hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘chuvas’

Chuvas devem continuar até quinta no Sul da Bahia

chuvaA Defesa Civil de Itabuna esta fazendo ronda em todas as áreas de risco da cidade, por conta das chuvas que cairam nas últimas horas. O coordenador da Defesa Civil, Yuri Bandeira, informa que o bairro São Roque já foi visitado e está normal. “No decorrer do dia iremos fazer ronda nas 47 áreas classificadas de risco, como por exemplo, os bairros Daniel Gomes e Maria Pinheiro e também medir o volume de água do Rio Cachoeira, em Ferradas”, informou.

A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil informou que entre domingo (12) e a manhã desta segunda-feira choveu 15 mm em Itabuna, causando alagamentos nos bairros de Fátima, Monte Cristo, Califórnia, Pontalzinho, Santo Antônio e São Caetano, além do centro.

Em Ilhéus, a estimativa é de que chova mais de 40 milímetros até quinta-feira. Nesta terça e quarta deve chover 20 mm. O tempo deve continuar chuvoso até domingo. Os mais prejudicados serão os usuáiros do aeroporto Jorge Amado, que fecha a pista quando chove.

Deve continuar chovendo também em Canavieiras, Camacan, Coaraci, Itacaré, Itapé, Santa Luzia e Una. Em Itacaré, pode chover até 20 mm nas próximas horas. Em Canavieiras, até 80 mm até a quinta. O dia mais chuvoso será quarta-feira, com 40 mm.

Para Una, a estimativa é de 46 mm até quarta. Para a Defesa Civil, é importante que a população mantenha o estado de alerta para possíveis alagamentos e deslizamentos de terras em áreas vulneráveis.

|

Chuvas ´travam` o trânsito em Itabuna. Congestionamentos atingem toda a área central da cidade, como as avenidas Francisco Ribeiro Junior, Firmino Alves, Rufo Galvão, Amélia Amado e Inácio Tosta Filho.

Chuvas ´travam` o trânsito em Itabuna. Congestionamentos atingem toda a área central da cidade, como as avenidas Francisco Ribeiro Junior, Firmino Alves, Rufo Galvão, Amélia Amado e Inácio Tosta Filho.

Nota/Defesa Civil Ilhéus

chuvas ios

Em virtude da forte chuva que começou  a cair sobre a cidade no início da noite de hoje (2), e diante da previsão de um índice pluviométrico de 50mm até hoje (3), a Defesa Civil de Ilhéus está de plantão e em estado de alerta.
De acordo com o coordenador Joandre   Neres, por enquanto a situação é de normalidade. Mesmo assim a Defesa Civil está disponibilizando para esta madrugada o telefone de plantão 988362753 e o WatsApp 981782255.

Voluntárias Sociais fazem campanha em prol dos atingidos pelas chuvas

As Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA) estão em arrecadação de donativos para a população de municípios baianos afetados pelas chuvas. A campanha Bahia Solidária arrecada alimentos não perecíveis, água potável, materiais de higiene pessoal e limpeza, fraldas, colchões, roupas, assim como artigos de cama, mesa e banho.

Em 2015, as VSBA realizaram a campanha Salvador Solidária, para amenizar os transtornos de quem sofreu com as chuvas na capital.  As doações podem ser entregues na sede das Voluntárias Sociais, na rua Baronesa de Sauípe, nº 382, Largo do Campo Grande, Salvador. Mais informações pelo telefone (71) 3117-4900.

Defesa Civil de Itabuna monitora bairros atingidos pelas fortes chuvas

chuvas 1Devido as fortes chuvas que caíram nas últimas 24 horas, a Defesa Civil de Itabuna está monitorando as áreas consideradas de risco e atendendo às solicitações dos moradores de regiões da cidade onde o alto volume de água tem causado transtorno. Segundo a Defesa Civil de Itabuna, 15 denúncias chegaram por meio do canal de alerta 199 e a equipe técnica do departamento verificou in loco os casos de maior risco à população.

