hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Parceria vai fomentar sustentabilidade na produção de cacau

cacau(SF Agro)- O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) deverá firmar, até o final do ano, convênio com a Word Cocoa Foundation (WCF) para desenvolver ações para garantir a sustentabilidade na cacauicultura brasileira. As negociações foram iniciadas durante reunião entre representantes do Mapa, da WCF e da cadeia produtiva, na Secretaria Executiva do ministério.   De acordo com o coordenador-geral de Desenvolvimento Institucional do Mapa, Jair Oliveira, o projeto idealizado para o Brasil é baseado no sucesso do programa já implantado na África. Ele é viabilizado pelo Cocoa Action, órgão da WCF que alinha as empresas mundiais de chocolate com governos e setores interessados na sustentabilidade do cacau.

Segundo comunicado do Mapa, a World Cocoa Foundation tem suas ações voltadas às parcerias público-privadas, ao aprendizado conjunto e compartilhamento de conhecimento que visa à mudança da cadeia produtiva do cacau, considerando a sustentabilidade. “O interessa da WCF em firmar parcerias com o Brasil deve-se ao potencial da cultura, além da importância que o atual governo dispensa ao cacau por meio da Ceplac [Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira]”, disse o consultor da instituição, Pedro Ronca.

Ele afirmou o reconhecimento internacional da Ceplac pelos serviços prestados à cacauicultura. A Ceplac tem o maior banco de germoplasma do mundo e importante experiência em pesquisa. Segundo ele, o plano de reestruturação da Ceplac deverá trazer grandes benefícios ao setor.   Na avaliação do diretor da Ceplac, Juvenal Maynart, parceria é de fundamental importância para organização do sistema de produção com sustentabilidade socioeconômica e ambiental. Adiantou também que a Ceplac promoverá pesquisa para definir as necessidades da cadeia produtiva e que a assistência técnica terá o envolvimento de todos os agentes da cacauicultura.

Irmãs Auxiliadoras entregam doações a pacientes SUS da Santa Casa

Doações no Hospitais Manoel NovaesAs Irmãs Auxiliadoras da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna  realizaram uma série de doações para os Hospitais da instituição, fruto do recurso arrecadado em 2016. Ao todo foram R$42.500,00 com a prerrogativa de atender a pacientes SUS das Unidades.

No Hospital Manoel Novaes foram recebidos 19 bercinhos de acrílico. No Hospital São Lucas foram entregues um aparelho de eletrocardiograma (ECG), uma geladeira, um fogão industrial e utensílios para o setor de Nutrição. No Hospital Calixto Midlej Filho foram recebidos 600 lençóis.

As doações somente foram possíveis através da solidariedade da população que, em 2016, participou dos eventos promovidos pelas Irmãs Auxiliadoras. Destaque para o Brechó Solidário, o Chocolate Musical, o Bazar das Auxiliadoras e Bazar Solidário da M MARTAM.

O Grupo de Irmãs Auxiliadoras é composto por aproximadamente 60 mulheres abnegadas que realizam trabalho de evangelização junto à Pastoral da Saúde, e atuam para as obras sociais da instituição.

Temporada das baleias aquece turismo em diversas regiões do litoral baiano

baleiaA Bahia é o estado com maior número de destinos para a observação das baleias jubarte, que proporcionam anualmente, de julho a novembro, um belo espetáculo de acrobacia. Por suas águas tranquilas, o litoral baiano é escolhido como o local de permanência desses mamíferos, que chegam para acasalar e amamentar os filhotes.

Situada no Extremo Sul da Bahia, entre o mar e as terras cobertas pela Mata Atlântica, a Costa das Baleias abriga tesouro de belezas naturais como o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, considerado o maior berçário reprodutivo das baleias em todo o Atlântico Sul Ocidental. A maneira mais fácil de chegar ao local é por meio da cidade de Caravelas.

