hanna thame fisioterapia animal
festival chocolate bahiagas universidade lasalle coronavirus 155 livros do thame

Archive for outubro 23rd, 2021

Na Europa, governador Rui Costa firma parceria científica com instituto de tratamento de câncer

B4703B91-308D-4F61-8893-A719A3F0B2B6

Neste sábado (23), o governador Rui Costa foi a Brno, segunda maior cidade da República Tcheca, onde firmou parceria com o principal centro de estudos, diagnóstico e tratamento de câncer do país europeu, o Instituto Masarykuv, que coordena um sistema com 15 hospitais. Ele apresentou a estrutura de saúde da Bahia e os investimentos realizados, como a construção de dez hospitais e 21 policlínicas, e deu início a um processo de troca de experiências.1DC15290-5843-493B-9293-916D0BCABF80

“Ficou acertado que, já em novembro, uma equipe técnica da Bahia vai manter contato para que o mais rápido possível possamos iniciar essa parceria, um intercâmbio de conhecimento, de técnicas e formação de profissionais na área da saúde”, afirmou Rui. Read the rest of this entry »

Henrique Figueira faz arte e encanta

h 4Quando assumi a coluna no Blog do Thame, fiquei muito feliz com a possibilidade de mais um canal, onde poderia divulgar grandes artistas e suas obras. A coluna foi tomando forma, o Daniel me deixou bem à vontade no espaço e hoje divulgo artistas e promovo a Arte, projetos e exposições dentro do contexto Arte. Meu mais novo projeto que ainda está em fase de construção é BRINCADEIRA DE CRIANÇA versão Kids, através desse projeto pude conhecer crianças incríveis que fazem da Arte sua realização pessoal, cura, para alguns uma forma de comunicação única, como é o caso dos pequenos artistas autistas, que se comunicam através de imagens criadas por eles. A  Arte tem um papel importante e muito positivo no desenvolvimento de toda criança.

Conheça um pouquinho da história de HENRIQUE FIGUEIRA, 12 anos, autista-hiperativo, natural de Manaus-AM, um artista em plena atividade no mundo das artes.

henrique 1

O pequeno Henrique Figueira começou seu interesse por desenhos (drawings) e pintura aos 07 anos. Incentivado pela mãe Theila Figueira, começou a fazer aula no Atelirê / Manaus onde desenvolveu o estilo abstrato em suas pinturas bem como outras técnicas artísticas como esculturas. O ATELIRÊ também contribuiu bastante na projeção de seus trabalhos por meio de eventos de âmbito nacional e internacional.

Confira um dos seus trabalhos:

“NOITE COLORIDA”

h 2

Henrique  dedica todos os dias, 12 horas de seu tempo no mínimo, em um circuito dinâmico na construção de sua arte não apenas nas Artes Plásticas como também  nas esferas de música, dramaturgia e coreografia de sua autoria. Com todo esse processo produtivo de sua arte temos como resultado visível  a interação com o meio e seu universo lúdico de sua mente inquieta e instigante.

h 3

Henrique já fez pelo menos Mil trabalhos entre drawings e pinturas. É um garoto alegre, muito sensível e super intenso, reproduzido em seu estilo de pintura. Ele também faz esculturas de papel e massinha, elabora estórias em cartoons, pintura em objetos diversos e se diverte na pintura de si mesmo. (foto que abre o texto)

Henrique já fez pelo menos Mil trabalhos entre drawings e pinturas. É um garoto alegre, muito sensível e super intenso, reproduzido em seu estilo de pintura. Ele também faz esculturas de papel e massinha, elabora estórias em cartoons, pintura em objetos diversos e se diverte na pintura de si mesmo.

h 5

Além de ter participado de diversas exposições e projetos artísticos, destacamos a Mostra de Arte Infantil Regional no Palacete Provincial do Amazonas. Em 2020 tb representou o ATELIRÊ em eventos online no cenário internacional de Artes Plásticas. Participou do ambicioso Projeto DIA DE RECLUSÃO sob a curadoria de Maria Vieira, onde reuniu artistas de diversas partes do mundo e resultou em um lindo e-book com fins solidários.

“HENRIQUE MECATRÔNICO”

h 6

Em 2020 HENRIQUE foi a primeira criança autista em Manaus,  a ter sua exposição individual, promovida pelo Atelirê e que certamente abriu as portas para outras crianças autistas mostrarem seus trabalhos e receberem todo incentivo que merecem.

h 7

Agora Henrique Figueira recebeu um convite para expor numa galeria em Londres. E também está no time BRINCADEIRA DE CRIANÇA versão Kids de Luciane Yahweh.

