hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘ceplac’

Organização Internacional do Cacau reconhece Brasil como país exportador de cacau fino

 

cacau fino

Depois de cinco anos de luta, o Brasil foi reconhecido pela Organização Internacional do Cacau (ICCO) como país exportador de 100% de cacau fino e de aroma. A inclusão no rol de países certificados no Acordo Internacional do Cacau ocorreu na quinta-feira (12), durante reunião do Conselho Internacional da ICCO, realizada em Abidjan, na Costa do Marfim.

A certificação que dá status diferenciado para países que exportam cacau fino e de aroma é feita desde 1972 pela ICCO. A certificação era uma luta dos produtores brasileiros de cacau e foi impulsionada pelo trabalho da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) na elaboração de um dossiê técnico com informações sobre o cacau do Brasil.

No documento aprovado, o Conselho da ICCO registra que, “embora as exportações de amêndoas de cacau sejam pequenas em volume, o painel reconheceu a apresentação de dados mostrando a situação do país como exportador exclusivo de amêndoas de cacau fino ou de aroma”.

Read the rest of this entry »

Ceplac realiza seminário sobre tecnologia para cacau de alta produtividade

cacau ceplacA Ceplac realizará no dia 20 deste mês o Seminário Tecnologia para Cacau de Alta Produtividade a ser realizado no auditório do Centro de Pesquisas do Cacau, com apresentações feitas por pesquisadores e extensionistas da Instituição e relato de experiências de produtores rurais participantes do programa do cacau de alta produtividade. O evento contemplará os temas mais modernos da tecnologia para aumento da produtividade das áreas de cacau.

 

A programação do seminário será desenvolvida das 8:30 h até as 16:30 h e dividido em quatro grandes temas. Pela manhã, após a saudação dos dirigentes da CEPLAC na região, serão apresentados os seguintes assuntos: Novos Conhecimentos Tecnológicos para Cacau de Alta Produtividade, com apresentações dos pesquisadores do CEPEC George Sodré, Kazuiyuki Nakayama e Uilson Vanderlei. Assistência Técnica Coletiva, com os extensionistas do CENEX Rozenilton Araújo, do escritório da CEPLAC em Ilhéus, Edson Járade, do escritório da CEPLAC em Jequié e Euvaldo Sena, do escritório da CEPLAC em Canavieiras.

 

À tarde serão apresentados os temas Tecnologia Aplicada para Cacau de Alta Produtividade, com os técnicos Adonias de Castro Virgens, Milton Conceição e Ivan Costa e Souza e o painel Protagonismo do Produtor Rural, com apresentações dos produtores rurais José Carlos Maltez, de Ilhéus, Marcos Melo, de Canavieiras, Thiago Barreto, de Gandu, e Paulo Glei, de Barro Preto. O evento terá como público alvo produtores rurais, técnicos e demais atores da cadeia produtiva do cacau.

 

Projeto “Juntos pelo Rio Cachoeira” mobiliza comunidade

rio cachoeira 2

O Instituto Federal da Bahia, Campus Ilhéus, realizará no sábado, dia 10 de agosto, mais uma etapa do projeto “Juntos pelo Rio Cachoeira”, que promove mensalmente mutirões de plantio de mudas, com o objetivo de recuperar, em vários pontos, as matas ciliares das margens do rio.  O evento tem o apoio de outras Instituições e empresas da região como UESC, UFSB, FTC, CEPLAC, Barry-Callebaut, EMASA, EMBASA, Tiro de Guerra, MESB, Rotary, Biofábrica, AMURC, Prefeitura de Itabuna e Lions Club.

A atividade acontece das 8h às 11h, com início na Rua do Prado, no bairro da Conceição, beirando o Rio Cachoeira, até o Condomínio Real Ville. O ponto de encontro será a Praça dos Capuchinhos, no Bairro da Conceição, às 7h30, na cidade de Itabuna. Durante o evento, além do plantio das mudas, serão realizadas oficinas sobre hortas orgânicas, plantas medicinais e saúde.

 

Amurc defende mobilização pela revitalização da Ceplac

Aline Meira

Encontro destaca apoio para a CeplacPara que a Ceplac continue a prestação de serviços de pesquisa, assistência técnica e extensão rural aos produtores de cacau, seringueira e demais cultivos dos biomas Mata Atlântica e Amazônia sua reestruturação institucional é necessária. Nesse plano de ação, a Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste (AMURC) realizou, na tarde desta sexta-feira, dia 07, reunião com gestores municipais, coordenação regional da Ceplac, pesquisadores, servidores públicos e vereadores.
Na ocasião, foram apresentados trabalhos e pesquisas realizados na Ceplac, além de sugestões para a transformação do núcleo, com foco em pesquisa agropecuária, desenvolvimento territorial, extensão rural e qualificação profissional.  O secretário executivo da AMURC, Luciano Veiga, destacou a proposta em colocar, mais uma vez, a associação a disposição pela manutenção e revitalização da Ceplac dentro de um modelo mais moderno e plural. Observou ainda, que todo o acervo que a Ceplac tem deve ser mais aproveitado e repassado para os municípios e principalmente para a população da nossa região.

