hanna thame fisioterapia animal
prefeitura itabuna coronavirus 155 livros do thame

Archive for maio 14th, 2020

Sinjorba quer todos os profissionais de imprensa testados para Covid-19

covid sinO Sindicato dos Jornalistas da Bahia- Sinjorba está solicitando à Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), que inclua os jornalistas, radialistas e demais profissionais de imprensa nos grupos de testagem para Covid-19. Nesse sentido, a entidade enviou ofício diretamente ao secretário de Saúde, Fábio Vilas Boas, no dia 13 de maio, sustentando o pleito com base no Decreto 10.288, de 22 de março de 2020, que define os serviços relacionados à imprensa como essenciais e que os profissionais da área, portanto, devem ser incluídos nas medidas para evitar adoecimento.

O parágrafo 1º, do Art. 4º, do referido Decreto, estabelece que “Também são consideradas essenciais as atividades acessórias e de suporte e a disponibilização dos insumos necessários à cadeia produtiva relacionados às atividades e aos serviços de que trata o caput”, isso significa que todos os grupos de profissionais envolvidos na área devem ser abrangidos nas campanhas desenvolvidas pelo governo de prevenção à Covid-19.

A mesma solicitação de testagem feita à Sesab também está sendo feita às empresas de comunicação que enviam repórteres para a cobertura externa. O Sindicato entende que a responsabilidade pela saúde coletiva, especialmente nesse grave momento, deve ser solidária. As empresas, portanto precisam fazer a sua parte.

Read the rest of this entry »

Governo da Bahia desmente mensagem sobre proibição da venda de bebida alcoólica

O Governo da Bahia informa que é falsa a mensagem sobre a implantação da ‘Lei Seca’ no estado em virtude da pandemia do novo coronavírus, assim como, que tal medida teria sido decretada pelo governador Rui Costa. A informação está em circulação nesta quinta-feira (14) nos aplicativos de distribuição de mensagens e, por meio de mais uma fake news, colabora para a desinformação da população neste momento em que todos os esforços estão voltados para o combate ao novo coronavírus. O Governo ressalta que, até este momento, não há previsão de proibição da comercialização de bebidas alcoólicas no estado.
No dia 5 deste mês, o governador encaminhou um projeto de lei à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) que visa combater a divulgação de notícias falsas sobre epidemias, endemias e pandemias em todo o estado.  O projeto estabelece a aplicação de multa para quem elaborar, divulgar e utilizar softwares ou outros mecanismos para o compartilhamento em massa de notícias falsas.
Para denunciar notícias falsas basta entrar em contato com os perfis do Governo da Bahia no Instagram e Facebook, através do Whatsapp (71) 99646-4095 ou pelo site www.bahiacontraofake.com.br.

Editus lança cartilha infantil sobre coronavírus

Cartilha Editus DigitalA Editus – Editora da UESC, comprometida em auxiliar na conscientização e enfrentamento da Covid-19, acaba de lançar a cartilha digital “Juntos conta o Coronavírus”. Voltado para o público infantil, o material tem autoria de Antônio Roque Júnior, Josivânia de Assis e Neila Brasil Bruno, e conta com ilustrações de Jacqueline Lima.

A cartilha foi desenvolvida em linguagem dinâmica e direta, com o objetivo de auxiliar as crianças na compreensão deste momento de pandemia pela qual passamos, orientando sobre os cuidados que todos devemos adotar para proteção pessoal e coletiva.

O material está disponível no Editus Digital, na área da Saúde, e pode ser baixado em PDF no celular, notebook, computador ou tablet. Se você preferir, acesse o link  https://bit.ly/2zrM5yg. É possível ler a cartilha “Juntos contra o Coronavírus” ainda na sessão Destaques, do Instagram. O perfil da Editus é @editus.uesc. Para facilitar o acesso, a Editora disponibilizou a cartilha também por meio do projeto “Tá na Mão”, voltado para leituras rápidas nos stories da plataforma.

Contexto presente do coronavírus: a perda da privacidade do seu corpo

basia pier 6 (foto Ana Lee)

Basia Piechocinska

b 1

Estou escrevendo este artigo porque há um perigo.  Neste momento estamos no meio de uma tempestade e por isso pode ser difícil ter uma visão clara do que está acontecendo.  Quero que o número maior de pessoas tenha acesso a estas informações tratando de um contexto mais amplo, analisando o que está acontecendo nos tempos do coronoavírus, para poder refletir e tomar as medidas que achar adequadas.

