hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Arataca’

A fantástica fábrica-escola de chocolate

Fabrica Escola do Chocolate, Assentamento Terra Vista, Arataca, Sul da Bahia.

Projetos produtivos da cacauicultura baiana recebem visita de representantes do Banco Mundial

atv

Projetos produtivos voltados para o fortalecimento da cacauicultura no Território Litoral Sul da Bahia, que obtiveram investimentos do Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva, receberam, nesta segunda-feira (04), a visita de representantes do Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD/Banco Mundial).

banco mundial (3)A visita integra a Missão de Supervisão do projeto Bahia Produtiva, que tem o objetivo de apresentar os avanços obtidos pelo projeto, nos três anos de execução, e os impactos na renda e na qualidade de vida das famílias beneficiadas.

O grupo, composto pelo diretor do Banco Mundial para o Brasil, Martin Raiser, a Gerente do Projeto e Especialista Sênior em Desenvolvimento Rural, Fátima Amazonas, foi acompanhado pelo secretário de Desenvolvimento Rural, Jeandro Ribeiro, pelo diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias, e pelo coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, suas respectivas equipes, e o diretor da AMMA Chocolates, Rafael Fernans.

banco mundial (4)A programação contou com visita ao Assentamento Terra Vista, no município de Arataca, onde o grupo visitou o plantio de cacau pelo método Cabruca. O assentamento, vinculado à Cooperativa Pau Brasil, foi um dos 53 empreendimentos contemplados no edital Alianças Produtivas Territoriais, que visa estimular o crescimento produtivo da agricultura familiar da Bahia, por meio de parcerias com o setor privado.

A expectativa com o edital é que o Terra Vista firme parceria comercial com a AMMA Chocolate, empresa localizada na região Metropolitana de Salvador, para fornecer amêndoas de qualidade à empresa.

Para Wilson Dias, a visita do Banco Mundial é mais uma oportunidade de avaliar e monitorar o estágio atual da execução do projeto: “É um momento para identificarmos os desafios e gargalos para realizarmos os investimentos necessários nos empreendimentos assistidos pelo Bahia Produtiva”.

O representante do assentamento Terra Vista, Joelson Ferreira, apresentou o desenvolvimento que o local teve nos últimos anos: “Os investimentos do Governo do Estado foram importantes para que melhorássemos nossa produção e tivéssemos êxito em nossas ações. Hoje temos uma área reflorestada e produtiva”.

Read the rest of this entry »

No Sul da Bahia, Incra lança nova linha de crédito para ampliar a produção cacaueira em áreas de reforma agrária

Joelson Ferreira, coordenador do Assentamento Terra Vista

Joelson Ferreira, coordenador do Assentamento Terra Vista

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) lança, nesta terça-feira (13), uma nova linha do Crédito Instalação, na Bahia. Trata-se da modalidade Cacau, que tem a finalidade de estimular a produção cacaueira em áreas de reforma agrária. O lançamento faz parte do Dia de Campo, que acontece no Assentamento Terra Vista, em  Arataca, no Sul da Bahia, a partir das 11 horas. As famílias assentadas produtoras de cacau poderão acessar até R$ 18 mil em recursos.

Durante a cerimônia, haverá a assinatura de 70 contratos da modalidade Cacau. Um total de 42 desses contratos irá atender trabalhadores rurais do Terra Vista, que é uma área de reforma agrária referência na produção orgânica de cacau e  chocolate artesanal na Bahia e possui 55 famílias assentadas.  Ao todo, até o fim do ano, o Incra irá formalizar 300 contratos da modalidade Cacau do Crédito Instalação. A perspectiva é de que cinco mil famílias assentadas poderão ser atendidas por essa linha de crédito no futuro. Na Bahia, existem 118 assentamentos que somam 19 mil hectares destinados, exclusivamente, a cacauicultora.

Dia de Campo

N Dia de Campo, que acontece no projeto de assentamento Terra Vista e começa às 8 horas e vai até às 16 horas, o Incra ainda anunciará parcerias com a Comissão Executiva de Planejamento da Lavoura Cacaueira (Ceplac) e com a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). Serão realizadas oficinas sobre o sistema de produção e manejo do cacau agroecológico, além de acompanhamento dos processos pós-colheita do cacau. Durante o evento, produtos agroecológicos serão apresentados em estandes.

