hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Telebahia, exemplo de dedicação na reciclagem em Itabuna

Por Joselito Reis

 Não importando a condição do tempo, faça sol ou chuva, no Alto da Conquista em Itabuna, bairro Maria Pinheiro, na Travessa Central, o lixo é transformado em fonte de renda. É lá que trabalha o dedicado reciclador e homem simples, Sebastião de Jesus Rodrigues, mais conhecido como “Telebahia”, também, exemplo de homem para as universidades.

Com 20 anos residindo neste local, ele realiza o trabalho de reciclagem, uma vocação desde a sua infância, segundo ele, passada de pai para filho, pois seu pai já trabalhava com ferro velho, conhecido como “Felix do Ferro Velho”. Morador da rua São Francisco, bairro de Fátima, Félix Rodrigues hoje tem 63 anos e reside no Bairro do Malhado, em Ilhéus.

telebahia A história de “Telebahia” é muito parecida com a de outros moradores de baixa renda de Itabuna e região. Por não ter concluído os estudos, desde menino sempre trabalhou para ajudar no sustento de sua família, um drama de milhares de cidadãos no Brasil. Depois de encarar diversas dificuldades e se aventurar em outros trabalhos, como serviços gerais na Prefeitura de Itabuna, “Telebahia” identificou a necessidade de limpar o meio ambiente e ao mesmo tempo ganhar dinheiro de forma honesta.

E assim ele resolveu ser reciclador. Se apaixonou pela profissão e, hoje, realiza a transformação do lixo em material reciclável. A partir daí a coleta seletiva virou sua missão de vida, contribuindo, também, com a retirada de resíduos do meio ambiente. Os governos municipais, estaduais e federal bem que deveriam pensar e dar incentivos, abraçando a causa destes guerreiros.

Muitos deles vivem no anonimato, o que não deveria acontecer porque eles prestam um serviço de grande importância limpando o meio ambiente e, consequentemente, colaborando com a saúde pública.  Com a palavra os nossos vereadores, prefeitos e deputados: “Muitos amigos me perguntam por que eu não tenho um trabalho formal, com carteira assinada. O motivo é simples: reciclagem é o que eu amo fazer”, disse Telebahia.

Tudo se reaproveita

No seu local de trabalho, papelões, plásticos (garrafas PET), vidros, alumínio, zinco, geladeira, televisão, fogões velhos, micro-ondas, ventiladores, computadores, baterias, latinhas, garrafas, tudo tem o seu destino, cada um em seu devido lugar.

O resultado da venda desses produtos garante não só o seu sustento, como também reforça o orgulho de colaborar com a limpeza do meio ambiente. “Telebahia” aproveita para alertar a população para começar a separar os produtos em casa, “pois isso facilita a reciclagem do lixo, tanto para o gari como para o reciclador, evitando acidentes, como por exemplo, corte nas mãos ou nos pés, principalmente”.

O material depois da coleta seletiva é repassado pelo reciclador Telebahia para terceiros que dão o destino final aos produtos. “Por Itabuna ainda não contar com uma Cooperativa de Recicladores, ainda temos que repassar para os atravessadores”, disse com muita revolta e tristeza.

Você que tem esses produtos, ou seja, material reciclável e não usa mais, entre em contato pelo número 73 98861-6881, e fale com “Telebahia”. Ele recolhe o material em domicílio. “Reciclar: é cidade limpa e povo limpo”.

 

PM lança Ronda Universitária

A Polícia Militar da Bahia lança nesta quarta-feira (21), às 16h30, na frente do Quartel do Comando Geral, no Largo dos Aflitos, a Ronda Universitária, uma operação extraordinária que irá reforçar as ações ostensivas no entorno das faculdades da capital baiana, oferecendo mais segurança aos estudantes universitários.

A Ronda Universitária contará com 50 policiais militares por dia, 24 motocicletas, duas viaturas e uma base móvel para intensificar o policiamento que já é feito pelas Companhias Independentes nos bairros com concentração de faculdades, a exemplo do Centro, Cidade Baixa, Canela, Patamares, Federação, Stiep, Rio Vermelho, entre outras.

Academia ao ar livre chegará aos bairros de Itabuna

academO Projeto Academia ao Ar Livre começou com a reforma total dos equipamentos na Avenida Beira Rio, junto ao módulo policial do bairro Conceição, que estão em funcionamento atendendo a idosos e pessoas da comunidade.  O programa, que está sendo executado através de uma parceria entre a Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) e a Secretaria de Administração, prevê a instalação de 17 unidades nos diversos bairros, com foco na difusão da prática esportiva como fator de promoção de saúde.

