hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Archive for setembro 7th, 2017

Bahia ganha ação no STF que amplia recursos para educação

Foto_Camila Peres_GOVBA (1)Após uma longa batalha de 15 anos no Supremo Tribunal Federal (STF), o Estado da Bahia ganhou, nesta quarta-feira (6), ação para o ressarcimento por perdas financeiras no repasse do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O governador Rui Costa, em escala de volta à Bahia, comemorou a notícia. “É a vitória da educação no Estado da Bahia! O direito dos estudantes da rede pública reconhecido depois de uma verdadeira peleja jurídica”, afirmou.

Rui e o procurador-geral do Estado, Paulo Moreno, estiveram diversas vezes no Supremo, com o objetivo de sensibilizar os ministros para que o tema fosse à plenário, levando em consideração os argumentos expostos pelo Estado na Ação Cível de número 648. O julgamento durou cerca de três horas e foi acompanhado por Paulo Moreno e pelo procurador Sílvio Avelino Pires Britto Junior. Foram 5 votos à favor e 2 contrários.

Foto_Camila Peres_GOVBAPara Moreno, “o julgamento do STF fez justiça ao Estado da Bahia. A formula de cálculo do repasse da União ao Estado da Bahia, quando ainda vigente o Fundef, desconsiderava o valor que deveria ser fixado nacionalmente, como previa o texto constitucional e o normativo infraconstitucional, criando distorções na definição destes valores para os diversos entes federativos. É uma vitória da qualidade técnica da Procuradoria Geral do Estado da Bahia e o do empenho pessoal do governador Rui Costa”.

Já o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, que cumpre agenda de trabalho na Alemanha, destacou que esta foi uma vitória histórica para a Bahia e os demais estados que apresentaram as ações. “A decisão corrige uma injustiça com os estados, uma vez que a União adotou critério regional para repassar recursos, quando a Lei definiu que deveriam ser nacionais os repasses e os critérios de arrecadação”, disse.

Na ação, o Estado argumentou que “o Fundef é constituído de contribuições dos estados, do Distrito Federal e municípios”, e ainda que “uma vez não atingido o piso com aplicação apenas dos recursos estaduais e municipais, haverá demanda de aporte de verba por parte da União”.

Fundeb

Batizado inicialmente como Fundef (1996), o fundo foi criado para garantir uma subvinculação dos recursos da educação para o Ensino Fundamental, bem como para assegurar melhor distribuição de recursos. Com o Fundeb, cada estado e cada município recebe o equivalente ao número de alunos matriculados na sua rede pública de ensino fundamental e ainda é definido um valor mínimo nacional por aluno/ano. (Fotos: Camila Peres/GOVBA)

Dirigentes sindicais são intimados a depor sobre Greve Geral

greveCoordenadores da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – Regional Sul Bahia foram intimados pela 2ª Delegacia de Itabuna a prestar depoimentos a respeito da greve do dia 28 de abril, convocada pelas centrais sindicais e que parou o país contra as reformas da previdência, trabalhista e terceirização. Os presidentes do Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região, Jorge Barbosa, do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Jairo Araújo, e o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis e Calçadistas do Sul e Extremo Sul da Bahia, Jeser Cardoso, compareceram à audiência na tarde desta quarta-feira, 6, acompanhados de militantes da Central. A denúncia partiu da fábrica Penalty.

Segundo Jeser Cardoso, trata-se de uma acusação fantasiosa. Ele alega que o movimento foi totalmente pacífico e ninguém da CTB agrediu ou invadiu patrimônio de empresa alguma. Para Jairo Araújo, a Penalty não aceitou o resultado da greve. No entendimento dele, a fábrica defende seu privilégio de explorar legalmente os trabalhadores, a partir das reformas de Michel Temer.

Na opinião de Jorge Barbosa, esta é mais uma tentativa de criminalizar os movimentos sociais. “A atitude da Penalty merece todo o nosso repúdio, pois representa um atentado à livre organização dos trabalhadores, uma tentativa de criminalizar o movimento sindical e inibir a livre manifestação”, ponderou.

Uma nova audiência foi marcada para o dia 18 de setembro, às 14 horas, no mesmo local.

