hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘ameaças’

Relatores da ONU enviam carta sigilosa a Bolsonaro para proteção do cacique Babau

babauRelatores da ONU (Organização das Nações Unidas) cobraram uma proteção do governo de Jair Bolsonaro a um dos principais líderes indígenas do país, Rosivaldo Ferreira da Silva, o cacique Babau.

Numa carta confidencial ao governo, os relatores Michel Forst e Victoria Lucia Tauli-Corpuz afirmam que estão preocupados diante das informações recebidas sobre um suposto plano de assassinatos no sul da Bahia contra o líder indígena e mais quatro de seus parentes.(…)

Na carta enviada no dia 4 de abril, os relatores da ONU alertam que essa não é a primeira vez que fazem um apelo para que o Estado garanta a proteção da liderança indígena. Em 2016, um outro apelo foi emitido. Três anos depois, os relatores “lamentam que nenhuma resposta substantiva” até hoje tenha sido enviada pelo Brasil.

Agora, os especialistas da ONU apontam que, no dia 29 de janeiro de 2019, o cacique foi informado sobre um suposto plano para matá-lo, com a participação de fazendeiros locais e representantes da Polícia Militar e Civil. Leia mais no Blog do Jamil Chade

Cacique Babau: “querem matar nosso povo e também nossa dignidade

O cacique Babau Tupinambá, liderança da Terra Indígena Tupinambá de Olivença, na Bahia, denunciou, em fevereiro, um plano de assassinato tramado por fazendeiros, políticos e policiais contra ele e sua família.

As denúncias motivaram uma missão do Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH) ao Sul da Bahia.

Em entrevista, Babau conta os detalhes da emboscada e fala sobre a luta e a resistência do povo Tupinambá e dos povos indígenas do Brasil.

Veja:

Nova ameaça de ataque fecha escola no Sul da Bahia. Suspeito está preso

`Nego Agite`diz que áudio ameaçador "era uma brincadeira

`Nego Agite`diz que áudio ameaçador “era uma brincadeira”

(do Pimenta)- A Polícia Civil prendeu, nesta tarde de quarta-feira (3), o principal suspeito de ter gravado um áudio com ameaça de ataque ao Centro Educacional de Floresta Azul (CEFA), no Sul da Bahia. José Adson Silva de Carvalho, conhecido como Nego Agite, foi preso por volta das 15h45min de hoje. Pelo áudio, o ataque ao CEFA ocorreria nesta quarta.

Nego Agite assumiu a autoria do áudio em depoimento à delegada Ana Paula Gomes. Guarda municipal em Floresta Azul, ele afirmou que teria sido uma brincadeira. No áudio espalhado pelo aplicativo de mensagens WhatsApp, Nego Agite dizia que todos iam “morrer de faca, facão, machado ou foice”.

A ameaça levou pânico aos alunos do colégio, pais e professores, segundo a Polícia Civil. De acordo com investigador da Polícia Civil em Ibicaraí, Nego Agite é guarda municipal e, segundo a população, é tido como uma “pessoa do bem”.

Os investigadores Antônio Isaac e José Adson Silva de Carvalho identificaram o suspeito e deram voz de prisão, em Floresta Azul, conduzindo Nego Agite para a delegacia territorial. O autor dos áudios foi preso em flagrante e ficará à disposição da Justiça, de acordo com a delegada Ana Paula Gomes.

Na região, o episódio mais recente – seguindo em investigação – foi uma ameaça de ataque ao restaurante da Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz).

Estudante que fez ameaça de atentado na Uesc disse que “era brincadeira”

A Polícia Civil de Ilhéus localizou o autor das postagens nas redes sociais, que se espalharam através do WhatsApp, com ameaças de atentado na Universidade Estadual de Santa Cruz.

homem bomba
Trata-se do estudante do ensino médio, Wellington Monteiro de Oliveira, de 23 anos. Ele disse aos  policiais que as ameaças eram “apenas uma brincadeira” e que não tinha noção da repercussão das postagens. O smartphone de Wellington, com o registro das mensagens enviadas, foi apreendido.

A ameaça de atentado gerou tensão na Uesc e a Polícia Militar esteve no local, mas as aulas prosseguiram normalmente. A polícia baiana apura outras postagens idênticas, uma delas envolvendo a Universidade Estadual do Sudoeste Baiano (Uesb), em Vitória da Conquista.

