hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Archive for dezembro, 2018

Irmão Sol, Irmã Lua

Daniel Thame

dthameEle era trabalhador rural numa fazenda em Canavieiras, cidade que era o limite de seu mundo e para onde ia, todos os finais de semana, fazer a feira, composta de arroz, feijão, farinha, óleo, açúcar, sal e, de vez em quando, jabá, fato e chupa-molho.

Além, é claro, da garrafa de cachaça.

Ela era mulher de um trabalhador rural em Ipiaú, cidade que era o limite de seu mundo e para onde ia, todos os finais de semana, orar no culto na igreja evangélica que lhe oferecia o céu como compensação para a vida dura na terra.

Orava pela saúde do marido, cujo trabalho garantia o sustento da família, e por um futuro melhor para os três filhos.

Se essa fosse a vontade de Deus…

Quando vieram os sinais de que a crise provocada pela vassoura-de-bruxa era pior do que se imaginava, ele foi despedido da fazenda e mudou-se para Camacan, onde conseguiu um emprego de gari na prefeitura.

Como a bruxa não tinha limites e se alastrava por toda a região, o marido dela também perdeu o emprego. Tão logo chegaram a Ubaitaba, para onde se mudaram, ela conseguiu um emprego de doméstica. Meses depois, o marido a abandonou e sumiu no mundo, deixando-a sozinha com três crianças para cuidar.

Quando a prefeitura de Camacan, abalada pela decadência da cidade e com a arrecadação despencando, teve que demitir funcionários, os apadrinhados foram mantidos, ele, pobre gari, perdeu o emprego.

 

Foi tentar a vida em Itabuna, onde passou a viver de pequenos bicos e morar num barraco no Maria Pinheiro, bairro paupérrimo nas fraldas da periferia da cidade.

Em Ubaitaba, a patroa, empobrecida pela crise, não teve como manter a empregada. Penalizada, ainda deu o dinheiro para a viagem até Itabuna, o máximo aonde aquela pobre mulher poderia ir.

No mesmo bairro Maria Pinheiro, montou um barraco, misto de papelão e restos de madeira, e passou a trabalhar como lavadeira, ganhando o pão com o suor do seu rosto banhando as águas do Rio Cachoeira.

Os dois se cruzaram quando ele voltava do centro da cidade, onde acabara de ganhar 15 reais para limpar um terreno, e ela levava na cabeça uma imensa trouxa de roupas.

Ele se ofereceu para ajudar, ela aceitou.

No barraco, ele aceitou o café ralo que ela ofereceu.

Sorriram, escancarando os poucos dentes daquelas bocas que, na sequência, trocaram o primeiro beijo.

Dias depois, estavam morando juntos, dividindo a mesma cama sob um teto cheio de buracos em que, nas lindas noites de verão, podiam contemplar estrelas, distraídos.

A bruxa, que tantas vidas havia tragado, tantas tragédias pessoais e coletivas havia causado, abençoou o encontro mais do que improvável.

Virou, ainda que por linhas tortas, uma fada.

E eles, que nunca tiveram nada, juntaram o pouco que agora tinham e foram felizes para sempre!

———————

Conto extraído do livro “Vassoura”, apogeu e ocaso da Região Cacaueira, Editora Via Literarum

Artes & Artistas

O mundo Naif

b679631e-29a8-43ac-be35-baf759b639e5

Juraci Masiero Pozzobon

 A arte Naif é a arte mais antiga, pura, ingênua, anti naturalista é originada na Arte Plástica  Pré-História. Vindo a ser substituído pelas artes do estilo acadêmico, impressionismo, expressionismo, surrealismo e cubismo. A arte Naif veio para romper a estética da arte europeia.

n 1

Foi no século XX com a Renascença que Henri Rouseau, pintor francês que com 49 anos começou a pintar, depois de se aposentar como o coletor de impostos. Henri era um autodidata naif, mesmo sendo ironizado pelos críticos contemporâneos, mas ganhou o respeito de artistas modernos, revelando assim a sua simplicidade. Não se preocupava em representar fielmente a realidade. Assim, surgiram tantos outros artistas naifs.

No Brasil, há desenhos e pinturas ruprestes em rochas e a pintura indígena, surgindo vários pintores primitivistas com trabalhos de reconhecimento.

