hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Posts Tagged ‘100 anos’

Fundador do Sinjorba será homenageado no centenário de seu nascimento

sinjorbaO centenário de nascimento do jornalista, professor e crítico literário Heron de Alencar (1921-1972) será lembrado pelo Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB), com uma live nesta terça (09), às 16h, no canal da organização no Youtube (youtube.com/ighbba). Heron foi um dos fundadores e primeiro presidente do Sindicato dos Jornalistas da Bahia (Sinjorba).

Participarão do evento as professoras Carla Patrícia de Santana, autora do livro “Heron de Alencar: Perfil Intelectual e Discurso Liiterário”, (Edufba, 2006), baseado em sua tese de doutorado, e Ana de Alencar, professora aposentada da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e filha desse jornalista e intelectual cearense, que se radicou na Bahia. O evento será moderada pelo jornalista e pesquisador do IGHB, Jorge Ramos, que também foi presidente do Sinjorba.

Read the rest of this entry »

Casa Militar da Bahia completa 100 anos com atuação discreta e foco no planejamento das ações

Foto Paula Fróes_GOVBA (5) (1)

Uma instituição centenária que atua nos bastidores do Governo do Estado e tem na discrição e planejamento as ferramentas para a realização de um trabalho bem feito. Assim pode ser descrita, ainda que brevemente, a Casa Militar do Governador do Estado da Bahia, que completa 100 anos nesta terça-feira (15). Criada em 1920, durante a gestão do governador JJ Seabra, a Casa Militar trabalha para assistir ao governador durante o exercício de suas funções, bem como realizar a segurança pessoal do chefe do executivo, de seus familiares, incluindo áreas internas e externas da Governadoria e residência oficial do chefe do poder executivo baiano.

Foto Paula Fróes_GOVBA (3)O amplo leque de atividades inclui ainda a segurança de chefes de Estado e de todas as autoridades convidadas pelo governo baiano em visita ou missão oficial na Bahia. Um trabalho que inclui o planejamento e a execução dos serviços relativos ao transporte terrestre e aeroviário do governador e dos visitantes oficiais e de outras autoridades.

O órgão tem status de Secretaria de Estado e fica responsável pelo deslocamento do governador. O chefe da Casa Militar, coronel Maurício Costa, afirmou que a atividade requer muito trabalho, precisão e discrição. “A gente costuma dizer que quando a Casa Militar aparece em alguma missão do governador, algo deu errado. O nosso trabalho é se antecipar para que nada ocorra e com o detalhamento de não aparecer. A Casa Militar estará antes, durante e depois de uma agenda do governador, mas a discrição sempre será o ponto forte. Temos no nosso dia a dia sempre situações novas, mas atuamos com tranquilidade por saber que tudo foi planejado. Cada dia é um desafio, mas sempre superado pelo trabalho da nossa equipe”.

Read the rest of this entry »

Ilheense completa 100 anos com saúde, lucidez e bom humor

vovó 1

Mauricio Maron

O ano de 1918 foi repleto de acontecimentos que influenciaram de maneira decisiva os brasileiros e o mundo. Foi o ano em que a Primeira Guerra Mundial chegou ao fim. Para o Brasil, o momento da chegada da “gripe espanhola” ao País, depois de ter provocado inúmeras vítimas pelo mundo afora.

Em Olivença, interior de Ilhéus, nascia Donatília Miranda de Góes. Filha de escrava e de um sergipano que fugia da seca do Nordeste em busca de novas oportunidades de vida. Aos 12 anos, mesmo contra a própria vontade, já era levada para a mata de um pequeno pedaço de terra em Banco Central, à época um dos distritos mais prósperos de Ilhéus, para ajudar ao pai que comprara um pedaço de chão para recomeçar a vida.

MEMÓRIA

Lúcida, hoje aos 100 anos, é ela mesma quem conta esta saga. “Queimava mata, plantava arroz, mandioca, aipim. Não gostava daquilo, não. Mas meu pai dizia ´não vou botar trabalhador não. Vamos trabalhar, ´vombora´”, lembra até hoje. A saúde e a boa memória de dona Donatília impressionam. Ela não só lembra de datas importantes vivenciadas ao longo de um século de vida mas, também, corrige com uma segurança de dar inveja quem comete um erro na informação transmitida.

