hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Archive for março, 2017

31 de março: lembrar sempre pra não esquecer nunca

Documentário Memórias da Ditadura Militar no Brasil

Universitários têm até hoje para se inscrever no Programa Mais Futuro e garantir o auxílio permanência

 

mfTerminam, nesta sexta-feira (31), as inscrições para que os estudantes das universidades estaduais da Bahia (UESC, UEFS, UNEB e UESB) sejam beneficiados com o Projeto Estadual de Auxílio Permanência, do Programa Mais Futuro do Governo do Estado. A iniciativa é dirigida aos estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômica, apoiando para que continuem os estudos, evitando o abandono do curso e contribuindo para que concluam suas graduações. As inscrições devem ser feitas pelo endereço maisfuturo.educacao.ba.gov.br/permanência.

“Esta iniciativa beneficia aqueles estudantes que mais precisam de políticas públicas para garantir sua permanência na universidade, o acesso ao estágio e a conclusão do ensino superior”, explicou o secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro, ao acrescentar que a “meta é beneficiar nove mil estudantes universitários com bolsa e estágio, em investimentos que chegarão a R$ 50 milhões até o fim de 2018”.

Para ter acesso ao benefício, o estudante deve estar inserido em alguns critérios, como possuir registro, individual ou familiar no Cadastro Centralizado de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico); possuir renda familiar per capita mensal não superior a meio salário mínimo; possuir renda familiar total mensal de até três salários mínimos e não ter nenhum vínculo empregatício.

Os estudantes beneficiados receberão o auxílio permanência nos primeiros 2/3 do período de duração total do curso, tendo a opção e a prioridade para ingressar na segunda parte do projeto vinculado a um estágio de nível superior no último 1/3 de duração de curso.  Os auxílios serão divididos em três tipos: Básico – valor mensal de R$ 300 para estudantes que residem no município sede do campus ou até 100 Km de distância; Moradia – valor mensal de R$ 600 para estudantes que residam a mais de 100 Km do município sede do campus e Complementar – valor mensal para estudante que já tenha benefício de outra bolsa, mas esteja abaixo do teto máximo estabelecido.

Para mais informações acesse: www.educacao.ba.gov.br

Prêmio Mulheres nas Ciências valoriza pesquisadoras e cientistas baianas

muié 1Seis pesquisadoras são as vencedoras da primeira edição do prêmio ‘Bahia pela diversidade – Mulheres nas Ciências’, que foi realizado nesta quinta-feira (30), no Museu de Arte da Bahia, em Salvador. O prêmio, que valoriza a participação de mulheres em áreas da ciência ainda de predominância masculina, como as engenharias e ciências biológicas, tem como objetivo dar reconhecimento ao trabalho de cientistas que contribuem para o desenvolvimento da pesquisa e tecnologia no estado.

Para Blandina Viana, umas das pesquisadoras homenageadas, a premiação é uma ação afirmativa importante. “Além de um reconhecimento, primeiramente pessoal, por toda uma trajetória de trabalho, este prêmio é uma oportunidade de aproximar a academia da sociedade e de reconhecer o papel das mulheres nas ciências na Bahia. A gente espera que um prêmio como este estimule mais meninas a seguirem a carreira nas ciências”.

Para a secretária de Politicas para Mulheres, Julieta Pimenta, além de representar um passo em direção à igualdade de gênero nas ciências, a premiação também ajuda a impulsionar a trajetória de pesquisadoras mais jovens. “São tantas jovens talentosas precisando de reconhecimento. Este prêmio certamente vai ser um grande incentivo para que elas ganhem cada vez mais reconhecimento em suas áreas de atuação. E que continuem trazendo evoluções para nossa tecnologia”.

muié 2As vencedoras foram escolhidas por meio de consulta pública, realizada através do site da Fapesb. Além do troféu, elas receberam uma premiação em dinheiro nos valores de R$ 15 mil para duas pesquisadoras com pelo menos oito anos de experiência e R$ 5 mil para as quatro mais jovens. O prêmio é resultado de uma parceria entre a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb), a Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM) e a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). A iniciativa tem como objetivo promover a diversidade no campo cientifico.

De acordo com o presidente interino da Fapesb, Lázaro Cunha, as próximas edições terão temáticas semelhantes. “O edital que deu origem a este prêmio integra um programa de apoio à diversidade. Esta edição teve como foco a participação de mulheres na ciência, para as próximas, a nossa ideia é que outros grupos que são sub-representados nas áreas da ciência, tecnologia e inovação sejam contemplados com essa premiação, como os indígenas, negros e membros do grupo LGBT”, afirma. (Fotos: Daniele Rodrigues/GOVBA)

Itabuna, 31de março. Avenida Francisco Ribeiro Junior, centro. Um alô para o animal/imbecil que perpetrou esse ato de  vandalismo.

