hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Comunicação’

Quem não sabe se comunicar, se trumbica

 

Luciano  Veiga

luciano veiga (2)O velho guerreiro Chacrinha já dizia “quem não se comunica, se trumbica”. No mundo midiático em que vivemos, o nosso querido Guerreiro, se aqui estivesse, talvez acrescentaria ao seu jargão a frase “Quem não sabe comunicar, se trumbica”.

A comunicação no universo político viveu nos últimos tempos forte influência do marketing. Quem não se lembra que as últimas eleições foram marcadas com um modelo, que podemos denominar candidato produto. Os marqueteiros acostumados a trabalhar com produtos, tornando-os conhecidos e desejados pelos consumidores, fizeram o mesmo com os candidatos. Pesquisas qualitativas davam o contorno das propostas, do vestir, do falar, do agir, construindo um slogan “eu faço, eu quero, eu posso”.

No período Donald Trump, a mídia social ganha espaço, que seja pela universalização destes veículos de comunicação, do linguajar do pessoal às redes sociais, criando seguidores e devotos em um sistema que chega a todos, quebrando barreiras. Denominada como comunicação direta, foi também protagonizada no Brasil nas últimas eleições.

O que virou cartão de visita, tem-se transformado no cartão de saída.

No Brasil, dizemos quando o candidato é eleito, o mesmo precisa descer do palanque. Hoje, nos tempos modernos, podemos dizer que o mesmo precisa deixar de twittar e dar espaço à comunicação institucional, afinal, a sua comunicação passa a ser inerente ao cargo que ocupa e à instituição que representa.

Read the rest of this entry »

O adeus a Vily Modesto, uma lenda da comunicação grapiúna

vily modestoO jornalista, radialista e publicitário Vily Modesto faleceu, aos 78 anos, na noite desta quinta-feira (5), vítima de infarto. Um dos principais nomes do rádio itabunense, Vily estava afastado dos microfones há quase 10 anos e enfrentava problemas de saúde. Vily atuou nas três emissoras de rádio AM de Itabuna – Clube (hoje Nacional), onde começou em 1967, Difusora e Jornal, onde permaneceu mais tempo e rivalizava em audiência com o “Canarinho” Orlando Cardoso. Na Jornal, apresentava programa das 6h45min às 9h, o Show Messias, no primeiro horário, e o Programa Vily Modesto, na hora final.

Além do rádio, Vily se destacou na publicidade, com a VMP, e atuou por mais de 20 anos como coordenador da sucursal itabunense do Jornal A Tarde, onde também mantinha coluna no caderno A Tarde Municípios, principalmente nas décadas de 80 e 90. O trabalho na comunicação regional, seja no rádio, em jornais ou na publicidade, e a defesa do sul da Bahia fizeram dele presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDLI).

O MELHOR DO RÁDIO

Numa homenagem ao radialista  no ano passado, o jornalista Daniel Thame assinalou: “Vily Modesto, marcou época na Rádio Jornal de Itabuna, com o programa matinal das 7 às 9 da manhã, que levava seu nome. Músicas (com destaque para seu ídolo e amigo Roberto Carlos), notícias e entretenimento, em duas horas diárias do melhor que o rádio podia oferecer em termos de qualidade.”

Por fim, Daniel concluiu: “No Dia do Jornalista, o Blog do Thame celebra Vily e Odilon, dois grandes jornalistas que fazem falta, muita falta.”

Desligam-se os microfones, começa a eternidade…

VELÓRIO

O corpo do radialista, jornalista e publicitário está sendo velado no SAF, ao lado do Grapiúna Tênis Clube, na Avenida Juca Leão, região do Centro Comercial. O enterro está previsto para esta sexta-feira. (do PIMENTA)

Interatividade nos meios digitais é destaque em campanha contra o Aedes

sesUma nova campanha de combate ao mosquito Aedes aegypti foi lançada pelo Governo do Estado, nesta segunda-feira (15). A ação, apresentada para estudantes da rede pública durante evento no Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira, no bairro de São Marcos, em Salvador, vai usar as redes sociais, como o Instagram, Facebook e Youtube, para ampliar o alcance da campanha e engajar públicos diversos.

normal_1494859689279Osau0419Ao lado dos titulares das pastas estaduais da Educação, Walter Pinheiro, e de Comunicação, André Curvello, o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, ressaltou que “influenciadores digitais e vídeos com um pouco de humor estimulam o compartilhamento da mensagem, que é simples e direta: ou você toma uma atitude ou o mosquito toma conta”.