Vamos lá.  Neste momento estamos no meio de uma crise mundial e há muito medo.  Toda vez que há medo a nossa visão fica menos ampla.  O nosso enfoque é a imanente sobrevivência e fica difícil visualizar perspectivas e contextos maiores.   Os pensamentos iniciais são do tipo “Aonde consigo alcool para me proteger?  Não tenho máscara!  A ajuda do governo já entrou?  Como vou sobreviver sem meu emprego?”  etc.  As reações de quem está com medo são previsíveis e como o enfoque da maioria é segurança fica mais fácil direcionar os pensamentos e a ações as pessoas.

Um exemplo do passado – 9/11


Dia 11 de setembro no ano 2001 houve os ataques às Torres Gêmeas em Nova Iorque. Isso gerou uma crise e muito medo, sobretudo nos Estados Unidos.  Os canais informativos nos Estados Unidos, todos os dias mostravam barómetros de quanto medo precisava ter naquele dia.  E realmente gerou-se muito medo que teve como enfoque “os terroristas”.

Por causa disso foi possível passar uma nova lei, chamada “The Patriot Act”, que tirou os direitos civis da população.  A promessa do governo era que assim o governo ia poder proteger os cidadãos dos terroristas.  E foi isso o que aconteceu?  As pessoas condenadas, usando esta nova lei, foram os terroristas?
Não.  A lei foi usada sobretudo para aprisionar os denunciantes, os “whistleblowers”, e grupos como veganos (como por exemplo membros de um grupo chamado SHAC 7 por postar vídeos de abuso de animais cometidos pela empresa Huntingdon Life Science).  Geralmente a lei foi usada quando uns ativistas estavam tendo sucessos na campania de ativismo.
Para explicar o contexto do que está acontecendo agora vamos usar um exemplo do passado para tudo ficar mais palpável.

Será que os direitos serão tirados só em situações extremas, como situações de críse e depois em outros momentos os cidadãos vão de novo usufruir dos direitos?  Pelo contrário.  No ano 2013 Edward Snowden, um “whistleblower”, demostrou que estamos sendo vigiados em forma massiva e que nossos direitos de privacidade estão sendo tirados.

Então, vemos como uma situação de crise foi usada para revogar os direitos das pessoas para em vez de os restabelecer num futuro pacifico abusar deles e revogar ainda mais do que se mostrava.

O presente – Coronavìrus

O que isto tem a ver com o coronavírus?

De novo estamos numa situação de crise com medo rampante.  Mas o que resta para tirar?  Agora trata-se do nosso direito ao nosso corpo.  Trata-se de privacidade e da privacidade do seu corpo.
O cenario mas provável agora vai ser que por medida de segurança (ler “controle”) vamos começar a passo a passo renunciar da nossa privacidade corporal.  Já veremos exatamente como vai acontecer, mas há várias opções.

Dentro de pouco talvez haverá uma vacina e quem sabe será obrigatória para certas pessoas.  Se você quiser poder trabalhar nos encargos aonde interage com outras pessoas precisa tomar a vacina.  Ou, talvez, se você quiser entrar numa certa cidade, ou se você quiser viajar num avião cheio de pessoas vai ter que mostrar que foi imunizado.
De início isso tudo pode parecer bom e vai ter pessoas correndo para tomar as vacinas.  Mas não vai parar aqui.

Nestes tempos estão sendo desenvolvidas muitas tecnologias que integram a saúde.  Por exemplo, temos uma empresa que trabalha com inteligência artificial e emoções.  Neste momento está sendo usada em pacientes no espectro do autismo.  Uns óculos registram e interpretam as expressões de quem está na frente e falam para o paciente como a pessoa na sua frente está,  “A pessoa na sua frente está triste.  Ou, ele está com raiva.  Ou, ele está chateado, etc”.  Neste momento esta é uma pequena empresa, chamada Affectiva, e os donos se recusam publicamente a usar a tecnologia para outros meios.

