hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Posts Tagged ‘Aleluia Ilheus Festival’

Show do Paralamas encerrou Aleluia Ilhéus Festival

aleluia ilheus encerramento 3

As quase duas horas de show que a banda Paralamas do Sucesso fez na noite de encerramento do Aleluia Ilhéus Festival, neste sábado, 26, vão ficar marcadas na vida de boa parte das cerca de 50 mil pessoas que foram à Avenida Soares Lopes assistir ao espetáculo. Sucessos como “Lanterna dos Afogados”, “Que país é este?” e “Alagados”, fez o público acompanhar e cantar cada música cantada na voz do líder da banda, Herbert Vianna, que agradeceu o convite e a receptividade.

aleluia ilheus encerramento 4
Antes, o público curtiu o show Tributo ao Pop Rock com a participação de talentos da música locais, que lembram sucessos de Cazuza, Raul Seixas, Legião Urbana, entre outros. Os artistas ilheenses Gabriela Maia, Laís Marques, Nozinho, Camilo, Brenna Gonçalves e Eloah Monteiro embalaram a noite final do Aleluia Ilhéus, mesmo com ocorrência de chuvas, até o início do show de Paralamas.

Para a contadora itabunense Anália Sousa, 43, “foi um dos melhores aleluia ilheus encerramento 1shows que já pude ver, de graça, aberto ao público, com músicas que fazem parte da história de muita gente, não tinha como ser melhor”. A produção do Aleluia Ilhéus Festival e a Polícia Militar contabilizaram cerca de 50 mil pessoas na última noite da festa, superando um dos maiores públicos do evento, em 2013, com show da banda Roupa Nova.

Festival – O show da banda Paralamas do Sucesso – que completa 39 anos de estrada em 2016 – atraiu ilheenses e pessoas de outras cidaaleluia ilheus encerramento 2des, como Carla Mota, 32, que veio de Cruz das Almas com a família passar o feriado em Ilhéus e aproveitou o show. Ela contou que, antes, visitou os estandes de venda de chocolates e se encantou com as apresentações itinerantes pelos pavilhões do festival, a exemplo dos palhaços do grupo Maktub.

O presidente da Associação de Turismo de Ilhéus, Marco Lessa, afirmou que “o Aleluia cumpre o seu papel atraindo visitantes de várias partes da região e do estado, e oferece uma exclusiva e grandiosa alternativa de lazer e cultura a todos. Além da praia e da história, os milhares de turista que lotam os hotéis, descobrem o chocolate e a religião como atrativos e reposicionam Ilhéus, ampliando as possibilidades de curtir esse destino tão especial”.

O Aleluia Ilhéus Festival, maior evento de artes integradas do Estado da Bahia, é uma realização da Prefeitura Municipal de Ilhéus, do Convention Bureau Costa do Cacau e Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), com o patrocínio do Governo do Estado, através da, Secretaria de Turismo da Bahia, Bahiatursa, Bahiagás, Bahiapesca, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (Car), Sebrae, Supermercados Meira, entre outros parceiros institucionais.

 

Show de Jorge Vercillo reúne 15 mil pessoas no Aleluia Ilhéus Festival

aleluia ilheus 3

aleluia ilheus 1Nem a forte chuva que caiu em Ilhéus, a partir das 23 horas, na noite desta sexta-feira, 25, afastou o grande público que prestigiou o show do
cantor Jorge Vercillo, um dos mais esperados da terceira edição do Aleluia Ilhéus Festival, e de artistas locais, durante o evento realizado na avenida Soares Lopes. Por volta das 23h20min, o violonista e compositor Jorge Vercillo entrou no palco do Festival para apresentar o primeiro show dessa turnê, cantando músicas de seu novo trabalho, denominado “Vida é Arte”, como as belas “Pra Valer”, “Muamba” e “Talismã Sem Par”.

