hanna thame fisioterapia animal
prefeitura ilheus livros do thame

Archive for abril 5th, 2018

TVE Bahia exibe o documentário “A luta pela liberdade de expressão”

A luta pela liberdade de expressãoNeste sábado (7), a TVE Bahia apresenta o documentário “A luta pela liberdade de expressão”, com João Carlos Teixeira Gomes. O depoimento do escritor dá sequência ao projeto “Memória da Imprensa Baiana”, que enriquece o acervo ABI (Associação Bahia de Imprensa) e fortalece a cultura da Bahia.

Teixeira Gomes teve participação intensa na modernização da comunicação impressa da Bahia, comandando a redação de um periódico lançado às bancas em 21 de setembro de 1958: O Jornal da Bahia. Em sua história, gravou a triste condição de “primeira publicação brasileira a ser censurada pelo Movimento de 64,” como pode ser visto em sua capa de 1º de abril de 1964. O jornalista, mesmo com as pressões da época, privilegiou a notícia e acabou por enfrentar um inquérito policial militar, do qual foi absolvido.

Dirigido por Roberto Gaguinho, o filme João Carlos Teixeira Gomes – A luta pela liberdade de expressão, que teve a colaboração do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB), vai ao ar às 17h e poderá ser acompanhado também pelo portal (www.tve.ba.gov.br/tveonline).

Read the rest of this entry »

Rui comenta decisão do STF e fala em “uso político da justiça”

Rui nordeste 2Ontem foi mais um episódio de injustiça”, afirmou o governador Rui Costa ao comentar a rejeição do Supremo Tribunal Federal (STF) ao pedido de habeas corpus preventivo do ex-presidente Lula. Durante entrevista para emissoras de rádio de Juazeiro, onde cumpriu agenda nesta quinta-feira (5), Rui voltou a classificar o julgamento de Lula como “perseguição política” e disse que a maior injustiça relacionada ao ex-presidente ocorreu antes mesmo do caso chegar ao STF, na primeira e segunda instâncias judiciais.

“Isso não é justiça, é perseguição. Nenhum cidadão está acima da lei. Se cometeu um erro, ele tem que pagar. Mas para saber se o cidadão cometeu um erro ou não tem que apresentar o mínimo de prova. […] Eles reviraram a casa de Lula, a casa dos filhos, a conta dos filhos, a conta da mulher de Lula, viraram tudo de perna para o ar. Há cinco anos que ‘revistam’ o Lula e nunca acharam nada”, disse o governador após assinar a ordem de serviço para construção da policlínica regional em Juazeiro.

“Isso é um escândalo. É o uso político da justiça para perseguir politicamente adversários e quem eles não gostam. É isso que está acontecendo com Lula”, acrescentou Rui, que também comentou o voto da ministra Rosa Weber. “Ontem, ela votou contra o presidente Lula, mas se na semana que vem for votada a tese, o resultado será 6 a 5 ao contrário. Então o Lula será o único prejudicado?”, questionou o governador.

Rui autoriza construção de Policlínica, inaugura frigorífico e anuncia outros investimentos em Juazeiro

FotoMateusPereiraGOVBA9Durante visita a Juazeiro, no norte da Bahia, na manhã desta quinta-feira (5), o governador Rui Costa anunciou uma série de investimentos para o município. Na ocasião, ele assinou a ordem de serviço para a construção da Policlínica Regional de Saúde na Região de Juazeiro e o protocolo de intenções para a constituição do Consórcio Público Interfederativo de Saúde do município. A medida é essencial para assegurar o funcionamento da policlínica da região.

A policlínica será instalada em área construída predial de cerca de três mil metros quadrados, onde serão realizados serviços referentes a urbanização, estacionamento, acessibilidade, arborização, redes de interligação de água, esgoto, drenagem e energia elétrica. A Região de Saúde de Juazeiro é formada por 10 municípios e todos aderiram ao Consórcio Público para implantação da policlínica, que atenderá uma população de 544 mil habitantes.

FotoMateusPereiraGOVBA02“Hoje é um dia de festa, de alegria em Juazeiro. Estamos realizando muitos investimentos em áreas essenciais para a vida humana, como a saúde, abastecimento de água e, evidente, emprego, para as pessoas trabalharem”, afirmou Rui Costa, destacando os R$ 22 milhões que serão investidos na construção da Policlínica Regional.

O governador também enfatizou a entrega simbólica de novos equipamentos e a inauguração da sala de tomografia do Hospital Regional de Juazeiro. Um investimento total de R$ 5 milhões. Os recursos foram utilizados na ampliação do Centro Cirúrgico, com duas novas salas de cirurgia, aquisição de equipamentos, como Arco Cirúrgico, e pintura do hospital.