O parque figura como um dos principais pontos de permanência das baleias, ao lado de municípios como Prado, Itacaré, Porto Seguro e localidades como Barra Grande, Morro de São Paulo, Boipeba e Praia do Forte, sendo o turismo de observação dos animais, o whatewatching, uma das alternativas de geração de renda para a população do litoral baiano.

“Os mamíferos gigantes são uma maravilha da natureza. Baianos e turistas não devem deixar de ver de perto esse espetáculo deslumbrante”, afirma o superintendente da Bahiatursa, Diogo Medrado. “Um dos melhores momentos acontece durante os passeios de barco, quando os visitantes se encantam com a presença das baleias que se aproximam”.

Costa das Baleias

Conhecidas também como baleias-cantoras ou baleias-corcundas, elas fogem do inverno rigoroso e do gelo da Antártida e migram à procura das águas mornas do litoral baiano. Elas saltam e batem a cauda nas águas, proporcionando aos observadores uma experiência única e inesquecível.

Por apresentar maior incidência desses gigantes do mar, a região que compreende os municípios de Alcobaça, Nova Viçosa, Mucuri, Itamaraju, Itanhém, Mucuri e Teixeira de Freitas, além de Prado e Caravelas, no Extremo Sul baiano, ganhou o nome de Costa das Baleias. Durante a temporada, diversas empresas realizam passeios para os que desejam acompanhar de perto a aventura dos mamíferos.

A jubarte adulta pesa cerca de 40 toneladas e chega a medir até 16 metros. Já o filhote tem quatro metros e 1,5 tonelada. Presente em todos os oceanos, o mamífero, que se alimenta de krill (camarão minúsculo), tem expectativa de vida de 60 anos. A gestação das fêmeas dura cerca de 11 meses.

+| Leia a matéria completa »

lula na bahia

Médico aplica golpe de R$ 2 milhões em Barreiras

Um médico plantonista do Centro de Atenção Psicossocial (Caps), de Araci, município distante 217 quilômetros de Salvador, foi preso, na segunda-feira (14), acusado de ter dado um prejuízo de mais de R$ 2 milhões em Barreiras e região, com o golpe da “Compra Premiada”. O anúncio foi feito, nesta quarta-feira (16), pelo delegado Rivaldo Luz, coordenador da 11ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Barreiras).

O clínico geral Edson Teotônio de Moura Luz criou uma empresa de consórcios de motocicletas, em Barreira, com atuação nos municípios do entorno, que trazia uma atração a mais, se comparado com outros consórcios: o cliente, de acordo com o regulamento, deixava de pagar as prestações restantes quando fosse sorteado, independente da quantidade de meses que ainda deveriam ser pagas.

Um mandado de prisão preventiva, solicitado pela Coorpim/Barreiras, e deferido nesta semana, pela Vara Criminal da Comarca, foi cumprido com o apoio de policiais da 15ª Coorpin, de Serrinha, na própria clínica em que o médico fazia plantão.

Custodiado na unidade de Serrinha, o doutor Edson Teotônio seria recambiado hoje para Barreiras, onde prestará depoimento, explicando, exatamente, como funcionava o esquema. O delgado Rivaldo Luz disse que as investigações continuam para identificar e localizar outros integrantes do consórcio.

Projetos do Governo do Estado vencem concurso nacional de gestão e inovação

Dois projetos do Governo do Estado venceram o 21º Concurso Inovação da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), considerado o prêmio mais relevante do país na categoria de inovação no setor público. A Secretaria da Administração (Saeb) foi vencedora com o software ‘Banco de Preços’ e a Procuradoria Geral do Estado da Bahia (PGE) com o projeto ‘Resolução de Demandas Repetitivas – Paz Judicial’.

Foram dez finalistas na categoria “estados”, que premiou cinco projetos. Entre estes estão as duas iniciativas baianas. A cerimônia de premiação ocorrerá durante a III Semana de Inovação, no dia 17 de outubro, na Enap, em Brasília.

O programa implantado pela Saeb reúne os preços das notas fiscais eletrônicas de todo país, emitidas por empresas privadas, órgãos públicos e pessoas físicas para estabelecer o preço referencial das licitações. O software ajuda a reduzir os valores das compras públicas em cerca de 10%, por se basear em preços reais, praticados pelo mercado, oriundos do banco de dados de notas ficais de todo país.

