WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
hanna thame fisioterapia animal

universidade lasalle livros do thame




Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

outubro 2022
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: ‘Destaque1’

Costa do Cacau terá stand exclusivo durante a ABAV 2022

A Costa do Cacau, destino de diversos turistas do Brasil e do mundo, está com um estande próprio na 49ª edição da ABAV, evento promovido pela Associação Brasileira de Agências de Viagens.O Stand da Costa do Cacau fica localizado no Stand A001 ao lado do Stand da Bahia. As cidades de Itacaré, Ilhéus e Una dividem o espaço que conta com sala de reunião para conversas com operadores de turismo. Ademais, todos os convidados que por lá passarem irão ganhar um chocolate artesanal produzido na região. Neste ano, a feira acontecerá entre os dias 21 e 23 de setembro em Recife-PE. Representando a Itacaré estão presentes: José Alves, Secretário de Turismo de Itacaré, Cida Aguilar, Presidente da COMTUR, Watushi Santana, Diretor de Ações Turísticas, Marcelo Dias, Diretor de Promoção Turística e Marli Catarina, Chef de Cozinha e proprietária do restaurante Café com Cacau.

José Alves, Secretário de Turismo de Itacaré ressaltou que serão realizadas algumas ações dentro do stand para agentes de viagem, além da previsão de um coquetel no dia 21, onde serão premiadas as principais agências de viagens do país e as que mais venderam pacotes.“A ABAV esse ano é uma ABAV histórica para Itacaré porque pela primeira vez vamos ter um stand próprio. Um stand da Costa do Cacau, onde Itacaré está sendo uma das protagonistas”, conclui.

Para Cida Aguilar, a ocasião representa uma grande conquista, já que mostrou o comprometimento dos gestores com o turismo e com a Costa do Cacau. “Está sendo uma satisfação muito grande, vamos mostrar a força da Costa do Cacau e estamos muito bem representados com hotéis, resorts e algumas governanças locais”, afirma.

Conheça a Costa do Cacau e Itacaré:

Uma das mais belas regiões costa da Bahia, a Costa do Cacau abriga os municípios de Ilhéus, Ipiaú, Maraú, Una, Canavieiras, Itabuna, Uruçuca, Santa Luzia, Pau Brasil, São José da Vitória e Itacaré.

Marcada pela natureza exuberante da Mata Atlântica, a Costa do Cacau conta com diversas reservas naturais ideais para o ecoturismo, como trilhas, surfe e rafting.

O município de Itacaré ganha destaque entre as cidades. Localizada a 75 Km de Ilhéus, a cidade é famosa por suas belezas naturais, ideal para pessoas de todas as idades.

Além dos passeios na praia e pelas matas, a cidade conta com uma cultura rica. As ruas de Pituba e Passarela da Vila ganham destaque pelas suas rodas de capoeira, lojas de artesãos e restaurantes com pratos da culinária local.

:: LEIA MAIS »

Estado publica portaria para a concessão de mais 8.500 licenças convertidas em pecúnia

A Secretaria da Educação do Estado autorizou a concessão de 8.500 licenças-prêmio para a conversão em pecúnia, em 2022, conforme Portaria n° 1779/2022, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (20). A medida alcança professores da carreira do magistério público estadual dos ensinos Fundamental e Médio, que precisarão fazer esta solicitação à SEC, por meio de requerimento protocolado no Portal do RH Bahia (rhbahia.ba.gov.br/login).

Em 2021, o Estado já havia concedido outras 8.500  licenças-prêmio convertidas em pecúnia, com o objetivo de normatizar os procedimentos administrativos para a concessão de benefícios aos integrantes da carreira de magistério público. Com isso, ao invés de tirar o período da licença, os professores podem receber o dobro da remuneração para continuar em sala de aula, garantindo a aprendizagem dos estudantes.

