hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Archive for setembro, 2018

Artes & Artistas

O mundo colorido de Con Silva

Conceição Ap. Silva-São Francisco de Assis

Juraci Masiero Pozzobon

       Artista de Campo Belo, MG. Nascida em 7 de outubro, hoje residindo em Batatais, SP,  Con Silvia ou Conceição, autodidata buscou para seu caminho também um mundo mais colorido. Está no sangue a vida artística e não podia deixar escapar, mas foi buscar algo sublime para acalentar seus sentimentos, seus sonhos, para surpreender a vida num pipocar. Ela arrancou dentro de si o talento que estava enclausurado. Aqui ela demonstra sua qualidade no amor do que faz. Con teve grande incentivo de familiares. Assim sua sensibilidade aflorou em sua mente adormecida, encontrou uma colher de madeira de grande sentimento, pintando sem deixar rastros brancos.

con silva 1

A artista é veemente levada a elementos culturais diversos, como festas populares voltadas a cultura afro-brasileira. Con Silva tem a formação católica, pinta santos, procissões e é apaixonada pela historia de São Francisco e Santa Clara, os mesmos despontam em suas criações. Por respeito ao pai sambista respeita e pinta os orixás, fascinada retrata a cultura popular brasileira.

Seus personagens são destacados próximos, conforme a proporção de primeiro plano, como se vê em seus trabalhos, homens ou animais. As vestimentas parecem reais conforme o ambiente. As paisagens em si, apresentam um equilíbrio entre plantas e personagens  com um colorido harmonioso.

con silva 2

Muito interessante que Con nos faz interagir pela alegria simples de vida que convive entra as pessoas.

Con Silva foi preciso tocar, num pincel com tintas para sentir a força de colocar em prática o que a luz divina tinha para lhe oferecer, onde e pode mensurar a sua grandiosidade, firmando nos dias belos, de amor à vida.

con 3

Con participa de exposições nacionais e internacionais, onde também seus trabalhos cruzam mares. Apresentado composições espontâneas, equilibradas do amor para o belo.

“A arte simboliza o novo, o prazer à simplicidade e a interação com as pessoas”. Assim interpreta Con Silva.

 

———-

juraci mazieroJuraci Masiero Pozzobon, Bacharel em Artes plásticas na UNIC – Cuiabá,

Graduada em Ensino da Arte pela FASIPE e Arte Terapia pela Cândido Mendes, RJ.

Doutoranda em Epistemologia e História da Ciência pela Instituição Iesla/UNTREF –

Buenos Aires, Argentina.

Breves linhas sobre a corrupção

Débora Spagnol

 

Debora Spagnol“Alegria ! Alegria ! Venho a ti livre de minhas dívidas, depois de colocar à venda a metade de meus administrados”. – Carta de um governador à amante, após ser processado pelo crime de corrupção na antiga Roma. (1)

“Lei de Gerson”, “jeitinho brasileiro”, “cafezinho” são expressões e palavras comumente utilizadas pela população brasileira para justificar a existência da  “subcultura” da corrupção.

Mas a corrupção é um problema globalizado que ameaça os bons governos e a política idônea, desencorajando os investimentos e impedindo os desenvolvimentos econômico e social.

Se no passado a corrupção era acobertada pela falta de informação da população, atualmente o desenvolvimento tecnológico mundial possibilita a revelação de denúncias e escândalos de negociatas que envolvem pessoas públicas e empresários. E permite também que o povo cobre a punição dos envolvidos.

Embora o crime de corrupção só tenha sido especificado nos direitos grego e romano, há indícios de que já era previsto em codificações esparsas. A “Lei das XII Tábuas” cominava a pena de morte ao juiz corrompido e há passagens na Bíblia que aludem à corrupção no antigo direito hebreu (Gênesis, Salmos e Epístola de São Paulo aos Romanos). (2)

No direito grego, o crime de corrupção era definido como crime próprio do funcionário público contra a administração pública, dividido em três tipos: peculato, corrupção e abuso de autoridade. Mais tarde surgiu o suborno, um crime específico de corrupção de juízes, punindo-o com penas gravíssimas, como a morte.