Durante o show, o artista caaleluia ilheus 2rioca, que já vendeu mais de 1 milhão de CDs e DVDs, elogiou o Aleluia Festival e afirmou: “É um prazer começar esse trabalho, que deve rodar todo o país, em uma cidade tão bonita”. Segundo ele, o novo trabalho marca uma fase diferente na sua carreira. “E isso acontece porque estão presentes neste espetáculo os velhos sucessos. No entanto, pela primeira vez, estarei apresentando em um show várias músicas de um novo CD”, explicou o cantor. Segundo os organizadores da terceira edição do ‘Aleluia Festival’, cerca de 15 mil aleluia ilheus 4pessoas foram à avenida Soares Lopes na noite de 25 de março.

Jorge Vercillo lembrou que trazer para o palco músicas novas, que foram sendo lançadas na Internet desde o ano passado, é um risco. “Apesar disso, felizmente, já na passagem de som, que aconteceu horas antes do show, deu pra perceber a generosidade e a musicalidade do público ilheense”, reconheceu, e acrescentou: “o CD e a turnê trazem uma canção chamada ‘Noite dos Jangadeiros’, que fala da Festa de Iemanjá, celebração que tem tudo a ver com Ilhéus, a Bahia e Jorge Amado”.

Ao se referir ao evento, Vercillo comentou que o Aleluia Ilhéus Festival dinamiza diversos aspectos da vida cotidiana das pessoas. “Contudo, uma das coisas que mais me chamaram atenção foi o plano espiritual. Fico muito feliz cada vez que a igreja e os órgãos públicos se colocam como instrumentos de renovação, de estar junto da sociedade e de relembrar os bons valores. Então, uma festa dessa, na minha opinião, promove e reforça tudo isso”, avaliou. Durante o show, como Jorge Vercillo já havia anunciado, o público pôde cantar e se emocionar com seus velhos sucessos, como “Que Nem Maré”, “Homem Aranha” e “Encontro das Águas”.

Tributo à MPB – Antes do show de Jorge Vercillo, o Ilhéus Aleluia Festival abriu espaço para os talentos musicais do Sul da Bahia através de um grande tributo à Música Popular Brasileira (MPB). Pelo palco da Soares Lopes, passaram Jane Poeta, Keketa, Itassucy, Robson Carvalho, Nado, Leonardo Léo, Bebeto, Djalma Assis e Anne de Cidra. Para este sábado, 26, último dia do Aleluia Ilhéus Festival 2016, o evento reserva um belo Tributo ao Pop Rock e um grande e aguardado show com o Paralamas do Sucesso.

Acompanhando a passagem de som de Jorge Vercillo, o ilheense Moisés Vieira, que possui 32 anos e mora no Outeiro de São Sebastião, elogiou bastante a festa. “Evento fantástico, estrutura maravilhosa e atrações ainda melhores. Tudo lindo”, opinou, parabenizando o governo municipal pela realização, que, segundo ele, não só possibilita opções importantes de lazer e de cultura para o povo, como, também, auxilia o turismo.

Aleluia – Além de grandes nomes da música nacional, como Jorge Vercillo e Paralamas do Sucesso, o Aleluia Ilhéus Festival, que acontece na avenida Soares Lopes até este sábado, dia 26, também é marcado por uma série de atividades, como exposições literárias, pavilhão de marcas de chocolate, vernissages de artistas plásticos baianos, e exposição de agricultura familiar e de artes e feiras de economia criativa.

O Aleluia Ilhéus Festival, maior evento de artes integradas do Estado da Bahia, é uma realização da Prefeitura Municipal de Ilhéus, do Convention Bureau Costa do Cacau e Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), com o patrocínio do Governo do Estado, através da, Secretaria de Turismo da Bahia, Bahiatursa, Bahiagás, Bahiapesca, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (Car), Sebrae, Supermercados Meira, entre outros parceiros institucionais.