A conversão dos períodos de licença-prêmio em abono pecuniário alcança, preferencialmente, o professor enquadrado nas seguintes condições: que tenha maior tempo de serviço no Estado; que não tenha sido beneficiado com a conversão da licença em pecúnia há, pelo menos, um ano; e que esteja em efetiva regência de classe.

 

Shopping Jequitibá promove exposição “Sociedade e Plástica”, de Quinho Fonseca

O Shopping Jequitibá exibirá ao público a exposição artística “Sociedade Plástica” do desenhista, pintor, muralista, escritor de grafite, publicitário, produtor cultural, pesquisador, animador e fotógrafo Quinho Fonseca. Aberta ao público, ficará de 13 de outubro a 09 de novembro de 2022, no segundo piso.

“Sociedade Plástica” é o título da série que ilustra as consequências do consumo plástico nas estruturas sociais, relações interpessoais, produtos, situações adversas, e suas combinações. Buscando uma conexão entre o orgânico e o artificial. Refletindo o convívio pessoal, coletivo e ambiental de todas as gerações.

As obras apresentadas pelo artista abordam o comportamento humano através de reflexões sobre o uso irresponsável de materiais plásticos no cotidiano e suas consequências. A intenção é alarmar, questionar, conscientizar a respeito do quão próxima e rotineira é a relação do homem com este material, que comumente é descartado de maneira irregular, trazendo impactos negativos para a natureza.

:: LEIA MAIS »

Primeiro CRA Sustentável do Brasil eleva produtividade do cacau e renda familiar no Sul da Bahia

Os resultados positivos colhidos após o primeiro ano de implantação do CRA (Certificado de Recebíveis do Agronegócio) Sustentável no Sul da Bahia vêm chamando a atenção da mídia em todo o país. Veículos de abrangência nacional como o programa Globo Rural, da TV Globo, o jornal Estadão, o Valor Econômico, a revista Globo Rural On-line e o site especializado Capital Reset destacaram o incremento de quase 40% na renda dos pequenos agricultores que já acessaram o crédito, além da taxa de inadimplência próxima a zero e incentivo a práticas sustentáveis na cadeia do cacau. A repercussão do CRA também levou o Podcast Economia do Futuro e a Fast Company destacarem que o crédito aliado à assistência técnica vem contribuindo para o renascimento do cacau na região.

Modelo inédito no Brasil, o CRA Sustentável combina capital de mercado com filantropia e foi concebido em parceria pela ONG Tabôa, os institutos Arapyaú e humanize e o Grupo Gaia. Em sua primeira rodada, o CRA beneficiou 184 famílias – 578 pessoas – que trabalham com cacau associado a outros cultivos em sistema agroflorestal no Sul da Bahia, como a agricultora Atayne Santos, de 21 anos. Em seus quatro hectares no Assentamento Dois Riachões, município de Ibirapitanga, Atayne investiu o valor obtido através do CRA na produção de cacau, hortaliças, banana da terra e da prata, mandioca, cravo e na criação de galinhas. Ao todo, sua produção gerou 240% de aumento de renda no último ano. “A diversidade do que produzo no campo primeiro abastece a mesa da minha família, garantindo alimentação de qualidade”, explica a jovem. O excedente é comercializado e, assim, as produções de ciclo curto geram renda durante todo o ano, enquanto o cacau não fica pronto para venda.

Veja o texto completo em

www.cacauechocolate.com.br

 

Governo do Estado define empresa que vai realizar obras de duplicação do acesso a Itabuna

A Secretaria de Infraestrutura, Transportes e Comunicação (SEINFRA), do Governo da Bahia, publicou na edição do último dia 13 no Diário Oficial do Estado, o resultado da Concorrência Pública 216/2022, para a duplicação e pavimentação da BA-963, no trecho de acesso a Itabuna, entre os dois supermercados do ramo de atacado e a Avenida Juracy Magalhães, nas imediações do posto de combustíveis, com extensão total de 2,36 quilômetros.