O índice pluviométrico apontando na cidade nas últimas horas aponta para um volume de chuva superior a 47mm. Segundo Yuri Bandeira, coordenador da Defesa Civil de Itabuna, essa chuva exige da população que mantenha o estado de alerta para possíveis alagamentos e deslizamentos de terras em áreas vulneráveis. Yuri conta que na manhã desta segunda-feira (10), a Defesa Civil esteve presente em diversos bairros da cidade onde identificou zonas de risco.

chuvas 2“Somente no Bairro São Roque, na altura da Rua Alto Mirante, cerca de 10 famílias foram prejudicadas com essa forte chuva. Estamos trabalhando para prestar assistência e garantir a segurança de todos”, comenta Yuri. Ele informa ainda que no Bairro de Fátima houve um deslizamento de terra e que a Defesa Civil esteve presente no local de modo a verificar as condições dos imóveis atingidos para proteger as famílias que residem em locais que apresentam riscos.

Yuri Bandeira ressalta a importância da população no sentido de informar à Defesa Civil sobre toda e qualquer situação que coloque em risco famílias e imóveis.  A orientação da Defesa Civil é para que, em caso de acidentes, ou a partir da identificação de riscos, a população entre em contato através do telefone emergencial: 199.

AÇÃO SOCIAL

Na manhã desta segunda-feira (10), a secretária Sandra Neilma visitou a Rua Alto Mirante, no Bairro São Roque, onde conversou com moradores e prestou assistência as famílias que tiveram suas casas atingidas pela água da chuva.

alaga 4A região por onde passa o canal do Bairro São Roque possui casos recorrentes de alagamentos, sempre que a cidade é atingida por chuvas fortes. Segundo Sandra Neilma, parte das pessoas atingidas nessa localidade foram contempladas com o programa Minha Casa, Minha Vida e terão nova moradia no Residencial Itabuna Park. A Secretária informa que uma equipe da SAS está atuando na identificação das pessoas para verificar quem foi beneficiado e agilizar essa mudança.

Sandra informa que muitos dos contemplados com o Minha Casa, Minha Vida não se mudaram ainda por conta de algumas dificuldades que estão sendo resolvidas. “Existem alguns casos onde não foram feitas ligações de água e energia e nós vamos solicitar a Coelba e a Emasa para que essa questão seja resolvida de imediato”, ressalta a secretária.

Chuvas: nível do Rio Cachoeira sobe quase três metros

tabunasA Defesa Civil de Itabuna está monitorando as chuvas, que registraram de uma precipitação de 58,7 milímetros nas últimas 96 horas, segundo o coordenador da Defesa Civil, Yuri Bandeira.

Ele informa que o rio Cachoeira apresentou uma elevação de 2 metros e 76 centímetros neste período, o que mantém o alerta para os moradores das áreas ribeirinhas ou de risco.

Bandeira explica que o monitoramento é um trabalho de rotina, visando reduzir o risco de prejuízo para pessoas que vivem nas margens do Cachoeira ou dos 11 ribeirões que cortam a cidade.

Para a Defesa Civil, há risco também pelo acúmulo de baronesas no centro, mas não existe nenhuma previsão de retirada pela prefeitura.

Itabuna, Bahia. As águas de março levando o verão

Itabuna, Bahia. As águas de março levando o verão

Chuvas provocam fim do racionamento em Itabuna

emasaO presidente da Emasa,  Jader Guedes, anunciou que o fornecimento de água tratada à população está sendo normalizado em função das chuvas que têm caído em Itabuna e na região nos últimos dias, com o registro de 150 milímetros esta semana. Ele descartou a possibilidade de um novo racionamento nos próximos 60 dias, mas pediu que a população continue racionalizando o uso da água evitando o desperdício, pois a cidade não dispõe de reservatório de água.

Ele destaca que estas chuvas chegaram no momento certo,  uma vez que  a situação estava ficando crítica, pois a captação havia caído para apenas 350 litros por segundo na Estação de Rio do Braço e a captação de Nova Ferradas havia sido paralisada. Com as chuvas a captação foi ampliada para 650 litros, o que vai permitir regularizar o racionamento, embora possam ocorrer problemas pontuais em área de relevo acidentado

Segundo ele, em função das chuvas o aumento do volume de água em Rio do Braço permitiu aumentar a captação para 550 litros por segundo, e em Nova Ferradas, a captação foi retomada  e deverá ser ampliada nos próximos dias. O volume  captado em Nova Ferradas permite abastecer a região oeste de Itabuna, que abrange os bairros de Ferradas, Nova Ferradas, Sinval Palmeira, Urbis 04 e Rua de Palha.

O problema de Itabuna é que a cidade tem 220 mil habitantes e não dispõe reserva de água, um problema que só deverá ser resolvido com a conclusão da barragem do rio Colônia. Em função desta limitação o abastecimento da comunidade depende de chuvas regulares para eliminar o risco de novo racionamento.