Agricultores familiares expõem no Aleluia Ilhéus Festival

agri 1A terceira edição do Aleluia Ilhéus Festival representa mais uma oportunidade de negócios para pequenos agricultores da região e integrantes do segmento conhecido como economia criativa. Numa parceria entre a Companhia de Ação Regional (Car), secretarias de Agricultura da Bahia e de Ilhéus, BahiaPesca e cooperativas, cerca de 35 expositores apresentam seus produtos até o próximo sábado, último dia do evento.

Nos estandes, os visitantes podem conferir artesanatos em argilas, produtos desidratados – que aumenta o prazo de validade, cocadas, arte decoração, além de uma variedade de frutas cultivadas no interior do município de Ilhéus e de cidades vizinhas, “o que demonstra a riqueza de nosso solo”, afirmou o secretário municipal de Agricultura, Sebastião Vivas.

Alberto Matos, 54 anos, que cultiva banana na zona rural de Ilhéus, conta que antes costumava perder boa parte da produção porque não tinha como escoar. “Depois que tivemos acesso à técnica de desidratar a fruta, garantimos maior prazo de validade, evitamos perdas e agora podemos vender, principalmente para a alimentação escolar”.

agri 2A variedade de produtos atrai a atenção dos visitantes. Miguel Veigda que é chileno e visitava os estandes na noite desta quinta-feira, 24, afirmou que é ‘interessante celebrar uma festa religiosa, o município tem padrão santo religioso, e chama atenção que há muito que ver, comprar, principalmente relacionado à agricultura familiar e ao chocolate”.

Pesca –Durante o Aleluia Ilhéus Festival, a BahiaPesca, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura, realizará a doação de alevinos (filhotes de peixes) e cadastrará os pescadores e aquicultores em programas sociais e de crédito dos governos estadual e federal.

Dentre as atividades desenvolvidas no estande da Bahia Pesca está o cadastramento dos pescadores e aquicultores no CadCidadão, sistema que registra a situação social e econômica dos profissionais e encaminha-os para diversos serviços públicos de assistência e crédito, a exemplo do Vida Melhor.

 

Trinta marcas mostram o chocolate sul baiano no Aleluia Ilhéus Festival

choco 1Espaço consolidado nas edições anteriores, o Pavilhão do Chocolate é um dos setores mais visitados no Aleluia Ilhéus Festival, que começou na quarta-feira, 23, e segue até este sábado, 26, na Avenida Soares Lopes, centro da cidade. Nesses quatro dias de festa, mais de 30 marcas da região, produtoras de chocolate e outros derivados do cacau, expõem seus produtos ao público.

O coordenador do pavilhão, Caio Alves, destaca que a intenção do espaço é “firmar cada vez mais a cidade de Ilhéus como a terra do cacau e choco 2chocolate e dar visibilidade aos produtores regionais, além de fazer com que os próprios ilheenses conheçam o que é produzido aqui”. Ainda segundo o coordenador, são esperadas aproximadamente sessenta mil pessoas visitando essa sessão durante os quatro dias.

Os expositores trouxeram para o Aleluia Ilhéus Festival uma variedade de chocolates que agrada a todos os gostos. Desde aqueles com quantidade superior a 80% de cacau, que garante um tom amargo bastante acentuado, até aqueles para quem procura um sabor mais doce, com 48% choco 3da amêndoa, e ao leite. Os valores e tamanho de barras e bombons variam de 2 a 20 reais.

Para Marilene Silva, uma das expositoras do Pavilhão do Chocoloate,  que trabalha com cacau há mais de 20 anos, esse espaço dentro do Aleluia Ilhéus “serve como vitrine para pessoas que trabalham de forma artesanal e valoriza o trabalho dos pequenos produtores de Ilhéus.” A vendedora Ana Valéria, que visitou o pavilhão, achou o lugar “muito interessante, com variedade e qualidade nos produtos”.