Isso é INCLUSÃO ARTÍSTICA, onde crianças ganham seu espaço e respeito, ajudando em seu crescimento, sociabilização e contribuindo de forma significativa para elevar sua autoestima.

A Arte sendo usada como elemento facilitador de inclusão na vida de crianças e grandes talentos menos favorecidos.

Parabéns ao Projeto ATELIRÊ pelo magnífico trabalho e a mamãe THEILA FIGUEIRA pelo incansável incentivo ao trabalho  artístico do Pequeno Grande Artista Mirim HENRIQUE FIGUEIRA – Um artista em movimento!

lu

Dicas para aumentar a autoestima e viver melhor

auto estimaCleide Léria Rodrigues

 

cleide l 2Acreditar que nossos recursos nos habilitam a evoluir, aprender , ressignificar , apesar dos nossos limites, refletirá na forma como nos vemos e vemos o mundo, como trabalhamos e lutamos para alcançar os nossos objetivos e conquistar sonhos. Somos capazes de sermos protagonistas da nossa história reeditando-a .

Mas para aumentar a autoestima e viver melhor é necessário:

1 – Eliminar a culpa – um dos principais motivos para uma baixa autoestima é o sentimento constante de culpa.

Seja ela por não estar fazendo algo ou por aquilo que foi feito, é muito comum seguramos a sensação de que somos culpados pela vida que estamos levando.

2 – Não se compare com os outros  – O mundo em vivemos é sustentado pela competitividade . Isso nos faz acreditar que o nosso próprio sucesso pessoal ou profissional só será alcançado quando superarmos o de outras pessoas. O importante é deixar todas as comparações de lado e acreditar no seu potencial.

3 – Não generalize suas experiências  – Não é porque você cometeu um erro no passado que agora irá comete-lo novamente .

Os conceitos que criaram para nós ou que nós mesmos criamos não podem nos aprisionar.

Assim , podemos nos movimentar o tempo todo e visualizar as situações dessa forma ajuda para que esse movimento se torne mais natural, mais leve , e você seja feliz.

Um grande abraço!

Cleide Léria Rodrigues

Psicóloga Clínica CRP03/18383.

O que é Magnoterapia?

magnoterpia

Hannah Thame

 

A magnetoterapia é a aplicação de campos magnéticos por meio de uma corrente elétrica.  (Calma que é indolor para os bichinhos e não não emite nenhum tipo de som) que alinha as polaridades e reorganiza as células, além de equilibrar o pH do organismo.

BENEFÍCIOS:
–> Reduz a dor e inflamação
–> Relaxa os músculos
–> Ajuda na cicatrização óssea (acelera principalmente o pós-operatório)
–> Melhora o sono do animal
–> Reduz os níveis de estresse
–> Fortalece o sistema imunológico
–> Controla hipertensão
–> Reparação de células e tecidos
–> E muito, muito mais!

cev mãe HT

Deu pra perceber que a Vet aqui está amando o “brinquedinho” novo né?! Mais que isso é proporcionar o  melhor para os meus pacientes, sempre!

O direito à cultura

89B8C2C9-19F3-4720-88EE-971CA3A0F5C1                       Efson Lima

?efson limaOs seres humanos dotados de capacidade reflexiva têm o raciocínio como um demarcador que os coloca em um patamar privilegiado entre os seres vivos. Essa capacidade de elaboração se manteve ao longo da trajetória humana, mas exige compromisso com o acesso aos bens culturais, estabelece limites para usufruí-los e a necessidade de ser compartilhado. Para essa discussão, faz-se necessário esboçar o que possa ser cultura, segundo o Dicionário Aurélio entre alguns conceitos, cultura é o conjunto de características humanas que não são inatas, e que se criam e se preservam ou aprimoram através da comunicação e cooperação entre os indivíduos”.

?O direito à cultura deve ser compreendido como “…aqueles afetos às artes, à memória coletiva e ao repasse de saberes, que asseguram aos seus titulares o conhecimento e uso do passado, interferência ativa no presente e possibilidade de previsão e decisão de opções referentes ao futuro, visando sempre a dignidade da pessoa humana, segundo Humberto Cunha Filho. Portanto, o direito cultural é um campo que se apresenta como uma necessidade da natureza humana. Próprio de uma sociedade que deseja preservar seus valores e colaborar com o progresso da humanidade. É a afirmação da soberania por meio da valorização das produções de seu povo. É a autodeterminação de sua gente no plano internacional.86C8B8DC-366A-4EB3-95A3-629F0EDE9669