92788fcd-c548-4363-9372-ae740dd692ef (1)

O grupo no Brasil é muito unido, lutam pelo que fazem demonstrando à felicidade a contemplação da natureza em suas telas. São trabalhos de extrema realidade da região que vivem. Eles dão ênfase no seu estilo naif com cores vivas chocantes, ocupação de todo espaço, imaginação, desregularização, irrealidade dos fatos, reproduzidos à partir de temas populares geralmente inspirados no meio rural.

“O desejo é espontâneo do naif de desenhar e pintar, pelejando um espaço vitorioso que emparelha dentro da arte contemporânea”.

Vai viajar e deixar seu animal sozinho? Veja algumas dicas sobre cuidados com os pets no feriadão

Hannah Thame

htCom a chegada do feriado prolongado de Ano Novo,  a maioria das pessoas se programa para viajar e passar um período fora de casa, no entanto, muitas esquecem os cuidados que devem ter com seus bichinhos de estimação para que estes fiquem em segurança durante a sua ausência. Dentre os problemas que podem acontecer, os mais frequentes são acidentes domésticos,  intoxicação alimentar e, até mesmo, fugas devido ao medo dos fogos de artifício.

A intoxicação alimentar é um dos principais problemas que levam os animais à emergência nos períodos festivos do final do ano. Alimentos muito gordurosos, por exemplo, podem levar a vômitos e diarreia. Já os chocolates podem causar graves intoxicações, já que os cães possuem grande deficiência em metabolizar os seus componentes, o que também pode ser causado pela ingestão de algumas frutas secas e castanhas. Os ossos e pedaços maiores de carnes também devem ser evitados, pois podem levar a obstrução intestinal.

ernesto (2)

Se você vai viajar e não pode levar seu animal junto, tente não deixa-lo sozinho. Para isso, existem os serviços de hospedagem, como os hotéis para cães, que garante que seu animalzinho passe esse período longe de você em segurança. Pesquise e encontre o melhor para seu pet, ele merece!

 

Hannah Thame é Médica Veterinária e Mestre em Ciência Animal – UESC

“Fake News”: a mentira como protagonista

Débora Spagnol

Debora SpagnolNotícias falsas, chamadas “fake news”, se espalham pelas redes sociais de forma mais rápida, fácil e ampla do que as notícias reais. A conclusão é de uma pesquisa publicada na revista Science e organizada pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology), nos EUA, em que foram analisadas 126 mil notícias que circularam no Twitter no período de 2006 a 2017. Analisadas por seis organizações independentes que checaram uma a uma a veracidade dos fatos constatou-se que as notícias falsas têm 70% mais chances de serem repassadas do que as verdadeiras. (1) E as falsas notícias políticas se espalham três vezes mais do que os outros assuntos.

Mas qual o fascínio que as “fake news” exercem sobre as pessoas ? Estudiosos dizem que as notícias falsas são desenhadas para atingir o coração dos sentimentos fortes: medo, rejeição, surpresa ou amor. Assim, os criadores sabem que notícias falsas que tocam diretamente no sentimento da sociedade serão mais compartilhadas do que as verdadeiras, mas desprovidas do apelo sentimental. Para ilustrar, basta ressaltar a enxurrada de “fake news” espalhadas pelas redes sociais no nosso país, atualmente polarizado politicamente em razão do julgamento do ex-Presidente Lula. Nem mesmo as grandes redes de comunicação são imunes à propagação de falsas notícias. (2)

fake 2Embora criadas com o objetivo específico de espalhar dúvidas, “enganar, a fim de obter ganhos financeiros ou políticos” (3) as notícias falsas não são novidade. Segundo consta, as informações falsas se originaram ainda na antiguidade, sendo que o mais famoso propagador delas foi o faraó egípcio Ramsés II, que governou o Egito durante 66 anos (de 1279 a 1213 a.C). Embora tenha construído monumentos a ressaltar sua perícia nas armas, visando assim ressaltar seus dotes como guerreiro e estrategista, modernas descobertas arqueológicas comprovaram que ele era um soldado limitado e os monumentos haviam sido erguidos a outros guerreiros, tendo o faraó se apropriado dos mesmos, como se fosse ele o representado. Um autêntico propagador, portanto, de “fake news”. (4)

Read the rest of this entry »

A invenção do Chocolate da Mata Atlântica

Gerson Marques

 gerson marquesFazer chocolates é uma atividade muito nova para nos do Sul da Bahia, o antigo modelo exportador de matéria prima, com base monocultural, ficou congelado por mais de um século, travando alternativas e oferecendo um certo conforto, que mais tarde se mostraria insustentável.

