hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘demissões’

Luiz Fernandes: “Nestlé demite sem dar opção aos trabalhadores”

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Cacau- Sindicacau, Luiz Fernandes, fala sobre as demissões na Nestlé, em Itabuna. A fábrica, que tinha 600 funcionários há dois anos, conta atualmente com apenas 100 operários. De acordo com Luiz, fim dos incentivos fiscais provocou fechamento de unidades de produção.

Veja

Nem aqui, nem na China…

luxa e mano

Vanderlei Luxemburgo e Mano Menezes, técnicos com passagens pela Seleção Brasileira, perderam seus empregos no emergente (e fraco) futebol chinês.

No domingo, Vanderlei Luxemburgo deixou o comando do Tianjin Quanjian, que disputa a segunda divisão no futebol chinês. Hoje, Mano Menezes foi demitido pelo Shandong Luneng, que ocupa apenas a 14ª. Posição na primeira divisão.

A demissão de Luxa e Mano mostra que a decadência do futebol brasileiro, que não consegue brilhar nem em mercados periféricos da bola.

Gol da Alemanha!

Em três meses, bancos demitem 1.800 funcionários

bancosOs bancos brasileiros fecharam 1.849 postos de trabalho no primeiro trimestre deste ano. O saldo negativo foi puxado pelas instituições privadas, que fecharam 2.985 vagas. A Caixa Econômica Federal, entidade financeira pública, abriu 1.132 empregos e impediu que o número subtraído fosse maior. Os maiores cortes ocorreram em São Paulo (menos 967 vagas), no Rio de Janeiro (276), no Rio Grande do Sul (260 ) e em Minas Gerais (186).

As informações estão na Pesquisa de Emprego Bancário (PEB), divulgada nesta quinta-feira (24) pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Além do fechamento de vagas, a consulta mostrou também alta rotatividade no emprego bancário. De acordo com o estudo, as instituições contrataram 8.266 funcionários e desligaram 11.115. O fato impactou nos ganhos da categoria, já que o levantamento aponta que o salário médio dos admitidos no primeiro semestre foi R$ 3.129,17, contra R$ 5.372 dos desligados. Informações da Agência Brasil.

 

Jornalista, uma espécie em extinção?

Por Camila Rodrigues, Bruno Fonseca, Luiza Bodenmüller e Natalia Viana

Reproduzido da Agência Pública

O maior orgulho de Vera Saavedra Durão foi ver a filha virar jornalista. Isso porque ela própria, Vera, dedicou 35 anos à profissão, com a garra de quem cumpre uma missão. “Você quer que as informações sejam publicadas da melhor forma possível, que aquilo ali venha a público. A gente se entrega”, diz Vera. “Se minha filha seguiu o mesmo caminho é sinal de que ela viu valor nisso”.

A jornalista, hoje com 65 anos, abraçou a reportagem com a mesma paixão que lutou contra a ditadura, como militante da Vanguarda Revolucionária Palmares (VAR-Palmares), onde foi companheira de Dilma Rousseff. Ficou dois anos na prisão; quando saiu, atuou como repórter de Economia nos então principais jornais do país – O Globo, Jornal do Brasil, Gazeta Mercantil, Folha de S. Paulo.

Read the rest of this entry »

JUSTIÇA DERRUBA LIMINAR QUE SUSPENDIA DEMISSÕES E AZALÉIA DEIXA 1.500 PESSOAS SEM EMPREGO

Fábrica da Azaléia em Ibicui: os empregos vão para a Índia

A liminar que suspendia a demissão 1.500 trabalhadores da Azaléia foi derrubada pela Justiça. A empresa fechou fábricas em Iguaí, Ibicuí, Itati, Potiraguá, Itarantim e Maiquinique, na Bahia,  e vai abrir uma unidade na Índia.

 A Azaléia oferece como compensação aos trabalhadores que não concordaram em  ser transferidos para outras filiais, dois salários, férias e três meses de cesta básica.

Detalhe: quem aceitar a transferência para outras unidades, não se adaptar e quiser sair, perde direito a esses “mimos”.

Faltou oferecer uns “tenisinhos”, umas “sandaliazinhas” e outros penduricalhos, para um bazar dos degolados.

A AZALÉIA É CRUEL!!!

Vocês nem imaginam o que eu tenho no saco…

Quem achava que a Azaléia cometeu uma crueldade ao fechar, sem qualquer aviso anterior, as fábricas em cinco cidades do Sul e Sudoeste da Bahia, foi uma crueldade, pode ter certeza.

Em Potiraguá, cidadezinha de cerca de 10 mil habitantes, os cerca de 400 funcionários se dirigiram para a empresa para o ultimo dia de trabalho antes das férias coletivas e para a festa de Natal (havia até uma banda contrata), quando em vez da comemoração, foram avisados do fechamento da unidade.

A crueldade não acaba ai. A empresa ofereceu a oportunidade de transferência para as fábricas que não foram fechadas, mas o funcionário que não se adaptar terá que pedir demissão, em vez de ser demitido, perdendo as “vantagens” oferecidas, como um bônus de 1000 reais.

E olhem que na propaganda a Azaléia se jacta de ser uma empresa socialmente responsável.

Se não fosse, era capaz de colocarem alguém vestido de Papai Noel entregando de presente a temida carta de demissão.

JUSTIÇA SUSPENDE DEMISSÕES NA AZALÉIA

A Azaleia tem dez dias para abrir negociação com o sindicato dos trabalhadores e definir plano de demissão que “reduza os efeitos sociais da decisão de encerrar as atividades de seis fábricas do grupo”.

A decisão judicial cobra ainda que a Azaleia Nordeste (Vulcabrás) estabeleça critérios claros para os que optarem pela continuidade na empresa e aos que escolherem pela demissão.

A empresa está proibida, ainda, de demitir ou transferir qualquer funcionário sem antes estabelecer “os termos, prazos e medidas mitigadoras da dispensa em massa com o sindicato dos trabalhadores”.

Os procuradores do Trabalho denunciaram na ação civil que a Azaleia deu apenas 24 horas para que trabalhadores decidissem entre a demissão ou serem transferidos para uma das 12 unidades que serão mantidas no centro-sul baiano. A magistrada estipulou em R$ 5 mil a multa diária por trabalhador afetado pelas “medidas abusivas” da Azaleia. (do Pimenta na Muqueca)

 

 
 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
junho 2018
D S T Q Q S S
« mai    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930