hanna thame fisioterapia animal
prefeitura itabuna coronavirus 155 livros do thame

Archive for maio 8th, 2020

App Preço da Hora Bahia agiliza compras do Dia das Mães

Que tal um aplicativo que facilite a pesquisa de preços para as compras neste Dia das Mães tão diferente do habitual em função da pandemia do novo coronavírus? Lançado há menos de um mês pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Fazenda (Sefaz-Ba), o app Preço da Hora da Bahia já tem 88,5 mil usuários em todo o Estado, está disponível para celulares Android e iOS e na página web precodahora.ba.gov.br e permite fazer pesquisas sobre mais de 500 mil produtos vendidos no mercado baiano.

Basta digitar o nome do produto ou fazer a leitura do código de barras impresso na embalagem. As informações tomam por base as notas fiscais emitidas pelos estabelecimentos, e o resultado traz informações como o telefone de contato da loja, seu endereço e o roteiro para se chegar ao local, com a ajuda do Google Maps. Os preços são pesquisados com auxílio da geolocalização, em um diâmetro definido pelo usuário, que pode variar entre um e 30 quilômetros de distância.

Se depender dos consumidores, o Preço da Hora Bahia já é parte do dia-a-dia e das datas especiais. “O aplicativo tem facilitado bastante a nossa vida neste momento em que precisamos evitar sair de casa. Rapidamente pude consultar os melhores preços para presentear minha mãe com uma batedeira nova”, conta a estudante de nutrição Adriana Serafim, 26.

Read the rest of this entry »

Crushs da Quarentena, com Michele Tazitu

Caixa abre agencias no sábado para pagamento do auxílio emergencial

A CAIXA vai abrir 680 agências neste sábado (9), de 8h às 12h, para atendimento do saque em espécie dos beneficiários do Auxílio Emergencial que recebem pela Poupança Social Digital.

 Nos municípios que contam com mais de uma agência, o banco abrirá 50% das unidades. Também estarão abertas as unidades dos municípios que contam com apenas uma agência.

No estado da Bahia, 38 agências estarão abertas para atender aos beneficiários do Auxílio Emergencial, entre elas Itabuna e Ilheus, A CAIXA reforça que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem nas agências durante o horário de funcionamento, de 8h às 12h, serão atendidas. Mesmo com as unidades fechando às 12h, o atendimento continua até o último cliente do dia.

Consulte as agências que estarão abertas no arquivo anexo ou no link abaixo:

www.caixa.gov.br/agenciasabado

O banco continua atento à situação das filas em todo o Brasil, atuando para que sejam reduzidas de forma gradual. A capacidade de atendimento foi ampliada nas agências com a realocação de mais de 3 mil funcionários, além da contratação adicional de 4.800 vigilantes e quase 900 recepcionistas para organizarem as filas e orientarem o público.

O Coronavírus e o desafio Federativo

Luciano Robson Rodrigues Veiga

Foto Luciano VeigaO Coronavírus provoca a maior crise sistêmica da década, provocando colapso nos sistemas de saúde, economia e político. Dado a rapidez na contaminação, alguns países estão buscando experiências positivas de outros, objetivando criar uma sistematização de ações, evitando excessos ou ação tardia.

No Brasil, estamos passando por vários testes, na saúde, na economia e na política. Das três áreas mencionadas, aparentemente, a que melhor e serenamente tem se comportado é a da saúde, que tem buscado levar as informações, ações e articulações para enfretamento equilibrado da Pandemia que vem avançando no território nacional.

O Brasil tem o Sistema Único de Saúde – SUS, porém ao longo dos anos vem sendo negligenciados, quer seja pela falta ou o subfinanciamento de recursos financeiros e a interferência política, interferindo na capacidade do seu atendimento de caráter universal, como preconiza a nossa Constituição.

Um dos maiores desafios será a articulação federativa entre União, Estados, Distrito Federal e os municípios. Nesta divisão de papel e responsabilidade é preciso levar em consideração quem está na ponta. Como fazer chegar aos serviços de saúde municipal os recursos apontados pelos Governos, Federal e Estadual para o combate ao Coronavírus. Como agir para equipar as estruturas hospitalares de respiradores e outros equipamentos vitais ao tratamento do paciente grave do COVID-19, contratação de profissionais de saúde e EPIs.

