hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Cônsul-geral de Cuba convida Nelson Leal para os 500 anos de Havana

cuba alba (2)

A cônsul-geral de Cuba para o Nordeste, Milena Caridad Zaldivar Piedra, propôs hoje ao presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Nelson Leal, a formação de uma comitiva de deputados da Assembleia da Bahia para que visitem Havana no aniversário da capital cubana, dia 9 de novembro, quando a cidade completa 500 anos de fundação.

cuba alba (1)“Será um momento importante para reverenciar a história da Ilha, que tem uma relação muito afetiva com a Bahia, principalmente depois que os médicos cubanos ajudaram a fazer um trabalho de prevenção de doenças e estavam presentes nas cidades mais humildes da Bahia”, relembrou o chefe do Legislativo estadual.

A consulesa tratou também com o presidente da ALBA de questões da soberania nacional dos cubanos. A conversa aconteceu em visita de cortesia da representante diplomática de Cuba, na companhia do deputado Marcelino Galo Lula (PT) e do jornalista e escritor – especializado em assuntos cubanos – Walter Xeo.

Milena Piedra tratou do bloqueio econômico imposto pelos Estados Unidos aos cubanos, que já dura 57 anos. “Trata-se do impedimento mais longo da história da humanidade”, frisou Marcelino Galo.

Com a proximidade da Assembleia Geral das Nações Unidas, que acontece dia 25 de Outubro, a Cônsul-geral busca apoio para mostrar a Organizações das Nações Unidas (ONU) que não existe razão para o embargo continuar.

“O povo brasileiro compreende que nenhum país tem o direito de impor sanções econômicas unilaterais a outro porque respeita a soberania e a independência de outros países”, disse Piedra.

Sobre o tema, Nelson Leal disse torcer para que os países que compõem a ONU sejam mais generosos com os cubanos. O presidente reconhece que, com o fim do bloqueio, Cuba vai viver com mais tranquilidade. “Estaremos torcendo para que Cuba possa fazer relações comerciais com todos os países”, declarou.

No encontro, o deputado Marcelino Galo informou sobre a realização de Sessão Especial na ALBA para tratar sobre a questão. No evento, o petista quer discutir os aspectos econômicos, sociais e culturais impostos pelos Estados Unidos ao povo cubano com o bloqueio e pretende tirar uma manifestação conjunta da Casa Legislativa para levar a ONU no dia 25 de Outubro.

Para demonstrar a satisfação em receber a consulesa Milena Piedra, o presidente Leal presenteou-na com uma miniatura de um berimbau de prata e dois livros publicados pela ALBA Cultural: “Sinhazinha”, de Afrânio Peixoto, e “O Auto da Gamela”, de Carlos Jehovah e Esechias Araújo Lima.

A cônsul retribuiu com charutos cubanos, cortador e um artesanato do seu país retratando os charuteiros em seu ofício. “Temos charutos baianos muito bons”, brincou Nelson Leal.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

One Response to “Cônsul-geral de Cuba convida Nelson Leal para os 500 anos de Havana”

  • Ivanei disse:

    Olá, na segunda linha do texto, no nome da ALBA, Bahia está escrito com “V”.
    Favor não me interpretar mal, o intuito é de ajudar.

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago   out »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930