Nos últimos dias, cercada de familiares, Donatília comemora seu centenário, ocorrido no último dia dois. Será uma semana inteira de comemorações e reúne em Ilhéus a maior parte dos seus descendentes: seis filhos, 25 netos, 43 bisnetos, 14 tataranetos. “Tá chegando mais gente”, faz questão de frisar.

Read the rest of this entry »

Banco do Brasil `esquece` centenário de agência em Ilhéus

Foto da agência nos anos 50, onde hoje funciona o Sindicato Rural de Ilhéus

Foto da agência nos anos 50, onde hoje funciona o Sindicato Rural de Ilhéus

A agência do Banco do Brasil em Ilhéus completou 100 anos. Ela foi inaugurada no dia 1º de março de 1917 e foi a 19ª. instalada no país. Ilhéus, potência econômica no início do século por conta da pujança do cacau (então vivendo um de seus ciclos de ouro), teve uma agência do BB antes mesmo que algumas capitais brasileiras.

Conta a lenda que o maior depositante em dinheiro foi Coronel Misael Tavares, que fez um depósito de 2.300 contos de réis, uma fortuna para a época.  O segundo maior depositante foi o Coronel José Gomes do Amaral Pacheco, que depositou 70 contos de réis.

O vice-prefeito de Ilhéus e secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável, José Nazal, um apaixonado pela história da cidade, lamentou nas redes sociais que “há dois dias a agência completou 100 de fundação e o Banco do Brasil, num total desrespeito a nossa história, sequer fez uma singela comemoração. Acho que os atuais servidores que aqui trabalham sabiam do fato.”

Nazal disse esperar que a direção do Banco do Brasil repare o esquecimento e faça a devida homenagem, ainda que com atraso.

Exposição fotográfica marca centenário da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna

santa expoA “Exposição Fotográfica Santa Casa – 100 anos”, inaugurada na última segunda-feira (23), no Jequitibá Plaza Shopping, marcou o início das comemorações pelo centenário da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. Membros da provedoria, funcionários, empresários e cidadãos amigos do centenário, que contribuíram financeiramente para a realização das atividades comemorativas, marcaram presença no evento, onde escutaram os agradecimentos de Dr. Eric Ettinger Junior, atual provedor da instituição, e do Bispo Dom Ceslau Stanula.

Ramiro Aquino assina a curadoria da exposição, que vai até dia 31, mostra a evolução da instituição e a história dos seus ex-provedores, especialmente de Calixtinho, lembrado e comemorado por todos por ter a sua história de vida entrelaçada com a história da Santa Casa. São 40 fotos, entre antigas e atuais, expostas.

Na quarta-feira (25), aconteceu a inauguração da Capela Nossa Senhora das Dores, no Hospital Calixto Midlej Filho, com missa celebrada também pelo Bispo Dom Ceslau. Na quinta-feira (26), houve uma celebração comemorativa dos 100 anos no Hospital São Lucas, e à noite a belíssima festa de Confraternização dos Funcionários na AABB, com animação da Banda Lordão.

Neste mesmo evento, foi prestada uma homenagem a 30 funcionários com mais de 30 anos de casa e atuação, através do Protempo – Programa de Reconhecimento por Tempo de Serviço. Na mesma festa, 23 ex-funcionários foram certificados com a Homenagem “A História dentro da História”.

Na sexta-feira (27), desta vez no Hospital Manoel Novaes, houve a inauguração das obras de requalificação do Centro Cirúrgico, da Brinquedoteca e Solarium Irmã Creuza Wanderley, além da inauguração da sede oficial do grupo das Irmãs Auxiliadoras e da Galeria dos Ex-Diretores.

