização sobre o assunto.

O órgão também mantém diálogo com o Ministério Público do Estado, que acompanha o caso de Ruy Barbosa, repercutido nacionalmente nas últimas horas, o que expõe ainda mais o preocupante quadro de denúncias de violência contra as mulheres baianas.

 

BAHIA: DEZ INTEGRANTES DE BANDA DE PAGODE PRESOS APÓS ESTUPRO DE DUAS ADOLESCENTES

Adolescentes foram pedir autógrafos e acabaram estupradas.
A baixaria não é só nas letras. (foto: Central de Polícia)

Dez integrantes da banda de pagode baiana New Hit foram presos na cidade de Ruy Barbosa, no centro-norte baiano, acusados de abusarem sexualmente duas adolescentes de 15 e 16 anos, na madrugada deste domingo (26). Segundo informações do blog Central de Polícia, o fato ocorreu dentro do ônibus da banda, quando as garotas teriam entrado no veículo para tirar fotos com os músicos e foram “convidadas” a irem ao fundo do ônibus.

“Eles disseram que no fundo do ônibus tinha mais luz e enquanto dois nos seguravam e tampavam a nossa boca os outros faziam sexo com a gente”, relatou uma das menores à reportagem da rádio Subaé, de acordo com o blog. As adolescentes, acompanhadas de agentes do Conselho Tutelar, foram submetidas a exame de corpo de delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana. O grupo foi preso pela Polícia Civil após denúncia das menores que são da cidade de Itaberaba

Estuprador atrai adolescentes para “projeto social” falso a faz fotos de uma das vítimas

esse aí merece conhecer o “projeto social” da cadeia…

O ex-presidiário Moisés da Cruz Pinto, de 39 anos, que abusou de seis adolescentes, com idades entre 12 e 17 anos, nos últimos dois meses, responderá pelos crimes de estupro, estupro de vulnerável, roubo e pornografia infantil. Depois de preso por investigadores da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), na casa de um irmão, no bairro de Sussuarana, no domingo (19), ele já foi reconhecido por quatro vítimas.

Ouvido pela titular da Dercca, delegada Ana Crícia de Araújo, o criminoso confessou que escolhia os garotos em locais como lan houses e shopping centers de diferentes bairros de Salvador. Moisés se apresentava aos adolescentes como representante de um projeto social para inclusão de jovens em situação de risco no mercado de trabalho. “Desta maneira, ele também conseguia ganhar a confiança dos pais das vítimas”, disse a delegada.

Para praticar os crimes, Moisés alugou imóveis em diferentes bairros como Mata Escura, Marechal Rondon e Pirajá, onde marcava encontros com as vítimas. Nestes locais, ele dopava os garotos com Diazepam e praticava os abusos. Além de roubar os celulares de duas vítimas, em uma ocasião fez fotos de um adolescente despido. O criminoso, que já cumpriu pena por estupro, entre 2003 e 2009, na Penitenciária Lemos Brito, encontra-se custodiado na carceragem da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), à disposição da Justiça.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
janeiro 2022
D S T Q Q S S
« dez    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031