WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

universidade lasalle livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

agosto 2022
D S T Q Q S S
« jul    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘Dr. Rafael Andrade’

Encontro debate Campanha do Dia Mundial do Diabetes e destaca Mutirão em Itabuna

mutirão D (2)A Federação Nacional de Associações e Entidades de Diabetes-FENAD e a Associação Nacional de Atenção ao Diabetes-ANAD, realizaram o Encontro para a Campanha Nacional do Dia Mundial do Diabetes 2022. O encontro foi coordenado pelo Dr. Paulo Henrique de Ávila Morales e pelo Dr. Rafael Andrade, idealizador e coordenador do Mutirão do Diabetes de Itabuna.

 

 
Entre os temas debatidos, o histórico do mutirão em Itabuna, considerado uma referência nacional, e as experiências de mutirões em Ribeirão Preto-SP, Belo Horizonte-MG, São Gonçalo-RJ, Joinville-SC, Vitória-ES, Blumenau-SC, Goiânia-GO, Campo Grande-MS, Rio de Janeiro-RJ, e Vitória da Conquista e Itapetinga, na Bahia, todos eles inspirados no modelo itabunense. O encontro também discutiu a importância dos mutirões para os portadores de diabetes.

mutirão D (1)
O Dr. Rafael Andrade destacou que o evento “serviu para uma troca de experiências entre profissionais de oftalmologia e de diversas áreas para aprimorar e ampliar o atendimento, tanto na prevenção como no tratamento da doença. Ele disse ainda que “o mutirão de Itabuna hoje é replicado em mais de 30 cidades brasileiras, beneficiando milhares de pessoas”.

 

 

 

Em 2022, o Mutirão do Diabetes de Itabuna acontecerá em algumas etapas durante o mês de novembro.

 

Dr. Rafael Andrade participa de Simpósio Internacional de Oftalmologia em São Paulo

dr Rafael destaque editada ok

O oftalmologista Rafael Andrade, Superintendente Médico do Hospital Beira Rio, em Itabuna, está participando do 44ª SIMASP, um Simpósio Internacional de Oftalmologia, que acontece até este sábado (18), em São Paulo.

O evento foi aberto na última quarta-feira (15), e reúne vários especialistas do país e do exterior no pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera.

Durante o congresso, o médico itabunense apresentou duas conferências, sobre o Mutirão do Diabetes e a importância da retinopatia diabética no país. Ali também acompanhou palestras e apresentações de painéis de discussão sobre temas atuais da Oftalmologia com os maiores especialistas do Brasil.

oftalmologia

“Essa é uma oportunidade de mostrar a excelência da medicina oftalmológica que desenvolvemos em Itabuna, divulgar o Mutirão do Diabetes e também agregar novos conhecimentos”, observa Dr. Rafael Andrade.

Ainda participam do Simpósio os oftalmologistas que integram o quadro médico do Hospital Beira Rio: Dra. Larissa Andrade, que acompanha principalmente as discussões sobre córnea, catarata e cirurgia refrativa, Dr. André Castelo Branco e Dra. Camila Netto.

Abril Marron e prevenção da cegueira

Dr. Rafael Andrade

 

mutirão itabuna Dr. RafaelO Abril Marrom teve como objetivo alertar sobre a Prevenção, o Combate e a Reabilitação aos diversos tipos de cegueira.

Durante todo o mês, entidades médicas, hospitais, associações de pacientes e órgãos governamentais realizam atividades de conscientização da população sobre os cuidados com a visão. Durante o Abril Marrom, ocorrem ainda mutirões de atendimento oftalmológico e eventos sobre o tema.

A iniciativa é fundamental, já que a maioria dos casos de cegueira é  tratável quando diagnosticada precocemente. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), de 60% a 80% dos casos de cegueira são evitáveis, e só no Brasil, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) , são mais de 6 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência visual.  Então, divulgar a ideia do Abril Marrom significa salvar a visão de milhares de pessoas.

O abril Marrom surgiu em 2016 a partir da iniciativa do Professor Doutor. Suel Abujamra, ex-presidente do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO).