Artes & Artistas

Erlei Pereira, fantasia e realidade

Oratório

 

Juraci Masiero Pozzobon

 

Erlei Pereira, artista plástico em Artes Visuais, natural de Sete Lagoas, Minas Gerais. Um artista primitivista, autodidata que iniciou sua carreira ainda na adolescência com sua imaginação natural. Em suas criações trazem cenas populares, as raízes culturais, como o congado, a capoeira, e as tradições populares e religiosas. O artista está desenhando e montando oratórios de vários tamanhos e de sua própria autoria, utilizando madeira reciclável, ricos em cores para todo agrado de público, onde ele busca a condição ideal de familiaridade.

Erlei

Erlei apresenta seu trabalho com intensidade! Sua arte ventila pelo mundo, interligando a realidade.

As criações de Erlei Pereira faz sonhar e interagir de uma maneira simples de entender aquilo que nos cerca, bem alegre, uma magia plena, com tudo que tem e dá o seu toque pessoal. Ele trás à tona tudo o que existe na alma.  Seu olhar o desinibe sobre a condição dos espaços que traça, seu jeito acanhado fortalece o pincel num espaço vazio.

Erlei trás a poesia na arte Naif, seus personagens caracterizam com movimentos visíveis e a felicidade prazerosa pela vida.

erlei 2

O artista faz parte de ilustrações do livro da Literária Dulcinéia Anloniazzi com a história de “Luninha e a Floresta Encantada”, que aborda a relação entre as pessoas e a natureza.

Erlei participa de exposições coletivas, itinerantes e inúmeras delas individuais e com grandes premiações.

Noite de São João

Ele navega na arte de suas Minas Gerais com suas histórias projetando suas raízes passadas e presentes!

Santo antõnio

Com características largas não delicadas, mas o convívio do mundo o leva para um trabalho de uma linguagem crítica e diferenciada. Ele é dotado de criações natas.

——————

juraci maziero Juraci Masiero Pozzobon, Bacharel em Artes plásticas na UNIC – Cuiabá,

Graduada em Ensino da Arte pela FASIPE e Arte Terapia pela Cândido Mendes, RJ.

Doutora em Epistemologia e História da Ciência pela Instituição Iesla/UNTREF – Buenos Aires, Argentina.

Desfile de 7 de Setembro reúne multidão em Itabuna

7 3

Milhares de pessoas ocupam a avenida do Cinquentenário em Itabuna para acompanhar o desfile de 7 de setembro.

A programação começou com os batalhões da Policia Militar e tem a participação de escolas da rede estadual e municipal, entidades e clubes de serviço.

No final do desfile, acontece o Grito dos Excluidos, que em 2017 tem como tema “Vida em Primeiro Lugar. Por Direitos e Democracia, a vida é todo dia”.

7 47 27 5

Entrega de sementes beneficia 526 famílias do Sul da Bahia

semente 1

A Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado (SDR), através da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf) e da Superintendência de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), entregou a  Agricultores Familiares e  Povos Tradicionais 1.580 quilos de semente de feijão no Território Litoral Sul.

A ação que beneficiou 526 famílias,  foi coordenada por Marcos Vinícios/Bahiater-Setaf Litoral Sul, com apoio e participação de Carlos Alberto (Garotinho) Coordenador do Colegiado Territorial Litoral Sul Bahia e Gil Nunesmaia/Coordenador de Povos Tradicionais da Car. Comunidades quilombolas e indígenas dos municípios de Maraú, Itacaré, Pau Brasil, Una, Ilhéus, Camacan e Itaju do Colônia vão aproveitar o clima chuvoso para produzir feijão com qualidade.

semente 2

Para Diarrane Pataxó da região da Água Vermelha, em Pau Brasil, representante da associação mulheres indígenas, as sementes chegam em boa hora, “nosso povo vai plantar e vai colher, vender e reservar para a alimentação”. No quilombo João Rodrigues, Manoel Cupim, líder quilombola, disse que estava esperando as sementes com uma área já preparada ao plantio.

Ocupação hoteleira ultrapassa 80% em Zonas Turísticas da Bahia

ilheus

As pousadas e hotéis situados em zonas turísticas da Bahia terão ocupação acima de 80% durante o Feriadão da Independência. As reservas feitas pelos visitantes se intensificaram nos últimos dias, alcançando 100% em destinos da Chapada Diamantina.

