hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

ILHÉUS: HOMEM MATA AVÓS PARA ROUBAR R$ 50 E COMPRAR CRACK

Um casal de idosos foi assassinado a facadas dentro de casa na madrugada deste sábado (2), em Ilhéus, sul do estado, segundo o G1. O suspeito é o neto das vítimas, um homem de 31 anos, de acordo com informações do delegado local Fábio Simões. O homem confessou o crime durante depoimento à polícia e alegou ter esfaqueado os avós por não ter recebido dinheiro para comprar drogas.

Ele está preso na 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior em Ilhéus. O crime foi cometido na residência dos idosos, a mesma onde o rapaz morava. Segundo o delegado, ele atingiu a avó com cerca de 11 golpes de faca. Antes de deixar o apartamento, ele pegou uma bermuda e a quantia de R$ 50. Os vizinhos ouviram os gritos dos idosos e acionaram a polícia. Não houve tempo suficiente para socorrer as vítimas.

BARRO PRETO FECHA SÉRIE DE SEIS AUDIENCIAS PÚBLICAS DO PORTO SUL

Está sendo realizada neste sábado (2), em Barro Preto,  a ultima das seis audiências públicas promovidas pelo Ibama e Governo da Bahia para apresentação do relatório de impacto ambiental e do projeto do Porto Sul. Durante a semana, foram promovidas audiências em Uruçuca, Itacaré, Itabuna, Coaraci e Itajuipe. Ao todo, os seis encontros reuniram 4.600  pessoas, que somando-se à audiência realizada em outubro de 2011 em Ilhéus, chega-se a um total de 8.400  inscritos.

“Esse nível de participação demonstra o envolvimento da comunidade e a transparência com que o Governo da Bahia está conduzindo todo o processo de implantação do Porto Sul, com o máximo respeito à questão ambiental e às pessoas inseridas na área do empreendimento”, afirma Eracy Lafuente, coordenador de infra-estrutura da Casa Civil do Governo da Bahia.

O Governo da Bahia e a Bahia Mineração, parceira no empreendimento, iniciarão as obras após a concessão da licença ambiental pelo Ibama.

ALAMBIQUE FAZ IMORTALCOOLIZAÇÃO NO JAZZ BOLACHA

Em meio ao tour de force das seis audiências publicas do Porto Sul, este blogueiro, na condição de presidente vitalício, imortalício e ditatorialício da Academia de Lertras, Artes, Música, Birita, Inutilidades, Quimeras, Utopias, Etc., a já gloriosa ALAMBIQUE, encontrou tempo para agregar dois novos imortais.

Flávio Oliveira, com Ivo Bolacheiro e Daniel Thame: a imortalidade bate à porta...

Foram devidamente imortalcoolizados com um copo da ´marvada´ os jornalistas Flávio Oliveira e Angélica Parras, de Salvador. O ágape aconteceu no Jazz Bolacha, um autentico boteco das antigas, sob as bênçãos de Ivo Bolacheiro, espécie de Caboclo Alencar de Coaraci.

Angelica Parra, imortal sob as bençãos da ´marvada´

O Jazz Bolacha, com quase meio século de vida, é ponto de encontro dos apreciadores de uma cachaça honesta, além de servir tira-gostos pra se comer de joelhos. É uma verdadeira instituição coaraciense e agora também alambiquense.

Itajuipe defende Porto Sul para reduzir dependência de empregos no setor público

Itajuipe, cidade de 23 mil habitantes no Sul da Bahia, sediou, nesta sexta-feira (dia 1º), a quinta das seis audiências públicas promovidas pelo Ibama e pelo Governo da Bahia  para a apresentação do relatório da impacto ambiental e do projeto Porto Sul. O encontro, realizado no Clube Kamoá, reuniu cerca de 400 pessoas, que puderam conhecer detalhes do empreendimento que terá um porto público e um terminal privativo, com investimentos de 3,4 bilhões.