Itabuna, 22 de fevereiro, 10 horas e 38 minutos…

chuva 1chuva 2chuva 3

Emasa anuncia racionamento de água em Itabuna

captação de água em Castelo Novo

captação de água em Castelo Novo

A pouca chuva que tem caído no sul da Bahia desde o início de dezembro afetou bastante o nível do Rio Almada na região onde é captada 75% da água que abastece Itabuna. A baixa vazão do rio em Ilhéus levou a Emasa a acionar a estação de Castelo Novo. E, ainda hoje, o presidente da empresa, Jader Guedes, anunciou racionamento com intervalos de até 15 dias no abastecimento.

Como a estação de Castelo Novo sofre o efeito da maré, o itabunense terá que torcer por mais (e consistentes) chuvas nos próximos dias. Do contrário, novamente sofrerá o drama da água salgada nas torneiras. Se não chover, nem mesmo o racionamento livrará o itabunense da água salgada.

Por enquanto, a mistura (blended) da água captada em Castelo Novo e no Rio Almada, em Rio do Braço, ainda deixa a água própria para consumo humano. Ano passado, no auge da seca, o itabunense recebia água com nível de salinidade 32 vezes acima do permitido. (do Pimenta)

Prefeitura atende famílias vítimas das fortes chuvas em Itabuna

itachuvasA Prefeitura de Itabuna, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil e do Departamento de Limpeza Pública da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), presta atendimento às famílias que sofreram com alagamentos e deslizamento de terras em decorrência das fortes chuvas que caíram na cidade desde a madrugada de hoje. As equipes continuarão de plantão, já que a previsão é de mais chuvas de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE).

O transbordamento de um córrego no Vila Anália alagou pelo menos cinco casas na Rua Samaria, obrigando os moradores a colocar móveis em locais mais altos e a passar parte da manhã retirando lama e lavando o piso para evitar contaminação e doenças infectocontagiosas. De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Roberto Avelino, algumas pessoas foram removidas para a casa de parentes, mas não houve vítimas, apenas pequenos danos materiais. Também foram registrados alagamentos nos bairros Novo São Caetano e Parque Boa Vista, em ruas e avenidas do centro da cidade, a exemplo de Cinquentenário, Amélia Amado e Ilhéus.  No Maria Pinheiro uma laje desabou.

O Departamento de Limpeza Pública fez o corte e a remoção de árvores que foram derrubadas pelos fortes ventos nas avenidas Aziz Maron e Princesa Isabel, além de ter atendido chamado de moradores do bairro Novo Horizonte para o corte de árvore de médio porte. No centro, as equipes fizeram a manutenção e limpeza de bocas de lobo, a maioria entulhadas de lixo jogado nas ruas pelos transeuntes ou em decorrência do carreamento de sacos de lixo colocados nas calçadas fora do horário habitual de passagem dos caminhões compactadores ou atacados por animais.

Read the rest of this entry »

Chuvas deixam Ilhéus em estado de alerta

ios-xchuva-1

Desde sábado, 11, a cidade de Ilhéus enfrenta um período chuvoso. Até a última segunda-feira, 14, o quadro estava moderado, mas as chuvas se intensificaram ontem e diversos problemas foram registrados em decorrência das más condições climáticas, em vários lugares do município. De acordo com Joandre Neres, coordenador de Defesa Civil, choveu 28 milímetros nas últimas 24 horas e ocorreu um ‘pico de intensidade’ de 20 mm, entre as 3 e 6 horas da madrugada desta quarta-feira, inclusive com vendavais.

Neres informou que as chuvas intensas e os ventos fortes causaram prejuízos em diversas localidades. “Devido às condições adversas do tempo, ocorreram muitos problemas em Ilhéus, entre estes, destelhamento de imóveis, alagamentos, quedas de árvores e outros. O vendaval fez com que, principalmente, árvores caíssem. Um dos locais afetados foi a BR 415, na ponte próxima à entrada do bairro Teotônio Vilela”, disse.

Previsão – “Outros locais também sofreram em consequência da combinação de intensas chuvas e ventos, como os Altos da Conquista, Nerival e Coqueiro. Temos previsão para mais dois dias de chuvas”, acrescentou o coordenador de Defesa Civil de Ilhéus, Joandre Neres. Ele afirmou que está visitando as ocorrências, orientando aos moradores das áreas atingidas e adotando todos os procedimentos para acompanhar a situação.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930