Fazer o enfretamento de um vírus que impacta todo o sistema de saúde, a economia, a vida das pessoas, perpassa pela busca de informações, testagens, número de leitos e de profissionais, dentre outros elementos fundamentais para tomada de decisão. Não construir o planejamento e não integrá-los com as esferas federativas, é como caminhar às cegas.

Além, da integração federativa é necessário a integração institucional público, privado, academias de ensino, pesquisa e extensão. Nesta linha do front não se pode abrir mão de quaisquer agentes que possa contribuir com as suas especialidades.

No Brasil, caminhamos infelizmente em um mosaico, uma colcha de retalhos de ações, sem planejamento estratégico integrado, e, o que mais preocupa, sem a devida comunicação com a população, levando com efeito de escala, uma quebra significativa no índice do isolamento social, provocando o crescimento exponencial da curva de contaminação e os seus efeitos nefastos, não temos leitos suficientes e vidas serão perdidas.

O que aprendemos com os países que estão controlando e achatando a curva de contaminação, é o planejamento integrado, principalmente entre os entes federados.

O que fica claro nesta pandemia é a dicotomia da estrutura federativa do Brasil, a falta de hábito e respeito desta integração, veio à luz. Os entes se comportam de acordo com o seu poder político e econômico. Assim, agem na tratativa de quebrar “a organização político-administrativa do Brasil compreende a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, todos autônomos”, conforme artigo 18 da mesma Constituição.

Ou, nos unamos em nome do povo Brasileiro e passamos a falar a mesma língua ou nos martirizamos pelo sofrimento e morte do cidadão e da cidadã que confiou ao Estado a sua proteção.

Portanto, a União em vez de judicializar a extensão da sua autonomia – a exemplo de romper com o isolamento social, querer adentrar na competência concorrente de Estados, Distrito Federal, Municípios e União – reconhecido pelo Supremo Tribunal Federal, que o Governo Federal compreenda o seu papel e responsabilidade e, saiba que a Constituição Federal de 1988, ao conceder a autonomia entre os entes federados do Brasil, em um país de tamanho e diversidade continental, nos deu, neste momento a oportunidade de sobreviver a esta pandemia. Imagine, se uma conduta errática de um dos líderes federativos fosse extensivo a todo o território nacional ou estadual em detrimento ao local, em uma só canetada podemos morrer ou viver.

*Luciano Robson Rodrigues Veiga é Advogado, Administrador, Especialista em Planejamento de Cidades.

Carlos Bolsonaro publica fake News sobre Governo da Bahia

 
O vereador da cidade do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro, usou seu perfil oficial no Twitter para publicar, às 7h52 desta sexta-feira (8), uma fake news contra o governador da Bahia, Rui Costa. “A internet liberta: governador Rui Costa (PT-BA) curtindo o carnaval com embaixador da China. ouça as palavras do cantor de axé”, escreveu na rede social o vereador e filho do presidente da República, Jair Bolsonaro.

A publicação, deletada pelo vereador poucos minutos depois, direcionava o internauta para um vídeo no YouTube, onde o cantor Bell Marques, ao conversar com o governador, de cima de um trio elétrico, disse: “nós estamos preparados para esse vírus […] você é um grande representante da nossa terra”.

A publicação de Carlos Bolsonaro fomentou, de imediato, o compartilhamento de diversos outros conteúdos no Twitter e no WhatsApp associados a este vídeo. Nas publicações, os autores das fake news afirmam que o vídeo foi feito no carnaval deste ano e que o vírus ao qual Bell Marques se refere é o novo coronavírus. As duas informações são inverídicas e já esclarecidas pelo Governo do Estado e por diversos veículos de comunicação, a exemplo do portal G1 (https://g1.globo.com/fato-ou-fake/coronavirus/noticia/2020/05/07/e-fake-que-video-mostre-bell-marques-falando-do-novo-coronavirus-com-governador-da-ba-no-carnaval.ghtml).