Neste sentido, existe um fator positivo com a crise da vassoura, como ensina os orientais, as crises são o fim e início ao mesmo tempo, depende de seu ponto de vista, ou como se comporta perante a adversidade.

A busca por alternativas que viabilizasse saídas para um quadro de insustentabilidade econômica da atividade agrícola do cacau, foi sem dúvidas o fator motivador e indutor para o surgimento da chocolataria no Sul da Bahia.

chocolate do sul da bahiaMas, como se faz chocolates? Está era a pergunta a ser respondida anos noventa, no mundo até então, prevalecia a escola Suíça, com forte tradição no chocolate ao leite, traduzido para o Brasil, em chocolates com baixo teor de cacau, baixa qualidade e muitos aditivos suspeitos, fidelizando consumidores de doces, com o nome chocolate entrando como fantasia.

A falta de tradição e conhecimento sobre a produção de chocolates, era uma dificuldade que parecia intransponível apontando para um mar de desafios pela frente.

Também nos anos noventa, surge na Califórnia-EUA, um movimento de inovação do chocolate, comandado por chefs de culinária que resolveram reinventar o chocolate com base na seleção de amêndoas de alta qualidade e diminuição ou eliminação do leite na fórmula de seus inventos, este movimento ficou logo conhecido como “been tô bar”, foram fundamentais no desenvolvimento de uma linha de máquinas e equipamentos, de pequeno porte que viabilizaria o surgimento da micro e pequena fábrica de chocolate, coisa impensável pouco tempo antes.

Read the rest of this entry »

Estado antecipa R$ 297,9 milhões para 417 municípios baianos

O Governo do Estado antecipou hoje (28) aos 417 municípios baianos R$ 297,9 milhões de arrecadação do ICMS que, de acordo com o calendário das transferências constitucionais, só seriam repassados em janeiro. O governo também antecipou aos municípios o aporte de R$ 180,4 milhões ao Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, com recursos provenientes dos três impostos estaduais (ICMS, IPVA e ITD).

A antecipação total de R$ 478,3 milhões foi possível após entendimento do Estado com o Banco do Brasil, e diz respeito à arrecadação estadual entre os dias 22 e 27 de dezembro. Em 2 de janeiro serão repassadas as cotas relativas à arrecadação dos impostos estaduais no dia 28 de dezembro, último com expediente bancário em 2017.

Read the rest of this entry »

Ponte Ilhéus-Pontal deve ser inaugurada em agosto de 2019

rc ponte (2)

Com 55% das obras concluídas e previsão de entrega para o segundo semestre de 2019, a Ponte Ilhéus-Pontal vai ligar o centro urbano de Ilhéus, no Sul do estado, à zona sul da cidade, no trecho da BA-001 entre a Praia do Cristo e o Morro de Pernambuco, passando sobre a Baía do Pontal. O empreendimento recebeu a visita do governador Rui Costa nesta sexta-feira (28), em sua última agenda do ano no interior do estado. Rui vistoriou o canteiro de obras junto com a equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e o titular da pasta, o secretário Marcus Cavalcanti.

“É a primeira ponte estaiada da Bahia, e além da ponte vamos completar com obras de urbanismo dos dois lados, fazendo o viário, permitindo maior acessibilidade, não só com uso da ponte, mas todo o sistema viário e a estrutura ao redor, com paisagismo nas duas orlas. É um investimento forte pra melhorar o turismo, a renda e geração de empregos na região.”

rc ponte (3)A primeira ponte estaiada – suspensa por cabos – da Bahia reúne investimentos de mais de R$ 98 milhões. Com 533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura, o projeto inclui passeio, canteiro central, uma ciclovia e pista dupla nos dois sentidos, além de um acesso viário ao Centro e Litoral Sul, com cercas de 2,7 quilômetros, que também está em execução.

“A obra já está com toda parte de acesso e estrutura concluídas, e em fevereiro vamos começar o lançamento dos estais, que são os cabos que sustentam o vão central da ponte”, afirmou o secretário de infraestrutura, Marcus Cavalcanti.

Além de se tornar um novo cartão-postal, a ponte vai beneficiar cerca de 511 mil moradores de Ilhéus, Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca. A economia da região também terá ganhos com o desenvolvimento do turismo, a atração de novos empreendimentos e o escoamento da produção agrícola, principalmente do cacau.

