hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Archive for abril 17th, 2021

Sinjorba completa 70 anos

sinjorba 70 anos

Em 17 de abril de 1951 o Ministério do Trabalho concedeu ao Sinjorba a carta sindical, o documento oficial que reconhece à organização a condição de sindicato. Hoje, completa-se 70 anos deste ato oficial, um marco histórico de uma entidade que escreveu ao longo de sete décadas páginas e páginas de lutas, conquistas e memórias.

 

 
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia completa 70 anos como entidade sindical, mas sua trajetória foi iniciada seis anos antes, em 14 de abril de 1945, quando foi fundada a Associação dos Jornalistas da Bahia, primeira organização de profissionais, dos trabalhadores da comunicação. Até então a categoria tinha como referência a ABI (Associação Bahiana de Imprensa), fundada em 1930.

 

 
Nestes tantos anos o Sinjorba participou de momentos importantes da história do país, inclusive durante a ditadura de 1964, quando foi fechado, sobrevivendo clandestinamente até sua reabertura sob intervenção do governo militar. Com a reabertura democrática o Sindicato experimentou um período de grande efervescência política, com a participação e dedicação de dezenas de colegas que passaram por suas diretorias, conduzindo as lutas dos milhares de jornalistas que se sindicalizaram e fortaleceram sua entidade de classe nos últimos 36 anos.

Read the rest of this entry »

Resultado da ‘Expedição Coral Vivo Royal Charlotte’, pioneira no mundo, é publicada na revista internacional ‘Estuarine, Coastal and Shelf Science’

coral vivo 2

A ‘Expedição Coral Vivo Royal Charlotte’, realizada em julho do ano passado pela Rede de Pesquisas Coral Vivo, acaba de ter seu resultado publicado no relevante periódico científico internacional ‘Estuarine, Coastal and Shelf Science’. A pesquisa pioneira no Banco Royal Charlotte, um alargamento da plataforma continental localizado ao norte do Banco dos Abrolhos, na Bahia, fez um mapeamento biológico preliminar inédito desse local nunca antes explorado e, até então, desconhecido pela ciência.

Com a coordenação do Prof. Paulo Sumida, do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IO-USP), o grupo de pesquisadores liderado por Fábio Negrão (coordenador regional do Reef Check Brasil no sul da Bahia e coordenador de Sensibilização do Coral Vivo), Thais Melo (bióloga e coordenadora de educação Coral Vivo) e Carlos Henrique Lacerda (coordenador regional de Pesquisas do Projeto Coral Vivo) puderam comprovar que a região tem uma biodiversidade elevada e que já sofre impactos do ser humano.

Read the rest of this entry »

A Dama da Flores

Juraci Masiero Pozzobon

ld 5

Já com maturidade, o desenho e a pintura afloraram em Lourdes de Deus. O meio em que vive, vejo então, o interesse maior pela arte. Com seu estilo naif, Lourdes abraçou todo esse pensamento e colocou em prática sobre tela nua. Foi com total liberdade e rigor próprio, que vinha em sua mente toda a produção artística.

ld 1

Todo esse manifesto interior colorido surgiu em Goiânia em 1991, sua primeira participação foi em Piracicaba com uma obra na Bienal com Pierrôs, entrou como selecionada no grupo.

Lourdes começou a pintar sozinha com traçados curtos e finos, com geometrias desconsertadas, sem o óbvio.

ld 2

O brilho do observador, mesmo não tendo o formalismo dos personagens deixa a clareza de uma linda história, ele procura dominar a leitura desconhecida para o real.

Lourdes de Deus é autodidata e obedece aos olhos e o coração do espectador, dando cores, detalhes abundantes e total autonomia emocional.

Inspirada quase sempre em grupos, multidão é uma marca registrada nos trabalhos, como suas delicadas flores, levando o nome de “A Dama das Flores”.

ld 3

Os temas de Lourdes têm historia variadas, festas juninas, carnaval, futebol, procissões, danças regionais, política e crenças. Destaca também em suas criações, vilarejos, com casas, igrejas, vendinhas, animais para o trabalho do homem, o trem ou Maria – fumaça, ruas sinuosas repletas de personagens religiosos e ao mesmo tempo um colorido que faz as orações se vigorarem.