Na ocasião, ele visitou a Unidade de Oncologia, que está sendo construída ao lado do Hospital, e “que até o final do ano em volto para inaugurar para tratar os doentes de câncer, não só de Juazeiro mais de da região norte”.

Segundo o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, que acompanhou Rui na visita ao município, o Governo do Estado estava, “há uns dez meses, se dedicando a corrigir deficiências no Hospital Regional de Juazeiro. Criamos agora um Centro Cirúrgico, ampliando de quatro para seis salas. Vamos construir uma sétima sala dedicada a pacientes com feridas infectadas, pé diabético, entre outras”.

Read the rest of this entry »

Dia do Jornalista reúne profissionais de comunicação, artistas e atletas

O Dia do Jornalista, celebrado no dia 7 de abril, será comemorado com uma programação especial em Salvador, reunindo profissionais de comunicação, artistas e atletas na primeira edição do Baleô da Resenha. O evento acontece no Ginásio do Clube Bahiano de Tênis, na segunda-feira (9), a partir das 19h. Como incentivo à solidariedade, a produção do evento pede como ingresso a doação de leite em pó para as crianças das creches assistidas pelo programa Mais Infância, das Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA).

A programação, organizada pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Bahia (Sinjorba) e pela Federação Baiana de Baleado (FBBAL), com apoio da Secretaria da Comunicação do Estado (Secom), será voltada para o lazer, o esporte e o entretenimento. Entre os artistas confirmados, estão a Banda A, os forrozeiros Adelmário Coelho, Guiga Reis, Léo da Estakazero, Targino Gondim, Zelito Miranda e o ex-The Voice Tiago Velame, além dos esportistas Emerson Ferretti e Mendes Júnior. “O Baleô remete à infância, é um esporte ainda muito praticado nas escolas e tem uma proposta lúdica de divertir e ao mesmo tempo cuidar da saúde do corpo”, pontua a presidente da FBBAL, Larissa Lomanto.

Para a presidente do Sinjorba, Marjorie Moura, a data sempre é marcada por questionamentos e, ao mesmo tempo, pela necessidade de um evento de confraternização entre os profissionais de comunicação. “Os nossos jornalistas terão a oportunidade de reencontrar ou até ver colegas de trabalho que nem sempre conhecem. Mas o nosso foco também é falar um pouco da luta em favor da categoria, reafirmar nossa bandeira em defesa do diploma, por exemplo, e da valorização profissional”, frisou Marjorie.

Os interessados em participar do evento devem enviar nome completo para o e-mail larissalomanto@hotmail.com. Mais informações: (71) 98658-1970.

Precisar, nem precisa…

golpe jud

Em Juazeiro, ao lado de Rui, Coronel diz que “7 de outubro é oportunidade para o povo separar os bons dos maus políticos”

Jua 03Ao lado do governador Rui Costa, do ex-governador Jaques Wagner e do prefeito de Juazeiro, Paulo Bomfim, o presidente da Assembleia Legislativa – ALBA, Angelo Coronel, participou hoje (05.04) de uma série de eventos em Juazeiro e criticou a demonização da política. “O ativismo político não pode substituir a política. O bom da democracia é que a cada quatro anos os políticos se submetem a um concurso público. E a banca examinadora é o povo, que tem a prerrogativa de aprovar os bons e gongar os maus. O próximo 7 de outubro deve ser o dia de valorizar a política, que é responsável não só pelas leis, mas pela luz elétrica, pelo asfalto nas ruas, pelo hospital público. Quem quiser fazer política, que no dia 7 de outubro venha disputar conosco, os políticos, no voto, comendo poeira nas estradas”, critica Coronel.

 

 
Jua 04Coronel disse que a decisão de ontem do Supremo em não acolher o habeas corpus do ex-presidente Lula, por 6 votos a 5, praticamente rasga a Constituição de 1988. “E a presunção da inocência onde é que fica? Se a lei não funciona porque existem mecanismos jurídicos para retardar a punição, que se mude a lei, mas não é o Judiciário que pode fazer isso. Essa competência é exclusiva do Legislativo. Caso contrário, há uma nítida usurpação de competência”, afirma o presidente da ALBA.

Read the rest of this entry »

A liberdade que não nos podem tirar

lula tij

Fernando Brito, no Tijolaço

Ontem, o país viveu um das últim0s – e certamente o maior – obstáculo ao despenhadeiro do fascismo e da perda da institucionalização.

O maior, tenham em mente, desde o dia em que o circo da Câmara dos Deputados votou pela abertura do processo de impeachment da presidente democraticamente eleita, Dilma Rousseff.

Não se iluda por questões de legalidade constitucional, destas que há muito a maioria do Supremo deixou para trás e que fizeram soar patética a aula de constitucionalismo dada pelo insuspeito Celso de Mello em seu voto.