Chocolate baiano

rc ponte (1)Rui também visitou a Indústria de Chocolate da Bahia (ICB), instalação que faz parte Plano Operacional para o Cacau e Chocolate da Bahia 2018 – 2022, lançado pelo Governo do Estado. O plano, que atende cerca de 20 mil agricultores, prevê o desenvolvimento de ações estratégicas que permite elevar, em cinco anos, a produção de cacau na Bahia para 240 mil toneladas/ano, até 2022, e consolidar a fabricação de chocolates finos, com certificado de origem no Sul da Bahia, por meio da instalação de 20 agroindústrias. Os investimentos do Governo do Estado no plano devem atingir R$ 80 milhões.

O Governo do Estado também investiu na Estrada do Chocolate, um roteiro turístico por fazendas de cacau pela BA-262, entre Ilhéus e Uruçuca. Os visitantes podem percorrer sítios históricos, rios, cachoeiras e áreas de preservação ambiental. O roteiro inclui ainda as fábricas do parque moageiro de cacau, no Distrito Industrial de Ilhéus, fazendas com fábrica de chocolate gourmet, fazendas de cacau com acervo histórico-arquitetônico, Estação Rio do Braço, da sede do antigo distrito de Ilhéus e a Biofábrica do Cacau, dentre outros atrativos. (Fotos: Mateus Pereira/GovBa)

Definidos os horários de apresentação das bandas no Réveillon de Ilhéus

Reveillon da Alegria 3 Dia. Fotos - Rodrigo Macedo-43Mais uma vez, Ilhéus é o ponto de convergência para milhares de turistas que optam por curtir a virada do ano à beira mar. A cidade preparou uma grande festa para receber os visitantes e garantir a alegria da população, com a participação de artistas ilheenses e bandas de Salvador.

O Réveillon Ilhéus 2019 – Verão de Alegria, Cacau e Chocolate na Terra de Jorge Amado e Gabriela – acontecerá na Avenida Soares Lopes, ao lado da Catedral de São Sebastião, nos dias 30 e 31 de dezembro. No domingo (30), apresentam-se as bandas Via de Acesso, das 20h30 às 21h10; Pegadeira, das 21h30 às 22h50; Denny Denan, das 23h10 à 00h40 e Papazoni, de 1 hora às 2h30.

Na noite do Réveillon (31), os agitos começam com a banda Top Gan, das 21h30 às 22h50. Em seguida, a dupla Rafa e Pipo, sobe ao palco para comandar a festa da virada, que será encerrada com a participação da banda Dois Amores, de 1 às 2h30 da madrugada.

Para garantir a segurança da festa, um forte esquema de segurança foi definido pela 68ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), durante reunião com secretários municipais. Na reunião, ficou definido o horário do evento, o policiamento a ser empregado e estratégias a serem desenvolvidas. A festa está programada para os dias 30 e 31 de dezembro, onde bandas se apresentarão no palanque montado na Praça da Catedral de São Sebastião, na Avenida Soares Lopes.

 

Após acordo firmado em ata, foi estabelecido o início da festa às 20 horas e término às 2h30 e que o policiamento será distribuído através de patrulhas no circuito da festa, em locais estratégicos, com policiais a pé, em viaturas e também com motocicletas. Segundo o major Robson Farias, é importante os horários serem bem definidos, zelando pelo seu cumprimento, “a fim da Polícia Militar atender o planejamento e proporcionar um ambiente de paz e segurança na festa e no retorno à residência”, enfatizou.

Prefeitura de Itabuna alerta que 28 atividades deixarão de ser enquadradas no MEI

Em função da resolução CGSN de nº 143, emitida pelo Comitê Gestor de Micro e Pequenas Empresas, um total de 28 atividades deixarão de ser enquadradas no perfil de Microempreendedor Individual (MEI). De acordo com a Agente de Desenvolvimento Priscila Nascimento, que responde pela Sala do Microempreendedor Individual (MEI) na Prefeitura Municipal de Itabuna, a medida entra em vigor em janeiro de 2019. “É preciso que a partir de 10 de janeiro de 2019 todos que se enquadram no MEI se dirijam à Sala do Microempreendedor para averiguar sua situação e fazer os devidos ajustes burocráticos”, alerta Priscila Nascimento.

E cita algumas das atividades que deixarão de ser autorizadas para o Microempreendedor Individual: alinhador de pneus independente, coletor de resíduos perigosos independente, comerciante de fogos de artifício independente, comerciante de extintores de incêndio independente e comerciante de medicamentos veterinários independente. Também deixarão de ser autorizadas as ocupações de proprietário de bar e congêneres independente, dedetizador independente, comerciante de produtos farmacêuticos sem manipulação de fórmulas independente, comerciante de gás liquefeito de petróleo (glp) independente, entre outros.