O Pavilhão do Chocolate, assim como os demais espaços do Aleluia Ilhéus, abre ao público a partir das 17 horas.

Shows emocionam público no segundo dia do Aleluia Ilhéus Festival

 

aleluia 1Na segunda noite da terceira edição do Aleluia Ilhéus Festival, nesta quinta-feira, 24, o público voltou a lotar a praça da catedral de São Sebastião, na avenida Soares Lopes, para assistir aos shows de cantores, sendo sua grande maioria ligada à igreja católica. “Amigos na fé” contou com a participação de Amanda Andrade, Padre Ednaldo, Kelly de Jesus, Andréa Rangel, Neia dos Anjos, Bam Lima, Alexandro Costa, Beatriz Andrade, Stephanie Costa e PH Chagas. A atração principal foi a cantora paulista Adriana Arydes, que esteve pela primeira vez em Ilhéus aleluia 1e emocionou o público.

Considerada uma das mais importantes cantoras católicas do Brasil, Adriana Arydes tem dois DVDs gravados e relembrou grandes sucessos de sua carreira.  Para o público, o show foi contagiante, principalmente quando ouviu as músicas como “Abraço de pai”, “Nossa missão”, “Humano amor de Deus”, “Na língua dos anjos”, “Colo da mãe”, dentre outras canções.

Opiniões – A enfermeira Erivalda Anunciação de Souza contou que ficou emocionada durante as apresentações dos cantores “Amigos na fé” e ainda mais com as músicas que ouviu de Adriana Arydes. “O Aleluia Ilhéus Festival é o momento muito bom para a gente refletir na necessidade de amar mais, de cultivar a paz, de pensar na harmonia das pessoas, além de lembrar que Deus está sempre presente nos nossos dias. Aqui se reuniu os mais diversos grupos religiões do município e da região”.

Já a contabilista Sheila Evaristo Sena que se deslocou do município de Itabuna para prestigiar o evento, disse que foi às lágrimas. “Chorei durante todo o show. Foi muita emoção e de tirar as lágrimas. As canções tocaram o meu coração e das pessoas presentes no evento. A gente pensa logo nos nossos pais, na família, nos amigos e principalmente em Deus, nosso ser maior. Os shows foram gratificantes. Pois valeu a viagem com retorno na madrugada”.

O comandante da 68ª Companhia Independente da Polícia Militar, major Diógenes Câmara, estimou que o segundo dia da festa contou com uma média de dez mil pessoas, de idades variadas, principalmente do público jovem. Segundo ele, não ocorreu nenhum registro de violência, por conta da presença de contingentes das polícias civil e militar, Guarda Municipal e seguranças particulares, que agiram de forma preventiva.

Aleluia – Essa segunda noite, além da música, proporcionou ao público que foi a Avenida Soares Lopes programação diversificada. Nos dois pavilhões montados no local, os visitantes puderam acompanhar apresentações de artistas circenses, músicos locais, além de conhecer o trabalho realizado por pequenos agricultores de Ilhéus e cidades vizinhas, de empreendedores da economia criativa, estandes para venda e degustação de chocolate, entre outras atrações.

A festa prossegue até este sábado, 26. A grande atração dessa noite de sexta-feira será o cantor Jorge Vercillo, que sobe ao palco às 20h30. Antes, haverá tributo à MPB, na voz de cantores regionais. No último dia, será a vez dos Paralamas do Sucesso, que serão precedidos de show em homenagem ao pop rock. Os pavilhões do Aleluia Ilhéus abrem ao público a partir das 17h.

Abertura do Aleluia Ilhéus Festival reúne 20 mil pessoas

aleluia ilheus 2

Foi com uma grande corrente de oração que o público se preparou para receber o cantor gospel Régis Danese, na noite de gravação do DVD em comemoração aos 10 anos de carreira. Ele escolheu Ilhéus para celebrar este momento tão importante e fez questão de compartilhar sua alegria em abrir o Aleluia Ilhéus Festival nesta quarta-feira, dia 24. “Tenho certeza que esta noite, vai marcar a minha vida e a de todos vocês que estão aqui”. Além de ilheenses, a gravação do DVD atraiu caravanas de várias cidades circunvizinhas, muitas formadas pelo público evangélico.