A Constituição é lana caprina, expressão que os advogados usam para dar nome a algo de pouco valor, tal como foi o impeachment sem crime de responsabilidade há dois anos.

Sob certos aspectos, porém, o que se deu ontem é pior, muito pior que o domingo da vergonha de 2016, porque ali apunhaláva-se o presente mas sobrevivia o futuro do processo eleitoral.

Agora, o que se fez foi matar a esperança de que, em outubro, se pudesse voltar leito democrático em outubro.

Há um ar inescondível de tragédia.

Tintas de uma releitura do agosto de 1954, onde a cena trágica será ainda vivida, com as imagens mórbidas da condução de Lula à cadeia, num féretro que será festejado pelos corvos e abutres de uma classe média, enfim, condenada a roer a sua vida miserável pondo a culpa de todas as nossas mazelas no povo brasileiro, esta gente -para eles – indolente, desonesta, negra e parda, inferior ao ponto de merecer o nome de “povinho”.

O processo que começou com os udenistas de 2013, os do “padrão Fifa”, deságua na cena previsível, mais ainda pelo próprio Lula, ao resumir, na única declaração da qual, até agora, se tem publicada: ““Ninguém deu um golpe para me deixar candidatar.”

Ontem, antes do trágico espetáculo que Cármen Lúcia dirigiu no Supremo com o mesmo cinismo com que Eduardo Cunha comandou a apresentação circense – Luís Roberto Barroso, aliás, com seu demagógico discurso, encarnou uma versão “cult” daqueles que prometiam o Brasil dos céus ao votarem pela ruptura democratíca – o analista de pesquisas Antonio Carlos Almeida, autor do clássico “A cabeça do brasileiro”, escreveu o que se pode sentir no imaginário deste país:

Lula é politicamente grande porque tem voto, e isso é o fundamento da democracia. Lula tem voto para receber e transferir, quem trabalha com pesquisa sabe disso. Porque tem voto, ele motiva medo em seus adversários e esperança em seus seguidores.(…)Vale aqui novamente o contrafactual: se Lula não fosse do tamanho que é, não estaríamos nem escrevendo, nem lendo sobre ele, nem conversando nem ouvindo o que dizem dele, tampouco estaríamos preocupados com o desfecho dos julgamentos que a ele dizem respeito. Os ministros do Supremo, ao julgarem o habeas corpus de Lula, independentemente do resultado, apenas dizem o mesmo que esse artigo: Lula é politicamente grande. É importante que o país tenha consciência disso.

Na gente que não fala, que é o personagem ausente da polêmica política, fica algo que, nas pesquisas, só aparece nas intenções de voto, não em respostas explícitas: Lula é perseguido porque ousou fazer algo pelos pobres.

Esta é a sua resistência, como foi, há mais de 60 anos, a transformação de Getúlio Vargas em um fantasma a assombrar e maldizer a direita.

É preciso não fazer bravatas, cantar vitórias ou propor tolices.

A dor pode ser combustível de nossas chamas, mas não a mão que nos guia.

O primeiro passo é recusar o processo autofágico e recordar que tudo isso ocorre não pelos defeitos e erros do petismo ou de Lula, que existem, é claro.Ocorre por seu significado, ocorre pelo seu simbolismo, ocorre pelo que ele representa para o Brasil.

E não vai deixar de representar porque meia-dúzia, exatamente meia-dúzia, de algozes da elite negaram, por algum tempo, seu direito de ser um homem “externamente livre”.

Porque as nossas cabeças, as nossas idéias, os nossos pensamento e ações, a estes não há grades capazes de conter.

Hospital da Costa do Cacau vai implantar serviço de diálise para pacientes internados

hospital da costa do cacauA partir deste mês de abril, o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, vai implementar o serviço de hemodiálise, exclusivo para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Hernani Vaz Krüger, diretor-geral do HRCC, ressalta que os procedimentos de diálise intra-hospitalar, em caráter de urgência darão maior assistência aos usuários que demandam os serviços.

“Com a implantação do serviço de diálise reduziremos a necessidade de transferências para outras unidades. A equipe dará suporte preciso aos usuários dialíticos internados. Contudo, é importante lembrar que as pessoas que precisam de diálise crônica, continuarão o tratamento nas unidades indicadas”, explica.
De acordo com Cláudio Moura Costa, diretor técnico do HRCC, o serviço vai atender exclusivamente os usuários em estado grave, internados na UTI e que apresentam quadro de insuficiência renal. “Quando há indicação para realização de hemodiálise, o usuário deve ter acesso rápido aos procedimentos, pelo fato de implicar maior risco de morte caso não seja dialisado para restabelecimento das funções renais”, enfatiza.
A diálise possui vários objetivos dentre os quais pode-se destacar: remoção de impurezas do sangue; correção do pH do corpo e correção de desequilíbrio dos eletrólitos (sódio, potássio, cálcio, magnésio, fosfato, entre outros), quando não estão dentro das taxas fixas necessárias para que possam exercer normalmente suas funções.

