hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Archive for abril 8th, 2017

Festival de Chocolate expõe produtos da agricultura familiar em Ipiaú

ipiau 2

O público que visitar a 2ª edição do Festival de Chocolate e 4º Agrocacau, que segue até amanhã (09), na Praça Ruy Barbosa, no município de Ipiaú, terá a oportunidade de conhecer diversos chocolates produzidos pela agricultura familiar da Bahia. Dos 13 empreendimentos que estarão expondo os produtos, seis são da agricultura familiar.

Entre os chocolates em exposição, da agricultura familiar, estão o Ouro do Vale, produzido no Vale do Jiquiriçá e Terra Vista, Embaúda e Bahia Cacau, do Território Litoral Sul.

ipiau 1A Associação de Mulheres das Duas Barras do Fojo, do município de Mutuípe,que está lançando a linha de chocolates finos, Ouro do Vale, produzidos no Vale do Jiquiriçá, estará participando pela primeira vez do festival. “O evento é importante para dar visibilidade aos produtos da agricultura familiar, pois ela produz para além das hortaliças e raízes, também é capaz de transformar as raízes e os frutos”, afirma Damiana Martins, agricultora associada e membro do Conselho Fiscal da instituição.

O evento visa dar visibilidade à transformação do cacau em subprodutos, agregando valor, fomentando negócios para os produtores empreendedores, e também apresentação de tecnologias do setor, bem como os diversos cenários mercadológicos.

Rui autoriza recuperação de estrada e reforma de escola em Potiraguá

poti 1O turismo e o trânsito de mercadorias entre o sul, o sudeste e o oeste da Bahia serão fortalecidos com a recuperação de quase 60 quilômetros da BA-680, no trecho entre os entroncamentos com a BA-270, em Potiraguá, e com a BR-101. A obra, autorizada pelo governador Rui Costa neste sábado (8), no município de Potiraguá, vai beneficiar mais de 100 mil habitantes também dos municípios de Itarantim, Macarani, Maiquinique e Itapetinga. Na ocasião, Rui e o secretário da Educação, Walter Pinheiro, autorizaram a reforma do Colégio Estadual Anísio Teixeira, que foi visitado por eles.

Rui informou que, só nesta semana, foram autorizadas as recuperações de três estradas baianas. “O maior investimento é nesta de Potiraguá, são R$ 27 milhões. Este valor dá quase dois anos de arrecadação do município. Esta obra resulta da nossa concepção de que a Bahia é grande, mas precisa estar com a infraestrutura em dia para levar desenvolvimento e emprego para todos os cantos”. Segundo ele, a obra beneficia também a arrecadação. “O imposto sobre serviço desta obra também é recolhido aqui, beneficiando os moradores”.

poti 2Para o secretário da Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, a BA-680 é importante porque interliga todo o extremo-sul à BR-101, atendendo quem sai de Vitória da Conquista, Itapetinga, Barreiras, Brasília ou do estado de Tocantins. “Para quem vem destas regiões, é o caminho mais perto para chegar a Porto Seguro. É importante também para escoar a produção local, que é muito forte na pecuária. Estamos caminhando aos 5,5 mil quilômetros de estradas recuperadas até o final dos próximos dois anos”, acrescentou.
Economia e turismo

A carne, o leite, o queijo, o iogurte, além da feira municipal, toda a economia local gira em torno da produção rural, especialmente da pecuária. Motorista de caminhão Suel dos Santos, visita as fazendas que margeiam a BA-680 todos os dias, para levar o leite até a sede de Potiraguá, onde o produto é vendido. “Já fique das 7h ao meio-dia com fome, com o carro quebrado. Arrumando a estrada melhora muita coisa. O carro não vai quebrar mais. Com a estrada boa não corremos risco de o leite estragar, e não precisamos sair tão cedo, porque a viagem não atrasa”.

poti 3O turismo é outro segmento para o qual a rodovia é fundamental. Diretor de uma rede multinacional, Antônio Aucélio, de Brasília, levou a esposa até Porto Seguro, em uma viagem de passeio. Passando pela BA-680, ele elogiou a iniciativa de pavimentação. “Para nós, que somos usuários, a recuperação da estrada é fundamental, porque incentiva o comércio local e o turismo fica mais fácil. Pessoas que visitam constantemente a cidade vão ter uma estrutura melhor”.
Reforma do colégio

Rui afirmou que volta a Potiraguá para inaugurar a escola, após a reforma. Ele disse que, quando tomou posse, decidiu visitar as escolas da Bahia. “Eu já visitei 230 escolas, entre estaduais e municipais. Faço isto porque acredito que as nossas decisões são tomadas de acordo com aquilo que conhecemos. Então, converso com diretores, professores, alunos e descubro o que é preciso. Então, estamos reformando mais de 200 escolas. Todas as que visitei estão recebendo melhorias, quadras poliesportivas, sendo reformadas”.