Quando pinta ela se entusiasma relembrando a menina lá do interior de Pernambuco, provando a sensibilidade que permanece dentro do coração, o seu delírio de infância e a vida campesina.

ld 4

Lourdes de Deus tem um currículo farto de exposições individuais, coletivas, nacionais, internacionais e participações em Bienais. Muitas de suas obras estão nas mãos de amigos colecionadores e editores para a didática educativa.

 

juraci mazieroJuraci Masiero Pozzobon, Bacharel em Artes plásticas na UNIC – Cuiabá,

Graduada em Ensino da Arte pela FASIPE e Arte Terapia pela Cândido Mendes, RJ.

Doutoranda em Epistemologia e História da Ciência pela Instituição Iesla/UNTREF – Buenos Aires, Argentina

Serie “21 obras do século 21” (8): “Figure by a Pool” (2008 – 2012), de Peter Doig

8 - Peter-Doig

Oscar D’Ambrosio

 

O calendário cristão teve início no ano 1 depois de Cristo porque não houve o ano zero. Portanto, o século 21 não começou em 2000, mas em 2001. As décadas, em consequência, começam no ano 1 de cada uma delas. Esta série vai enfocar brevemente 21 obras de arte do século 21, de 2001 a 2021.

O escocês Peter Doig (1959) representa bem algumas das principais questões da arte contemporânea. Dos 3 aos 7 anos, o artista viveu em Trinidad e Tobago, mudando-se com os pais para o Canadá, onde ficou até os 20 anos. Essa formação diferenciada se reflete em algumas imagens, que retomam elementos desses períodos.

O seu estilo discute a relação entre o ser humano e a natureza. Na pintura “Figure by a Pool” (2008-2012), a figura central caminha, ao centro do quadro, enquanto, na parte superior, surge um conjunto que evoca uma vegetação. O uso da cor também é bastante peculiar, havendo áreas bem intensas e definidas, e outras, mais diluídas.

Surge uma atmosfera misteriosa. De onde vem e para onde vai o ser representado na imagem? Trata-se de um flagrante de calma aparente vinculada a um instante silencioso e denso em que segmentos retos de pintura se conectam a elementos orgânicos. Há realismo e magia em uma imagem em que bosque, pessoa e piscina se tornam artística e oniricamente instigantes.

oscar 2

Oscar D’Ambrosio é graduado em Jornalismo pela USP, mestre em Artes Visuais pela UNESP e doutor e pós-doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie.

Eu sofro de ansiedade! E sim ela, ela dói muito!

ansie

Cleide Léria Rodrigues

cleide leriaAnsiedade faz seu corpo todo sentir dores

E por mais que você tente explicar o que realmente é essa tal “FRESCURA “ ,

Nunca vai conseguir colocar em palavras o que é ter ansiedade e viver com isso  , literalmente todas as horas de sua vida!

Pois só quem sente sabe o quanto é doloroso conviver com a ansiedade.

Eu sofro de ansiedade! E sim , ela doi muito.

Doi quando seu coração acelera, a ponto de faltar ar nos seus pulmões;

Doi quando seu emocional está descontrolado,mas você tem que aguardar firme para não te acharem louco …

Doi quando seu estômago vira do avesso  porque seu corpo pede por um segundo de paz;

Doi quando você realmente tá cansada de sentir todos os dias as mesmas dores e nem com a medicamentos você se acalma;

Read the rest of this entry »

Câncer de mama em animais de companhia

Hannah Thame

ht É muito comum ouvir alguém relatar que sua cadela ou gata está com um “carocinho” na mama e que não sabe como surgiu. De início, pode-se imaginar não ser nada grave e que logo irá melhorar, mas é importante lembrar que todo e qualquer problema apresentado pelo seu animal deve ser avaliado por um Médico Veterinário, pois só o mesmo poderá garantir um diagnóstico preciso.