O município, que já foi um dos maiores produtores de cacau do Estado, hoje depende dos empregos gerados pela prefeitura e por uma fábrica de calçados esportivos.  O prefeito do município Marcos Dantas  defendeu o empreendimento. Para ele, o porto e a ferrovia será um importante vetor de desenvolvimento regional.

“ O investimento traz uma nova perspectiva para a região do sul do estado”, ressaltou o prefeito. Ele solicitou a inclusão do município na área de influência direta do porto. A presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente, Sonia Maria Dias Ramos,  também defende  a inclusão da cidade como área de influencia direta e diz que o Porto Sul “é importante para que sejam criadas novas o oportunidades de geração de emprego e renda”.

“O Porto Sul vai significar um novo vetor de desenvolvimento para Itajuipe e a nossa região, evitando que os nossos jovens se formem e tenham que migrar para outras regiões”, afirma o administrador de empresas Alex Gonzaga.

Para a assistente de advocacia Haylley Mylley Almeida Lima, “as pessoas contrárias ao Porto Sul não estão levando em conta as necessidades da nossa região, que precisa atrair novos empreendimentos”. Mylley, que mora em Itajuipe e trabalha em Itabuna, diz que “a realização de cursos de capacitação vão qualificar as pessoas para as empresas que se instalarão nos municípios com a implantação do Porto Sul e da Ferrovia Oeste Leste”.

Hoje, Barro Preto fecha a série de seis encontros, coordenados pelo Ibama. As cinco audiências realizadas em Uruçuca, Itacaré, Itabuna, Coaraci e Itajuipe reuniram cerca de 5000 pessoas.

CIENTISTAS CRIAM MACONHA QUE NÃO DÁ BARATO

ô loco, depois da cerveja que não deixa bebado, inventaram a cerveja que não dá barato

 

Cientistas israelenses desenvolveram uma maconha que não deixa seus usuários “chapados”. Segundo o jornal britânico, Daily Mail, a planta modificada tem o mesmo cheiro, gosto e aparência da original, mas sem os efeitos colaterais.

A nova planta, criada pela empresa Tikkun Olam, tem menor quantidade de THC (tetrahidrocanabinol) e maior quantidade de cannabidiol, substância que, segundo estudos, ajuda a melhorar sintomas de certas doenças.

O pesquisador Tzahi Klein afirmou que a nova versão é virtualmente idêntica a original. “É o mesmo cheiro, formato e gosto da original, mas não há os efeitos que a maconha normal causa nas pessoas”, aponta ele.

COM CHUVA, ITAJUIPE SEDIA AUDIENCIA PUBLICA DO PORTO SUL

A quinta audiência publica do projeto Porto Sul começa daqui a pouco no Clube Kamoá, em Itajuipe. Chove muita na cidade, a exemplo do que ocorre em todo o Sul da Bahia, mas pelo menos 500 pessoas devem comparecer à audiência. Amanhã, Barro Preto, fecha a série de seis encontros, coordenados pelo Ibama.

As quatro audiências realizadas em Uruçuca, Itacaré, Itabuna e Coaraci reuniram cerca de 4500 pessoas.

DERBA GARANTE QUE RODOVIA ILHEUS-ITABUNA SERÁ DUPLICADA

sem licença ambiental, duplicação trava

O diretor do Derba, o engenheiro Saulo Pontes explicou no Programa Cacá Ferreira, da Rádio Difusora, sobre o cancelamento da verba para o projeto de duplicação da Rodovia Jorge Amado, trecho que liga as cidades de Ilhéus e Itabuna.

De acordo com Pontes, “a verba para a obra que está prevista no PAC foi apenas remanejada, pelo fato de ainda não ter sido feita licitada, mas isto não quer dizer que ela foi extinguida”, explicou.

Ele ainda assegurou que estão sendo tomadas todas as providências necessárias para obtenção da licença ambiental, pois somente após vencer esta etapa, que será possível fazer a obra.