 

CEEP no Assentamento Terra Vista promove Semana de Informática

O Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) da Floresta do Cacau e do Chocolate Milton Santos, no município de Arataca, Sul da Bahia, promove, de 29 a 31 de outubro, a 2ª Semana de Informática, com foco em formação para o mundo do trabalho. Além dos estudantes do próprio CEEP, que é uma unidade da rede estadual de ensino e funciona no Assentamento Terra Vista, a atividade abrirá o CEEP para a comunidade do Território e contará com a participação de estudantes de outras unidades escolares da região, que virão de cidades como Camacã, Santa Luzia e Canavieiras.

Durante os três dias serão realizadas palestras, oficinas e mostras de robótica e automação. A estudante Grazielen Souza das Virgens, do curso técnico de nível médio em Informática, é uma das envolvidas na organização da Semana de Informática e fala sobre suas expectativas. “Espero que cada inscrito saia com uma visão mais ampla e de que o curso técnico em Informática abra portas e possibilite oportunidades para aqueles que se identificam com a área”, conta.

Read the rest of this entry »

Professor da rede estadual em Arataca desenvolve embalagem de banana verde e concorre a prêmio nacional

Banana verde

O projeto “Embalagens sustentáveis de banana verde”, de autoria do professor Robson Almeida da Silva, do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) da Floresta e Chocolate Milton Santos, no município de Arataca, no Sul da Bahia, está concorrendo ao prêmio nacional “Respostas para o amanhã”, por meio de júri popular. Para selecionar o projeto os interessados devem acessar o endereço, <www.respostasparaoamanha.com.br/vencedores-regionais#nordeste> e votar no local indicado, onde também é possível assistir o vídeo do projeto.

Banana

O projeto, desenvolvido em sala de aula com estudantes do curso técnico de nível médio em Meio Ambiente, tem a proposta de dar um novo destino à banana verde produzida, pelo fato de ser abundante na região. A ideia é fabricar embalagens sustentáveis de banana verde como copos, bandejas e outras vasilhas que acondicionem alimentos, que têm grande capacidade de decomposição quando descartadas na natureza. “A necessidade de encontrar alternativas viáveis e sustentáveis para agregar valor às bananas produzidas na comunidade gerou uma discussão sobre a diversidade de matéria-prima existente na região”, destacou Robson.

Read the rest of this entry »

Secretaria da Educação do Estado entrega Fábrica-Escola de Chocolate em Arataca

fcho 3

A Secretaria da Educação do Estado realizou, nesta quarta-feira (12), a entrega da Fábrica-Escola de Chocolate, no Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) da Floresta e Chocolate Milton Santos, localizado no Assentamento Terra Vista, em Arataca, no Sul da Bahia. Montada com todos os equipamentos necessários para a produção do chocolate, a unidade vai capacitar estudantes para o mundo do trabalho por meio da prática e cultura da produção e comercialização do chocolate, além de servir de incubadora de projetos, contribuindo para a aceleração de empreendimentos e para o fomento criativo.

fcho 1

“A inauguração da Fábrica de Chocolate é muito mais que um prédio com equipamentos. É a consagração de uma identidade territorial que foi construída por muito tempo. Essa iniciativa tem o objetivo de atender às gerações que vierem por meio de ensino e aprendizagens desenvolvidos de forma coletiva. E a criação de um projeto conjunto não tem uma assinatura, ele se perpetua de forma concreta, independente de quem esteja no Governo. Isso é a verdadeira transformação na Educação, porque não acredito em sorte, mas sim em oportunidade. Outra característica da Fábrica é não estar fechada apenas à produção do cacau, mas podemos agregar cursos de Design, para elaborar a marca e as embalagens, da Administração, pensando nos negócios e finanças, além das artes e cultura como a música, dança e teatro. Nada impede essa interação”, destacou o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

choc terrav 2

Read the rest of this entry »

Assentamento Terravista terá Fábrica Escola do Chocolate

chocolate terravista

 

Será implantada, nesta quarta-feira (12), a Fábrica-Escola do Chocolate do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Floresta do Cacau e do Chocolate Milton Santos, localizado no Assentamento Terra Vista, no município de Arataca (504 km de Salvador). O lançamento será às 15h, com a presença do Secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

 A Fábrica-Escola serve como laboratório para que os estudantes que fazem os cursos técnicos de nível médio tenham aulas práticas e possam desenvolver projetos, pesquisas e intervenções sociais, aperfeiçoando a formação profissional nas áreas de Agroindústria e Alimentos. A fábrica também fica aberta à comunidade local para a capacitação e certificação de trabalhadores e para a incubação, pré-incubação e aceleração de empreendimentos.