O show emocionou o publicou que lotou a Praça Dom Eduardo e boa parte da Avenida Soares Lopes. Segundo a estimativa da Polícia Militar, cerca de 20 mil pessoas prestigiaram a gravação do DVD.

Marilane da Silva Borges, da Assembleia de Deus Madureira, veio com um grupo de 48 pessoas de Serra Grande (Uruçuca), para prestigiar o evento. “O mais importante é que viemos aqui louvar a Deus”. Já Maria Amélia Rosemberg, da Igreja Batista Internacional Ministério Labaredas de Fogo, estava presente ao evento com mais 200 pessoas. “Não é apenas um show, mas viemos cultuar ao Senhor. É um homem de Deus que está aqui abençoando nossa cidade e também trazendo essa benção para a nossa Bahia e para o Brasil”.

aleluia ilheus  1Carlliane Nascimento, que veio ao show com um grupo de mais 40 pessoas de Ibirataia, também estava muito feliz participar do evento. “É uma noite muito especial e estou muito contente em estar aqui”. Ana Cláudia Ribeiro prestigiou, junto a um grupo menor, formado por mais cinco itabunenses, porém, não menos animado. “Estamos sempre prestigiando eventos gospel na região e não poderíamos deixar de prestigiar esse grande show”.

Também participaram caravanas de Canavieiras, Una, Barro Preto. Jequié, Camacã, Coaraci, Itajuípe, Itapé, Ubaitaba, Ibicaraí, Porto Seguro, Itapetinga, Porto Seguro, Itapetinga, Itororó, Itajú do Colônia, Aurelino Leal, Ipiaú, Buerarema, Floresta Azul e Santa Cruz da Vitória.

O Aleluia Ilhéus Festival segue até o sábado, dia 26, reunindo música, literatura, arte e negócios. O evento é uma realização da Associação do Turismo de Ilhéus (Atil) e da Prefeitura Municipal de Ilhéus, tem a parceria da Paróquia de São Jorge e da Catedral de São Sebastião e patrocínio do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Turismo do Estado (SETUR/ Bahiatursa), SDR/ CAR, Bahia Pesca, Bahiagás, dentre outros órgãos e empresas.

O secretário Estadual de Turismo, Nelson Pelegrino participou da abertura do Aleluia Ilhéus Festival e destacou o apoio do Governo da Bahia a eventos “que contribuem para aquecer o turismo e movimentar a economia no Sul da Bahia”. A rede hoteleira em Ilhéus deve atingir lotação de cerca de 90% durante os quatro dias do festival.

Paixão de Cristo no Aleluia Ilhéus Festival

paixaoUm dos pontos altos da programação do Aleluia Ilhéus Festival ocorre na sexta-feira, dia 25, quando o público vai poder assistir nas escadarias da catedral de São Sebastião e na Praça Dom Eduardo à encenação da Paixão de Cristo. O espetáculo será apresentado pelo grupo Jovens em Cristo, de Itabuna, a partir das 18h, e contará com cerca de 80 pessoas, entre atores e figurantes.

A direção da peça é de Márcio Oliveira e Reginaldo Lemos e a encenação tem tempo estimado de 1 hora e 50 minutos. O grupo já se apresentou em várias cidades da região e promete emocionar o público. Já nesta quarta-feira, 23, acontece a procissão do Fogaréu, que integra a programação religiosa promovida pela Catedral Diocesana para o período da Semana Santa deste ano.

A procissão tem início marcado para às 19h, com saída da frente da Tenda do Teatro Popular, na Avenida Soares Lopes, em direção à Catedral de São Sebastião. De acordo com o responsável pela Paróquia de São Jorge e Catedral de São, Padre Aldemiro Sena, o evento simboliza a perseguição a Jesus Cristo.