As empresas de Elon Musk estão desenvolvendo neuro-chips com inteligência artificial que conectam-se diretamente com os neurônios dentro do cérebro.  Eles vão começar testar os chips deles nas pessoas deficientes para restaurar a capacidade de se movimentar mas o objetivo é criar uma tecnologia que aumenta nossas capacidades em geral e nos conecta diretamente com a rede mundial.  Já somos cyborgs, com o nosso celular e acesso as informações pela internet, mas este é mais um passo para virar um cyborg integrado.  Na opinião do Musk, expressada uns dias atrás na entrevista com Joe Rogan, este tipo de chipe vai estar disponível dentro de menos de cinco anos.

Várias outras empresas oferecem monitoramento de funções fisiológicas.  Podemos medir os nossos padrões de sono, a variabilidade do nosso batimento cardíaco, a nossa temperatura, etc.  E algumas destas empresas, como a Kinsa, disponibilizam os dados para pesquisadores.  Durante os tempos do coronavirus podemos entrar nas páginas deles e ver aonde está tendo temperaturas aumentadas, ou seja, aonde estão as pessoas com febre.

Estes são só alguns exemplos de tecnologias que existem hoje e estão sendo aperfeiçoadas.

Estes avanços tecnológicos podem ser ótimos, ou não.  Vejam o que está acontecendo simultaneamente.

Agora mesmo estão tentando passar o “EARN IT Act” nos Estados Unidos.  Esta é uma lei que mandaria colocar uma porta traseira em todas as plataformas para o governo ter acesso aos dados.  Isso significa que não importam as intenções das empresas que desenvolvem as tecnologias.  Para as empresas funcionarem, vão ter que deixar acesso aos dados para o governo.

Mas qual é o perigo?  Se eu não sou um criminoso, o que importa se o governo sabe aonde eu estou e que temperatura corporal tenho?

Neste momento talvez não passe nada.  Na fase da implantação só vão ser mostradas as vantagens.  Mas imagine se o que você está fazendo agora num futuro vai ser contra a lei e você vai ser punido por causa disso.  Ou imagine se você estiver assistindo o grande líder na televisão e todos os dados corporais, com as micro-expressões faciais indicam que você não está de acordo com o que ele or ela fala?

Na China já existe o sistema que da uma pontuação a cada cidadão dizendo se é um bom cidadão e neste ano ele fica obrigatório.  E quando o número de pontos cai o cidadão perde direitos, como direito a transporte público, etc.

A privacidade é o direito base para todos os outros direitos.  Sem privacidade não existem os outros direitos.  Por isso é essencial defende-lo, mesmo não sendo um criminoso.

O que pode-se fazer?

A primeira e mais importante parte é perceber o que está acontecendo.

O coroniavirus é a fase necessária para poder implantar consenso e as leis necessárias para o acesso aos corpos dos cidadãos.  Este é o contexto maior do que está acontecendo agora.  Perda da privacidade significa perda se liberdade e de todos os direitos.  Exemplos históricos mostram que a prioridade do governo é manter o poder e controle mesmo ao custo dos cidadões, e não protejer e agir a favor dos cidadãos.

Sabendo isso e em base a isso podemos refletir e fazer as nossas escolhas.

Por exemplo, já faz mais de 10 anos que novas tecnologias permitem formas de organização que não estão baseadas na hierarquia.  Nestas formas não um centro de poder, são descentralizadas.  Elas não são nem organizações, nem empresas, nem governos.  Qualquer ser pode optar a usa-las, ou não.  Elas podem ser feita de forma que protege a privacidade.  Um exemplo são algumas formas de criptomoedas, como o bitcoin.  Estas tecnologias descentralizadas em base a blockchain podem ser usadas para outros fins, não só dinheiro.  Elas representam opções de saída dos sistemas centralizados.

Seria interessante procurar estas opções, pedir que sejam desenvolvidas e compartilhar o conhecimento da existência delas para que outras pessoas possam escolher usa-las ou não.   Por exemplo, se você estiver procurado uma tecnologia para monitorar suas funções corporais pode procurar este tipo de opções descentralizadas, aonde há privacidade.

Mas o fundamental é ver o contexto maior para poder refletir e fazer suas próprias escolhas.