Read the rest of this entry »

Secretaria da Fazenda e TCU celebram acordo de cooperação técnica

sefazAcordo de cooperação técnica celebrado entre a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-Ba) e o Tribunal de Contas da União (TCU) vai permitir aos órgãos integrar as ações de interesse recíproco, aperfeiçoando os respectivos processos de trabalho nas áreas de fiscalização, capacitação e intercâmbio de informações e tecnologias. O acordo foi assinado pelo secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, e pelo secretário de Controle Externo do TCU no Estado da Bahia, Pedro Suffredini.

Entre os objetivos do convênio, estão o intercâmbio de informações cadastrais e fiscais, o desenvolvimento de programas para aperfeiçoar o planejamento, a fiscalização, a aplicação de recursos federais e a arrecadação de tributos estaduais e a promoção de atividades de treinamento visando ao intercâmbio de experiências e conhecimentos.

Sefaz-Ba e TCU estenderão aos servidores do órgão parceiro a possibilidade de participar dos seus respectivos cursos de capacitação e de desenvolvimento profissional. Também está prevista a promoção de atividades conjuntas de educação corporativa, presenciais ou a distância.

Read the rest of this entry »

Ligação Lobato-Pirajá deve ser entregue no primeiro semestre de 2019

pira 1Com quase 85% das intervenções executadas, a ligação Lobato-Pirajá, que faz parte da Linha Azul, deve ser concluída no primeiro semestre de 2019. No momento, estão em fase de execução, além da construção dos túneis, o serviço de terraplenagem e obras de contenção. As obras foram visitadas pelo governador Rui Costa, acompanhado da imprensa, nesta quinta-feira (27). O valor do investimento correspondente ao trecho é de R$ 255 milhões, aproximadamente. Rui percorreu toda a extensão a pé.

“É uma ligação importantíssima que vai dar dignidade a todo o povo do subúrbio. Nós fizemos hoje esse trecho a pé, mas quem vier de carro, em três minutos vai sair do Lobato, no subúrbio ferroviário e vai chegar ao metrô de Pirajá na BR-324, o que vai facilitar a vida de todo mundo. Em breve Salvador terá a melhor mobilidade urbana do país”, afirmou o governador.

pira 2A Linha Azul será um corredor transversal que vai ligar o bairro de Patamares, na orla Atlântica de Salvador, ao Subúrbio Ferroviário. A obra é realizada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur).

Em aspectos gerais, o complexo Linha Azul consiste em um sistema viário que compreende a integração da Avenida Pinto de Aguiar à Avenida Gal Costa, duplicação da Av. Gal Costa , e a Implantação da Ligação Pirajá-Lobato, criando uma nova via transversal à Avenida Paralela. A obra vai interligar a orla de Patamares/Pituaçu a Lobato, no Subúrbio Ferroviário, com uma extensão de aproximadamente 12 Km e investimento total de cerca de R$ 647 milhões.

Read the rest of this entry »

Papai Noel distribui presentes da Árvore dos Sonhos para crianças de entidades beneficentes

Arvore dos Sonhos (3)

Cerca de mil crianças atendidas por entidades beneficentes de Itabuna e de Ilhéus , tiveram um momento de alegria neste Natal, com a agradável visita de Papai Noel, trazendo os tão esperados presentes.

A campanha Árvore dos Sonhos, promovida pelo Shopping Jequitibá há 17 anos, com  o tema “Solidariedade nasce em árvore”, contou com a solidariedade dos clientes que circulam pelo local e fizeram doações de presentes solicitados pelas crianças, especialmente carrinhos e bonecas.

Arvore dos Sonhos (1)

Entre as 9 instituições beneficiadas, está o Grupo de Apoio à Criança com Câncer/GACC Itabuna, onde a chegada do Papai Noel e seus presentes alegrou o Natal de crianças que lutam pela vida.

“É gratificante poder participar dessa ação social, com a colaboração de pessoas que exercitam o verdadeiro espírito natalino. A Árvore dos Sonhos simboliza nosso desejo de proporcionar momentos de alegria para centenas de crianças”, afirma Manoel Chaves Neto, diretor do Shopping Jequitibá.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
dezembro 2018
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031