“A Procissão do Fogaréu já ocorria na Espanha e em Portugal há muitos séculos, e representava a penitência dos farricocos, pessoas que queriam se reconciliar com Deus. Eles usavam vestimentas que cobriam todo o corpo e capuzes em forma de cone e pontiagudos, para não serem reconhecidos pelos demais. No Brasil, o ritual começou por Goiás e hoje é reproduzido em várias partes do país”, explicou Pe. Miro. O trajeto será iluminado pelas luzes das tochas, carregadas pelos fiéis, que farão uma parada em frente a Igreja São Jorge, antes de seguir em caminhada até a Catedral de São Sebastião.

Ainda como parte da programação da Semana Santa, nesta quinta-feira, dia 24, acontece ao meio-dia a Adoração ao Santíssimo na Catedral de São Sebastião e às 19h, Missa da Ceia do Senhor e a cerimônia de Lava pés, em seguida. Na sexta, os fiéis participam da celebração de Adoração ao Santíssimo e de confissões, a partir das 8 horas e da Celebração da Paixão, às 16 horas, também na Catedral de São Sebastião.

No sábado de Aleluia, dia 26, a programação religiosa segue com a benção do Fogo, na Praça Pedro Matos (espaço em frente ao Teatro Municipal), às 19 horas e início da Vigília Pascal, às 19:30h, na Catedral de São Sebastião. O domingo da Ressureição, dia 27, será marcado por missa de Páscoa das Famílias, às 8h; Missa de Páscoa das Crianças, às 17h e Missa de Páscoa da Juventude, às 19h.

Aleluia Ilhéus tem programação voltada a pescadores e aquicultores

 

peixe bahiapescaO Aleluia Ilhéus, festival que acontece de quarta a sábado (23 a 26/03) na Avenida Soares Lopes, terá programação voltada especialmente aos pescadores, aquicultores e produtores da região sul da Bahia. Durante o evento a Bahia Pesca, vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), realizará a doação de alevinos (filhotes de peixes) e cadastrará os pescadores e aquicultores em programas sociais e de crédito dos governos estadual e federal.

“Além disso, os piscicultores que tiverem dúvidas sobre seus processos produtivos ou sobre os programas e ações da Bahia Pesca podem visitar nosso estande no evento, que funcionará entre os dias 24 e 26, das 9h às 20h”, explica o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior.

Cadastramento

Dentre as atividades desenvolvidas no estande da Bahia Pesca está o cadastramento dos pescadores e aquicultores no CadCidadão, sistema que registra a situação social e econômica dos profissionais e encaminha-os para diversos serviços públicos de assistência e crédito, a exemplo do Vida Melhor.

O cadastramento no CadCidadão servirá também para que estes profissionais obtenham a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP). A Declaração é a comprovação de enquadramento do aquicultor ou pescador como produtor familiar. É indispensável para acesso a políticas públicas como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), o Programa de Aquisição de Alimentos, e o de Habitação Rural.

Peixamento

“Na quinta-feira (24), às 9h, entregaremos às famílias de aquicultores de sete associações e cooperativas de pescadores e aquicultores de Ilhéus um total de 130 mil alevinos de tambaquis e tilápias”, complementa o presidente da Bahia Pesca. Cerca de 50 famílias da região serão beneficiadas com a ação.

Régis Danese abre o Aleluia Ilhéus Festival

regis

Com shows feitos em diferentes partes do Brasil e do mundo, o cantor gospel Régis Danese escolheu a cidade de Ilhéus para gravar seu DVD em comemoração aos dez anos de carreira. A apresentação, que contará com uma megaestrutura, marcará o primeiro dia do Aleluia Ilhéus Festival, que se consolida como o maior evento desse período na Bahia e começa nesta quarta-feira, 23, na Avenida Soares Lopes, a partir das 20h30min.