A campanha também terá anúncios em sites, jornais, revistas, outdoors, busdoors, além da exibição de comerciais nas rádios e tevês de todo o estado. Para ao secretário André Curvello (Secom), apostar na diversidade de linguagens é garantir que a mensagem chegue aos baianos. “Entendemos a importância do tema e tentamos utilizar todas as ferramentas possíveis da comunicação, no sentido de que a gente atinja o maior número de pessoas. Essa é uma campanha complexa, que já começou a ser veiculada em todos os meios ‘off’ e online. Acredito que nunca fizemos uma campanha com tanta força nas redes sociais como esta”.

Lançamento

Ses2Com o uso da tecnologia, a apresentação desta segunda-feira mostrou aos estudantes a história do Aedes aegypti e a forma como foi disseminado pelo mundo, bem como as estratégias de combate ao mosquito, que é vetor de doenças como a dengue, zika e chikungunya. “Em uma única ação utilizamos a interatividade de um vídeo 360°, propusemos uma mini gincana, apresentamos o ciclo de vida do mosquito com o auxílio de microscópios e montamos uma estrutura de mini cinema para exibir dois vídeos educativos”, explicou Fábio Vilas-Boas.

Uma caravana com dois caminhões levando o cinema ao ar livre, os óculos de realidade virtual, microscópio e outras atividades, vai percorrer as escolas estaduais, da capital e do interior, com as ações da campanha. De acordo com o secretário Walter Pinheiro, a ideia é fazer com que as atividades cheguem às 1.300 unidades da rede pública. “Estamos fazendo uma campanha que leva a conscientização e uma série de ações de combate ao mosquito, com a utilização de novas ferramentas. E a campanha encontra nas escolas o ambiente ideal para fazer essas ações florescerem. Queremos que o combate ao mosquito seja debatido dentro das salas de aula, que não seja pontual, mas que faça parte de uma prática de educação e formação”, destacou.

A agenda para as próximas visitas da caravana já está pronta. Confira o cronograma:

15 e 16 de maio – Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira, na capital.
17 e 18 de maio – Colégio Estadual Presidente Costa e Silva, na capital.
19 a 26 de maio – Salvador Shopping, na capital.
29 e 30 de maio – Colégio Estadual José de Freitas Mascarenhas, em Camaçari.
1º de junho – Colégio Estadual Polivalente de Camaçari, em Camaçari.

Saúde na Escola

Durante o evento desta segunda-feira, os secretários estaduais da Saúde e Educação também assinaram a adesão ao novo Programa Saúde na Escola, que destina recursos federais para as escolas públicas, sejam elas municipal, estadual ou federal. Nesse sentido, algumas ações são prioritárias, como a visita de profissionais de saúde nas escolas, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti; avaliação de Saúde bucal, e a prevenção ao uso de álcool e outras drogas. A ideia é dar atenção integral à saúde dos estudantes da rede pública através de ações de promoção, prevenção e enfrentamento das situações que podem gerar vulnerabilidade. (fotos Alberto Coutinho/SecomBA)

No Dia do Jornalista, um viva a Vily Modesto e Odilon Pinto

Vily Modesto, marcou época na Rádio Jornal de Itabuna, com o programa matinal das 7 às 9 da manhã, que levava seu nome. Músicas (com destaque para seu ídolo e amigo Roberto Carlos), notícias e entretenimento, em duas horas diárias do melhor que o rádio podia oferecer em termos de qualidade.

Odilon Pinto fez história,  também na Rádio Jornal, com um programa voltado para o homem do campo. Das 5 as 7 da manhã, a voz de Odilon ressoava por todo o Sul da Bahia, tendo como ponto alto o quadro “Vida na Roça”,  cartas dos ouvintes contando experiências de vida, que Odilon dramatizava e que depois se transformam em livro editado pela Via Litterarum e numa coluna fixa, “Coisas da Vida”,  no Diário Bahia.