O secretário da Educação, Walter Pinheiro, disse que a reforma do colégio vai incluir a construção de uma quadra coberta. “Este colégio, que não tinha coordenação pedagógica, ganha hoje também um coordenador pedagógico. A meta é que todos os colégios do Estado tenham coordenação pedagógica até o final deste ano”. (fotos Manu Dias/SecomBA)

Os riscos da catarata e das doenças da retina para a visão

Dr. Diego Andrade

Dr Diego 2A catarata é uma enfermidade que pode provocar diminuição da visão e se manifesta através de diferentes sintomas, como o  embaçamento visual, diminuição da nitidez e da intensidade das cores em situações de luminosidade intensa e, em alguns casos, melhora da visão de perto devido a uma mudança de grau temporária.

Na grande maioria dos casos a cirurgia de catarata não é uma urgência oftalmológica. Ou seja, pode-se programar a melhor hora para realiza-la. Entretanto, existem situações onde a cirurgia de catarata deve ser realizada o quanto antes, como em casos de traumas, cataratas congênitas e cataratas muito duras, que provocam glaucoma. Nesses casos, a doença pode levar a perda irreversível da visão.

A cirurgia  aumenta a transparência dos meios oculares. deixando mais clara a visão, sendo necessária para melhor acompanhamento e tratamento de patologias do fundo do olho. A catarata pode ser comparada com uma porta de vidro: quando este vidro está limpo, podemos ver o que está atrás da porta. Com passar do tempo esse vidro deixa de ser transparente e com isso não conseguimos identificar com precisão o que está por trás dele. A catarata é o vidro embaçado e a  cirurgia é a  troca do vidro embaçado por outro transparente.

O tratamento para a catarata é cirúrgico, já que nenhum medicamento teve sua ação comprovada na prevenção, retardo ou cura da doença. A decisão para indicar uma cirurgia não pode ser baseada apenas na acuidade visual do paciente, mas também quando a função visual está alterada, ou seja é uma decisão em conjunto entre o médico e o paciente. É necessário avaliar o tipo de ocupação do paciente, estilo de vida e seus hábitos.

Com relação à retina a principal manifestação de alteração na visão é a baixa  acuidade visual, a diminuição da visão”. Existem diversas doenças que afetam a retina, entre alas as mais comuns são a retinopatia diabética que pode levar a  sangramentos, exsudatos (acúmulo de líquidos), formação de novos vasos, edema na retina e até descolamento de retina. A degeneração macular relacionada a idade, que pode diminuir bastante a visão também é uma patologia que leva a alterações típicas como áreas de atrofia e formação de membranas na retina.

A doença afeta principalmente pacientes acima de 50 anos, e ocorre perda progressiva da visão e escotomas (mancha) na área central da visão. Outras doenças como hipertensão arterial e doenças reumatológicas como Lupus também são causas importantes de alterações retinianas, bem como a toxicidade por uso de medicamentos.

 

O Dr.  Diego Andrade, graduado pela Faculdade de Saúde e Ecologia Humana-FASEH-MG, com especialização em catarata e retina pela Universidade Federal da Bahia – UFBA, e membro do pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e Associação Médica Brasileira (ABM) é médico do Hospital de Olhos Beira Rio, em Itabuna.

 

 

 

TRYP Paulista apoia o Projeto Felicidade

felicisaswEm parceria com a ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis), o hotel TRYP Paulista, administrado pela Meliá Hotels International, em seu planejamento de ações em prol da sustentabilidade, acolheu os participantes do Projeto Felicidade, Felipe Reis Pereira e Gustavo de Morais e Silva, e suas mães e irmãos no período de 13/03/2017 a 17/03/2017 de março, e ofereceuhospedagem, café da manhã e jantar em caráter de cortesia em apoio às crianças em tratamento contra o câncer.

O Projeto Felicidade iniciou suas atividades em abril de 2001, oferecendo cinco dias de pura diversão e alegria a crianças e adolescentes com câncer de classes menos favorecidas.

A cada semana, os hospitais selecionam crianças em tratamento para participar do Projeto. De segunda a sexta-feira, juntamente com um irmão e os pais, ficam hospedadas em hotéis e participam de diversos passeios: parques temáticos, shoppings, cinema e museus. As crianças recebem um álbum com fotos dos passeios e a certeza de retornar ao tratamento com muito mais ânimo e vontade de viver.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
abril 2017
D S T Q Q S S
« mar   mai »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30