Itabuna, 31 de março. Avenida Francisco Ribeiro Junior, centro. Um alô para o animal/imbecil que perpetrou esse ato de vandalismo.

Vida de preso

Por José Dirceu

dirceuEspelho é proibido. Vidro também. Então, pegue um prato grande que reflita sua imagem – e mantenha ele limpo sempre. Água mineral? Só com receita médica. A solução é ferver a água ou tomá-la “in natura” da torneira. Eu nunca tive problemas.

Saúde? É fácil cuidar. Bebida, cigarro, gordura, ou é proibido ou não existe simplesmente. Você pode pedir comida hipossódica e evitar excessos na sexta-feira, quando as famílias de todos os presos podem trazer comida. Embora o peso seja controlado. Nada que possa virar cachaça – a revista é rigorosa.

O preso deve fazer exercícios todos os dias. No meu caso, 71 anos, é light. O importante é manter os músculos lombares fortes. E as pernas. Flexão, abdominal, pesos, caminhadas. No meu caso, pelo menos 20 minutos diários. É importante tomar sol ou ingerir vitamina D – para mim, a recomendação é de 20 minutos diários. O banho de sol é de cinco dias por semana, mas na média são três por conta de chuva, normas de segurança, etc.

No mais, é ler, estudar e escrever, um pouco de tudo. Aqui tem biblioteca – e é boa. Em geral, literatura brasileira e mundial, auto-ajuda, espiritismo, cristianismo, catolicismo, correntes evangélicas. Nossos clássicos – e outros atuais — estão à disposição. Há cursos de alfabetização.

Read the rest of this entry »

fora T

UESC realiza vestibular para cursos de graduação EAD

ead uescA Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) abre edital para realização do vestibular para o preenchimento de mais de 240 vagas para cursos de graduação na modalidade de Educação a Distância (EaD). Os candidatos poderão optar pelo curso de biologia, letras vernáculas, pedagogia e matemática distribuídos nos polos de Itabuna, Ilhéus, Teixeira de Freitas e Ibicuí. As inscrições serão realizadas, exclusivamente, no site da uesc (www.uesc.br), no período de 03 a 24 de abril de 2017.

As provas do Vestibular EaD 2017 serão realizadas na data provável de 18 de junho de 2017, às 13h e serão aplicadas no Polo, no qual o candidato se inscrever. Apenas os candidatos que optarem por concorrer a vaga nos Cursos dos Polos de Ilhéus e Itabuna, realizarão as provas no Campus da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). A prova será composta de 45 questões objetivas e uma Redação, com critérios específicos para cada curso.
A UESC já oferece a modalidade de Ensino a Distância desde o ano de 2007 e trabalha com o Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), vinculado ao Ministério da Educação (MEC).

Para a coordenadora do NEAD (Núcleo de Educação a Distância da UESC), profa. Maridalva Penteado, a EaD tem sido uma nova alternativa de aprendizagem que as pessoas têm encontrado para adquirir sua graduação com horários e turnos de estudo flexíveis. “O aluno do Ensino a Distância da UESC conta todo suporte tecnológico, material impresso gratuito, encontros presenciais e tutores especializados para proporcionar uma graduação de qualidade”, acrescentou.
Para saber mais sobre inscrição, polos, cursos, vagas, prova, atendimento especial para candidatos e etapa classificatória, acesse o edital que está disponível na página da UESC – www.uesc.br.

Conjunto Penal de Itabuna inaugura Sala da OAB

Será inaugurada nessa sexta-feira (31), no Conjunto Penal de Itabuna (CPI), uma sala destinada ao apoio aos advogados que possuem clientes naquela unidade penal.

A Sala da OAB foi uma demanda apresentada pela Seccional Itabuna da Ordem, acolhida pela direção do Conjunto Penal de Itabuna e executada pela empresa Socializa – Novo Sistema Prisional, que faz a administração do CPI em sistema de cogestão com o Governo do Estado.

Após a implantação da Sala da OAB na CPI, diversas outras seccionais estão demandando o mesmo espaço nas respectivas unidades prisionais por todo o estado.

O evento terá a participação de autoridades estaduais, representantes de órgãos ligados ao Judiciário, e da Seção Bahia da Ordem dos Advogados do Brasil. Também estão convidados representantes do poder Executivo e Legislativo de Itabuna e municípios vizinhos.