De acordo com o secretário de Infraestrutura, Transportes e Comunicação, Marcus Benício Foltz Cavalcanti, a execução das obras ficará a cargo da Mazza Engenharia Ltda., empresa vencedora do processo de licitação. “Estamos na fase de habilitação da empresa classificada no certame licitatório para depois dos tramites burocráticos assinar a ordem de serviço para o início das obras”, disse Cavalcanti.

MOBILIDADE URBANA

Para o prefeito de Itabuna, Augusto Castro, a obra de novo acesso representa a melhora na mobilidade urbana de veículos e pedestres.  “Junto com o Governo do Estado, seguimos avançando na melhoria dos corredores de tráfego de Itabuna. A construção do acesso à Rodovia Jorge Amado e a BA-963 irá proporcionar um avanço significativo no fluxo de veículos trazer mais segurança para quem transita nessa rodovia, além de ser elo de ligação com a nova BA- 649, que está com obras aceleradas, integrando ainda mais Itabuna, Ilhéus e demais cidades do Sul da Bahia”, ressalta Augusto Castro.

O secretário de Infraestrutura e Urbanismo de Itabuna, Almir Melo Júnior, destaca que o Governo do Estado, através da SEINFRA, está solicitando à Coelba a retirada de cerca de 40 postes que estão no trecho que será duplicado. “Os postes serão instalados em outros locais, já que a nova via terá canteiro central e um moderno sistema de iluminação”, informa Almir Melo Júnior.

Pesquisa da UFSB aborda as relações entre ecovilas e ambiente no Litoral Sul da Bahia

 

 

 

por Heleno Nazário

 

A primeira pesquisa defendida no Programa de Pós-Graduação em Biossistemas  da Universidade Federal do Sul da Bahia-UFSB, trouxe um tema que conecta planejamento e ambiente. A dissertação Tipologias Eco Habitacionais e Ecossistemas Urbanos: arquitetura e ocupação eco-urbana no eixo Uruçuca-Itacaré, BA, de autoria do arquiteto e urbanista do quadro de servidores da UFSB José Hélder de Sousa Pereira (DINFRA/PROPA) com a orientação da professora e pesquisadora Sílvia Kimo Costa (PopTecs/PPGBIOSSISTEMAS), realiza uma comparação em termos de impactos ecossistêmicos de diferentes ecovilas na região. O termo ecovila designa uma ocupação eco-urbana, desenvolvida por uma comunidade de modo participativo e com atenção para as quatro dimensões da sustentabilidade – social, cultural, ecológica e econômica – com o fim de regenerar ambientes sociais e naturais.

A partir de articulações de conceitos no encontro de áreas como a arquitetura e urbanismo e a ecologia, e de conceitos como os de sustentabilidade, arquitetura vernacular e permacultura, o pesquisador e a orientadora desenvolveram um modelo de análise comparativa entre quatro diferentes ecovilas existentes entre Uruçuca e Itacaré, considerando a caracterização dos habitats (ambiente construído/ aquático/ verde/ de resíduos), os aspectos da ocupação eco-urbana (capacidade de suporte/cidade adjacente) e as características das ecoedificações (arquitetura vernacular/ bioconstrução).

Os resultados encontrados apontam para a manutenção do baixo impacto ambiental negativo nas ecovilas, porém com impactos negativos nos assentamentos urbanos adjacentes, seja pelo fornecimento de água tratada ou pelo recebimento de resíduos descartados das ecovilas, que acabam sendo levados para aterros em cidades próximas. É uma confirmação parcial da hipótese que motivou o estudo: que as ecovilas no eixo Uruçuca-Itacaré permitiriam uma dinâmica de interação com o meio ambiente de baixíssimo impacto negativo ao ecossistema local e adjacente (nas cidades próximas). Esse é um dado que importa no planejamento urbano e ambiental da região

José Hélder e a orientadora, professora Sílvia Kimo Costa, explicaram em mais detalhes a pesquisa realizada em entrevista por e-mail.

