hanna thame fisioterapia animal
prefeitura itabuna coronavirus 155 livros do thame

shopping jequitiba

Conjunto Penal de Itabuna inicia retomada das visitas com cuidados redobrados contra o novo coronavírus

cpi 1Na próxima terça-feira (20), as 26 unidades prisionais da Bahia iniciarão a fase de retomada das visitas sociais. O Conjunto Penal de Itabuna (CPI) já está tomando todas as providências para garantir a segurança sanitária para visitantes, internos e funcionários. A retomada prevê um intervalo de 15 dias para visitação de cada grupo, como forma de garantir uma janela epidemiológica segura para observação dos grupos visitados.

Algumas mudanças foram implementadas, visando assegurar essa proteção, a começar pelo número de visitantes. Será apenas um visitante por interno, adulto, com idade entre 18 e 59 anos. As visitas também não poderão adentrar com nenhum objeto

Nesse momento de retomada, o horário previsto de permanência nas áreas de convivência é das 8 às 12, mas quem for visitar deve chegar uma hora antes da entrada, para que sejam cumpridos todos os protocolos sanitários e de verificação de sinais de saúde.

“Teremos, na área externa, uma primeira barreira sanitária, dotada de todos os insumos e com enfermeiros e monitores paramentados com equipamentos de proteção individual. Os profissionais de saúde farão a aferição de temperatura e de saturação do oxigênio no sangue, dois indicadores de complicações ligadas à Covid-19”, informa o diretor do CPI, major PM Adriano Valério Jácome da Silva.

cpi 2O diretor destaca que outros sinais serão observados pelos enfermeiros, no momento da entrevista, como sintomas gripais. “Porém, pedimos que as pessoas que sabem já estar com sintomas de gripe, que evitem fazer a visita nesse momento, e aguardem aquilo que chamamos de janela epidemiológica, que são, para nós, os 15 dias de intervalo entre uma visita e outra”.

Outras medidas de segurança sanitárias foram adotadas. A visita não poderá adentrar a unidade com a máscara de proteção que estiver usando. Todas as visitas receberão uma máscara da unidade prisional, que será descartada na saída. Também não será permitida a entrada de qualquer objeto, nem alimentos ou cigarros.

“É importante ressaltar que ainda estamos em uma pandemia e esse momento não é de flexibilização ou de normalização das visitas. É um momento de retomada, que pode vir a ser suspensa, a depender do comportamento dos índices de contágio, de ocupação de leitos hospitalares ou de mortes, no estado, no município ou na própria unidade, a serem analisados pela própria Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização”, finaliza o diretor Adriano Jácome.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2020
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031