A cada dia que passa os animais de estimação estão vivendo por mais tempo, dessa forma, estão mais sujeitos a desenvolverem doenças, como as neoplasias ou tumores.  Os tumores mamários são muito comuns em cães e gatos e há diversos tipos histológicos que podem acometer essas espécies, porém, infelizmente, cerca de 50% dos casos são malignos e, em gatos, a maior parte dos tumores é altamente agressiva.

No geral, animais mais velhos (com cerca de 10 anos de idade), animais que possuem todo o seu aparelho reprodutivo (inteiros) e animais que foram castrados após numerosos cios são mais predispostos a desenvolver a doença. Embora alguns autores relatem predisposição genética, todas as raças estão sujeitas a esse tipo de neoplasia.

cat e dogA castração da fêmea antes do seu primeiro cio é, hoje, considerada a forma mais eficiente de manter o animal afastado dos riscos de desenvolver câncer de mama, já que a alteração hormonal que ocorre em cadelas e gatas é a grande responsável pelo aparecimento de disfunções que podem influenciar no surgimento da doença.

De acordo com alguns veterinários, a aplicação de medicamentos hormonais, principalmente anticoncepcionais, é um fator que pode ser determinante para o surgimento de tumores na mama e é por isso que esse tipo de medicamento é contra indicado no mundo animal. Dessa forma, caso o proprietário não deseje que seu animal tenha filhote, recomenda-se a castração, prevenindo assim, além de tumores mamários, tumores que pode acometer outros órgãos do trato reprodutivo das fêmeas.

Read the rest of this entry »

Eurico Miranda aprovou a Angélica de Alcides

Antiga Casa Roma

Walmir Rosário

walmirGeograficamente, decidimos – o que vos conta a história e José Senna – localizar o Beco do Fuxico em três regiões distintas, nomeando cada um dos quarteirões entre a avenida do Cinquentenário à rua Ruffo Galvão em Baixo Beco, Médio Beco e Alto Beco. No Baixo Beco, o ABC da Noite, do Caboclo Alencar; no Médio Beco, Dorta e Batutinha; no Alto Beco, Alcides Rodrigues Roma (Casa Roma) e Pedro Ribeiro (Pedrão).

Na verdade, Alcides Rodrigues Roma não implantou sua mercearia para vender cachaça no pé do balcão. Seu foco principal era a venda dos secos e molhados para as casas de família do centro da cidade, antes do comércio “despejar” as residências das ruas Ruffo Galvão, Duque de Caxias, Rui Barbosa. Mesmo assim, sua clientela era formada pelos comerciários que aproveitavam a hora de “tomar uma” para abastecer a casa de víveres.

Com o tempo, Alcides aderiu de vez às cachaças da pura e temperadas com folhas das mais diversas e cerveja bem gelada para servir aos clientes amigos. E o negócio deu tão certo que a criatividade aumentou o fluxo de pessoas e mercadorias. Bastava subir os dois degraus da escada e se acomodar no apertadinho. Igualzinho ao coração de mãe, sempre cabe mais um.

Read the rest of this entry »

NRS Sul recebe 52.310 doses de vacinas contra a Covid-19

domi (2)

Mais 52.310 doses de vacinas contra a Covid-19 chegaram para o Núcleo Regional de Saúde Sul na tarde desta sexta-feira (16), através dos aeroportos de Ilhéus e Jequié. Esta é a 13ª remessa de doses recebidas, sendo 28.800 doses produzidas pela Fiocruz/Astrazeneca/Oxford e 23.510 pelo Butantan/Sinovac.
Logo após a chegada das vacinas, foi iniciada a separação e distribuição das doses aos municípios e estaremos trabalhando no sábado em esquema de plantão para garantir que as ações planejadas para o final de semana possam prosseguir sem interrupções.

domi (1)

“Continuamos passando por um momento muito crítico em nossa região, com elevado número de casos graves e óbitos, e por isso é de extrema importância que as pessoas que já tomaram a primeira dose da vacina procurem os serviços de saúde para receber a segunda dose e garantir a imunidade”, afirma a gerente do Núcleo Regional de Saúde Sul da Sesab, Domilene Borges. “Além disso não podemos deixar de utilizar a máscara, lavar as mãos sempre que puder e o álcool gel.”, diz.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
abril 2021
D S T Q Q S S
« mar   mai »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930