:: LEIA MAIS »

Colégio Adonias Filho promove seminário Sobre “O engajamento da comunidade escolar frente à cultura da não violência”

O Colégio Adonias Filho, da rede estadual de ensino em Itabuna, promove nesta terça-feira, 20, a partir das 8 horas, o seminário “O engajamento da comunidade escolar frente à cultura da não violência”. O evento que acontece na área de convivência da escola abordará temas como “Justiça Restaurativa para a Cultura da Paz”, “Direitos de Família, Mediação, Conciliação e Meios Alternativos de solução de Conflito”, “Direitos da Família acesso e disseminação de direitos e obrigações dos entes familiares” ,  “Oficina do Espelho e Ronda para Jovens”, “Intervenção do Poder Judiciário em relação às crianças e adolescentes” e “Reflexões da violência política e eleitoral na sociedade”.

O Colégio Adonias Filho vem trabalhando propositivas e contra pontos acerca da violência desde o ano de 2017. Desde então, vimos discutindo e levantando temáticas sobre a Violência contra Mulher; Violência sob o olhar da segurança pública; Violência Psicológica; Violência e Sociedade; Violência Sexual; Violência de Gênero; Violência de Crianças e Adolescentes; Violência Cibernética; Violência Doméstica; Auto violência e o crescente desafio da conscientização acerca dos fatores que levam os jovens a comportamentos lesivos.

 

Por  intermédio da abordagem pedagógica do esporte com ênfase na violência esportiva, chegou-se à interpelação de que a referida temática pudesse versar com as demais disciplinas entendendo que os demais professores pudessem refletir e contribuir sobre os significados da violência e os motivos que levam a ela, bem como questões relacionadas à desigualdade social, segurança pública, estatísticas, ética e convívio com as diferenças, etc.

Assim, a violência é o conteúdo estruturante eleito a ser trabalhado no segundo semestre, desde então, com seminário para os discentes no mês de setembro, mês que se discute a violência.

:: LEIA MAIS »

Reunião territorial discute avanços na agroecologia no Litoral Sul

Entidades de assistência técnica e extensão rural (ATER) ligadas à Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), vão discutir as ações e tecnologias voltadas para a agroecologia durante a Reunião Territorial Avanços na Agroecologia no Litoral Sul. O encontro é uma iniciativa da Bahiater, em parceria com a SoluBio, e conta com o apoio do Colegiado Territorial láLitoral Sul.

O evento acontecerá no dia 22 de setembro. Pela manhã, a atividade acontecerá a partir das 9h, na sede da Associação dos Municípios da Região Cacaueira da Bahia (Amurc), em Itabuna, com as participações do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Litoral Sul da Bahia (CDS-LS) e da Cooperativa de Desenvolvimento Territorial (COOPERAST). À tarde, o encontro será a partir das 14h, na sede do Consórcio Intermunicipal da Mata Atlântica (CIMA), em Camacã, com as participações técnicos do CIMA e do Instituto Ecobahia.

Serviço

O quê: Reunião Territorial Avanços na Agroecologia no Litoral Sul

Quando: 22/09/22

Onde:

9h – Itabuna – Sede da AMURC

14h – Camacã – Sede do CIMA

Realização: Bahiater e SoluBio

Apoio: Colegiado Territorial Litoral Sul

Objetivo: Diálogo e divulgação de tecnologias agroecológicas

Defensores Públicos da Bahia visitam a CVR Costa do Cacau

A CVR Costa do Cacau recebeu a visita de Defensores Públicos do Estado da Bahia. Kaliany Gonzaga Ribeiro, do Núcleo de Gestão Ambiental, Leonardo Salles, de Ilhéus, e Taciana Andrade Miranda, de Itapetinga, foram recepcionados pelo diretor comercial Rodrigo Zaché, que fez uma apresentação do empreendimento, o único do Sul da Bahia credenciado para o armazenamento correto de resíduos.