Ilhéus vai controlar com mais rigor seus limites territoriais

ilheusA Prefeitura de Ilhéus vai instalar barreiras de contenção de isolamento para monitorar e controlar o acesso de pessoas vindas de outros municípios e diminuir a disseminação do novo coronavírus (Covid-19) na cidade. A ação foi definida hoje (14), com representantes do Gabinete de Crise, secretarias de Meio Ambiente e Saúde, Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade (Sutram) e Guarda Civil Municipal (GCM). Há dois meses o município convive com a Covid-19, sem que a medida tenha sido adotada nestas regiões limitrofes.

A operação começa nesta sexta-feira (15), às 7h, seguindo ininterruptamente até segunda-feira (18), com equipes da Vigilância Sanitária e Sutram, em conjunto com o efetivo da GCM e apoio da Polícia Militar da Bahia (PMBA). Mozart Aragão, secretário de Meio Ambiente, explica que as pessoas que moram em Ilhéus precisam comprovar o domicilio. A abordagem é realizada por técnicos, com utilização de termômetro digital para aferição da temperatura, além de perguntas direcionadas à identificação de casos suspeitos da Covid-19.

“Essa medida será tomada para a segurança de todos. Pedimos encarecidamente que a população fique em casa, mas se for necessário sair, utilize máscara. Só assim vamos combater essa doença perigosa”, ressaltou Aragão. Durante a abordagem, o condutor também responderá a um questionário para os preenchimento dos seguintes dados: endereço, número do RG e CPF. Se a pessoa residir em Ilhéus e apresentar sintomas da doença será acompanhada pela equipe da Vigilância Epidemiológica do município.

Buerarema: Idosos do Abrigo São Vicente de Paula testam negativo para covid-19

 

IMG_3143Tendo em vista que os idosos fazem parte do grupo de risco do coronavírus  e, preocupada com a preservação da saúde e busca de melhoria  nos cuidados desse grupo, a Secretaria de Saúde de Buerarema, na terça-feira (12) compareceu ao Abrigo São Vicente de Paula para realização de teste rápido do COVID-19.

A instituição conta com 22 idosos e 16 pessoas envolvidas com cuidados e manutenção da casa, todos realizaram o teste e apresentaram o resultado negativo. E para intensificar o zelo e mantê-los protegidos contra o Coronavírus foram distribuídas máscaras de tecido para todos eles.

 

 

Fernando Gomes disse que vai recorrer sobre a suspensão das feiras livres

fgEm entrevista ao Programa Balanço Geral da Record TV Cabrália, sobre a decisão judicial que proíbe o funcionamento das feiras livres em Itabuna, o prefeito Fernando Gomes disse que a justiça tomou uma decisão precipitada, e que em nenhum momento a prefeitura foi ouvida, e somente recebeu a decisão.

 

 
Na oportunidade, o prefeito lembrou que a maioria da população, cerca de 80%, realiza compras nas feiras. O prefeito falou também da sua preocupação com os pequenos produtores, a exemplo da Roça do Povo, onde os produtores sobrevivem da renda das vendas nas feiras, e que a mercadoria, por ser perecível, apodrece, não espera para vender depois.

 
O prefeito disse ainda que discorda da decisão, e que vai recorrer, ao momento em que tomará medidas para adequar o distanciamento das barracas o mais rápido possível.

Senai Cimatec já reparou mais de 100 respiradores mecânicos

respNo momento em que a busca por respiradores mecânicos cresce em todo o mundo, devido à pandemia do novo Coronavírus, o Senai Cimatec já reparou 101 destes equipamentos que estavam com defeito em hospitais da Bahia. A ação é parte da força-tarefa coordenada pelas secretarias estaduais do Planejamento (Seplan) e Desenvolvimento Econômico (SDE). A iniciativa conta com uma equipe de engenheiros e técnicos que continua trabalhando no reparo de outros respiradores mecânicos, equipamentos fundamentais para o atendimento dos casos mais graves da Covid-19.

“A equipe do Senai Cimatec está realmente de parabéns por este belo trabalho colaborativo. Estes 101 equipamentos já foram devolvidos para os hospitais para salvar vidas e fortalecer o combate ao Coronavírus. A meta desta ação era realizar o reparo de 100 unidades, então já foi superada e o trabalho continua de forma intensa para devolver aos hospitais mais respiradores. Inclusive, já solicitamos para fabricantes a reposição de peças para ampliar a dimensão deste trabalho ainda mais”, destaca o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro.