Os esclarecimentos

1 – O vídeo foi produzido em 2017 e está publicado originalmente no canal do Governo da Bahia no YouTube (https://www.youtube.com/watch?v=BNYBNFOABHY). A versão original da gravação foi retirada do contexto e publicado em diversos outros canais do YouTube. O internauta Érico Lustosa, por exemplo, publicou em seu canal o vídeo com o texto “Vídeo mostra como foi preparado e introduzido o vírus Chinês no Brasil, o plano comunista montado articulado e implantado, acorda Brasil o sono e a apatia será o nosso fim” (veja aqui: https://www.youtube.com/watch?v=I8KmwFlNHqQ)

2 – Bell Marques se refere ao Zika Vírus, e não ao novo coronavírus.

3 – Os chineses estavam na Bahia porque o Governo do Estado mantém fortes relações com o país asiático e tem estabelecido parcerias em projetos de infraestrutura. Depois de 2017, dois grandes projetos foram fechados com empresas chinesas: o VLT do Subúrbio Ferroviário de Salvador e a Ponte Salvador-Itaparica.

Lei contra fake News
No dia 5 de maio, o Governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa da Bahia Projeto de Lei que tem como objetivo combater a divulgação de notícias falsas sobre epidemias, endemias e pandemias em toda a Bahia. O projeto, que ainda não foi votado pelos deputados estaduais, estabelece a aplicação de multa para quem elaborar, divulgar e utilizar softwares ou outros mecanismos para o compartilhamento em massa de notícias falsas.

Funcionários do Hospital Costa do Cacau recebem treinamento para tratar pacientes infectados pelo coronavírus

hrcc 3Com a abertura nesta semana da unidade Covid-19, exclusiva para tratamento da doença, no Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, funcionários da ala receberam treinamento e instruções específicas para a atuação profissional dentro do ambiente hospitalar de cuidados com os enfermos infectados pelo novo coronavírus.

Apesar de a maioria desses profissionais contratados para atuar na ala Covid-19 ter vivência em UTIs e conhecer seu funcionamento, a equipe especializada de Enfermagem do HRCC realizou treinamento sobre uso de equipamentos e repassou orientações de fluxo interno de assistência ao paciente.

hrcc 1Outras orientações técnicas específicas também foram repassadas, como a utilização da cápsula para transportar pacientes Covid-19, que protege o colaborador de aerossóis gerados. Para a equipe de técnicos de enfermagem foi orientado o funcionamento da bomba de infusão utilizada para drogas vasoativas, administração de medicações e uso contínuo como as sedações.

Instrutores do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), do HRCC, orientaram sobre higienização das mãos, retirada de adornos, utilização de avental descartável, roupa privativa, óculos de segurança, protetor facial, luva de procedimento, máscara PFF2/N95 e respirador facial com filtro químico.

Como parte do treinamento teórico-prático, também foram abordados: distância segura, cuidados com a retirada de vestimenta, máscara cirúrgica, colocação de retirada de equipamentos de proteção individual – EPIs (paramentação e desparamentação) e manual preventivo de propagação.

De acordo com o diretor assistencial do HRCC, Almir Gonçalves, a unidade Covid-19 do hospital segue um planejamento já adotado pela administração, com treinamentos que capacitam profissionais. “Sempre esteve em nossa rotina a aplicação de treinamentos. Nós buscamos qualificar e melhorar os serviços em saúde para os pacientes; também, em especial, devemos resguardar a saúde dos nossos colaboradores”, explicou.

Avaliação

Funcionários do HRCC avaliaram de forma positiva a abertura da unidade Covid-19, sua estrutura e seus cuidados para prevenção, como o túnel de desinfecção. Para a auxiliar administrativa Iza Reis, a iniciativa é essencial e eficaz para conter a disseminação do vírus, em um momento como este. “Nosso agradecimento ao Governo do Estado, assim como à direção do Hospital Regional Costa do Cacau por estarem juntos e trabalhando alinhados visando nossa prevenção e de todos os pacientes. Temos o Costa do Cacau como exemplo”, disse.

O enfermeiro Ronaldo Pereira sinalizou que, com a chegada do novo coronavírus, o cenário em todos os estados e municípios mudou. “Essa nova estrutura dentro do HRCC foi uma resposta eficiente frente ao problema que enfrentamos. Os investimentos vieram para agregar aos cuidados que ofertamos aos usuários do SUS. Nosso agradecimento ao governador Rui Costa e à direção do IBDAH, que faz a gestão do Hospital Costa do Cacau” .