+| Leia a matéria completa »

Oficina de dança integra escola e comunidade e dá início ao projeto Escolas Culturais em Itabuna

dança escolas culturais 1

A realização de uma oficina de dança marca o início das atividades do projeto Escolas Culturais no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna, no Sul da Bahia. O projeto integra o programa Educar para Transformar e tem como objetivo promover o protagonismo estudantil, além de reconhecer e requalificar a escola como um espaço de circulação e produção da diversidade cultural do Território de Identidade onde está inserida. O Colégio Modelo de Itabuna foi a primeira unidade da rede estadual a ter o projeto implantado.

dança escolas culturais 14A oficina, que reúne cerca de 200 pessoas entre estudantes e membros da comunidade, é dirigida por Francine Costa, da Secretaria de Educação do Estado e coordenadora de dança do projeto. “Trabalhar a arte-educação é trabalhar a relação professor-aluno, as relações de afeto, o fortalecimento do protagonismo juvenil, fazer com que o estudante acredite que é possível ser um agente transformador da sociedade”, afirma Francine. Para ela, “educar para transformar é entender e estimular o aluno para que ele promova a própria transformação”.

No Colégio Modelo de Itabuna, além da dança, já estão programadas as oficinas de literatura, audiovisual e música, além de rodas de conversa sobre cultura e apresentações de filmes para a comunidade, em sessões semanais do Cine Modelo. De acordo com a diretora do  colégio, Ednailza Miranda, o projeto contribui para a formação multidisciplinar dos estudantes através da arte. “Eles irão mergulhar na cultura em suas várias expressões, contribuindo para transformar a comunidade em que estão inseridos. Estamos formando não apenas alunos, mas principalmente cidadãos”.

liane e gleidson escolas culturais 13Novos horizontes – Entre os estudantes, o entusiasmo é muito grande para a realização de projetos culturais.  Gleidson Lucas, do 3º ano do Ensino Médio, afirma que o colégio está inovando, trazendo mais cultura e motivando ainda mais a comunidade. “A dança é uma expressão que abre novos horizontes, inclusive na profissão que escolhi, que é Relações Internacionais, porque estimula o multiculturalismo”. A estudante Liane Araújo, também do 3º ano do Ensino Médio, está igualmente empolgada com a oficina. “A dança já faz parte da minha vida e o projeto faz com que os próprios alunos e a comunidade passem a ver a escola com outros olhos”, afirma.

A oficina de dança será encerrada no sábado (19), com uma gincana cultural envolvendo grupos de dança da comunidade e os estudantes do Colégio Modelo. O projeto Escolas Culturais  é executado em parceria entre a Secretaria da Educação do Estado com as Secretarias de Cultura (Secult) e da Justiça, Cidadania, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS).

As atividades envolvem as áreas de  dança, música, audiovisual e literatura e, além de Itabuna, que é a  cidade pioneira, outras 85 unidades escolares de 66 municípios baianos serão atendidas, com  ações de requalificação e aquisição de novos equipamentos  para projeção de audiovisual,  apresentações artísticas e internet banda larga para o desenvolvimento de programas de rádio  e ações de estímulo ao  empreendedorismo.

Comissão de Agricultura aprova sessões itinerantes para discutir cadeias produtivas da agropecuária baiana

COMISSÃO AGRICULTURAA Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa da Bahia, presidida pelo deputado estadual Eduardo Salles, aprovou, por unanimidade, nesta terça-feira (15), a proposta do parlamentar para discutir, em sessões itinerantes, as cadeias produtivas da agropecuária baiana.  O objetivo é promover um debate sobre as dificuldades de cada atividade e buscar ações estruturantes que garantam a geração de emprego e renda.

“Sabemos que as diversas cadeias produtivas na Bahia passam por momentos difíceis, seja pela questão da comercialização, seca ou outros agravantes. Por isso, precisamos entender quais seus gargalos para buscarmos, nos governos estadual e federal, ações que sustentem essas atividades”, disse Eduardo Salles.