Em seguida, os defensores públicos conheceram a estrutura da CVR, que valoriza a sustentabilidade com respeito à conservação ambiental e incentivo à reciclagem.

De acordo com a defensora pública Dra. Kaliany Gonzaga Ribeiro, “a estrutura da CVR demonstra o cumprimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos, com a destinação de rejeitos e com o material que pode ser reaproveitado seja canalizado para famílias que atuam na coleta seletiva”. “A Prefeitura de Ilhéus em parceria com a CVR estimulam esse processo, com os trabalhadores atuando num local adequado e em condições dignas”, disse.

Já o defensor público Dr. Leonardo Salles, afirmou que “a destinação correta de resíduos e a coleta seletiva são de extrema importância tanto na questão ambiental quanto na questão social. Esse respeito ao meio ambiente a valorização dos catadores colocarão Ilhéus num outro patamar, com impactos positivos para o município”.

 

A visita foi acompanhada pelo secretário de Desenvolvimento Urbano de Ilhéus, João Aquino. A partir desta semana, a cidade passou a destinar seus resíduos para armazenamento na CVR, encerrando as atividades no lixão do Itariri, onde famílias de catadores viviam e trabalhavam em situação degradante. O secretário João Aquino destaca que “para o município de Ilhéus é muito importante destinar os resíduos num local adequado, porque isso tem reflexos ambientais, sociais e na saúde pública. Além disso, poderemos atrair novos empreendimentos e fortalecer o turismo, consolidando Ilhéus como uma cidade que preserva o meio ambiente e valoriza a qualidade de vida da população”.

Recado por meio da arte

Estamos no mês em que ainda se fala muito a respeito do Bicentenário da Independência do Brasil.E como a arte também é um mecanismo de comunicação, expressão e manifestação, ela se faz presente nessa celebração através de projetos como já foram publicados em matérias passadas aqui na coluna.

Essa semana quero apresentar algumas obras que passam uma mensagem para o povo brasileiro. É a arte cumprido seu papel na comunicação,  trazendo reflexão. São artistas de várias regiões do Brasil deixando o seu recado de paixão e esperança pelo Brasil.

 

“ABRACE O DESCONHECIDO”

Obra participante na exposição: Brasil – Gigante pela Própria Natureza, promovida pela Lótus Gallery.

Você poderá ver essa e outras obras de outros artistas acessando o link:

https://lotusgallery.com.br/exposicao-brasil/

Artista: GÊIZA BARRETO/ Salvador-Ba  (catalogada na Lótus Gallery)

“Abrace o Desconhecido”  foi criada em 2016, exatamente quando o Brasil estava dividido entre “verde-amarelos” e “vermelhos”.

Muito me entristece ver que diferentes pontos de vista, que poderiam ser usados para enriquecer a nossa percepção de mundo, tornam-se motivos para discórdia; até mesmo pessoas que se amam se ferem e se afastam por divergências de opinião.

Por isso, meu convite a você hoje é procurar estabelecer uma conversa aberta e respeitosa com alguém que tenha uma visão de mundo diferente da sua. Isso certamente trará crescimento a ambas e trará soluções e possibilidades que jamais existiriam sem essa troca.

“Esta obra reflete meus sentimentos sobre os acontecimentos na história recente do Brasil e a incerteza com relação ao futuro. Eu criei harmonia com as cores que tornaram-se antagônicas no país: verde, amarelo e vermelho, na busca pela beleza no diálogo e na união entre elas. Há tensão, mas também esperança.”

Em outro trabalho complemento deste acima, intitulado “UM SOMOS NÓS, a artista também abre espaço para uma oportuna reflexão:

Quando será que aprenderemos que estamos todos conectados? Que o bem ou mal que faço ao próximo estou fazendo a mim também?