O mês de abril foi escolhido por ser neste mês comemorado o Dia Nacional do Braille, o dia 8 de abril. A data é o nascimento de José Álvares de Azevedo (08 de abril de 1834) o professor responsável por trazer, em 1850, o alfabeto Braille ao Brasil. A cor marrom foi a escolhida para a Campanha, por ser a cor de íris mais comum nos olhos dos brasileiros.
As principais causas da cegueira em adultos são a catarata, o glaucoma, a degeneração macular relacionada à idade (DMRI) e o diabetes (ou edema macular diabético – EMD).

 

:: LEIA MAIS »

Com novas tecnologias, Mutirão do Diabetes de Itabuna supera desafios da pandemia

Modelo itabunense é replicado em 30 cidades brasileiras em 2021

diabetes em ação (2)

Em função da pandemia da Covid 19, o Mutirão do Diabetes de Itabuna, promovido pela ONG Unidos pelo Diabetes, Prefeitura Municipal e Hospital Beira Rio, aconteceu em formato híbrido. Iniciado com a captação de pacientes por Agentes Comunitários de Saúde (ACS), seguido de uma triagem realizada no CAIC, seguindo todos os protocolos de saúde. Cerca de 700 pessoas participaram de uma tele-triagem feita por técnicos treinados, sendo realizada a Retinografia Digital, com laudo a distância, além de exames do pé diabético e em seguida, o exame de retinografia digital. As imagens foram enviadas para uma equipe médica de oftalmologistas especialistas de em Retina e Vítreo que emitiram laudos, com apoio da Inteligência Artificial, sinalizando quais os pacientes graves que deveriam receber atendimento especializado.

 

Dr. Rafael Andrade

Dr. Rafael Andrade

No dia 20 de novembro, cerca de 120 pacientes tiveram atendimento no  Hospital Beira Rio, no dia 20 de Novembro,  para avaliação presencial  e realização de exames e avaliação multidisciplinar, com  mapeamento de retina, exames especializados para avaliação com nefrologistas e avaliação cardiológica com eletrocardiograma. 38 pacientes foram submetidos a tratamento gratuito com fotocoagulação a laser. Os casos que necessitem de tratamento mais demorado serão atendidos com o aval da Secretaria Municipal de Saúde.

 

EXPANSÃO DOS MUTIRÕES

 

“Além de todos os protocolos de distanciamento o que realmente veio para ficar foi o uso da telemedicina, ou o telediagnóstico, principalmente para o rastreio da retinopatia diabética e outras doenças associadas”, afirma o médico Rafael Andrade,, presidente da ONG Unidos pelo Diabetes e idealizador e coordenado do Mutirão. “As dificuldades aceleraram soluções que servirão pós pandemia com certeza para democratizar o acesso, principalmente em lugares mais distantes ou esquecidos”, afirma o Dr. Rafael.

diabetes em ação (3)

Através da ONG Unidos Pelo Diabeteses, o modelo do Mutirão de Itabuna vem sendo replicado, inspirando campanhas em várias cidades, por meio de consultoria à distância, cursos presenciais para mutirões nos congressos médicos, e alguns casos, com treinamento presencial em loco na própria cidade. Eles  aconteceram em 17 cidades do Brasil em 2018 e evoluindo para 24 cidades em 2019, atingindo todas as regiões do Brasil. Em 2020, poucas cidades chegaram a fazer alguma ação, quando em Itabuna, foi desenvolvido este novo modelo adaptado. Em 2021, cerca de  30 cidades do Brasil fizeram mutirões que foram inspirados e treinados pelo modelo de Itabuna.

diabetes em ação (4)

“Os mutirões em todo o Brasil estão atingindo grande poder ação, ficando cada vez maiores, multidisciplinares e impactantes, e tendo como foco principal a prevenção, através de exames do fundo olho, pé e rim diabéticos, atividades educativas, de mobilização e envolvimento da comunidade”, finaliza o Dr. Rafael Andrade.

 

Iluminado de azul, Cristo Redentor homenageia Mutirão do Diabetes

cristo azul
Ao prestar uma homenagem a Itabuna, com a iluminação do Cristo Redentor, um ícone mundial, com a cor azul, símbolo da prevenção do diabetes, o médico oftalmologista Dr. Almyr Sabrosa, fez questão de reconhecer a cidade como exemplo na realização de mutirões que se espalharam pelo país.