?Vários temas têm perfilhado o direito cultural. Por sinal, o direito cultural não é uma ilha. Ele estabelece interface com outros ramos do direito. Ao tratar de tombamento, precisa-se recorrer ao direito administrativo; o próprio arcabouço jurídico sobre cultura está previsto na Constituição Federal ao prevê, no art. 215, que o Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais. Ainda na Constituição é possível encontrar alguns exemplos do que a doutrina especializada tem concebido como espécies de direitos culturais: o direito autoral (artigo 5º, XXVII e XXVIII); o direito à liberdade de expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação (artigos 5º, IX, e 215, §3º, II); o direito à preservação do patrimônio histórico e cultural (artigos 5º, LXXIII, e 215, §3º, inciso I); o direito à diversidade e identidade cultural (artigo 215, caput, § 1º, 2º, 3º, V, 242, § 1º); e o direito de acesso à cultura (artigo 215, §3º, II e IV).

? Read the rest of this entry »

Passagens, de Ilka Lemos

ilka lemos vermelho vf

Oscar D’Ambrosio

 

O que é uma passagem? Pode-se pensar inicialmente no efeito de “passar”, ou seja, de ir de um lugar para outro. Essa é uma das possibilidades de leitura da exposição passagem, de Ilka Lemos, na Rua 13, em São Paulo, SP. O que está em jogo inclui quem passa, como é feita a mudança e quais são os pontos de partida e de chegada.

Pinturas, esculturas e objetos caminham em uma mesma direção: a de conectar dois universos. O ponto de passagem ocorre justamente onde existem conexões. Essa é uma das magias da arte e da exposição, pois as simbólicas das telas escadas que conectam diversos pontos espaciais são jornadas da criadora visual pelo espaço das obras e da galeria.

Ilka Lemos utilizou, em 2007, a mesma denominação, “Passagens”, para um conjunto de nove painéis de 2,8 m x 2,15 m instalados na Estação Alto do Ipiranga do Metrô de São Paulo, SP. Naquele momento, a mobilidade das pessoas estava em foco. Agora, a transformação ganha protagonismo, pois “passar” é “mudar”, criando novos elos a partir dos antigos.

É a passagem que permite conhecer o novo, seja do universo, de uma sociedade ou de um indivíduo. Assim como estrelas morrem, países se transformam e pessoas se reciclam, as obras de Ilka Lemos se valem da matéria para provocar questões sobre o que do passado permanece no presente para construir o futuro, assunto atemporal a questionar e desafiar.

oscar 2

Oscar D’Ambrosio é Pós-Doutor em Educação, Arte e História da Cultura, Mestre em Artes Visuais, jornalista e crítico de arte.

Memórias de um Dinossauro

 

dt

 

Profissão Repórter

Entre as várias reportagens que diz ao longo desses mais de  40 anos de estrada, 32 deles no Sul da Bahia, nenhuma foi mais estressante do que a cobertura dos 500 anos do Brasil em Porto Seguro. O que seria uma comemoração, organizada a caráter para incensar Fernando Henrique Cardoso e ACM, se transformou num festival de pancadaria, perpetrada pela polícia baiana contra índios, sem-terras e estudantes.

 

 
Na véspera do fatídico 22 de abril, tive que optar entre ficar em Porto Seguro, onde a festa estava preparada, ou seguir para Coroa Vermelha, onde o clima estava pesado porque os movimentos sociais não se contentavam em fazer figuração no teatrinho armado pelo governo.

 

Não tive dúvidas: fui a Coroa Vermelha e ao lado da equipe da TV Cabrália, testemunhei uma demonstração de truculência e insanidade que repercutiu em todo mundo. Não perdi nenhuma festa, até porque festa não houve, para desalento do então Rei da Bahia, que ali viu desmoronar o seu sonho de se tornar o Rei do Brasil.

A reportagem foi publicada no jornal A Região. A foto é de Lula Marques.
——————————————————

Polícia barra povo e FHC
faz festa vip dos 500 anos

Read the rest of this entry »

Decreto autoriza eventos com até 1.500 pessoas em Itabuna

Diante do avanço da vacinação contra o Covid 19 e a redução nos números de casos, o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), publicou nesta tarde de sexta-feira, dia 22, o Decreto nº 14.712 que altera o Decreto nº 14.680, de 1º de outubro que autorizou eventos e atividades com a presença de público. Agora, com até 1.500 pessoas estão permitidos espetáculos e similares em logradouros públicos ou privados. Também a venda de ingressos, desde que cumpridas às normas sanitárias.

Ainda estão autorizados nos espaços urbanos como rurais, circos, parques de exposições, passeatas e afins, desde que haja o cumprimento integral dos protocolos de segurança e saúde, principalmente o uso de máscara de proteção e distanciamento social, devendo prevalecer até decisão posterior. Os demais itens do Decreto anterior, continuam em vigor.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2021
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31