Em consenso entre os deputados Fábio Souto, Pedro Tavares e Eduardo Salles, ficou definido que o cacau será a primeira cadeia a ser discutida, em Ilhéus, no dia 28 de setembro. Os parlamentares, Heber Santana e Antônio Henrique, também presentes na Comissão, sugeriram outras cadeias importantes que serão discutidas até o final do ano.
A proposta é levar essas discussões, de forma itinerante, para regiões ligadas às cadeias produtivas do cacau, sisal, grãos e algodão, mandiocultura, pecuária de corte e leite, caprinovinocultura, fruticultura, café, apicultura, suinocultura, avicultura, horticultura, além do dendê, borracha, guaraná e fumo. As sessões serão realizadas sempre na última quinta-feira do mês.
“Iniciaremos pela cadeia do cacau, que passa por um momento muito difícil.  Por isso, todos os deputados que compõem essa Comissão estarão em Ilhéus para ouvir as demandas dos produtores, comerciantes e representantes da agroindustrialização”, explicou o parlamentar.

Programa de financiamento para Santas Casas vai a sanção presidencial

Pro-SantasCasas financeiamento itabunaApós aprovação no Congresso Nacional, o Projeto de Lei 7606, de autoria do Senador José Serra, também chamado de Pro-Santas Casas,  vai à sanção presidencial. O texto cria o Programa de Financiamento Preferencial às Instituições Filantrópicas e Sem Fins Lucrativos que participam de forma complementar do Sistema Único de Saúde (SUS).

Em Brasília para participar do 27º Congresso Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, o provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Dr. Eric Ettinger de Menezes Júnior, comemorou a aprovação. “Este é um justo reconhecimento ao seguimento filantrópico, abrindo a possibilidade de novo fôlego para a gestão financeira dos hospitais”, declarou Dr. Eric. Também participam do evento na capital federal o tesoureiro da Provedoria, Peter Deviris Lemos e o Diretor Administrativo Financeiro, André Fernando Wermann.

Ainda sobre a nova Lei aprovada, as instituições filantrópicas terão crédito mais barato por meio de empréstimos concedidos por bancos oficiais, com juros subsidiados pelo governo. É o mesmo que acontece hoje com alguns setores da economia, como a Agricultura e Habitação. O texto define o limite de crédito proporcional a 12 meses de faturamento dos serviços prestados ao SUS ou ao valor da dívida das instituições com operações financeiras, optando-se sempre pelo menor montante. Hospitais e Santas Casas passam assim a ter linhas de crédito específicas com encargos financeiros máximos de 1,2% ao ano.

Rui inaugura sistema de abastecimento de água em Cândido Sales

candido 3

O governador Rui Costa inaugurou mais um Sistema de Abastecimento de Água no interior do estado, desta vez no município de Cândido Sales, na região centro sul. Entregue nesta quarta-feira (16), a obra beneficia os distritos de Quaraçu, Lagoa do Timóteo e Lagoa Grande, levando água tratada para mais de dez mil moradores. O investimento foi de R$ 15,5 milhões. “Quero agradecer a parceria da Funasa e à Dilma Rousseff, que assinou essa obra em 2014. São mais de 100 quilômetros de tubulação, uma distância maior do que daqui [Cândido Sales] até Vitória da Conquista, para abastecer essas localidades”, destacou Rui.

candido 2A execução das obras ficou sob responsabilidade da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Foram implantados três reservatórios, quatro estações elevatórias de água tratada e mais de 43 mil metros de rede de distribuição, além de 2.207 ligações domiciliares. “É uma obra muito importante para o município, por atender boa parte da comunidade rural, que tem sofrido bastante com esse momento de estiagem”, afirmou o presidente da Embasa, Rogério Cedraz.