O secretário de Administração, Dinailson Oliveira, destaca que o projeto tem o aval do prefeito Fernando Gomes e prevê a instalação de unidades similares nas avenidas Henrique Alves e na Fernando Cordier, devendo chegar gradualmente aos diversos bairros da cidade nas áreas de maior densidade populacional, a partir de uma série de tomadas de preço. Ele destaca o alcance social do projeto que está sendo coordenado pelo professor de educação física Paulo Roberto Rezende e pelo ex-atleta João Rocha.

Audiência pública debate importância de cursos Técnicos de Agroecologia e Meio Ambiente

galo 1A importância dos cursos técnicos de Agroecologia e Meio Ambiente no desenvolvimento territorial foi tema de uma audiência pública, de iniciativa da Frente Parlamentar Ambientalista da Bahiao Instituto Anísio Teixeira, em Salvador. Segundo informações apresentadas na atividade, os cursos técnicos de agroecologia estão distribuídos em 14 territórios e 26 municípios do Estado.

“Estamos formando milhares de técnicos em agroecologia e meio ambiente ao tempo em que discutimos a aprovação da Política Estadual de Agroecologia e Produção Orgânica, então precisamos articular o legislativo, as escolas de ensino profissionalizante e as diversas secretarias porque esses cursos têm um papel importante para o desenvolvimento territorial sustentável e para a produção de alimentos livres de veneno”, afirmou o deputado Marcelino Galo, que coordena a Frente Parlamentar Ambientalista na Assembleia Legislativa.

galo 2 “É muito importante essa integração da educação profissional com o Legislativo para que a gente estruture políticas públicas que viabilizem a produção agroecológica na Bahia”, disse Durval Libânio, superintendente de Educação Profissional e Tecnológica. “O território é um espaço de disputa. Esses cursos servem para que a classe trabalhadora ocupe espaços e determine ações que contribuam para o desenvolvimento local sustentável, no viés da agroecologia, principalmente para a população do campo”, afirmou Pedro Melo, secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Cruz das Almas.

Também participaram do evento Flavio Duarte, presidente da Associação Brasileira de Agroecologia, Leonardo Bichara, representante do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrário, José Antonio Lobo dos Santos, da Superintendência de Meio Ambiente e Infraestrutura da UFBA, Kitty de Queiroz, representando a SEMA e Joelson Ferreira, da Teia dos Povos.

Bahia é segundo estado em volume de investimentos entre janeiro e abril de 2017

image002A Bahia registrou no primeiro quadrimestre de 2017 o segundo maior volume de investimentos entre os estados em termos absolutos, com R$ 723 milhões destinados a obras e ações na capital e no interior, tendo ficado atrás apenas de São Paulo neste quesito. No que diz respeito à evolução do montante investido em comparação com igual período do ano passado, o governo baiano, com crescimento de 10,2%, superou o paulista, que registrou 7,6%. Os dados foram apresentados nesta terça-feira (20) pelo secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, durante audiência pública na Assembleia Legislativa.

Em 2016, o Estado já havia sido responsável pelo maior investimento do país como proporção da despesa, o que constitui um importante estímulo para a economia baiana no cenário atual. “A ampliação dos investimentos contribui para o enfrentamento da crise ao promover a geração de emprego e renda na capital e no interior”, lembrou Manoel Vitório.

O secretário enfatizou que a Bahia vem se mantendo em equilíbrio fiscal mesmo diante da recessão prolongada, o que assegura a capacidade para investir. Fruto da contenção de gastos e do esforço do fisco estadual para incrementar a arrecadação própria, o equilíbrio vem permitindo também que o Estado continue pagando rigorosamente em dia os salários dos servidores, honrando os compromissos com fornecedores e mantendo a dívida sob controle.

+| Leia a matéria completa »

Santa Casa de Itabuna recebe doações através de parceria com a UNIME

santa casaA Santa Casa de Misericórdia de Itabuna acaba de receber doações realizadas pela UNIME Itabuna a partir de uma parceria  na área de formação profissional. A Instituição de Ensino Superior entregou três computadores DELL e um completo Sistema de Chamada de Emergência Sincron/Salutem, este último, equipamentos e software que serão instalados no Hospital Manoel Novaes com objetivo de agilizar a comunicação entre pacientes internados e a equipe de enfermagem, auxiliando na agilidade e segurança da assistência prestada.

Atualmente, os hospitais da Santa Casa de Itabuna são campo de estágio curricular para uma média de 280 estudantes da UNIME a cada semestre, acadêmicos em formação nas áreas de Enfermagem, Psicologia, Fisioterapia e Farmácia. Toda formação profissional prática é definida na matriz curricular do curso e a atuação no estágio é realizada mediante acompanhamento obrigatório do supervisor de estágio e do profissional orientador.