Além de belas praias, montanhas e grutas, a Bahia oferece patrimônio histórico e cultural, boa infraestrutura hoteleira e serviços qualificados. Para agradar ainda mais ao visitante, alguns eventos movimentam os municípios.

Ocupação hoteleira feriado. Foto-Tatiana AzevicheCerca de três mil pessoas são esperadas para a 5ª edição do Desafio Alto Paraguaçu de Mountain Bike, que começa nesta quinta-feira (7) e segue até domingo (10), em Mucugê (450 quilômetros de Salvador), na Chapada Diamantina. Com apoio do Governo da Bahia, o evento receberá mais de 500 atletas e famílias, neste feriado prolongado da Independência.

Como resultado da movimentação de visitantes, o setor hoteleiro se anima diante da elevada demanda por hospedagem.  A pousada Mucugê, com seus 30 apartamentos,  tem 100% de ocupação, de acordo com o gerente Clebton Ataíde. A expectativa é de lotação também na pousada Mirantes do Sincorá, que já tem fechadas as reservas de oito dos 10 apartamentos.

Voltada para atletas amadores e profissionais, a competição terá provas para diferentes categorias divididas por faixa etária. A idade mínima para participar é de 14 anos. Os percursos de aventura contemplam as belezas naturais e pontos turísticos, como o rio Mucugê, Cemitério Bizantino, garimpo, cascalheira, igreja de Santa Izabel e plantações de café.

Read the rest of this entry »

Revitalização do Rio Cachoeira começa com a recuperação da Bacia do Rio Água Branca

Rio Cachoeira Foto Luiz Conceição 08.11.2012A Prefeitura Municipal de Itabuna participou do 4º Fórum das Águas: Integração e Sustentabilidade – Juntos pela Água. O evento realizado pelo Instituto das Águas, Rotary Club de Itabuna e Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) teve em sua abertura a participação do prefeito Fernando Gomes, que ressaltou empenho da sua gestão em se inserir em todas as atividades que busquem despoluir o Rio Cachoeira ou mesmo minimizar as ações de impacto ambiental.

Um desses projetos já em andamento e que tem o apoio do governo municipal é o “Programa de Humanização da Bacia do Rio Cachoeira”, com foco no projeto piloto “Microbacia Rio Água Branca”. Autor do projeto, o professor Maurício Moreau, diretor do Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais da Uesc, participou do Fórum e contou que essa iniciativa se deu devido à necessidade de realizar uma intervenção que compreendesse o Rio Cachoeira e fosse viável.

“Por conta do tamanho do Cachoeira, o próprio Fórum decidiu iniciar esse trabalho de revitalização pela Bacia do Rio Água Branca que compõe a Bacia Rio Cachoeira, compreendendo assim uma área tanto rural, quanto urbana de Itabuna”, conta Maurício.

Read the rest of this entry »

Mais de 750 estudantes desfilam nas fanfarras escolares no 7 de Setembro na capital e no interior

Fanfarras no Colegio João Batista Caribé 036Mais de 750 estudantes integrantes de 67 fanfarras escolares da rede estadual de ensino da Bahia irão participar do desfile cívico na capital e no interior. A atividade, que é organizada pelas Forças Armadas, também conta com o envolvimento direto de 100 gestores, instrutores e técnicos da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Nas escolas estaduais, as fanfarras desempenham um papel pedagógico, se consolidando como um ambiente de aprendizagem e de incentivo ao protagonismo estudantil. Na capital, as fanfarras se concentram a partir das 7h, no Colégio Odorico Tavares, no Corredor da Vitória.

Os estudantes já estão na expectativa do desfile. É o caso de Greiciane Silva, 17, 8ª série do Colégio Estadual João Caribé, em Paripe, em Salvador. “Estou muito ansiosa e animada. Desfilar na fanfarra é um momento único que leva um ano de ensaio e dedicação. Estou muito feliz, porque foi aqui nesta família musical que aprendi a ter mais união com meus colegas e a ter mais comprometimento com os estudos”, revelou a aluna, que toca prato no grupo. A colega Gisele Aquino, 15, 1º ano, que atua como baliza, acrescenta: “É muito emocionante desfilar na linha de frente e ver as pessoas nos admirando e aplaudindo. Estou na banda há um ano e, desde então, já aprendi muito, principalmente em relação à união e ao respeito que devemos ter sempre com os nossos colegas, os nossos professores e as nossas famílias”.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago   out »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930