 Esta é a terceira Fábrica-Escola do Chocolate da rede estadual na região sul da Bahia. As outras duas foram implantadas em Ilhéus, no CEEP Nelson Schaun e no Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Baixo Sul, no município de Gandu. Além destas, a rede conta, ainda, com a Fábrica-Escola do Couro, no CETEP Bacia do Jacuípe, no município de Ipirá, e a Fábrica-Escola da Construção Civil, no CEEP Severino Vieira, em Salvador.

  O secretário Walter Pinheiro ressalta o papel pedagógico das Fábricas-Escolas. “ A proposta das Fábricas-Escolas é dinamizar as práticas pedagógicas, oferecendo o campo de estágio para os estudantes, a partir da educação empreendedora e contextualizada com o território”, disse.

 

 

Professor de Arataca é finalista do prêmio nacional “Respostas para o amanhã”

aratac 2

O professor Robson Almeida da Silva, do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) do Campo Milton Santos, no município de Arataca, no Sul da Bahia,  no Sul da Bahia, é um dos 25 vencedores regionais da quinta edição do “Respostas para o amanhã”. O educador é um dos finalistas nacionais por conta do projeto de sua autoria “Embalagens sustentáveis de banana verde”. Com a proposta de dar um novo destino à banana verde produzida, pelo fato de ser abundante na região, nasceu a ideia de fabricar embalagens sustentáveis de banana verde, como copos, bandejas e outras vasilhas que acondicionem alimentos, que têm grande capacidade de decomposição quando descartadas na natureza.

arataca 1 A inspiração para o projeto surgiu no próprio CEEP, que está localizado no assentamento Terra Vista, onde atende alunos da própria comunidade e de cidades vizinhas. O professor Robson, que leciona no curso Técnico em Meio Ambiente, explica que a ideia levou em conta duas questões. A primeira é o descarte de embalagens plásticas, que são produzidas a partir de recursos não renováveis e acabam gerando vários problemas ambientais. A segunda questão é a grande diversidade de frutas, como o cacau e a banana, que são produzidas na comunidade, que faz parte do bioma Mata Atlântica.

“A necessidade de encontrar alternativas viáveis e sustentáveis para agregar valor às bananas produzidas na comunidade gerou uma discussão sobre a diversidade de matéria-prima existente na região. A turma que se mostrou mais interessada e disposta a buscar novas formas de melhorar a situação do descarte do lixo plástico na cidade foi a escolhida para executar o projeto”, conta o professor, que fala sobre o alcance social do projeto. “Estas embalagens podem revolucionar a indústria de recipientes, uma vez que as pessoas no mundo inteiro estão buscando novas possibilidades para diminuir o uso de embalagens plásticas derivadas do petróleo, na tentativa de minimizar os danos provocados à natureza”, ressalta o educador, que teve as parcerias dos colegas professores Isaac de Carvalho e Carla Menezes.

Read the rest of this entry »

SDE apoia produtores de chocolate orgânico na verticalização da cadeia produtiva do cacau

jw araO secretário Jaques Wagner visitou o Assentamento Terra Vista em Arataca, no Sul da Bahia. Na oportunidade, o titular da pasta de Desenvolvimento Econômico conheceu o sistema de plantio agroecológico de cacau e chocolate desenvolvido pela agricultura familiar. “Wagner nos trouxe de volta a esperança quando criou o programa Cacau para Sempre. Nosso objetivo não é parar na amêndoa, queremos continuar verticalizando a produção do fruto. A vinda dele oi muito importante. Ele será o embaixador do programa e nos ajudará com a articulação na iniciativa privada e no próprio governo, além de preparar um arranjo produtivo para ser levado ao fundo de combate a pobreza da ONU”, diz Elder Almeida, secretário executivo da Teia dos Povos e um dos coordenadores do assentamento.

No Terra Vista estão as primeiras áreas de produção agroecológica desenvolvida pelo sistema Cacau Cabruca que foram promovidas pelo Programa Vida Melhor – Ação Cacau Para Sempre, implantada na época em que Wagner foi governador do Estado. A pequena fábrica de chocolate é o primeiro embrião da verticalização da produção de cacau, produzindo chocolates 100% orgânicos, tendo azeite de oliva extra virgem e açúcar de coco como ingredientes únicos.

“A experiência vivida aqui hoje é fantástica. Uma produção de cacau sem agrotóxico e que incentiva a verticalização do produto com produção de chocolates orgânicos, nibs e cocada. É a agricultura familiar dando exemplo para as indústrias e mostrando sua importância na criação de empregos”, afirma Wagner. Os programas de apoio desenvolvidos pelo Governo do Estado fizeram com que surgissem novas marcas de chocolate orgânico no estado. Hoje são cerca de 90.