Ameaça de ataque gera tensão na Uesc

uesc

Um rumor de ataque a estudantes e professores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) instalou clima de tensão e medo no campus da instituição, na Rodovia Ilhéus-Itabuna, nesta manhã de quarta (27). Uma viatura da Polícia Militar e um caminhão da Cavalaria Montada estão no campus.

A tensão aumentou por volta das 9h, quando prints (cópias) de conversas e até áudios começaram a ser compartilhados com maior intensidade em grupos de WhatsApp. Em um deles, um aluno fala que o Restaurante Universitário (RU) seria um dos alvos do suposto criminoso, ao meio-dia.

Por volta das 9h30min, a posição da Uesc era de que a reitora Adélia Pinheiro estava atenta. Porém, o assunto estava sendo tratado com bastante cautela. Já às 9h50min, questionamos a presença de mais de uma viatura no campus.

“A Vigilância informou que não havia alteração [no esquema de segurança]”, informou a assessoria de comunicação. A instituição reconheceu não ser comum a presença da Cavalaria Montada da PM no campus. O suposto autor da  ameaça de ataque seria aluno, conforme investigação inicial. (do Pimenta)

 

 

 

Cacique Babau denuncia suposto plano para matar membros de sua família

babau caciqueReportagem de Rubens Valente na Folha de São Paulo traz denúncia do Cacique Babau, da tribo Tupinambá da Serra do Padeiro, em Buerarema, sobre um suposto plano de fazendeiros da região para assassinar alguns de seus parentes. Babau pediu proteção para sua família ao Governo da Bahia e ao Ministério Público Federal. A informação sobre o plano lhe foi passada em janeiro passado por uma fonte dos índios. Conforme a versão, fazendeiros, policiais civis e militares discutiram uma forma de montar uma incriminação falsa relacionada ao tráfico de drogas, como também, uma troca de tiros para matar três irmãos do Cacique e duas sobrinhas.

As drogas e as armas seriam plantadas nos carros do indígenas, após uma blitz, para depois serem divulgadas em emissoras de rádio e TV da região. Babau não quis denunciar as Polícias Civil e Militar, mas sim, alguns infratores que integram as corporações e fazem parte do plano.

A reportagem na íntegra está neste link.

Ilhéus: grupo ameaça desmontar tenda do TPI em protesto contra lançamento de livro de José Dirceu

dirceuUm grupo de ilheenses adeptos do antipetismo e que atua em sintonia com a ideologia de direita do atual presidente Jair Bolsonaro, do PSL, ameaça desmontar a tenda do Teatro Popular de Ilhéus. Localizada na Avenida Soares Lopes, a tenda do TPI será palco, no próximo dia 18, do lançamento do livro de memórias  petista José Dirceu. Dirceu foi ministro durante o governo Lula, e lança o livro após ter passado um período preso,

Revoltados com a presença do petista em Ilhéus desde o fim do ano passado, o grupo, que vem manifestando sua insatisfação nas redes sociais com a presença de Dirceu na cidade e elogiou a Academia de Letras de Ilhéus após a entidade anunciar que devido a uma reforma o livro do petista não seria lançado em sua sede, não descarta partir para o enfrentamento, desmontando a tenda.

Tem que tacar fogo logo em tudo”, disse uma internauta  nas redes sociais, mostrando todo seu destempero. O fato é que, o que era pra ser um simples evento, pode se transformar em caso de polícia.

Lideranças progressistas e defensoras da liberdade de expressão estão se mobilizando para garantir o lançamento do livro.

Vale ressaltar que Zé Dirceu já lançou seu livro em eventos concorridíssimos, em São Paulo, Porto Alegre, Belo Horizonte, Brasília, Recife, João Pessoa e outras capitais brasileiras sem que em nenhuma delas houvesse qualquer tipo de protesto, desordem, ou qualquer tipo de intolerância. (com informações do Blog do Chicó e Ipolitica)

Professores do Colégio Estadual em Ilhéus são ameaçados de morte por traficantes

ceep iosProfessores do Centro Estadual de Educação Profissional (antigo Colégio Estadual de Ilhéus) estão sendo ameaçados de morte por supostos traficantes, que tem enviado mensagens intimidando os profissionais e afirmando que matará os educadores. Nas mensagens enviadas por telefones celulares, inclusive com números identificados, os traficantes xingam os professores e acusam de terem acabado com as bocas de fumo na escola, por esse motivo dizem que vão matá-los. As mensagens foram enviadas, individualmente e como nomes de cada um dos professores, para diversos educadores.