Coordenador do Mutirão do Diabetes do Diabetes do Rio de Janeiro, o Dr. Almyr fez um agradecimento ao Dr. Rafael Andrade, “mentor dos mutirões e grande idealizador desse movimento. Essa cor azul no Cristo Redentor representa tudo o que você vem fazendo em prol dos portadores de diabetes”. “De Itabuna para o Rio de Janeiro e para o mundo. Que você continua propagando para o Brasil essa campanha de grande ação social”.

Idealizador e coordenador do Mutirão do Diabetes de Itabuna, que acontece há 17 anos, o Dr. Rafael Andrade, presidente da ONG Unidos pelo Diabetes, afirmou que “recebi uma das maiores homenagens da minha vida. São 17 anos de uma jornada que só me trouxe coisas boas e que além de ter a experiência de viver a medicina de uma forma que mudou minha vida, ganhei muitos amigos fantásticos e generosos”. “Sonhei em ver o Cristo Redentor em azul desde a primeira vez que o vi e quero dividir essa homenagem com todos os parceiros e voluntários que fazem do mutirão de Itabuna um motivo de orgulho para todos nós”, destaca o Dr. Rafael.

Em 2021, mesmo com as limitações impostas pela pandemia, além de Itabuna, estão sendo realizados mutirões em Fortaleza, Rio de Janeiro, Joinville, Sorocaba, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Vitória, Goiânia, Uberlandia, Belo Horizonte, Janauna, Campo Grande, Belém, Recife, Blumenau, Aracaju, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Florianópolis, Cuiabá, São Paulo, Betim, Campo Grande, Aparecida de Goiania e São Luis.

Em Itabuna, após a realização da triagem, os casos mais graves terão atendimento especializado no próximo dia 20, no Hospital Beira Rio. Além disso, as atividades de 2021 incluem a Campanha Luz Azul, com iluminação de espaços públicos, empresas e residências, lives pelo instagram, um programa especial na TV Cabralia/Record e um Aulão Azul online, transmitido pelo youtube.

O Mutirão do Diabetes de Itabuna é promovido pela ONG Unidos pelo Diabetes, com o apoio da Prefeitura de Itabuna e Hospital Beira Rio.

‘Você no centro do cuidado’ é tema do Mutirão do Diabetes de Itabuna 2021

mutirão itabuna

Em um evento na noite desta quarta-feira (3) no auditório do Hospital  Beira Rio, foi apresentado o projeto do Mutirão do Diabetes de Itabuna 2021, que acontece de forma híbrida pela segunda vez.

Há 17 anos, o Mutirão mobiliza colaboradores, moradores, médicos e instituições na prevenção e controle  ao diabetes. Foram 15 edições que aconteceram no formato tradicional, inspirando mais de 25 municípios espalhados pelo Brasil a realizarem o evento.

Dr RafaelDesde 2020 foi necessário adaptar ao cenário da pandemia da Covid-19, onde foi utilizado um modelo de atendimento diferente, com protocolos de segurança, triagem, pré-agendamento e ajuda dos órgãos de saúde da cidade, modelo esse que foi chamado de Unidos Pelo Diabetes em Ação.

Neste ano a ação acontece da mesma forma, mas com um alcance maior,  e o tema da campanha é ‘Você no centro do cuidado’, mostrando à população a importância de levar a saúde a sério, fortalecendo a ideia de que o controle e prevenção estão em nossas mãos.
APOIO DA PREFEITURA DE ITABUNA

dra livia sec saude
O médico Rafael Andrade, presidente da ONG Unidos pelo Diabetes e coordenador do Mutirão,  destacou que, assim como foi em 2020, o evento só atende mediante agendamento, que já foi realizado em parceria com a Secretaria de Saúde de Itabuna. “É importante porque diminui as filas, melhora os acessos e conseguimos rastrear as complicações com mais agilidade e com a pandemia ficamos restrito com essa ajuda, que tanto a nossa sociedade precisa”, disse o médico.

mut diaEntre as diversas representatividades da sociedade, esteve presente também o reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), o professor Alessandro Fernandes, que ressaltou a parceria entre a Universidade e a ONG Unidos pelo Diabetes. “A pandemia tem nos causado dores, mas a diabetes também, então não podemos negligenciar, o diabetes é uma ameaça à vida das pessoas e precisamos também combatê-lo. A Uesc sente orgulho de ser parceira nessa ação de grande alcance social”, disse o reitor.