 

rcm mkat

Dia das Mães: Shopping Jequitibá realiza campanha “Seja presente sem sair de casa”

Dia das mães shoppngEm tempos de Covid 19 que levou ao fechamento do comércio e ao isolamento social, esse será um Dia das Mães diferente dos anos anteriores. Mas o Shopping Jequitibá em Itabuna preparou uma campanha especial para garantir o presente para quem nos deu a vida e nos cobre de afeto e atenção.

O delivery do Jequitibá garante a aquisição dos presentes com segurança sem sair de casa. Basta entrar na página oficial do shopping no Instagram (@shoppingjequitiba) , e clicar no link que encaminhará ao site do Jequitibá (www.shoppingjequitiba.com.br). Lá o cliente encontra a relação das lojas participantes e ai basta clicar no ícone da loja e fazer o pedido e escolha do presente através do número do wathsapp, confirmando o local da entrega,

A campanha “Seja presente sem sair de casa” tem a participação da Luz da Lua, Cacau Show, Anacapri, Lupo, Traços e Formas, Samsug, Bernard Jóias, Grelhados e Cia, Mersan, FioLaser, Kopenhagen, Melissa, O Boticário, Hope, CS Club,, Carmen Steffens, Le Biscuit, Arezzo,, Chilli Beans, Detalhes, Zayra, Colcci, Imaginarium, Piticas e C&A.

Governo do Estado distribui 30 mil máscaras em Ilhéus e Itabuna

marcas ita e iosA população dos municípios de Ilhéus e Itabuna, na região sul do estado, vai ganhar um reforçou importante no combate à Covid-19.

Neste final de semana, dias 9 e 10, o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), vai distribuir 30 mil máscaras artesanais naqueles municípios.

O público-alvo são feirantes, mototaxistas, trabalhadores ambulantes, moradores dos bairros periféricos e comunidades indígenas. Na região, a confecção das máscaras é realizada por empreendimentos de economia solidária e distribuídas pelo Centro Público de Economia Solidária Litoral Sul.

“Essa é a primeira leva das 2 milhões de máscaras que serão produzidas e distribuídas pelo Governo do Estado em toda a Bahia, por meio do Projeto Trabalhando em Rede”, afirma o secretário Davidson Magalhães (Setre)

masc

O projeto, que conta com a parceira do Ministério Público do Trabalho, é financiado pelo Fundo de Promoção do Trabalho Decente e vai beneficiar 600 costureiras de Salvador, Itabuna, Senhor do Bonfim, Juazeiro, Vitória da Conquista e municípios.

A iniciativa vai beneficiar, com geração de trabalho e renda, egressos dos cursos de Corte e Costura do Programa Qualifica Bahia e de projetos do Funtrad, emprendimentos da economia solidária, profissionais da área têxtil inseridos no Programa Contrate.Ba e pessoas em situação de maior vulnerabilidade social, como mulheres chefas de família monoparental.

As máscaras serão distribuídas pelo Governo do Estado para trabalhadores de áreas essenciais, grupos de risco e pessoas mais vulneráveis, como idosos, população de rua, quilombolas e indígenas.

 

Projeto da UESC é publicado no livro “Iniciativas de Educação em Solos no Brasil”

PET SolosA Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), por meio do projeto “Pets Solos”, do Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais (DCAA), está presente no livro “Iniciativas de Educação em Solos no Brasil”, recém-publicado pela Sociedade Brasileira de Ciência de Solo (SBCC), sediada no município de Viçosa (MG), em comemoração ao Dia Nacional da Conservação do Solo.

A publicação reúne 78 ações que foram cadastradas, pelos coordenadores, no Banco de Dados Nacional de Iniciativas de Educação em Solos. De acordo com os organizadores do livro-Marcelo Ricardo de Lima, Fabiane Machado Vezzani, Valentim da Silva e Cristine Carole Muggler-“a educação em solos é um processo formativo e humanizador dos sujeitos envolvidos, em que o conhecimento sobre solos é construído a partir de suas vivências”.

