hanna thame fisioterapia animal
coronavirus 155 livros do thame

Archive for novembro 10th, 2018

Memórias de um Dinossauro

dt

Vitória da Conquista, final dos anos 80. A sucursal da TV Cabrália no Sudoeste Baiano dando os primeiros passos e lá estava eu, na fase de ajustes da equipe local de jornalismo.

Tempos tão ´dinossauricos´ quer as matérias eram enviadas de ônibus para Itabuna em fitas U Matic e editadas para entrarem nos telejornais.

Eis que o repórter Junior Patente chega da rua com a reportagem da prisão de quatro jovens, com uma senhora quantidade de maconha.

Fita pronta pra ser enviada, o então editor de jornalismo, cujo nome não vem ao caso (gracias Moro!), me diz:

-Essa matéria não pode sair, porque é tudo filho de gente conhecida.

Por “conhecida”, entenda-se, gente com grana ou com poder político.

Fui na jugular:

-E se fosse gente pobre, poderia sair?

O silêncio ensurdecedor do editor foi a resposta que eu esperava.

A matéria saiu e o editor demitiu-se logo depois, embora os jovens nem chegaram a sentir o gostinho da cadeia.

Afinal, em qualquer tempo, certas coisas definitivamente ´não vem ao caso`…

Fugir, lutar, ficar imobilizado ou sacudir a poeira e seguir?

Eulina Lavigne

 

eulina lavigneDurante os meus 57 anos de idade eu jamais presenciei uma eleição que causasse tanta polêmica, discórdias, agressões, rupturas e experiências traumáticas.

A experiência traumática passa a ser traumática, já comentei em artigo anterior, não pelo evento em si, e sim pela forma como o nosso sistema nervoso reage diante do evento. Esta é uma visão trazida por Peter Levini em sua abordagem terapêutica denominada Experiência Somática.

paz interior 2Nestas eleições, percebi que as estratégias de defesa diante dos seus resultados, são semelhantes às utilizadas pelos animais. Os animais quando se encontram diante de situações de ameaça, fogem, quando percebem que o risco de sucumbir é alto; lutam, quando percebem que existe a possibilidade de sobreviver ou se congelam, se fingem de morto, quando percebem que o risco de morrer é elevado.

Depois que o seu predador se retira, acreditando que ele está morto, a presa se sacode, integra o ocorrido e segue o seu caminho. E é exatamente esta sacudida que permite o seu sistema nervoso descarregar e o trauma não se instalar.

Pois bem, tenho observado que muitos eleitores diante dos resultados das urnas, estão deixando o país, em um movimento de fuga, outros estão entrando na energia da guerra, e esta é a mais perigosa pois entra na disputa do “matar ou morrer”, agem mais pelo instinto e outros estão completamente imobilizados, o que também é um risco pois é aí que o trauma se instala.

 

Read the rest of this entry »

Foto José Nazal

Foz do Rio Tijuípe, limitando os municípios de Uruçuca (margem direita) e Itacaré (margem esquerda). Um dos rio mais limpos e conservados do litoral sul da Bahia,  integra a Bacia do Rio de Contas (ou Rio das Contas como observam alguns)

Foz do Rio Tijuípe, limitando os municípios de Uruçuca (margem direita) e Itacaré (margem esquerda). Um dos rio mais limpos e conservados do litoral sul da Bahia, integra a Bacia do Rio de Contas (ou Rio das Contas como observam alguns)

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2018
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930