hanna thame fisioterapia animal
camara itabuna prefeitura itabuna coronavirus 155 bom petiscos livros do thame

Posts Tagged ‘Dedé do Amendoim’

Memórias de um Dinossauro

dt

Dedé do Amendoim, vascaíno, petista. E insubstituível!

Após 46 anos percorrendo os bares de Itabuna com sua inseparável bicicleta, vendendo amendoim e ovo de codorna, Dorival Higino da Silva, também conhecido como Dedé do Amendoim ou, por motivos óbvios, Tesão, pendurou as chuteiras e os pedais em 2016.

Com oito filhos criados graças à sua labuta incansável, ele decidiu que era hora de parar, curtir a família e torcer/sofrer com o Vasco da Gama, seu time de coração.

dede do amendoimComo Pelé, deixou sucessores na labuta para ganhar honestamente o suado pão de cada dia, mas não substitutos, porque Dedé é dessas figuras que merecem o adjetivo “insubstituível”.

Dedé do Amendoim é, ao lado do Caboco Alencar, que felizmente continua na ativa no ABC da Noite, um dos personagens mais fascinantes da boemia itabunense, com histórias que dariam um livro.

Uma delas, ocorrida em meados dos anos 90, dá bem a dimensão do estilo Dedé. Vendia ele seus amendoins e seus ovos de codorna no Katiquero, vestindo com orgulho uma camisa do PT, quando um desses babacas que infelizmente poluem os bares perpetrou:

-Tira a essa camisa horrível que eu compro tudo…

Ao que Dedé respondeu na lata:

-Pois pra gente como você eu prefiro não vender nada…

E seguiu em frente, com sua bicicleta e sua dignidade.

Em tempo 1: Dedé recolheu-se em sua residência no bairro de Fátima.  Vítima de uma enfermidade, atualmente enfrenta dificuldades para se locomover.

Mesmo contra sua já manifestada vontade, é merecedor de todas as homenagens.

Em vida, como deve ser!

Em tempo  2: Zequinha, célebre dono do Katiquero, fechado desde março por conta da pandemia, diz que o local não será reaberto, ao menos com ele no comando.

Bares não deveriam morrer, ainda mais quando não são apenas bares, mas simbolos de uma cidade.

 

Dedé do Amendoim pendura as chuteiras

Dedé 1

Após 46 anos percorrendo os bares de Itabuna com sua inseparável bicicleta, vendendo amendoim e ovo de codorna, Dorival Higino da Silva, também conhecido como Dedé do Amendoim ou, por motivos óbvios, Tesão, pendurou as chuteiras.

Com oito filhos criados graças à sua labuta incansável, ele decidiu que era hora de parar, curtir a família e torcer/sofrer com o Vasco da Gama, seu time de coração.

dedé 2 Dedé do Amendoim é, ao lado do Caboco Alencar, que felizmente continua na ativa do ABC da Noite, um dos personagens mais fascinantes da boemia itabunense, com histórias que dariam um livro.

Uma delas, ocorrida em meados dos anos 90, dá bem a dimensão do estilo Dedé. Vendia ele seus amendoins e seus ovos de codorna no Katiquero, vestindo com orgulho uma camisa do PT, quando um desses babacas que infelizmente poluem os bares perpetrou:

-Tira a essa camisa horrível que eu compro tudo…

Ao que Dedé respondeu na lata:

-Pois pra gente como você eu prefiro não vender nada…

E seguiu em frente, com sua bicicleta e sua dignidade.

Em tempo: Dedé do Amendoim não quer, mas não escapará de uma merecida homenagem a ser realizada em maio no ABC da Noite.

DEDÉ DO AMENDOIM QUER LEVANTAR O MORAL DA CÂMARA DE ITABUNA

hay que endurecer, pero sen perder la bandera jamas

Conheci Dedé do Amendoim no Katiquero,em Itabuna. Vésperada eleição de 2000, disputa voto a voto entre Geraldo Simões e Fernando Gomes.

 A bicicleta de Dedé tinha mais bandeiras do PT e adesivo de Geraldo do que amendoim e ovo de codorna, que eram o ganha pão do vendedor, com o qual ele criou e educou oito filhos.

 E ainda dizem que o negócio só ficou duro depois da invenção do viagra! O amendoim não conta?

 Pois bem, um sujeito metido a engraçado, vendo aquela profusão de PT e de Geraldo na bicicleta de Dodô falou para o bar todo ouvir:

 -Se você tirar isso da bicicleta eu compro o estoque todo…

 Ao que Dedé respondeu:

 -Pois pra você não vendo nem todo e nem um saquinho de amendoim.

 E seguiu sua jornada, com a altivez dos homens de bem.

 No final de semana, cruzo com Dedé do Amendoim no mesmo Katiquero de sempre e eis que ele anuncia:

 -Sou candidato a vereador pelo PT, só espero conseguir legenda.

 Ta aí um sujeito que a despeito de sua  ainda desconhecida potência (ops!) nas urnas, merece  uma chance.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2020
D S T Q Q S S
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930