Read the rest of this entry »

Brasil pode ser reconhecido como país produtor e exportador de cacau fino

cacau premiumO Brasil pode ser reconhecido como país produtor e exportador de cacau fino ou de aroma pelo Conselho da Organização Internacional do Cacau (ICCO, sigla em inglês), com sede em Abidjã, na Costa do Marfim.

O reconhecimento poderá sair até setembro, de acordo com o técnico da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa),  Fernando Mendes, que neste mês participou de reunião no país africano.

Para Fernando Mendes, trabalho do Grupo OICACAU, constituído por representantes da Ceplac e da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI/Mapa) e do Ministério das Relações Exteriores (MRE), contemplou todas as demandas da ICCO sobre a qualidade das amêndoas de cacau exportadas pelo Brasil em recorte temporal até 2017.

O procedimento de reconhecimento internacional dos países está descrito no texto do Acordo Internacional do Cacau, de 2010, e prevê que os conselheiros da ICCO se reúnam a cada dois anos para finalizar análises e julgar os pleitos encaminhados em um dossiê técnico dos exportadores. No caso do Brasil, o dossiê com as informações requeridas foi elaborado pelo Grupo OICACAU do governo brasileiro.

Read the rest of this entry »

Cacauicultores baianos agradecem a Juvenal Maynart pela sua luta em defesa do cacau e da preservação da Ceplac

juvenalAo destacar a luta, o empenho e o esforço de Juvenal Maynart em defesa da cacacuicultura baiana, entidades representativas dos produtores de cacau do sul da Bahia divulgaram uma Nota Pública, agradecendo-o pelo seu trabalho em prol da preservação eu fortalecimento da Ceplac.

 
Profundo conhecedor da problemática do cacau, Juvenal Maynart Cunha é neto e filho de cacauicultores. Administrador de Empresas, empresário e ex-bancário, ele deixou no último dia 18 de janeiro a Direção Geral do principal organismo federal em atuação no sul da Bahia.

 

 

 

As entidades reconhecem que Maynart, sintonizado com os anseios dos cacauicultores, promoveu uma transformação na Ceplac, que voltou a ser órgão singular do Ministério da Agricultura, com a responsabilidade de cuidar dos Sistemas Agroflorestais brasileiros, e contribuiu para a implantação do Parque Tecnológico do Sul da Bahia, uma parceria da Ceplac com a UFSB-Universidade Federal do Sul da Bahia, a UESC-Universidade Estadual de Santa Cruz e os Institutos Federais.

Juvenal Maynart deixa legado positivo na passagem pela Ceplac

juvenalO administrador Juvenal Maynart Cunha foi exonerado da direção da Ceplac, em Brasília. Mais do que esperada, a saída do gestor não deveria causar alegria para ceplaqueanos e produtores, principalmente pelo legado que construiu em sua passagem pelo órgão, entre 2011 e 2015, na Superintendência da Bahia, até a volta (por cima), em 2017, dessa vez na direção, em Brasília.

Juvenal apostou na Ceplac do futuro, quando a grande maioria dos servidores e até dos produtores só pensavam no passado. Seu maior acerto foi entender “o espírito do tempo”, como sempre diz. “A pessoa, o gestor, que não entende o espírito de seu tempo, já começa derrotado, porque é uma força invencível. Você só vence se aliando ao seu tempo, a esse sentimento de uma geração”, afirma.

ufsb nova r (2)

Os sinais, diz, já estavam à mostra, ficaram evidentes com a Primavera Árabe e se materializaram, no Brasil, em 2013. “Mudou a forma de fazer gestão pública, e quem não entendeu se deu muito mal. Escolhi desenvolver o novo, e isso ficou claro quando associei a Ceplac à Universidade Federal do Sul da Bahia, e com a iniciativa da criação do Parque  Tecnológico do Sul da Bahia, da Ceplac/UFSB/UESC e IFs  ”, observa.

Read the rest of this entry »

Governo da Bahia distribuiu mudas a agricultores familiares em 101 municípios

mudas 2

O ano de 2018 foi de ampliação do número de agricultores familiares contemplados com a distribuição de mudas pelo Governo do Estado, por meio da parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), a Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri) e o Instituto Biofábrica de Cacau. No ano, 6,7 mil famílias de agricultores foram cadastradas no sistema da Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf/SDR) e beneficiadas com a entrega das mudas. De 894.963, em 2017, o número de mudas entregues saltou para 1.293.799 em 2018.

mudas 1A Biofábrica, unidade que está sob a gestão do Instituto Biofábrica de Cacau, é responsável pela produção e distribuição de mudas frutíferas, como cacau, banana, goiaba e abacaxi, além de mandioca e essências florestais, a exemplo do jatobá e pau-brasil, entregues em 101 municípios de 19 Territórios de Identidade.