Para a Coordenadora de Gestão de Pessoas da Santa Casa de Itabuna, Eneila Cerqueira, a parceria é positiva e com ganhos múltiplos. “Ganha a Unime e a Santa Casa, mas, principalmente, o graduando que tem no estágio a possibilidade de aprimorar suas competências, habilidades e atitudes, melhor se preparando para o mercado de trabalho e, por vezes, sendo absorvido pela própria instituição”, declarou Eneila.

Municípios do Sul da Bahia participam da Oficina de Credenciamento no Siater

japu 1A Secretaria de Desenvolvimento Rural do Governo da Bahia, realizou através da Setaf/Bahiater, com o apoio da Amurc e da Cooperast, uma oficina de credenciamento no Sistema Informatizado de Assistência Técnica Rural, o Siater. O encontro contou com a participação das equipes de secretariais muncipais de agricultura de municípios sulbaianos, acompanhadas pelos secretários Telma Elizia, Lucas Costa e Beto Matos.

De acordo com o coordenador da Bahiater,  Marcos Souza, os representantes municipais foram orientados a se credenciarem no Siater, sendo um pré requisito importante para ter acesso a vários  convênios. A oficina foi ministrada pelo engenheiro agrônomo Jorge Buera, da Cooperast. O vice prefeito Baratão, representante do município de Floresta Azul esteve na atividade e destacou que “fortalecer a agricultura é de suma importância, para aquecer a  economia e a gerar de emprego e renda. Estão de parabéns o Secretário Jerônimo Rodrigues e o governador Rui Costa pelo compromisso com a agricultura familiar da Bahia”.

O presidente da Associação de Prefeitos, Amurc,  Antônio de Anízio, prefeito de Itacaré, disse que a instituição está sempre de portas abertas e disponível às atividades em parceria com o Governo do Estado da Bahia, “com o objetivo de facilitar o acesso da agricultura familiar às políticas públicas”.

 

devogados

Inaugurado por Rui, novo viaduto na Avenida Paralela é liberado para tráfego

via 3

O primeiro dos três viadutos das obras complementares do metrô, na Avenida Paralela, está pronto e foi liberado para o tráfego de veículos, nesta terça-feira (20), com a presença do governador Rui Costa. Localizado na altura da loja Ferreira Costa, no sentido aeroporto, e na altura do Instituto Anísio Teixeira (IAT), no sentido Centro, o elevado vai substituir o retorno feito, anteriormente, no nível da Paralela, dando mais fluidez ao trânsito, reduzindo os congestionamentos, principalmente, em horários de pico, e oferecendo mais segurança para o motorista que trafega pela região. Nos próximos meses, serão entregues os outros dois viadutos que fazem parte do pacote de intervenções em mobilidade realizado pelo Governo do Estado, complementando o sistema metroviário da capital.

via 1Antes da abertura do viaduto para o tráfego de veículos, Rui Costa falou sobre os investimentos realizados pelo Governo, com importantes mudanças na mobilidade urbana de Salvador. “Aqui é um investimento de R$ 21 milhões. Os três viadutos, juntos, somam R$ 60 milhões. Isso, além de viabilizar a obra do metrô, traz mais segurança à população, que terá mais conforto e, principalmente, mais segurança no trânsito. As melhorias e as transformações continuam na cidade. O próximo viaduto será entregue em julho. O metrô também segue avançando, com a conclusão e inauguração da Estação Mussurunga já em setembro”, revelou o governador.

Viaduto

via 4O viaduto entregue nesta terça possui quatrocentos metros de extensão, com duas faixas de tráfego, calçada para pedestres, iluminação pública e sinalização. Os motoristas poderão contar com um outro viaduto situado nas imediações do bairro de Alphaville, que deve ficar pronto em julho, e um terceiro, em construção na Avenida Caribé, próximo ao acesso para Stella Maris. As obras estão sob responsabilidade da concessionária CCR, que administra e o metrô e somam, juntas, R$ 60 milhões em investimentos para melhorar a vida dos baianos.

Esses três viadutos se integram a outras intervenções de mobilidade urbana que já estão em funcionamento, como os viadutos que formam o Complexo Viário Imbuí-Narandiba e aquele que liga a Orlando Gomes à futura 29 de Março, além do projeto túnel em construção que ligará as avenidas Pinto de Aguiar e Gal Costa. Juntas, essas obras vão possibilitar que a Avenida Paralela funcione como uma via expressa, ligando o centro ao aeroporto e região metropolitana, além de passar por ligações importantes que dão acesso à orla e ao Subúrbio de Salvador.