Mas foi no direito romano que o crime de corrupção teve um tratamento pormenorizado com o objetivo de evitar a decadência moral, iniciando-se aí o desenvolvimento de leis penais de cunho preventivo contra esse crime. Foi em Roma que surgiram os livros contábeis e a obrigação do governo prestar contas de suas receitas e gastos, além dos diários oficiais cuja finalidade era controlar os gastos e as atitudes tirânicas de seus governadores. Mesmo com tanto esforço, o império romano foi totalmente infestado pela corrupção, cujos protagonistas iam do mais baixo ao mais alto escalão. (3)

Read the rest of this entry »

Quando se corta o fio da Vida!

Eulina Lavigne

 

eulina lavigneNão questionamos a existência da morte. Um dia ela bate em nossa porta e o máximo que pode acontecer é pedirmos a ela que aguarde mais um pouco e será do nosso merecimento ou não ter este pedido atendido.

E quando batemos na porta da morte e entramos sem aviso-prévio e deixamos sem chão os nossos entes queridos? O que pode estar por trás deste corte brutal do fio da vida?

Na visão sistêmica, sob o olhar do nosso mestre Bert Hellinger, um dos criadores da Constelação Familiar, por traz do suicídio há sempre uma dinâmica ligada aos nossos antepassados. E este entendimento contribui para olharmos com menos medo e com mais amor, para quem está nesta intenção.

fio da vida 2Segundo as suas observações, ao longo de mais de 30 anos pesquisando os sistemas familiares, quem tenta o suicídio deseja seguir, em lugar de outra pessoa, alguém que já morreu ou também já cometeu um suicídio. E por mais difícil que seja acreditar, o suicídio está ligado ao Amor. Amor a quem foi ou a quem ficou. É sempre bom observar esta dinâmica se você tem algum familiar nesta condição. Internamente a fala de quem deseja cometer o suicídio é “Eu sigo você” ou “Antes eu do que você”.

A Constelação Familiar é um bom recurso para olharmos para estas dinâmicas e ajudar a recolocar a pessoa que tenta o suicídio no lugar que lhe pertence.

Read the rest of this entry »

Memórias de um Dinossauro

dt
 Carnaval Antecipado de Itabuna em 2002- Na última noite da folia, aproveitava para dar uma relaxada e saia num bloco de reggae, o Planeta Reggae, comandado por Paulo Fumaça,  a gente mantinha só por gostar desse tipo de música e criar uma alternativa para a mesmice do axé. Saimos com Edson Gomes, que apesar de misturar reggae com uma chatíssima pregação evangélica ainda atraia uma multidão.

 

Como sempre fazia, naquele estresse que é coordenar a área de comunicação do carnaval, subi no trio e acendi meu charuto, um Cohiba honestíssimo.

 

 

Um rapaz que acompanhava o trio não parava de me fazer sinais pedindo para que eu jogasse o charuto pra ele, certamente confundindo meu puro com outra coisa.

 

Eu fazia sinais mostrando que se tratava de um charuto, mas ainda assim ele insistia.

Quando o charuto estava no final, joguei a ponta pro rapaz, que ficou numa alegria danada.

Pois bem, demos a volta na avenida, num percurso de três quilômetros, e quando a gente estava encerrando a apresentação o sujeito, sabe-se lá Deus como, conseguiu escalar o trio e começou a beijar a minha mão, dizendo ´você é moral, você é moral´.

 

A situação já era inusitada, mas não havia acabado. O rapaz, sem soltar da minha mão, disse:

-Ô moral, eu saí da cadeia só pra ver o Edson Gomes, eu amo reggae…

E, para mostrar que não estava mentindo, levantou a camisa, exibindo inúmeras marcas de bala de revólver nas costas e as indefectíveis tatuagens de quem passa pela cadeia.

Surpreso, eu apenas respondi:

-Ô moral, porque não me disse isso antes? Eu teria jogado era uma caixa de charutos inteira…

Foto: José Nazal

Bairro da Sapetinga, Baia do Pontal, Ilhéus, anos 70

Bairro da Sapetinga, Baia do Pontal, Ilhéus, anos 70

“Nos quatro cantos de Salvador, o povo reconhece nosso trabalho”, diz Rui na Boca do Rio

Boca do Rio (2)

“Entrando na última semana da campanha, é hora de agradecer o apoio e caminhar lado a lado com meu povo pra recarregar baterias e seguir adiante. Fazer muito mais.” A mensagem do governador Rui Costa, candidato petista à reeleição, foi passada hoje (28), ao abrir a 5ª Caminhada em Salvador, desta vez saindo da Paróquia São Francisco de Assis, na Boca do Rio, seguindo até o fim de linha do bairro. Com ele, a primeira-dama Aline Peixoto e as duas filhas, Marina e Malu.

Boca do Rio (1)

Entre cumprimentos e paradas para selfies, prática que marcou a campanha, Rui recebia manifestações de apoio do povo. “Andar pelas ruas da capital é ouvir a todo instante palavras de carinho e agradecimento pelo trabalho que temos feito. Nos quatro cantos de Salvador, o povo reconhece nosso trabalho e é grato pela transformação que aconteceu aqui”, diz o candidato. Para Rui, o povo sabe que foi o governo que entregou o metrô, que inaugurou três novos hospitais, construiu novos viadutos e avenidas, a exemplo da Via Barradão, e que fez o maior programa de contenção de encostas da história. “E posso assegurar que vem muito mais pela frente”, garante.

Boca do Rio (4)

O candidato petista fez das caminhadas o principal instrumento de corpo a corpo com a população, tanto na capital como no interior do estado. Até agora foram 125 cidades do interior, nas últimas seis semanas. A partir de amanhã, a Correria pela Bahia parte para mais três municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS). No sábado (29), a partir das 16 horas, Rui estará em Pojuca, com concentração na Praça Dalva Monte Cruz, Inocoop. Domingo (30) é dia de visitar Lauro de Freitas (9h) e Candeias (11h), fechando 128 cidades.

Datafolha: Bolsonaro tem 28% e Haddad 22%. Petista vence no 2o. turno

data 1O candidato do PT, Fernando Haddad, subiu 6 pontos e atingiu 22% das intenções de voto na corrida à presidencial, enquanto Jair Bolsonaro (PSL) manteve os 28% registrados na pesquisa Datafolha da quinta passada (20).

Os números foram divulgados pelo instituto há pouco.

A pesquisa ouviu 9.000 eleitores no período de 26 a 28 de setembro. Mostra oscilação do candidato Ciro Gomes (PDT) de 13% para 11%, enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) saiu de 9% para 10%. Marina Silva (Rede) oscilou de 7% para 5%.

Confira quadro com a evolução dos candidatos, abaixo.

data 2

Ciro 42% x 36% Alckmin (branco/nulo: 19%; não sabe: 3%)
Alckmin 45% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 16%; não sabe: 2%)
Ciro 48% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 12%; não sabe: 2%)
Haddad 39% x 39% Alckmin (branco/nulo: 19%; não sabe: 3%)
Haddad 45% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 13%; não sabe: 2%)
Ciro 41% x 35% Haddad (branco/nulo: 19%; não sabe: 3%)

A pesquisa Datafolha foi feita nos dias 26 a 28 de setembro, ouviu 9 mil eleitores em 343 municípios, sob encomenda da TV Globo e da Folha de São Paulo. O levantamento tem nível de confiança de 95% e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-08687/2018. Redação com G1.

Lendário, jogo eletrônico de corridas se encontra com a modernidade

car 2

Bagnoregio

 

Se você não conhece o Aquiris Game Studio, empresa de jogos totalmente brasileira, poderia definitivamente pensar que o game ” Horizon Chase Turbo” é um jogo da Sega, ainda melhor. O Horizon Chase mistura os retrôs, idéias de jogos antigos de corrida de carros, com mecânica de jogo moderna, projetadas em novas plataformas. A fórmula do jogo original evoluiu e aconteceu o aprimoramento digno do design do World Tour, com um novo sistema de controle e quatro modos de jogo. E, como no jogo original, ele está livre de micro transações ou saques.
car 1O Game Horizon Chase Turbo tem estética retro em 3D e jogabilidade moderna em uma experiência hipnótica. A edição Blu-ray do jogo é uma parceria entre a Aquiris e a Sony: World Tour, já encontramos no celular, PC e no PlayStation 4, com gráficos low-poly, retro art e gameplay funcionando bem nessas plataformas, e será lançado para o Nintendo Switch e Xbox One.

Após o sucesso do World Tour no Android e iOS, o Aquiris Game Studio fez de novo e fez um ótimo jogo de arcade que captura a sensação de OutRun, Top Gear e muitos outros clássicos antigos da era dos 16 bits. No Turbo, você tem um acelerador e um botão de freio, ausentes no jogo para celular. Ele permite um melhor manuseio do seu carro, o que é ótimo nas pistas mais complicadas, onde saber quando freiar ou começar a acelerar é a estratégia mais importante para vencer. Mas ainda é um jogo muito arcade: não bata na traseira de outros carros ou você vai perder velocidade, tente não tocar os obstáculos na estrada ou o seu carro vai girar para fora. Os carros são modelos 3D, o que significa que eles têm algum peso na jogabilidade, mas a sensação de quando você bateu em outro carro é muito parecida com aqueles carros antigos de parques de diversões.

car 3Durante as corridas, você precisa coletar moedas, gerenciar combustível e usar reforços de nitro. As moedas são usadas para desbloquear novos países para jogar no World Tour, o principal modo de jogo, e para conseguir novos carros. Cada carro tem diferentes níveis de velocidade, aceleração, manuseio, eficiência de combustível e assim por diante. Escolher o carro certo para cada corrida é muito importante – e procurar por um que combine bem com o seu estilo de jogo também!

Você passará a maior parte do tempo no modo World Tour – há 109 faixas para desbloquear em países como EUA, Brasil, Chile, África do Sul, Grécia e Japão, entre outros. Cada país tem uma faixa bônus. Cruze a linha de chegada em primeiro lugar nessas faixas e você terá melhorias para todos os seus carros. Não é uma tarefa fácil, mas acredite, vale a pena. Conforme você avança, você desbloqueia o modo Torneio e o modo Resistência. O torneio permite competir em uma série de quatro corridas em um único país, acumulando pontos até o final. Resistir a uma corrida com mais voltas, gerenciar os impulsos de nitro e combustível é essencial para cruzar a linha de chegada.

car 4Com o jogo Horizon Chase, a empresa de game Aquiris recria a atmosfera dos clássicos jogos antigos de corrida arcade: os modelos low-poly e a estética de cores secundárias misturam o estilo dos jogos Sega Genesis e Nintendo 64. A trilha sonora, feita por Barry Leicht, compositor do Top Gear, adiciona o toque final à viagem nostálgica, com músicas de rock cheias de sintetizadores. O jogo de corrida retro Horizon Chase não seria o mesmo sem a contribuição de Barry Leitch, lendário compositor de trilhas de videogame. O escocês naturalizado é um dos maiores de áudio norte-americano. A trilha sonora de game já pode ser conferida no Spotify.

Jogar o game no PS4 Pro com uma grande tela 4K é um grande experiência. Na verdade, os gráficos Ultra HD permitem desfrutar de todos os detalhes que os artistas da Aquiris colocam no cenário – o horizonte de Los Angeles, as coloridas ruas de Salvador e o Moai na Ilha de Páscoa. O Horizon Chase Turbo tem mais de100 circuitos inspirados em 48 regiões diferentes ao redor do mundo, como Califórnia, África do Sul, Dubai, Japão e, claro, o Brasil. Como um jogo pode ser mais inspirador em 16 bits e ter um grande efeito moderno?
Há uma última decisão de design no Horizon Chase Turbo que funciona muito bem para recriar as charmosas corridas arcadas do antigo, e é o multiplayer de tela dividida. O jogo suporta até 4 jogadores ao mesmo tempo, em todos os três modos de jogo. Correr contra outros jogadores é muito divertido e, sim, traz de volta memórias de Mario Kart e outros jogos da velha escola.

O ranking online, a música e a estética do Horizon Chase Turbo criam uma experiência muito viciante. É muito semelhante a jogar o Pac-Man Championship Edition DX: uma experiência de jogo irresistível e quase hipnótica, que instiga você a jogar uma partida após a outra, sempre tentando obter uma pontuação melhor. Com a edição Blu-ray do Horizon Chase Turbo, você pode desafiar seus amigos como nos velhos tempos!