Read the rest of this entry »

Prefeitura de Itabuna reforça frota do SAMU e intensifica ações de combate ao Coronavírus

samu pmiA Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria Municipal de Saúde intensificou as ações de combate ao Novo Coronavírus no município. Dentre as ações realizadas, estão as barreiras sanitárias, implantadas há algumas semanas em cinco pontos de acesso ao município: avenidas J.S. Pinheiro, Kenedy, Amélia Amado, Itajuípe e Juracy Magalhães. As barreiras sanitárias contam com o apoio da Secretaria Municipal de Segurança, Transporte e Trânsito (SESTTRAN) e do 15º Batalhão de Polícia Militar.
Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, as barreiras receberão reforços de profissionais de saúde que seguirão um protocolo de abordagem com a realização de perguntas, para possível identificação sintomática, além da aferição da temperatura corporal por meio de termômetros digitais.

Testes Rápidos
A Prefeitura de Itabuna estará homologando nos próximos dias o resultado da licitação realizada para aquisição de 20 mil testes rápidos. De acordo com o secretário Uildson Nascimento, esses testes também serão utilizados nas barreiras, onde a pessoa poderá chegar de carro, ser testada sem sair do veículo, e ter seu resultado em até 20 minutos.

Nova Ambulância reforça atendimento do SAMU
Na tarde desta quarta-feira (13), o município recebeu mais uma ambulância que será utilizada para reforçar o trabalho do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192). De acordo com a SMS, e ambulância foi solicitada em setembro de 2019, liberada em janeiro, e enviada ao município após passar por todos os trâmites burocráticos. Diante do crescimento da demanda de chamadas no SAMU, provocado pelo coronavírus, a nova ambulância se junta à frota do serviço que atualmente possui 3 veículos, sendo 1 avançado e 2 básicos, além de duas unidades da reserva técnica.

Antônio Carlos Rabat deixa UTI sob aplausos e ao som da ´Música da Vitória´

Um dos mais queridos e competentes médicos do sul da Bahia, Antônio Carlos Rabat, deixou hoje a UTI, em Ilhéus, após se recuperar da Covid-19. Rabat foi recebido com festa pelos servidores da Santa Casa de Misericórdia, uma das unidades onde trabalha, ao som do sax entoando a Música da Vitória, executada nas conquistas do piloto de fórmula 1, Airton Sena.

O médico foi infectado pelo vírus e somente no terceiro teste realizado é que o resultado foi positivo. Antônio Carlos Rabat passou por momentos delicados, tendo sido, inclusive, entubado. (Jornal Bahia Online)

Ex-gerente da Caixa morre vítima do Covid 19

cef

Cristiano Ferraz, ex-gerente da Caixa Econômica Federal, morreu nesta quinta-feira (14) vítima de Covid-19. Considerado uma pessoa bastante alegre, Cristiano deixa boas lembranças para amigos familiares.

O ex-bancário estava internado no Hospital Calixto Midjel Filho, em Itabuna, há 19 dias. Natural de Vitória da Conquista, Cristiano deixa dois filhos.

Nas redes sociais,, colegas da Caixa lamentam a perda de uma pessoa querida prestam solidariedade aos familiares.

Testes rápidos positivos passam a ser aceitos para notificação da Covid-19

testes santa casA Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) publicou nesta semana um novo manual que detalha o passo a passo para a notificação dos casos suspeitos do novo coronavírus (Covid-19) pelas prefeituras e unidades de saúde. O documento também define os critérios a serem adotados para a coleta de material biológico e o tipo de teste adequado para cada situação.

O secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, ressaltou que, “diante de um resultado positivo de teste rápido ou RT-PCR, a notificação deve ser feita imediatamente pelas instituições de saúde do setor público ou privado, em todo o território nacional”.

O documento elaborado pela Sesab esclarece que o teste rápido deve possuir registro na Anvisa e ser validado pelo Instituto Nacional e Controle e Qualidade em Saúde (INCQS). “Além disso, o resultado deve ser interpretado por um médico”, afirmou a diretora da Vigilância Epidemiológica da Bahia, Márcia São Pedro.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2020
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31