O Supremo Surubão do Jucá

Estudantes da Unime comemoram Dia do Jornalista

O Dia do Jornalista é festejado 7 de abril, os  estudantes do curso de Jornalismo da Unime Itabuna comemoraram a data nesta quinta-feira (5), as 18 horas no Shopping Jequitibá. A programação conta com um bate-papo mediado pela aluna Laísla Ohara, sobre a relevância do jornalismo regional e suas perspectivas. Os convidados são Lo-Hana Magnavita (apresentadora da TV Cabrália), Karen Póvoas (repórter da TV Santa Cruz), Itamar Souza (professor e radialista da Morena FM), Marcel Leal (proprietário da Morena e FM e Jornal A região) e Ramiro Aquino (jornalista). Haverá também um momento de entretenimento com a apresentação de Stand Up Comedy com o aluno Hanny Montenegro e o grupo Triparças.

O evento será realizado pela Agência Experimental em Jornalismo da Unime, projeto que conta com cerca de 40 estagiários que não poupam tempo para colocar a mão na massa. Para o coordenador do curso, Rodrigo Muniz : “É um momento em que os alunos podem dar vazão a todas as atividades práticas que são trabalhadas no curso. Contamos com o apoio do shopping para darmos mais visibilidade ao debate sobre as perspectivas da área de jornalismo e tivemos uma produção feita por alunos e professores do curso que também irão participar como integrantes do talk show” enfatiza.

Gleisi: “é preciso resistir”

PT mantem candidatura de Lula e mantém `luta por Justiça`

lula e gh(Brasil247)- Após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter rejeitado o pedido de habeas corpus preventivo para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Partido dos Trabalhadores (PT) divulgou nota afirmando que hoje “é um dia trágico para a democracia e para o Brasil”.
Para o partido, a Constituição “foi rasgada por quem deveria defendê-la e a maioria do Supremo Tribunal Federal sancionou mais uma violência contra o maior líder popular do país, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”.

Na nota, a legenda diz ainda que “ao pautar o julgamento do habeas corpus de Lula, antes de apreciar as ações que restabelecem a presunção da inocência como regra geral, a presidenta do STF determinou mais um procedimento de exceção”.
“Não há justiça nesta decisão. Há uma combinação de interesses políticos e econômicos, contra o país e sua soberania, contra o processo democrático, contra o povo brasileiro. A Nação e a comunidade internacional sabem que Lula foi condenado sem provas, num processo ilegal em que juízes notoriamente parciais não conseguiram sequer caracterizar a ocorrência de um crime. Lula é inocente e isso será proclamado num julgamento justo”.

O partido argumenta que a decisão de hoje visa a impedir uma candidatura de Lula nas eleições deste ano. “O povo brasileiro tem o direito de votar em Lula, o candidato da esperança. O PT defenderá esta candidatura nas ruas e em todas as instâncias, até as últimas consequências”.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu não se pronunciar sobre o julgamento, conforme informação da sua assessoria. Ele acompanhou o julgamento na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. Os advogados do ex-presidente também não se manifestaram.

Confira a Nota do PT

Hoje é um dia trágico para a democracia e para o Brasil.

Nossa Constituição foi rasgada por quem deveria defendê-la e a maioria do Supremo Tribunal Federal sancionou mais uma violência contra o maior líder popular do país, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Ao negar a Lula um direito que é de todo cidadão, o de defender-se em liberdade até a última instância, a maioria do STF ajoelhou-se ante a pressão escandalosamente orquestrada pela Rede Globo.

E ao pautar o julgamento do habeas corpus de Lula, antes de apreciar as ações que restabelecem a presunção da inocência como regra geral, a presidenta do STF determinou mais um procedimento de exceção.

Esse direito fundamental, que fatalmente voltará a valer para todos, não valeu hoje para Lula.

Não há justiça nesta decisão. Há uma combinação de interesses políticos e econômicos, contra o país e sua soberania, contra o processo democrático, contra o povo brasileiro.

A Nação e a comunidade internacional sabem que Lula foi condenado sem provas, num processo ilegal em que juízes notoriamente parciais não conseguiram sequer caracterizar a ocorrência de um crime.

Lula é inocente e isso será proclamado num julgamento justo.

O povo brasileiro tem o direito de votar em Lula, o candidato da esperança. O PT defenderá esta candidatura nas ruas e em todas as instâncias, até as últimas consequências.

Quem tem a força do povo, quem tem a verdade ao seu lado, sabe que a Justiça ainda vai prevalecer.

Comissão Executiva Nacional do PT

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
abril 2018
D S T Q Q S S
« mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930