Setaf Litoral Sul fortalece agricultura familiar em Arataca e São José da Vitória

arapuO secretário de Agricultura de Arataca, Lucas Costa, acompanhado de sua equipe, participou de uma reunião no Setaf Litoral Sul, em Itabuna. No encontro, foram tratados temas como o termo de adesão SEMAF-Serviço Municipal de Apoio à Agricultura familiar e PROMER-Programa de Mecanização Rural.

O coordenador regional da Setaf Litoral Sul,  Marcos Vinícios destacou a  necessidade de credenciamento do município ao SIATER – Sistema Informatizado de ATER, entregando à equipe instruções para facilitar o credenciamento e ressaltou ainda que a equipe do Setaf está à disposição para desenvolver ações no município.

Marcos Vinicios também  fez uma visita ao secretário municipal de Agricultura  de São José da Vitória, Joel Dantas para debater projetos de  desenvolvimento da agricultura familiar no município, tais como: Implantação do Semaf, Promer, Bahia Produtiva, etc. Para Joel Dantas é muito importante a relação entre Governo do Estado e os municípios: “o Setaf/Bahiater é parceiro do município e já agendamos ações para o mês de abril”, disse o secretário.

No próximo dia 20, a equipe do Setaf/Bahiater vai desenvolver um mutirão em São José da Vitória,  para emissões e renovações de Daps alinhada com a agência Itinerante do BNB que vai tratar de renegociação de dívidas baseado na Lei 13340.

Relato de um brasileiro índio, negro e sem terra de uma viagem a Portugal, depois de 517 anos da invasão portuguesa ao Brasil

Joelson Ferreira

joelsonEssa foi a condição na qual eu, Joelson Ferreira de Oliveira, viajei a Portugal. Tratava-se de numa missão do Governo do Estado Bahia, organizado pela secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, para conhecer o Parque Tecnológico de Óbidos e, ao mesmo tempo, participar do Festival de Chocolate, que acontece anualmente no Castelo Medieval.

Foi uma experiência incrível! Depois de 517 anos, um preto brasileiro miscigenado, misturado, vai ao País que colonizou o Brasil. Eu não era o único a visitar aquela terra, mas, eu sabia que estava ali na condição de homem que tem na sua trajetória as marcas e o sangue dos seus antepassados.

Eu tenho profundo conhecimento dos primeiros povos que habitaram este país, pois, eu sou um deles. O sangue deles corre nas minhas veias. Eu sei que quando os portugueses chegaram aqui, os povos originários já habitavam esta terra há mais de doze mil anos.

Esses povos tinham conhecimento profundo dessas terras. Em harmonia com a natureza, eles viviam no verdadeiro jardim do Éden. Eram povos lindos, munidos de conhecimentos e saberes científicos e tecnológicos extraordinários. Eles domesticaram uma rama altamente venenosa chamada mandioca. Possuíam conhecimento da navegação e eram excelentes pescadores artesanais, caçadores e extrativistas. Além disso, eram corajosos guerreiros.

A essas nações os portugueses trataram de apelidar de “índios”. De acordo com relatos e documentos históricos, aqui viviam mais de cinco milhões de povos originários. Ao chegar ao Brasil, em 1.500, os portugueses foram bem recebidos. Apesar da boa recepção, tempos depois, eles voltaram e invadiram nossas terras. Os portugueses cometeram um dos maiores genocídios da nossa história. Eles violentaram as índias. Eles aprisionaram e escravizaram o nosso povo. Eles implantaram uma guerra bacteriológica sem precedentes e quase exterminaram os povos originários. Com diferentes armas, os portugueses mataram os nossos povos.

Read the rest of this entry »

Setaf promove mutirão de DAPs em Arataca

daps

A equipe da Setaf/Bahiater/SDR Litoral Sul,  esteve realizou em Aracata um mutirão para emissões e renovações de Documento de Aptidão ao Pronaf-Dap. Juntamente com o secretário municipal de Agricultura,  Lucas Costa, também foram prestadas orientações sobre a prorrogação do prazo  do edital CAR/Bahia Produtiva, da cadeia produtiva da fruticultura/cacau.

Para o secretário Lucas Costa, “foi muito importante a visita da equipe que desenvolveu um bom trabalho, legitimando os agricultores e agricultoras para que possam participar da manifestação de interesse por meio de suas associações e também acessar as políticas públicas voltadas para a agricultura familiar”.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031