Danese tem mais de 2 milhões de discos vendidos e já foi eleito um dos melhores cantores gospel do Brasil. O espetáculo da noite desta quarta-feira contará com a participação dos cantores convidados Anderson Freire e Bruna Karla.

A gravação do DVD em Ilhéus marca os dez anos de carreira do cantor e também o início da turnê nacional, com o novo disco “#profetizo”. Para Régis Danese, “será um enorme presente para a cidade, para mim, nossa banda e levaremos as imagens desta terra conosco para todo o Brasil”.

Shows – Um dos pontos altos do Aleluia, que já trouxe artistas como Roupa Nova, Nando Reis e Padre Fábio de Melo, é a presença de grandes nomes da música nacional. Além de Regis Daneses, na primeira noite (dia 23), a cantora Adriana Arydes (voltada ao público católico) sobe ao palco no dia 24. Na sexta, será a vez de Jorge Vercillo. A última noite ficará por conta do rock do Paralamas do Sucesso. Em 2014, a edição mais recente do Aleluia Ilhéus Festival reuniu 120 mil pessoas e proporcionou uma taxa de 100% da ocupação hoteleira da região.

Múltiplos espaços – A Avenida Soares Lopes abrigará, durante os quatro dias, exposição literária, instalações artísticas e vernissages de artistas plásticos baianos, manifestações da cultura regional, feira de economia criativa com artesanato local e pavilhão de exposição de marcas de chocolate de origem do Sul da Bahia.

O Governo do Estado, parceiro da festa, incentiva a exposição dos produtores do programa de agricultura familiar, além da participação de pescadores e marisqueiras no contexto do evento, com apoio da Secretaria de Agricultura da Bahia e da Companhiade Desenvolvimento e Ação Regional (CAR).

Outro segmento valorizado durante o Aleluia Ilhéus Festival é o de produtores de chocolate, cujas marcas locais se destacaram bastante nos últimos anos e estarão expostas nos estandes montados na Avenida, proporcionado experiências novas aos apreciadores da guloseima.

Paixão – Na Sexta-feira da Paixão, dia 25, a emoção ficará por conta da encenação da Paixão de Cristo, que será feita às 18h, nas escadarias da Catedral de São Sebastião, na Praça Dom Eduardo. A performance terá duração de quase duas horas, envolvendo mais de 80 atores do grupo de teatro Jovens em Cristo.

O Aleluia Ilhéus Festival é uma realização da Prefeitura Municipal de Ilhéus e do Governo do Estado da Bahia com apoio do Sebrae, Bahiagás, Bahiapesca, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Ilhéus Convention Bureau, Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), Bahiatursa e Secretaria Estadual de Turismo.

Crise provoca cancelamento do Aleluia Ilhéus Festival

A terceira edição consecutiva do Aleluia Ilhéus Festival, evento que marca a Semana Santa, não será realizada este ano. Após reunião com o secretariado municipal, o prefeito Jabes Ribeiro anunciou a suspensão do projeto em virtude de fatores externos e internos. De acordo com o prefeito, a atual crise econômica vivenciada pelo País, que penaliza os municípios, a impossibilidade do Governo do Estado em ampliar a participação no evento, e a situação ainda difícil dos cofres municipais, com redução de receita em 2015, levaram a administração a reavaliar a realização.

 

“Infelizmente, mesmo sabendo da importância que representa o Aleluia para diversos setores do município, seria uma irresponsabilidade nossa mantê-lo com o quadro econômico vivido hoje”, afirmou o gestor. Ele explicou que na edição passada, o Governo da Bahia, principal parceiro, por meio da Bahiatursa, CAR e da Bahiapesca, investiu cerca de 700 mil reais no evento. Mas este ano, o governo somente poderia realizar o aporte máximo de 200 mil reais.