O PET Solos da UESC é um dos 842 grupos do Programa de Educação Tutorial –PET do MEC e é o primeiro PET do Brasil com a temática em Solos  com atividades iniciadas  em dezembro de 2010. Atualmente é constituído por 12 bolsistas dos cursos de graduação em Geografia e Agronomia, sob a coordenação da professora Dra. Ana Maria Moreau e apoio professor Dr. Mauricio Moreau.

As atividades desenvolvidas pelo grupo PET Solos abrangem os três pilares da universidade: a pesquisa, o ensino e a extensão. Tem por objetivo promover uma formação ampla e de qualidade dos alunos envolvidos com o programa, bem como, dos acadêmicos dos cursos de Geografia e Agronomia.

Os resultados das atividades de pesquisa são muitos, explica a professora Ana Maria Moreau. “Desde a sua instalação em seis de dezembro de 2010, já foram apresentados 66 trabalhos em eventos científicos nacionais e internacionais e publicação de 04 capítulos de livros. Participaram desse programa 25 bolsistas com permanência mínima de dois anos, destes, 10 ingressaram em Programas de Pós-Graduação, cinco já atuam como professores e os demais em empresas agrícolas.”

A “Oficina da Ciência da Terra” e as exposições no projeto “Caminhão com Ciência” são formas de ação no exercício do ensino/extensão buscando atingir estudantes do ensino fundamental e médio da rede pública e particular de ensino da região. No ano passado foram realizadas 20 oficinas da Ciência da Terra com participação de 618 estudantes desde o ciclo fundamental I e II até ensino médio e curso técnico. No último ano o  PET Solos participou de 17 exposições do “Caminhão com Ciência”, totalizando 930 estudantes assistidos no stand do grupo.

Read the rest of this entry »

Durante entrevista à imprensa de Jequié, Ipiaú e região, Rui detalha medidas do Estado e pede cooperação dos baianos

Rui JequiéEm entrevista a emissoras de rádio das cidades de Jequié e Ipiaú, na manhã desta sexta-feira (8), o governador Rui Costa falou sobre os investimentos estaduais para conter o avanço da covid-19 e reforçou o pedido para que a população mantenha as recomendações de distanciamento social e fique em casa. “É fundamental que as pessoas tenham consciência de que só existe uma maneira de conter a expansão do vírus que é evitando o contato social”, disse Rui. A entrevista foi feita usando o recurso videoconferência.

Rui disse que está “abrindo leitos de média e alta complexidade em todas as regiões do Estado num esforço para garantir que nenhum baiano que precise de atendimento fique desamparado”. Entre os equipamentos em funcionamento, destaque para as UPAs em Ipiaú e de Gandu, ambas com respiradores e capacidade de receber e dar assistência aos pacientes. Em Jequié, houve ampliação da oferta de leitos no Hospital Prado Valadares e contratação de leitos no Hospital São Vicente, enfatiza o governador.

Read the rest of this entry »

Corpo de Bombeiros distribui máscaras e orienta público nas estações do metrô para combater a Covid-19

Foto Fernando Vivas_GOVBA (2)

Máscaras para evitar a contaminação pela Covid-19 estão sendo distribuídas, gratuitamente, pelo Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), em todas as estações de metrô em Salvador. Conforme estabelece a Lei Estadual 14.261, sancionada pelo governador Rui Costa, a obrigatoriedade do uso do acessório passa a vigorar nesta sexta-feira (8).

Foto Fernando Vivas_GOVBA (1)A distribuição prossegue até domingo (10), com a entrega, apenas para quem não tem o acessório, e orientações sobre a importância do uso da máscara. A ação faz parte da força tarefa composta por diversas secretarias do Estado. O coronel do Corpo de Bombeiros, Adson Marchesini, responsável pela execução da operação, afirmou que o objetivo é alertar a população. “Estamos informando aos que não estão respeitando a obrigação do uso da máscara sobre a necessidade do acessório para se proteger e para proteger o próximo. Em todas as estações, estamos distribuindo máscara para aqueles usuários que não tiverem”.

Ainda segundo o coronel Marchesini, “os bombeiros assumiram essa tarefa devido a uma necessidade que foi apresentada à corporação, que, prontamente se colocou à disposição para ajudar, uma vez que nós representamos o Estado. A utilização da máscara é obrigação de qualquer passageiro que usa o sistema de transporte público para proteger a si próprio e ao próximo”.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2020
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31