Sistema metroviário

via 2Depois de iniciar o funcionamento de quatro novas estações da Linha 2, em maio deste ano, com Pernambués, Imbuí, CAB e Pituaçu, o metrô de Salvador continua avançando até o final de 2017, chegando até o aeroporto. E as mudanças não param nas estações e nos viadutos. Em setembro, ficará pronto o Terminal de Integração Pituaçu, com capacidade para receber 140 ônibus, por hora, viadutos de acesso e estacionamento. Tudo para permitir que o baiano gaste menos, andando com mais facilidade pela cidade. Já são mais de 300 linhas de ônibus metropolitanos e urbanos integradas, nas quais o passageiro paga apenas um bilhete, através do Metropasse, SalvadorCard e com o cartão de integração da CCR Metrô, e pode utilizar os dois modais. (Fotos: Mateus Pereira/GOVBA)

 

Governo recupera BA 680 em Potiraguá

poti

O governo baiano vai investir R$ 27,18 milhões para recuperar 58 quilômetros da rodovia BA-680, no trecho entre o entroncamento da BA-270, em Potiraguá, até a BR-101.
A ordem de serviço foi assinada pelo governador Rui Costa. No momento, está sendo realizada uma operação tapa-buracos nos pontos mais críticos da rodovia.
A obra vai beneficiar mais de 100 mil habitantes dos municípios de Itarantim, Potiraguá, Macarani, Maiquinique e Itapetinga, além de várias cidades da região sudoeste, pois o trecho que está em recuperação se trata de rota de turismo para as principais praias da Costa do Descobrimento da Bahia.

Caixa corta crédito imobiliário dos mais pobres

caixaA Caixa Econômica Federal suspendeu novamente as contratações de novas operações da linha de crédito Pró-Cotista, que destina recursos para a aquisição de imóveis com juros menores a pessoas que têm conta vinculada ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Segundo o banco, a suspensão foi “em razão do comprometimento total do orçamento disponibilizado pelo Conselho Curador do FGTS para o exercício de 2017”.

O financiamento já havia sido suspenso em maio, também por falta de recursos, mas o Ministério das Cidades remanejou R$ 2,54 bilhões para a linha e os empréstimos foram retomados.

A linha Pró-Cotista pode ser contratada por trabalhadores com pelo menos 36 meses de vínculo com o FGTS. Também é preciso ter saldo na conta do FGTS de pelo menos 10% do valor do imóvel e estar trabalhando. A taxa de juros é de 8,66% ao ano. (da Agência Brasil)

Bahia sedia 1ª Feira de Soluções para a Saúde e Seminário Internacional da Unicef

 

Salvador sedia, entre os dias 8 e 10 de agosto, a 1ª edição da Feira de Soluções para a Saúde, onde serão apresentados produtos e serviços voltados para o combate, prevenção, diagnóstico e tratamento da Zika, Dengue e Chikungunya. A Bahia foi escolhida por concentrar experiências exitosas, a exemplo dos testes rápidos para diagnóstico das três doenças, que são produzidos e distribuídos pela Bahiafarma para todo o Brasil, permitindo o diagnóstico em até 20 minutos. Nos dois primeiros dias do evento, a programação contempla também o Seminário Internacional da resposta brasileira ao Zika vírus, organizado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e parceiros.

SONY DSCA Feira de Soluções para a Saúde é o primeiro evento do País desse gênero e será realizado no Senai-Cimatec, no bairro de Piatã, com a expectativa de reunir um público de 800 participantes por dia, com destaque para pesquisadores nacionais e internacionais, laboratórios, representantes de organizações sociais, além de gestores governamentais e sociedade civil. A iniciativa é resultado da parceria entre a Fiocruz Brasília, o Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde da Fiocruz Bahia (Cidacs), a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) e a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), por meio do Senai-Cimatec. Para os interessados em compartilhar seus projetos ou simplesmente participar dos debates e conhecer as experiências exitosas, basta se cadastrar gratuitamente no site do evento.

Também estarão presentes no evento representantes de diferentes instituições, como a Universidade de Brasília (UnB), o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da Primeira Região (Crefito1), o Conselho Nacional das Secretarias Municipais da Saúde (Conasems), o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o Fundo das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres (Onu Mulheres), o Fundo de População das Nações Unidas (Unfpa), , a Rede Nacional de Especialistas em Zika e Doenças Correlatas (Renezika), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai/Cimatec) e Sistema Fieb o e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), este último, realizando um seminário internacional sobre a Zika.

+| Leia a matéria completa »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
junho 2017
D S T Q Q S S
« mai    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930