Representando as entidades ligadas ao setor comercial e empresarial do município, Mauro Ribeiro que é presidente da Associação Comercial de Itabuna (ACI) citou o sucesso do formato do mutirão, mesmo diante da pandemia. “É importante essa parceria, onde o comércio ‘se veste de azul’ durante esse mês inteiro, e estamos aqui para fortalecer isso”, pontuou.

:: LEIA MAIS »

Dr. Rafael Andrade é homenageado pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia

Dr Rafael (2)

O Dr. Rafael Andrade, diretor do Centro Avançado em Retina e Vítreo do Hospital Beira Rio, em Itabuna, prestigiou a solenidade de formatura da sétima turma do curso de lideranças pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) realizada em Natal (RN). O curso é considerado fundamental na preparação de oftalmologistas de todo Brasil para desafios do futuro.

Dr Rafael (1)

Durante o evento o médico itabunense, idealizador e coordenador do Mutirão do Diabetes de Itabuna foi um dos homenageados do CBO 20/21, pelos relevantes serviços prestados na área de oftalmologia e pela função de responsabilidade social que exerce através do mutirão, que beneficia milhares de pessoas.

O Dr. Rafael participou de apresentações de aulas e painéis técnicos sobre doenças da retina e empreendedorismo ligado à ações sociais.

Dr Rafael (3)

“Estamos sempre buscando especializações para trazer o melhor para os serviços do Hospital Beira Rio e essa homenagem faço questão de compartilhar com toda a equipe do HBR e com as pessoas que fazem do Mutirão o maior evento de prevenção e tratamento do diabetes no Brasil”, finalizou o médico.

Dr. Rafael Andrade recebe Comenda Firmino Alves

rafael (1)

O Superintendente Médico do Hospital Beira Rio e Presidente da ONG Unidos Pelo Diabetes,  Dr. Rafael Andrade, recebeu do prefeito Augusto Castro a Comenda Firmino Alves. A Comenda é a honraria máxima do município. concedida anualmente para 10 personalidades pelos relevantes serviços prestados à Itabuna e faz parte das comemorações pelo aniversário da cidade.

rafael (2)

O Dr. Rafael Andrade  é idealizador e coordenador do Mutirão do Diabetes de  Itabuna, considerado um dos maiores eventos de prevenção e tratamento da doença do mundo e que faz parte do calendário da Federação Internacional do Diabetes.

Dr. Rafael Andrade: “juntos, vamos vencer esse vírus”

Idealizador e coordenador do Mutirão do Diabetes de Itabuna, o Dr. Rafael Andrade, alerta sobre cuidados na prevenção da Covid 19

Albergue Bezerra de Menezes recebe 100 cestas básicas do projeto 24 Horas pelo Diabetes

cestas albergue 2

O Albergue Bezerra de Menezes, em Itabuna,  foi uma das instituições beneficiadas com a doação de 100 cestas básicas, arrecadadas durante o projeto 24 Horas pelo Diabetes, realizado no dia 21 de novembro, promovido pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia-CBO, para marcar o Dia Mundial do Diabetes, que em 2020, por conta da pandemia,,  não teve atividades presenciais, a exemplo do Mutirão do Diabetes de Itabuna, maior evento do gênero no Brasil.

cestas albergue 1

As cestas básicas para o albergue foram entregues pelo  Dr. Rafael Andrade presidente da ONG Unidos pelo Diabetes  idealizador e coordenador do Mutirão.  “Além da prevenção do diabetes, o projeto pode contribuir com uma das principais instituições da cidade, que realiza um importante trabalho de atenção e acolhimento aos idosos carentes”. O presidente do Albergue, César Brandão ressaltou que “nesse momento tão difícil, em que sofremos com o impacto da pandemia  as cestas básicas contribuem para manter o atendimento aos nossos internos. A iniciativa do CBO com o apoio do Dr. Rafael merece nosso reconhecimento”. Fundado há 49 anos, o Albergue Bezerra de Menezes atende  atualmente a 92 pessoas.

cestas albergue 3

O Dr. Cristiano Caixeta, vice-presidente do CBO  fez questão de  “agradecer a todas as pessoas que apoiaram essa ação, que arrecadou mais de duas mil cestas básicas, beneficiando famílias de 21 cidades brasileiras, num grande exemplo de solidariedade”.