Instagram: @geizarte

“LIBERDADE NA ESCRAVIDÃO”

Artista: CARMEM MOREIRA/ Ribeirão Preto-SP

Minha  inspiração veio á partir deste texto:   “. Ao tornar se Independente de Portugal,a nação Brasileira como um todo era na sua quase totalidade a favor da forma de governo monárquica,as razões para está escolha política São diversas, havia um verdadeiro temor por parte de diversos grupos sociais. a educação e a escravidão sempre foram a maior das preocupações de D.Pedro durante o seu reinado.  ” A ordem,de Paz e Liberdade “.

Instagram: @carmem_silvia.moreira

“NAVEGAR”

Obra participante na exposição : Brasil – Gigante pela Própria Natureza, promovida pela Lótus Gallery.

Você poderá ver essa e outras obras de outros artistas acessando o link:

https://lotusgallery.com.br/exposicao-brasil/

Artista: LUCIANE YAHWEH/ Passa Quatro – MG

(Catalogada na Lótus Gallery)

Como descrição faço uso de trechos do poema de Fernando Pessoa, “NAVEGAR É PRECISO” “…Navegar é preciso, viver não é preciso. Quero para mim o espírito desta frase, transformada a forma para casas como eu sou: Viver não é necessário, o que é necessário é criar… …Cada vez mais ponho da essência anímica do meu sangue, o propósito impessoal de engrandecer a pátria e contribuir para a evolução da humanidade.”

 O pensamento do patriota revelando seu amor e força por sua nação, o pensamento do brasileiro que não foge a luta, é gigante pela própria natureza

Instagram: @atelie_lucianeyahweh

“URCA”

Artista: ANGELA SCORZA/ Ilha do Governador-RJ

Moro numa ilha no Rio de Janeiro,Ilha do Governador. Isso sempre foi motivação para gostar do mar, admirar montanhas e suspirar pelas cores dos céus.   Retratar nas tintas os reflexos de barcos, pesqueiros, casas à beira mar, sempre é estimulante e desafiante. Já pintei quase em todo Brasil, mas paisagens e marinhas têm atrativos extras: uma profunda beleza que não foi feita pelo homem.

Nessa aquarela estamos num pôr do sol no bairro da Urca, lugar de atrações naturais sem par.

Sou Angela Scorza, aquieta e artista plástica desde sempre, profissional desde 1982. Já expus em diversos países e o que mais gosto é fazer como Impressionistas e ir com meu material a paisagem e aquarelar ” a plein Air”. Minhas obras estão sempre à venda, assim como o que aprendi e aprendo estão sempre a disposição em aulas online.

Instagram: @angela_acquerello

“BICENTENÁRIO”  Obra em exposição permanente no projeto artístico: BICENTENÁRIO DAS AMÉRICAS, criado por Jaime Vallardo Chávez

Você poderá ver essa e obras de outros artistas acessando o link: https://www.instagram.com/vallardoartistanaif/

Artista: APARECIDA FELIPE/ Goiânia-GO

Coordenadora e embaixadora do Bicentenário das Américas, representante do Brasil, Goiânia/Go

E também integrante  da  AGAV ( Associação Goiana de Artes Visuais.)

Iniciei no Bicentenário de Honduras em 2021 que foi a segunda edição do Bicentenário.

A exposição em Brasília corresponde a quarta edição do Bicentenário.Foi muito proveitoso e emocionante ver o material pictórico de mais de 500 artistas de todo  mundo. O evento sairá do Brasil  fortalecido, somando novas metas para os próximos eventos . Tive uma somatória de mídia  nacional e internacional muito expressiva em prol do evento.   O Bicentenário  já consagra  uma marca  e eleva o nome de artistas de grande relevância nacional e internacionalmente. Vamos ficar atentos a próxima agenda no Brasil e Honduras.

Instagram: @orkideatulipa

Se gostou, comente, curta, compartilhe o link. Prestigie a Arte dos brasileiros.





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia