hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Prefeitura intensifica coleta seletiva em Itabuna

coleta iitabunaHoje, dia 17, é comemorado o Dia Mundial da Reciclagem, declarado oficialmente pela UNESCO para estimular a reflexão sobre os nossos hábitos de consumo e sobre a maneira como tratamos e descartamos o lixo gerado em nossas casas, em nossos ambientes de trabalho, estudo e de lazer.

Itabuna é referência no sul do Estado na coleta seletiva e tem o pioneirismo ao cumprir a Política Nacional de Resíduos Sólidos integralmente. Há um ano, por exemplo, encerrou as atividades do antigo lixão que esteve funcionando por mais de 40 anos na cidade, seguido da implantação de um aterro sanitário certificado e do lançamento do Programa Recicla Itabuna de Coleta Seletiva.

Atualmente, a Prefeitura de Itabuna está intensificando a coleta seletiva porta a porta nos seis bairros que integram o projeto-piloto do Programa Recicla Itabuna de Coleta Seletiva, coordenado pela Secretaria Municipal de Planejamento (SEPLAN). A partir de segunda-feira, dia 23, os agentes ambientais vão visitar os bairros Conceição, Jardim Vitória, Góes Calmon, Califórnia, Fátima e São Caetano.

Nos bairros, a coleta seletiva é feita sempre no período da manhã, sendo às segundas-feiras no Conceição, Jardim Vitória e Góes Calmon. Às terças, no Fátima, às quartas, no Califórnia, e às quintas e sextas-feiras no São Caetano. No centro da cidade, a coleta ocorre sempre a partir das 17 horas.

Além de recolher os resíduos que devem ser separados na fonte geradora, ou seja, pelos próprios moradores dentro de casa e pelos comerciantes, os agentes também buscam incentivar a cultura da coleta seletiva entre os itabunenses. O material seco aproveitado é vidro, papel, alumínio, papelão, garrafas PET, plásticos, etc.

A Prefeitura de Itabuna disponibiliza ecopontos, doados pela CVR Costa do Cacau,  em várias partes da cidade para que a população deposite materiais recicláveis, além da coleta seletiva. O Decreto Municipal de nº 14.795, que normatiza o procedimento foi publicado na edição eletrônica do Diário Oficial do Município de 21 de janeiro passado.
SELO VERDE

Também está sendo intensificado o Programa Selo Verde Amigo do Catador e da Coleta Seletiva, instituído por meio do Decreto nº 14.714, de 25 de outubro do ano passado. O objetivo é incentivar pessoas físicas ou jurídicas a apoiar os agentes ambientais, a coleta seletiva e as ações que contribuem para a proteção do meio ambiente.

O Selo Verde é certificado pelo município, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (SEAGRIMA). Para a adesão de forma voluntária, é preciso apresentar um requerimento à Secretaria, que também é o órgão municipal responsável pela gestão e execução do Programa.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2022
D S T Q Q S S
« abr   jun »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031