O fato foi comunicado na manhã desta quinta-feira (10) à APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, que estará encaminhando a denúncia à Secretaria Estadual de Educação, Ministério Público Estadual e Procuradoria Geral do Estado da Bahia. Os professores ameaçados também já prestaram queixa na Polícia Civil de Ilhéus, que está apurando o caso, tentando chegar aos autores das ameaças.

Assustados com as ameaças de morte, os professores afirmaram desconhecer a existência de qualquer boca de fumo ou de tráfico dentro do Centro Estadual de Educação Profissional de Ilhéus

Motoqueiros ameaçam incendiar ônibus e transporte coletivo é suspenso em bairros de Itabuna

Grupos de motoqueiros estão abordando ônibus na manhã de hoje em vários bairros de Itabuna.

De acordo com os motoristas e cobradores, eles ameaçam incendiar os ônibus, caso eles continuem circulando.

Embora nenhuma ameaça tenha se concretizado até agora, as empresas interromperam trajetos em bairros como São Caetano, Urbis IV, Ferradas, Jorge Amado, Daniel Gomes e Maria Pinheiro.

A polícia já foi acionada para tentar conter as ameaças e permitir que os ônibus voltem a circular normalmente.

Sul baianos que vivem em cidade de Santa Catarina são ameaçados de morte

Baianos de Itabuna, Ilhéus e Buerarema que vivem em Brusque (SC) estão vivendo dias de pânico com a divulgação de uma carta ameaçadora nas internet. Um grupo supostamente de nativos da cidade catarinense reclama do comportamento de baianos que residem na cidade e promete reagir até com ”matança”.

Na carta apócrifa, o grupo reclama que Brusque deixou de ser uma boa cidade “nos últimos 5 anos”, pois foi “invadida por imigrantes de outros estados, principalmente da Bahia, das cidades de Itabuna, Ilhéus, Buerarema etc”.

O grupo diz que “quem chega em uma nova cidade deve respeitar os costumes e estilo de vida do povo local”. E completa: “os mais sensatos respeitam e são bem sucedidos em tudo” e citam que “junto com os bons vem também os ruins”, chamados pelos “justiceiros” de “não civilizados, ignorantes mesmo”. Estes, segundo o grupo catarinense, seriam maioria.

A carta foi divulgada pelo G1 -Santa Catarina. A autoria está sendo investigada pela polícia, segundo o site. O “aviso” é encerrado em tom ameaçador: “Nossa Brusque será de novo uma cidade boa para viver, CUSTE O QUE CUSTAR”. (do Pimenta, com informações do G1).

aviso baianos

 

BANDA DE TARADOS: EXAME CONFIRMA ESTUPRO DE ADOLESCENTES APÓS SHOW DE ARROCHA

Jovens foram pedir autógrafos e acabaram sendo atacadas pela banda

Ainda não está disponível o laudo do Departamento de Polícia Técnica (DPT) sobre o caso dos integrantes da banda New Hit, que teriam estuprado duas  meninas na cidade de Ruy Barbosa, na Chapada Diamantina. No entanto, o laudo médico, assinado pela ginecologista Maria Verônica Simões, confirmou que as duas adolescentes foram mesmo violentadas e, conforme alegou a família de uma das jovens, ela era mesmo virgem. “A paciente sofreu violência sexual há dois dias (foi estuprada), foi examinada, onde foi comprovado o estupro (vulva apresenta fissura em intróito vaginal, o hímen apresenta rutura e hematoma no mesmo local)”, diz o laudo documento, disponível no Conselho Tutelar da cidade.

“Levei ela (a filha) para a médica (ginecologista), na segunda-feira, e foi confirmado com exames que ela era virgem e havia sofrido a violência. A coisa foi tão brutal que ainda existiam hematomas nas partes íntimas dela”, revelou a mãe de uma das adolescentes. Segundo o jornal Massa, as famílias das vítimas têm recebido ameaças. “Ligam constantemente. Uma mulher falou que viriam de Salvador matar as meninas, que eram responsáveis pela prisão dos bebês dela. Não estou trabalhando e meus filhos não vão para a escola”, contou.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
junho 2019
D S T Q Q S S
« mai    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30