A solenidade do Centenário será dia 28, com missa na Catedral às 7:30 hs, e na própria igreja homenagens à Diocese, Médicos, Conselho Deliberativo, Funcionários, Médicos Internos e Residentes e Sociedade. No Calixto haverá descerramento da placa dos 100 anos e revitalização da Galeria dos Ex-Diretores. À noite, na AABB, as comemorações do centenário com lançamento do Hino do Centenário, entrega das Medalhas Calixto Midlej Filho, das Comendas Monsenhor Moysés Gonçalves do Couto e lançamento do livro do médico João Otávio Macedo sobre o centenário.

Santa Casa de Itabuna comemora 100 anos

santa casaA Santa Casa de Misericórdia de Itabuna completa no sábado (28) seu Centenário. Para marcar a data, a instituição preparou, com o apoio de empresários e da sociedade, uma ampla programação.

As comemorações começam nesta segunda-feira (23), às 18 horas, no Shopping Jequitibá, onde será aberta a exposição fotográfica “Santa Casa – 100 anos”. A Mostra, que tem curadoria do jornalista Ramiro Aquino, reúne 40 imagens e um pouco da história e atual fase da instituição. Na quarta (25), às 16 horas, no Hospital Calixto Midlej Filho, será inaugurada a Capela N.S. das Dores.

Haverá uma missa celebrada pelo Bispo Dom Ceslau, seguida da reinstalação da galeria em Homenagem aos ex-diretores do hospital. Na quinta (26), celebração no Hospital São Lucas, às 16 horas.Mais tarde será a vez de uma confraternização dos funcionários, às 19h30, na AABB, com homenagem a 30 funcionários com mais de 30 anos de casa e em atuação, além de 20 outros ex-funcionários.

santa casa 2Na sexta (27), também às 16 horas, no Hospital Manoel Novaes, haverá a inauguração da requalificação do Centro Cirúrgico, seguida da entrega da Brinquedoteca e do Solarium Irmã Creuza Wanderley pelas Irmãs Auxiliadoras.

Ainda neste dia será inaugurada a Galeria dos Ex-Diretores do Hospital Manoel Novaes. No sábado, às 20 horas, na AABB, haverá a Outorga da Comenda Monsenhor Moysés Gonçalves do Couto.

A noite será encerrada com o Lançamento do novo livro do médico João Otávio Macedo, “Centenário Santa Casa de Misericórdia de Itabuna – Um século de bons serviços”, editado pela A5Editora.

Ilhéus comemora 100 Anos do Instituto Piedade

piedade-2

O Instituto Nossa Senhora da Piedade (INSP), em Ilhéus, tradicional escola e ex-convento, comemora 100 anos de existência. Edificado em estilo neogótico, na rua Madre Thaís, 197, no alto Piedade, o Instituto contribuiu para a formação educacional de várias gerações de profissionais, incluindo médicos, políticos, advogados, jornalistas, educadores e engenheiros, entre outros. Desde segunda-feira, 12, uma vasta programação festiva foi iniciada para celebrar a data, e prossegue nesta quinta-feira, 15 de setembro, quando o aniversário da Piedade é oficialmente comemorado, quando dois grandes atos estão previstos, uma procissão, às 18 horas, e Missa Solene, presidida pelo Bispo Diocesano Dom Mauro Montagnoli, às 19 horas.

Read the rest of this entry »

Igreja Batista comemora 100 anos em Ilhéus

igreja 3

As Igrejas Batistas de Ilhéus encerraram as comemorações pelos 100 anos do primeiro templo dessa congregação evangélica no município de Ilhéus. O culto festivo foi realizado no Centro de Convenções local, reuniu cerca de 1200 pessoas e contou com as presenças do vice-prefeito, Carlos Machado (Cacá) e do Bispo Diocesano, Dom Mauro Montagonli.

As comemorações pelo centenário Batista em Ilhéus foram iniciadas na última semana de outubro, com programações religiosas em todas as igrejas batistas localizadas no município. O prefeito Jabes Ribeiro, cujos pais sempre frequentaram a Primeira Igreja, ressaltou a importância da tradição batista em Ilhéus, por sua “abertura social e a disposição ao diálogo com todos os setores”.

ihreja 2

De acordo com o pastor Robson Oliveira, que coordenou as comemorações, nesses cem anos, as congregações batistas sempre buscaram contribuir com o avanço da sociedade ilheense, por meio “da conscientização política, social e pela fé, que também é capaz de promover grandes mudanças”. A Primeira Igreja Batista de Ilhéus está localizada à Praça J.J. Seabra, no centro histórico da cidade.

Medalha de 100 anos do TCE homenageia Jorge Calmon

Jornalista Jorge CalmonFoto digital: Elói Corrêa/ Ag. Á Tarde, em 03/03/2005Por decisão unânime dos seus conselheiros, o Tribunal de Contas do Estado da Bahia aprovou, em sessão plenária desta quinta-feira (19), que a medalha comemorativa do Centenário do órgão seja denominada Medalha Jorge Calmon. O relator do Projeto de Resolução, conselheiro Antonio Honorato, lembrou a importância de Jorge Calmon para a vida pública baiana e ainda salientou o fato de que ele, entre outros cargos que exerceu ao longo dos seus 91 anos, também integrou os quadros do TCE, tendo sido conselheiro entre maio de 1967 e agosto de 1971.

 

“Dr. Jorge Calmon teve uma presença marcante nos principais acontecimentos políticos, culturais e sociais da Bahia durante a segunda metade do século passado”, afirmou Antonio Honorato, acrescentando que ainda se deve destacar o fato de que, assim como ocorre com o TCE, neste ano de 2015 está sendo comemorado o centenário de nascimento de Jorge Calmon. Na exposição de motivos que elaborou ao apresentar o Projeto de Resolução, o presidente do TCE, conselheiro Inaldo da Paixão Santos Araújo, salientou que pela história e personalidade do homenageado, “dar à insígnia nome de Medalha Jorge Calmon dignificará as honrarias concedidas às personalidades que forem agraciadas”.

 

Falecido em 18 de dezembro de 2006, aos 91 anos, Jorge Calmon Moniz Bittencourt, o Dr. Jorge, como o chamavam desde as pessoas mais simples até as altas autoridades da Bahia, nasceu em Salvador, no dia 7 de julho de 1915. Sempre caracterizado pela elegância no trato com todos, ele foi o herdeiro profissional de Ernesto Simões Filho, que o escolheu para dirigir a Redação de A TARDE, jornal onde trabalhou durante 67 anos, 47 dos quais como Diretor Redator-Chefe. Entre os destaques de sua atuação no jornal deve-se citar a campanha “A Bahia não se divide”, liderada por ele, durante a realização da Assembleia Nacional Constituinte, em 1988.

 

Bacharel em Direito pela Universidade Federal da Bahia, ele ainda foi diretor da Biblioteca Pública do Estado, deputado estadual por duas vezes, inclusive como constituinte em 1946, secretário do Interior e de Justiça, chefe da Casa Civil do governo Lomanto Júnior e professor titular da Universidade Federal da Bahia. Liderança inconteste da imprensa baiana, presidiu a Associação Bahiana de Imprensa, integrou a Academia de Letras da Bahia e o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia, além de ter participado da organização e implantação do atual curso de Jornalismo da UFBA e da própria Faculdade de Comunicação.

TCE lança Código de Ética e promove palestra

Como parte do calendário comemorativo do seu Centenário  (o órgão foi criado em 21 de agosto de 1915), o Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) promove, nesta segunda-feira (23), dois eventos, em sua sede, no Centro Administrativo da Bahia, uma palestra sobre o tema “Trabalho com Amor e Paixão”, a ser proferida pelo professor titular de Ética e Filosofia Renato Janine Ribeiro, da Universidade de São Paulo (USP), e o lançamento da edição impressa do Código de Ética dos Membros e Servidores da instituição. Os eventos irão acontecer no Auditório Conselheiro Lafayette Pondé, no segundo andar do prédio-sede do TCE, e serão franqueados aos servidores do órgão.