 

Mesmo assim, a Prefeitura, co-realizadora do evento, planejou reduzir o Aleluia para três dias, diminuindo o orçamento da festa, tanto em infraestrutura como em atrações artísticas. O orçamento vinha sendo trabalhado há bastante tempo pelo município, que buscava parceiros para sua efetivação, como ocorreu em anos anteriores com empresas e órgãos públicos, além da iniciativa privada. No entanto, para garantir o evento, a Prefeitura teria que investir cerca de R$ 500 mil, “o que seria inviável nesse momento em que tivemos redução de receita nos meses de janeiro e fevereiro, com queda de 36 por cento no Fundo de Participação dos Municípios (FPM), disse Jabes.

A vibração no show de Nando Reis no Aleluia Ilhéus Festival

nando reis

Plateia cheia, gritos, choros de emoções e muita alegria marcaram a passagem do cantor Nando Reis pelo Aleluia Ilhéus Festival, no domingo, dia 20.  Acompanhado da banda “Os Infernais”, o músico cantou músicas de “Sei”, seu último trabalho lançado, mas sem deixar de contemplar os grandes sucessos de sua carreira, como “Do seu lado”, canção que fez milhares de pessoas vibrarem em um coro de exaltação ao trabalho do ex-Titãs.

nando reis 2Com mais de 30 anos de carreira, Nando Reis mostrou no palco porque é considerado um dos grandes nomes do rock nacional. Suas composições repletas de poesias, acompanhadas dos acordes minuciosamente tocados, embalam histórias e mobilizam fãs por todo país.

No mesmo dia, o Palco Reizinho recebeu, diretamente de Salvador, a banda Quarteto de Cinco para mostrar que o rock na Bahia está a todo vapor. Com uma performance marcante, os cinco integrantes mostraram um trabalho autoral e deixaram sua marca no evento. Tocando juntos desde 2007, os músicos se apresentaram pela primeira vez em Ilhéus e se mostraram à vontade para fazer parte do maior evento de artes integradas da Semana Santa na Bahia. “A gente fica muito feliz em poder participar dessa mistura porque o Quarteto de Cinco também é mistura”, afirma João Victor, vocalista, já que a banda se inspira em grandes nomes no rock nacional, como Barão Vermelho, sem deixar de lado elementos marcantes da música no estado, como a guitarra baiana e o agogô.

Aleluia Ilhéus Festival impulsionou negócios

aleluia arteA Feira Criativa, que faz parte do Aleluia Ilhéus Festival, na avenida Soares Lopes, reúne vários microempreendedores locais instalados em pavilhões particulares, expondo seus produtos, notadamente derivados do cacau e artesanato. Lina Eugênia de Azevedo, residente no bairro Nelson Costa encontra-se satisfeita com o Sabores do Cacau, onde comercializa doces variados. “Para mim, vem sendo uma oportunidade excelente, pois temos a chance de expor nossos produtos para um grande público. Isso, além de podermos fazer novas amizades, como já fiz”, afirmou na noite do sábado, dia 19, depois de estar trabalhando há três dias naquele local.

Por sua vez, Selma Farias proprietária da confecção Mulheres Mil, destaca a ampliação dos negócios e oportunidade de divulgação dos seus produtos. “A participação no Aleluia Ilhéus vem sendo uma experiência maravilhosa, uma vez que temos como apresentar para milhares de pessoas, durante este período, tudo o que produzimos”, afirma ratificando que está muito satisfeita em participar do evento.

Para o turista brasilense, Tarciso Nogueira, que se disse visitante contumaz de Ilhéus, relatou que desta vez trouxe mais três amigos, e todos eles estão bastante satisfeitos com a festa, não só pela organização como também pela tranquilidade, afirmando que não havia anotado nenhum tipo de agressão. “E isso, contribui ainda mais para que fiquemos mais tempo por aqui, nos divertindo de dia nas praias, e de noite, participando dos festejos”.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031