Em meio à pandemia, Itabuna promove ação inovadora de prevenção ao Diabetes

 

mut 2020 2

A ONG Unidos pelo Diabetes, que promove o Mutirão do Diabetes de Itabuna, deu início a um novo modelo de prevenção da doença, já que por conta da pandemia da Covid 19, o evento considerado o maior do país na prevenção e tratamento da doença     não será realizado no formato convencional este ano.

 

O projeto “Unidos pelo diabetes em ação”, que conta com o apoio do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e Sociedade Brasileira do Diabetes,   antecipa a celebração pelo Dia Mundial do Diabetes (14 de novembro) e tem o intuito de fornecer aos pacientes da cidade acesso rápido e gratuito a exames diagnósticos para rastreamento de possíveis complicações associadas à doença, principalmente a retinopatia diabética.

PHOTO-2020-10-20-22-57-06

Nesta edição especial, os exames foram feitos sempre com horário agendado, no ginásio de esportes do CAIC, no bairro Sarinha Alcântara, situado ao lado da Unidade Básica de Saúde (USB).

Dr. Rafael Andrade

Dr. Rafael Andrade

Uma amostra de pacientes com diabetes, da rede pública de saúde de Itabuna, previamente selecionados por agentes comunitários da cidade, foram  recepcionados para realizar retinografia digital e exame do pé diabético. Os exames aconteceram por meio de sistema de teletriagem e com o auxílio de um aplicativo específico (SISPED).

 

TELETRIAGEM E PREVENÇÃO

mut 2020 4

“A intenção é auxiliar os pacientes, por meio de uma nova metodologia que respeita os cuidados de distanciamento social e barreira sanitária, essenciais para evitar a disseminação do novo coronavírus”, salienta o oftalmologista  Dr. Rafael Andrade,  presidente da ONG Unidos pelo Diabetes.  Uma amostra de pacientes com diabetes, da rede pública de saúde de Itabuna, previamente selecionados por agentes comunitários da cidade, foram  recepcionados para realizar retinografia digital e exame do pé diabético.

 

Pacientes que apresentaram alteração no resultado de seus exames participarão da segunda fase do projeto, prevista para acontecer em de novembro, no Hospital Beira Rio. Na oportunidade, eles serão encaminhados para atendimento especializado e terão acesso a outros exames de alta complexidade, como eletrocardiograma, ecocardiograma, tratamento de retina com fotocoagulação a laser, exames bioquímicos, etc. No total, cerca de 600 pessoas devem ser beneficiadas nas duas fases da ação, 100 delas na etapa de novembro, além de ações educacionais

:: LEIA MAIS »

Dr. Rubens Belfort Mattos Junior toma posse na presidência da Academia Nacional de Medicina

acad (2)

O oftalmologista paulista Dr. Rubens Belfort Mattos Junior, membro titular da Academia Brasileira de Ciências, assumiu ontem a presidência da  Academia Nacional de Medicina no biênio 2020-2021. Em 190 anos, é a primeira vez que um médico de fora do Rio de Janeiro assume a presidência.

Dr. Rafael Andrade

Dr. Rafael Andrade

A ANM foi fundada em 1829  e congrega acadêmicos de grande renome da medicina brasileira, com objetivo de orientar novas gerações, sempre com abordagem de temas atuais. O tema de próxima reunião, que acontece na semana que vem, será sobre o novo coronavirus.

O Dr. Rubens Belfort Junior é um dos grandes incentivadores do Mutirão do Diabetes de Itabuna, coordenado pelo Dr. Rafael Andrade e promovido pela ONG Unidos pelo Diabetes, em parceria com o Hospital Beira Rio e Asdita. O Dr. Rafael Andrade participou da solenidade posse e destacou que “o Dr. Belfort Junior é uma das maiores personalidades da oftalmologia brasileira e um incansável defensor do projeto do mutirão para todas as partes do Brasil. Temos certeza de terá uma atuação brilhante na Academia Nacional de Medicina”.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia