hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

shopping jequitiba

Fruticultura cresce no Baixo Sul da Bahia

banana 2Os municípios de Gandu, Teolândia, Wenceslau Guimarães, Presidente Tancredo Neves, Nova Ibiá e Piraí do Norte, no Baixo Sul da Bahia, se transformaram em Polo de Fruticultura depois da crise da lavoura cacaueira. Atualmente, frutas como graviola, abacaxi, banana prata e da terra, cacau, cupuaçu, pupunha e exóticas como rambutan, lichia e mangustão saem das plantações mantidas nas 15.530 propriedades rurais espalhadas pelos seis municípios.

Para manter as propriedades rentáveis, os agricultores se uniram a associações, cooperativas, sindicatos e vários órgãos públicos para formar o primeiro Comitê de Fruticultura do Estado da Bahia. A região também conta com o apoio de entidades como a Embrapa, Uesc e Uesb. Há 15 anos o cacau reinava absoluto nas plantações. Mas, com a crise e impulsionados pelas dificuldades enfrentadas nas lavouras cacaueiras, os produtores rurais começaram a buscar alternativas.

O presidente do Comitê de Fruticultura do Baixo Sul e Presidente do Sindicato Rural de Gandu, Renato Dias, afirma que antes os órgãos atuavam de forma isolada. Então, a ideia foi unir forças para tornar o processo mais dinâmico e eficiente. “Juntos temos maior poder de reivindicação e negociação”.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2018
D S T Q Q S S
« jun   ago »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031