Vily e Odilon, dois marcos e mestres da comunicação regional, se afastaram dos microfones e vivem, por opção ou necessidade, períodos de reclusão.

Fizeram história e fossemos mais cuidadosos em homenagear quem efetivamente merece, deveriam ser reverenciados inclusive pelos cursos de comunicação, tão desleixados que são quando se trata de olhar para o passado, de assimilar experiências extraordinárias.

No Dia do Jornalista, o Blog do Thame  celebra Vily e Odilon, dois grandes jornalistas que fazem falta, muita falta.

Viva Vily. Viva Odilon.

Vivam ambos, protagonistas e não meros figurantes nessa vida que a gente vive uma vez só.

Dilma aos ministros: “vençam a batalha da comunicação”

dilma

Na primeira reunião ministerial do segundo mandato, a presidente Dilma Rousseff estimulou, nesta terça-feira 27, todos os seus 39 ministros a “travar a batalha da comunicação”.

A presidente ressaltou, em discurso de abertura da reunião na Residência Oficial da Grana do Torto, que “devemos enfrentar o desconhecimento e a desinformação sempre e permanentemente”.

“Reajam aos boatos”, apelou Dilma. “Levem a posição do governo à opinião pública”, pediu. “Não podemos permitir que a falsa versão se alastre”.

“Por exemplo, quando dizem que vamos acabar com as conquistas históricas dos trabalhadores, respondam em alto e bom som: ‘não é verdade, os benefícios são intocáveis'”, citou Dilma.

Quando houver críticas sobre a mobilidade urbana, disse a presidente, os ministros devem ser lembrados do investimento de R$ 143 bilhões em 118 municípios.

Sobre a crise da água, Dilma ressaltou: “lembrem-se que desde o início dessa que é uma das maiores crises hídricas, o governo federal apoiou, está apoiando e estará apoiando de todas as formas as demandas dos governos estaduais”.

Em novo pedido aos ministros, a presidente afirmou: “vamos falar mais, comunicar sobre nossos desafios, nossas iniciativas e nossos acertos”.

Read the rest of this entry »

Governador e empresários assinam protocolo para novo polo que vai gerar 20 mil empregos na Bahia

Wagner: mais investimentos, mais empregos (foto: Manu Dias/Secom BA)

Wagner: mais investimentos, mais empregos (foto: Manu Dias/Secom BA)

O Complexo Industrial Polo 2 de julho será implantado no município de Maragojipe, no Recôncavo Baiano, dando suporte ao Estaleiro Enseada do Paraguaçu (EEP). O novo complexo tem o objetivo de atender a crescente demanda da indústria de óleo e gás do pré-sal e do pós-sal e a revitalização da indústria naval na Baía de Todos-os-Santos. Assinado nesta terça-feira (26), na Governadoria, Centro Administrativo da Bahia, o protocolo de intenções entre o Governo da Bahia, o EEP e as empresas ASK, OAS, Odebrecht e UTC prevê investimentos de R$ 2 bilhões na implantação do empreendimento que deve gerar oito mil empregos diretos e 12 mil indiretos.

Participaram do ato o governador Jaques Wagner, representantes das empresas, além dos secretários estaduais da Casa Civil, Rui Costa, do Planejamento, José Sérgio Gabrielli, do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Nilton Vasconcelos, e de Comunicação, Robinson Almeida.

“Queremos que parte dos itens de uma plataforma de petróleo, de preferência os que possuem mais tecnologia acoplada, possam ser produzidos aqui e, com  isso, agregar valor à Bahia, melhorar a competitividade do estaleiro baiano e aumentar a geração de empregos e riquezas”, disse Wagner.

As empresas que se instalarão no complexo serão forjarias, fundições, indústrias de metal mecânica, sistemas e fornecedores. O local escolhido para instalar o empreendimento corresponde a uma área de 400 hectares que fica a 10 quilômetros do EEP.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031