 

Sementes para quem quer plantar e colher


 Nesta sexta-feira (01), a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola S.A. (EBDA) realizará mais dois atos simbólicos, no Sul da Bahia, para marcar a distribuição de sementes de feijão e milho, do Programa Semeando, entre os agricultores familiares.

Desta vez, a ação acontece nos municípios de Camacan e Santa Luzia, que  receberão mais de uma tonelada e meia de sementes. O gerente da EBDA Wagner Ayres e o coordenador regional da distribuição de sementes, o engenheiro agrônomo Welligton Leite, participarão dos eventos.

Programa

O Semeando é desenvolvido pela Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), através da Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf) e da EBDA, com o objetivo de assegurar um produto de boa qualidade para o agricultor familiar e incentivar a criação de bancos de sementes. A prioridade do Programa é beneficiar os agricultores que plantem menos de cinco hectares de lavoura e que não tenham condições financeiras para adquirir a semente.

Enquanto isso numa escola de Brasilia…

Leiaute conquista novos clientes

A agência baiana Leiaute agregou à sua carteira três novos clientes, a FIEB (Federação das Indústrias do Estado da Bahia), Hotéis Vila Galé e ADEMI-BA (Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário). Com a conquista de novos clientes nos seus 25 anos, a agência mostra que está investindo em prospecção e qualificação profissional, ampliando o seu leque de atuação.

A Leiaute também atende o Governo da Bahia, com campanhas institucionais premiadas no Brasil e no Exterior.

EDITORA JUS LITTERARUM LANÇA LIVRO SOBRE EXECUÇÃO PENAL

A Academia de Letras de Ilheus e a Jus Litterarum, selo na Via Litterarum, lançam no próximo dia 15 de junho, o livro “Direito da Execução Penal, nova interpretação e novos comentários à lei 7.210”, de autoria do professor José Ricardo Chagas. A obra traz instigantes comentários sobre toda a lei de execução penal. “Momento mais oportuno certamente não haveria para o lançamento desta obra, que vai nos proporcionar novas reflexões sobre o funcionamento da execução penal no Brasil, que deveria transitar sob o império de um novo paradigma”, afirma o autor.

No livro, José Ricardo Chagas mostra porque o sistema carcerário brasileiro retrata uma das maiores atrocidades de todos os tempos no nosso país.  O autor é Bacharel em Direito pela UESC – Universidade Estadual de Santa Cruz. Especialista em Segurança Pública pela Universidade do Sul de Santa Catarina.  Especialista em Ciências Criminais. Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais pela UniversidaddelMuseo Social Argentino, na cidade autônoma de Buenos Aires – Argentina, com linha de pesquisa em Direito Penal. Consultor e Parecerista. Professor da graduação do Curso de Direito da Unime nas cadeiras de Direito Processual Penal e Direito Financeiro.

Santa Casa de Itabuna consolida Serviço de Transplante Renal

A retomada do Serviço de Transplante Renal pela Santa Casa de Misericórdia de Itabuna foi considerada pela comunidade médica no interior baiano como uma vitória da ciência. A democratização do acesso a mais esta possibilidade de tratamento é a esperança de uma maior qualidade de vida para pacientes renais crônicos. Com o Serviço, a Santa Casa de Itabuna passa assim, a ser a única instituição habilitada para a realização de transplantes renais em todo interior da Bahia. A coordenadora do Serviço, a médica nefrologista, Neyde Vinhático Pontes (CRM7846), fala sobre o novo cenário e as perspectivas futuras para o transplante renal.

Executado pelo Centro de Diálise e Transplante Renal da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, o Serviço de Transplante Renal foi retomado em novembro de 2011, após exatos nove anos da sua interrupção. “Realizamos os primeiros transplantes em 2002, procedimentos que obtiveram grande êxito, inclusive, mantendo viva e saudável até os dias atuais uma das pacientes transplantadas. No entanto, com a interrupção, retornamos a uma grande lacuna entre as opções de tratamento para o paciente renal crônico, que, aqui, só contavam com a Hemodiálise e o CAPD”, declarou a médica nefrologista Neyde Vinhático.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031