“Num balanço de quatro anos, conseguimos ver a Biofábrica se reafirmar no seu objeto central: produção e distribuição de mudas de qualidade, colocando-se em um lugar de destaque pelo seu forte apelo e ação concreta de inovação tecnológica. A Biofábrica produz a partir de pesquisa, inovação e assistência técnica, com resultados positivos, atendendo o setor produtivo com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza [Funcep], para a distribuição de mudas certificadas àqueles que não poderiam ter acesso a elas, por conta do alto custo”, destaca o titular da SDR, Jerônimo Rodrigues.

Read the rest of this entry »

MP determina Ceplac como orgão autônomo

juvenalContrariando as expectativas de um possível rebaixamento de classificação da Ceplac na estrutura do Ministerio da Agricultura, foi publicada ontem a Medida Provisória 870, que e determina o retorno  da instituição como  órgão singular autônomo.

Para o diretor geral  Juvenal Maynart (foto)a inclusão da Ceplac na Secretaria de Desenvolvimento Agrário e Inovação do MAPA, fortalece a pesquisa e a extensão, com foco na implantação de sistemas agroflorestais que garantem a sustentabilidade de lavoura cacaueira.

“Essa é uma conquista de todos os que lutaram pelo fortalecimento da Ceplac, institução fundamental na retoma do crescimento no Sul da Bahia”, disse.

Ceplac testa poda que aumenta produtividade do cacaueiro

cacauPesquisadores do Centro de Pesquisa do Cacau da Ceplac testam técnica de poda e tutoramento que aumenta o número de plantas por hectare e, consequentemente, a produtividade. Os especialistas obtiveram resultados favoráveis com o uso da técnica no cacaueiro, também conhecido como sistema candelabro pela aparência que a planta apresenta.

Este sistema de manejo, desenvolvido no semiárido da Bahia, permite o gerenciamento da planta buscando o equilíbrio entre a parte vegetativa e a parte frutífera da planta.

De acordo com os pesquisadores do centro, George Andrade Sodré e José Basílio Vieira Leite, este manejo tem se mostrado adequado para plantas de pequeno porte, com plantio com densidade acima de 1.600 plantas por hectare.

Os pesquisadores explicam que o cultivo candelabro apresenta potencial para a produção intensiva comercial de cacaueiros. Entretanto, necessita ser validado em áreas maiores e também precisa da realização de estudos de viabilidade econômica, definição de clores, mecanização da poda e outras práticas associadas ao uso do sistema. (do Pimenta)

Fomento a crédito para aumento da produção de cacau é discutido em Itabuna*

cacau sdrDirigentes da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (CEPLAC) e representantes do Banco do Nordeste (BNB), reuniram-se nesta quarta-feira (14), no município Itabuna, para discutir iniciativas estratégicas de acesso crédito, que irão impulsionar o desenvolvimento produtivo da cacauicultura. A agenda integrante as ações do Plano Operacional para o Cacau e Chocolate da Bahia 2018 – 2022, que tem por objetivo garantir o estímulo à competitividade da cadeia produtiva do cacau e o desenvolvimento socioeconômico dos territórios de identidade baianos.

Jeandro Ribeiro, chefe de gabinete da SDR, informou que o foco inicial dessa empreitada é promover o aumento da produção para os próximos cinco anos: “A gente enxerga que o acesso ao crédito é uma ação estruturante para a cadeia produtiva do cacau e hoje isso foi debatido de maneira intensa para definir as diretrizes. Em cinco anos teremos 40 mil hectares de cacau sendo financiados”.

Read the rest of this entry »

Brasil poderá liderar aumento da produção mundial de cacau

cacau (8)A história do cacau no Brasil já passou por altos e baixos, mas os esforços recentes dessa cadeia no País para recuperar a produção já são vistos com otimismo pela comunidade internacional.

Recém-nomeado para a diretoria executiva da Organização Internacional do Cacau (ICCO, na sigla em inglês), o belga Michel Arrion disse ao Valor que acredita que o Brasil deve liderar o crescimento de produção em todo o mundo, ao menos pelas próximas cinco safras.

As safras de cacau do Brasil têm sofrido nos últimos anos com a longa seca que abateu o Nordeste e derrubou os índices de produtividade na Bahia. Ao mesmo tempo, a produção do Pará vem demonstrando franco crescimento, com o apoio da Comissão Executiva de Planejamento da Lavoura Cacaueira (Ceplac).

A estimativa da ICCO é de que a produção brasileira aumentará a uma taxa de 2,6% ao ano entre a safra atual (2018/19, iniciada neste mês) e a safra 2022/23.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930