 

´Uma Certa Mãe Coragem`na Tenda do TPI

tendaUma Certa Mãe Coragem, novo espetáculo do Teatro Popular de Ilhéus, estreia no primeiro fim de semana de outubro, na Tenda TPI. Com texto de Paulo Atto e direção de Romualdo Lisboa, a peça inspirada na obra Mãe Coragem e seus filhos, de B. Brecht, está sendo preparada há mais de um ano. No elenco Ely Izidro, Tânia Barbosa, Takaro Victor, Franklin Costa, Pedro Albuquerque, Aldenor Garcia, Maria Cândida, Pablo Lisboa, Genícia Barbosa e Laiane Vitória dão vida às personagens desta história passada na guerra dos trinta anos, na Europa. A montagem conta a trajetória de Anna Fierling, uma vivandeira, apelidada de Mãe Coragem, que acompanha o exército sueco com sua carroça e vive os horrores da guerra que a faz lucrar…

O novo trabalho é a segunda parte da Trilogia da Guerra, iniciada em 2017 com “Os fuzis da Senhora Carrar”. Romualdo explica que “o grupo segue a pesquisa em torno do Teatro Épico do poeta e dramaturgo alemão Bertold Brecht. Isso faz com que a gente tenha mergulhado no universo de três obras com temáticas semelhantes envolvendo a guerra: Os fuzis da Senhora Carrar, Mãe Coragem e seus filhos e A Santa Joana dos Matadouros. Estamos trabalhando muito para trazer uma nova montagem com a marca do Teatro Popular de Ilhéus”.

Read the rest of this entry »

Curso forma 89 professores indígenas para atuar em 28 escolas da Bahia

Foto Paula Fróes_GOVBA (3)

“Diga ao povo que avance e nós avançaremos”. A frase foi proferida por um dos 89 professores indígenas que se formaram na manhã desta sexta-feira (28), durante cerimônia no auditório da Secretaria da Educação do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Os educadores foram selecionados no primeiro concurso público da área a ser realizado no Brasil com vagas exclusivas para índios.

Foto Paula Fróes_GOVBA (1)
Vestidos e pintados como manda o costume indígena, os formandos, representantes de 16 diferentes etnias, receberam o certificado após passarem pelos três anos de formação da 3ª Turma do Curso de Magistério Indígena. Com dois módulos a cada ano, a iniciativa preparou e aprimorou os educadores que irão ministrar aulas para 28 escolas indígenas distribuídas em todo o território estadual.

Foto Paula Fróes_GOVBA (4)

De acordo com o subsecretário estadual da Educação, Nildon Pitombo, “esse é um momento de reconhecimento de direitos e, sobretudo, da expectativa de formação de professores indígenas para que as escolas indígenas se acentuem e deem a marca do respeito às culturas, das etnias e das comunidades”.Amanayara Tupinambá, de Olivença, na região de Ilhéus, é membro da comissão de organização da formatura e destaca que “o sentimento que prevalece é o de satisfação e o que mais importa para todos é a luta pela educação escolar indígena, que permite exercer autonomia nas escolas, de forma a trabalhar o bilingüismo comunitário, intercultural e o interdisciplinar”.

Read the rest of this entry »

Rui volta à Região Metropolitana neste final de semana

Rui em Simões Filho

Dando continuidade à “Correria pela Bahia”, o candidato à reeleição pelo PT, Rui Costa, vai percorrer três municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS) neste final de semana. A primeira cidade visitada será Pojuca, no sábado (29), às 16h. No domingo (30), a comitiva da Coligação “Mais Trabalho por Toda a Bahia”, formada também pelos candidatos a vice-governador, João Leão (PP), e a senador, Jaques Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD), vai passar por Lauro de Freitas e Candeias.
Na última segunda-feira (24), Rui realizou caminhada em Simões Filho e São Sebastião do Passé, também na Região Metropolitana de Salvador, atraindo cerca de dez mil pessoas. Após concluir o percurso no domingo, o candidato terá visitado 128 cidades.
Confira a programação:

Read the rest of this entry »

Luz do Novo Mundo lança camisas do Outubro Rosa

 

camisa luz

O Instituto Luz do Novo Mundo, em Itabuna, está realizando a venda de camisas do Outubro Rosa, mês de conscientização sobre a prevenção do câncer de mama.

Os recursos arrecadados serão destinados às ações sociais da entidade, que atua junto a comunidades carentes.

As camisas, nas cores rosa e branca, custam R$ 25,00 e os pedidos podem ser feitos com Isaura Brandão (73) 98825-4982 ou nas  redes sociais do instituto.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30