O Código de Ética para servidores e membros já existe em outras unidades da Federação, em atendimento a uma recomendação da Associação dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e seu lançamento na Bahia contribui para reforçar a política de transparência e eficiência já implantada no TCE. Por sua vez, o palestrante do tema “Trabalho com Amor e Paixão”, Renato Janine, é uma das maiores autoridades do País na sua área, com 18 livros publicados e laureado, em 2001, com o Prêmio Jabuti de Melhor Ensaio, tendo sido, ainda, condecorado com a Ordem Nacional do Mérito Científico (1997) e com a Ordem de Rio Branco (2009).

Eventos e projetos irão marcar festa do centenário do TCE-BA

tceUma das mais antigas cortes de contas do Brasil, o Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) completará 100 anos no dia 21 de agosto de 2015, mas a comemoração, composta por diversos eventos e projetos, começa bem antes daquela data, mais exatamente no dia 26 de janeiro, próxima segunda-feira, na reabertura dos trabalhos do órgão, quando será feito o lançamento da programação dos atos que irão marcar a celebração do Centenário. O presidente do TCE, Inaldo da Paixão Araújo Santos, observa que o mais importante a ressaltar na data histórica é que o TCE-BA chega aos 100 anos em permanente trabalho de inovação e modernização de seus métodos e da busca cada vez maior pela transparência e rapidez em seus julgamentos.

 

“Além disso, e não menos importante, é preciso destacar o estreitamento das relações com a sociedade e a conquista de avanços nos trabalhos auditoriais por meio da qualificação permanente dos servidores e da modernização tecnológica”, acrescenta o conselheiro presidente. Na ampliação dos seus contatos diretos com a comunidade, o TCE-BA tem procurado estimular a sociedade a fazer sua parte no controle social, de modo que os recursos públicos arrecadados pelo governo estadual, através de impostos, taxas e contribuições, cumpram cada vez mais a sua função social.

 

E, como faz questão de salientar o presidente da instituição, trata-se de um momento rico e de grande relevância, tanto para os Tribunais quanto para a sociedade, “haja vista que, durante décadas, as Cortes de Contas do País se mantiveram como instituições blindadas, sem ‘dialogar’ com a sociedade”.

Read the rest of this entry »

Católicos comemoram cem anos da Diocese de Ilhéus

Catedral de Ilhéus: um simbolo da cidade

Até o próximo domingo(20) católicos de Ilhéus estarão comemorando o primeiro centenário da diocese. As comemorações alusivas a data começam nesta segunda-feira (14), às 19 horas  com a abertura de uma exposição sobre das obras sociais da diocese na catedral São Sebastião e terça-feira(15), jubileu dos grupos, também, na catedral, às 18 horas.

O bispo, Dom Mauro Montagnoli está convidando a todos que queiram participar de uma carreata, na quarta-feira(16), às 17 horas, com concentração e saída em frente ao Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, na Avenida Soares Lopes. Para quinta-feira(17), adoração do Santíssimo Sacramento a partir das 8 horas, na catedral, com atendimento de confissões até 12 horas e celebração eucarística no encerramento. Ainda na Catedral, ás 19 horas, está previsto o lançamento do livro “Diocese de Ilhéus: 100 anos de História”, organizado pela professora/Dra, Janete Ruiz Macedo, do Centro de Documentação e memória regional da Universidade Estadual de Sant Cruz e editado pela Editus-Editora da UESC.

Para o domingo(20), data da comemoração do cem anos de criação da Diocese a programação  começa as 08 horas, com acolhida das caravanas em frente ao Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, na Avenida Soares Lopes; às 9 horas caminhada saindo do centro de convenções em direção a catedral; às 11 horas, adoração e benção do Santíssimo; às 13 horas show com os Cantores de Deus, na avenida Soares Lopes. Ás 15 horas, missa com a presença do bispo primaz do Brasil, da arquidiocese de São Salvador, Dom Murilo Krieger.

 

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2022
D S T Q Q S S
« jun    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31