hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Bahia é sede de Feira Internacional de Soluções para a Saúde

saude 1A Bahia recebe entre os dias 8 e 10 de agosto, no Senai Cimatec, a primeira edição da Feira de Soluções para Saúde e do Seminário Internacional da Unicef: Zika e Infância. O evento, inédito no país, reune comunidade científica, indústria, setor público e sociedade civil para a apresentação de produtos, serviços e ações voltados para o combate, prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças transmitidas pelo mosquito aedes aegypt, como Zika, Dengue e Chikungunya.

“Vamos reunir os maiores estudiosos do mundo sobre o tema para discutir, analisar e pensar em soluções. Será um intercâmbio de conhecimento para orientar a continuação dos estudos e formulação de novas tecnologias de enfrentamento”, afirma o secretário de Saúde do Estado, Fábio Vilas Boas.

A iniciativa é resultado da parceria entre Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb). A Bahia foi escolhida para ser sede do evento por concentrar experiências exitosas sobre o tema, a exemplo dos testes rápidos para diagnóstico das três doenças, que são produzidos e distribuídos pelo laboratório público do Estado, a Bahiafarma, para todo o Brasil, garantindo o diagnóstico em até 20 minutos.

saude 2 Os testes rápidos são alguns dos destaques que serão apresentados na Feira de Soluções para Saúde. Outra solução desenvolvida pelo Governo do Estado no enfrentamento ao aedes aegypti é o aplicativo Caça Mosquito. O software, disponível para dispositivos móveis Android ou iOS, recebe denúncias de focos do mosquito transmissor das doenças.

“Os principais estudiosos vão se reunir aqui em Salvador para discutir o tema. As principais tecnologias que tiveram êxito serão apresentadas no sentido de ajudar a pensar melhor sobre as estratégias de enfrentamento. A partir da Feira, novas soluções podem surgir e outras podem ser aperfeiçoadas”, explica o coordenador geral da Fiocruz, Wagner Martins.

Lançado em dezembro do ano passado, o Centro para Integração de Dados e Conhecimento para Saúde (Cidacs), instalado no Parque Tecnológico da Bahia, também vai contribuir com as discussões. O Cidacs possui um servidor big data que cruza dados de instituições de pesquisa como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Universidade Federal da Bahia (Ufba) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) sobre saúde pública. As informações armazenadas nos últimos seis meses servirão como base para análise.

Interessados em compartilhar projetos, participar dos debates e conhecer as experiências relacionadas ao combate ao aedes aegypti devem se cadastrar no site  www.feirazika.unb.br.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2017
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031