Em atenção às demandas da população, o governador Rui Costa anunciou ainda a complementação do abastecimento de água em outras localidades da cidade. “Já autorizamos a complementação para abastecer as comunidades de Barra do Furado, Possidônio e Porto de Santa Cruz. Investiremos R$ 780 mil. A Embasa já está levantando os valores para atender também a comunidade da Estiva”, adiantou.

candido 1

Apoio 

Na rua do Mercado Municipal, no centro de Cândido Sales, Rui assistiu a apresentações de música e dança preparadas por grupos de jovens da cidade e anunciou apoio às reformas do Estádio Ararão e da creche municipal.

Pesquisador da UESC vê possibilidade de fabricação de pneus a partir da fibra de coco

por Jonildo Glória

coco 1A tecnologia desenvolvida na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), no Laboratório de Polímeros e Sistemas (LAPOS), revelou uma excelente utilização da casca do coco-da-bahia. A pesquisa direciona para o uso de fibras vegetais de coco na formação de materiais compósitos, o que equivale  dizer que é possível fazer pneu rodoviário composto com material natural e biodegradável, com propriedades maiores que 500% comparando-se com os materiais atuais.

coco 2Esse caminho inovador está sendo percorrido pelo professor Dr. Celso Carlino Maria Fornari Junior, do Departamento de Ciências Exatas e Tecnológicas (DCET), da Universidade. As pesquisas iniciadas em 2010 vinham sendo desenvolvidas em sigilo, demonstram que a cadeia polimérica da celulose da fibra do coco, pode formar quimicamente uma ligação estável com as macromoléculas de borracha. Desta forma, a fibra de coco, tratada e acondicionada, pode substituir produtos de altíssimo valor agregado na construção de materiais tecnológicos.

“A fibra da casca do coco pode substituir o negro de fumo (carbono em dispersão muito fina, obtido por combustão incompleta de gás natural “do petróleo”. Muito empregado na indústria, principalmente da borracha, como carga reforçadora e como pigmento preto), o qual é amplamente aplicado nos mais diferentes produtos entre eles pneus de automóvel, caminhão e aviões. Além disso, a importância do negro de fumo na engenharia de materiais é tão significativa que o seu valor é cotado em dólar, atingindo entre US$ 1,05 a 1,50 por quilo do produto. Isso significa dizer, em outras palavras, que a fibra de coco pode atingir valores em reais em torno de aproximadamente R$ 4 mil a tonelada,” assinala o professor Fornari.

+| Leia a matéria completa »

Estado amplia acesso à bolsa permanência para professores prestes a se aposentar

Os professores que possuem os requisitos para a aposentaria, mas que desejam permanecer em atividade, podem requerer, a qualquer tempo, o benefício da Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe, implementada pela Lei n° 13.595/2016. A medida é baseada em portaria publicada pela Secretaria da Educação, no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (16). Aqueles que optarem pela bolsa e decidirem continuar lecionando recebem valores de R$ 800, para carga horária de 20h, e de R$ 1.600, para 40 horas. A vigência do recebimento da bolsa é a partir da data da publicação do ato de concessão.

“A Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe é uma iniciativa que reflete os esforços empreendidos pelo Governo do Estado para melhorar a educação pública. Afinal, estamos tratando de professores com larga experiência, profissionais que dedicaram suas vidas à escola e que, portanto, podem optar em continuar contribuindo com a educação e com a formação dos nossos estudantes”, comentou o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

Dentre os requisitos para ser beneficiado, o professor precisa ter completado as exigências para a aposentadoria voluntária nos termos da Lei nº 11.357/2009; estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe. A Bolsa de Estímulo à Permanência será paga pela Secretaria da Educação do Estado mensalmente e, exclusivamente, durante o ano letivo, e serão levadas em consideração áreas do conhecimento em que haja carência de docentes na rede estadual.

Os professores poderão dar entrada na solicitação do benefício se dirigindo ao SAC Educação, em Salvador e Feira de Santana, ou no Núcleo Territorial de Educação (NTE) vinculado à sua escola. Na etapa seguinte, o setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos para a publicação dos contemplados, por meio do Diário Oficial do Estado.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
agosto 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031