hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Posts Tagged ‘Associação dos Produtores de Cacau do Sul da Bahia (APC)’

Cacau do Sul da Bahia ganha Selo de Indicação Geográfica

cacau cabrucaFoi publicada  pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), a Indicação Geográfica (IG) da região no que se refere à produção da amêndoa de cacau. Com a conquista da IG, por solicitação da Associação Cacau Sul Bahia, a área passa a contar com o Selo de Origem, o que permite aos produtores valorizarem o trabalho desenvolvido, bem como a produção de cacau e chocolate.

O Selo é concedido a lugares que são conhecidos como tradicionais produtores de um determinado produto ou serviço ou cujas características do produto, quando originário do local, são únicas. No caso do Sul da Bahia, conta toda a tradição e história em torno da produção de cacau, como, por exemplo, o modo de produção cabruca, que minimiza o impacto no meio ambiente, ajudando a manter parte da flora e sem eliminar a fauna local.

Para o secretário executivo da Associação Cacau Sul da Bahia, Cristiano Santana, a Indicação Geográfica é um reconhecimento de que a região tem um produto diferenciado, uma história. “É uma narrativa que fala de desenvolvimento regional e econômico através da agregação de valor ao produto amêndoa de cacau da qualidade e da origem. Essa publicação marca o fim de uma etapa e o início de outra que é trabalhar, dentre outras coisas, a qualidade, o marketing e a comunicação em cima da região e seu produto”, ponderou.

A Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), vinculada à Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), através do Instituto Federal Baiano, no Edital de Apoio a Tecnologias Sociais e Ambientais, fez parte de todo o processo para a conquista do Selo, o que envolveu, inclusive, nos últimos anos, aplicação de recursos, por parte da Fundação, no valor de R$ 151 mil. O secretário da Secti, Vivaldo Mendonça, destacou a importância do Selo para a Bahia. “É o reconhecimento que o Sul da Bahia possui características diferenciadas e que nos colocam num patamar elevado para comercialização de nossos produtos”.

ILHEUS, CAPITAL BRASILEIRA DO CHOCOLATE

é daqui que sai o chocolate mais saboroso do mundo

O IV Festival Internacional do Chocolate da Bahia promete transformar a cidade de Ilhéus na capital brasileira de chocolates finos. O evento acontecerá de 28 de junho a 2 de julho, no Centro de Convenções do município, e reunirá investidores, turistas, pesquisadores, estudantes e chefs de várias partes do planeta. O Festival agrega diversos segmentos da cadeia produtiva do cacau e do chocolate, expõe e vende produtos derivados, promove cursos e palestras sobre o tema, oferece um espaço exclusivo para crianças, além de uma série de atividades culturais, com shows de artistas regionais e nacionais. A unidade regional do Sebrae em Ilhéus é mais uma vez parceira do evento.

Este ano, o Festival do Chocolate terá como tema “Amado Chocolate na Terra de Jorge”, em comemoração ao centenário de nascimento do escritor baiano Jorge Amado, um dos mais importantes autores da literatura, traduzido em 55 países e em 49 idiomas. Além disso, o evento traz atrações e personalidades do mundo do chocolate e o público estimado é de 30 mil visitantes. “Nós somos parceiros desde a primeira edição, em 2009, e acompanhamos de perto crescimento do evento, que este ano ganha o status de internacional”, afirma o coordenador da Regional do Sebrae em Ilhéus, Renato Lisboa.

“A Bahia não quer apenas fazer um bom chocolate. Quer toda experiência envolvida nesse produto, compartilhada, inclusiva, ecologicamente correta, socialmente justa e que traga benefícios a toda cadeia produtiva do cacau e do chocolate”, afirma o realizador do evento, o publicitário Marco Lessa, da M21/MVU. Segundo ele, isso fará do chocolate da Bahia um produto que, além de saboroso e único, é capaz de atrair o público de todo o mundo.

O Festival do Chocolate da Bahia, em Ilhéus, integra o circuito estadual de eventos deste ano, que envolve outros dois eventos em Salvador: o Fórum Mundial do Chocolate, realizado nos dias 4 e 5 de julho, e o Salon du Chocolat da Bahia, de 6 a 8 de julho. Esta ação é uma iniciativa da Associação dos Produtores de Cacau do Sul da Bahia (APC), com realização da empresa M21/MVU Eventos, em parceria com o Governo da Bahia, através da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri), Secretaria de Turismo da Bahia (Setur), Secretaria de Desenvolvimento e Integração regional (Sedir), Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Comissão Executiva da Lavoura do Cacau (Ceplac), Ministério da Agricultura, Sebrae, e apoio do governo do Pará, além de produtores, fábricas e empresários.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
janeiro 2022
D S T Q Q S S
« dez    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031