Estudantes de Ilhéus realizam oficinas pedagógicas em homenagem aos 50 anos da Tropicália

tropi 1Os estudantes do Colégio Estadual Professor Fábio Araripe Goulart, localizado em Ilhéus (a 462 km de Salvador), no Sul da Bahia, estão apresentando a culminância das oficinas pedagógicas do Programa de Educação Integral (ProEI), desenvolvido pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. As atividades do projeto interdisciplinar, que envolvem todos os 600 alunos da escola, estão voltadas à temática da Tropicália, movimento cultural de ruptura com o regime militar, protagonizado por nomes como Caetano Veloso e Gilberto Gil, nos anos de 1960, que completa 50 anos.

Nas oficinas pedagógicas, os estudantes trabalham com as habilidades e competências exigidas pelos componentes curriculares. Os conteúdos são desenvolvidos em sala de aula e apresentados sempre às terças, quartas e quintas-feiras, após as duas primeiras aulas. Cada área de conhecimento oferece duas oficinas pedagógicas, sempre fazendo uma correlação com algum aspecto da Tropicália.

Nas aulas de Língua Portuguesa, por exemplo, os alunos estudam, por meio das letras de música, assuntos como níveis de linguagem (padrão, coloquial, gírias, regionalismos) e figuras de linguagem (metáfora, hipérbole, pleonasmo e onomatopeia, entre outros). Nas de Matemática, a geometria é estudada a partir da construção de Brasília. Já nas de História, o golpe militar de 1964 foi focado, tendo o movimento cultural como pano de fundo.

Read the rest of this entry »

Pôr do sol em Itabuna

Pôr do sol em Itabuna

Igualdade de Gênero foi tema de debate na Faculdade de Ilhéus

fac ios 1O curso de Direito da Faculdade de Ilhéus, coordenado pela Professora Ana Cristina Adry Argollo, realizou um ciclo de palestras sobre o tema “Igualdade de gênero e os desafios de novo Direito”, no auditório Professora Adélia Melo, na semana passada, com a participação da juíza federal Clara da Mota Santos Pimenta Alves, do Juiz de Direito Alysson Floriano e a procuradora federal Bianca Silva. O evento foi coordenado pelo juiz federal Lincoln Pinheiro Costa, diretor da Subseção Judiciária Federal de Ilhéus.

Na oportunidade, o Juiz Lincoln Pinheiro Costa destacou o trabalho que vem sendo realizado pelo Nupraj (Núcleo de Práticas Jurídicas) da Faculdade de Ilhéus, através da prestação de assistência judiciária. “Essa parceria é fundamental. Sem ela, acho que a Justiça Federal não teria como atender à quantidade de pessoas que atende hoje”, afirmou.

fac ios 2A Procuradora Federal Bianca Silva falou sobre a aplicação da Lei Maria da Penha e as consequências gravíssimas que temos hoje, no Brasil, em virtude da violência doméstica. O Juiz de Direito Alysson Floriano tratou da origem e da aplicabilidade da Lei Maria da Penha no contexto nacional.

Por sua vez, a Juíza Federal Clara da Mota Pimenta Alves discorreu sobre o desafio pela inserção de mais mulheres no sistema de justiça e na ampla participação na vida pública. “Porque hoje, além dessas barreiras visíveis, discriminatórias de violências, feminicídio, baixa remuneração no mercado de trabalho, as mulheres também lidam com uma série de barreiras invisíveis pra sua ascensão em espaços públicos importantes”, alertou.

Read the rest of this entry »

Rui empossa membros do Conselho Estadual das Cidades

con 2Os novos membros do Conselho Estadual das Cidades da Bahia (Concidades), um instrumento de consulta e deliberação sobre políticas de desenvolvimento urbano, foram empossados na manhã desta quinta-feira (30) pelo governador Rui Costa, em cerimônia no Centro de Operações Integradas da Secretaria da Segurança Pública, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Os 122 conselheiros – 60% de representantes da sociedade civil e 40% do poder público – terão tarefa de debater, propor e fiscalizar as ações governamentais voltadas para habitação, saneamento, mobilidade e gestão urbana. Para isso, se reúnem mensalmente em câmaras temáticas e, entre outras coisas, ajudam a definir parâmetros para acesso a programas de moradia, como o Minha Casa, Minha Vida, a elaboração de leis, como a Lei Estadual de Saneamento e o Plano Estadual de Habitação.

con 1Após assinar a posse, Rui Costa afirmou que “Conselho tem a função de organizar o debate com a sociedade para que, escutando mais, a gente erre menos. Quem foi eleito para governar uma cidade, um estado e um país, não foi eleito para substituir a vontade popular, e sim para representar o povo. Nesse exercício de execução e de representação é preciso manter um diálogo forte e a capilaridade na construção das nossas cidades, dos espaços públicos. E o Conselho visa isso, debater políticas e aprofundar a construção e as propostas de governo, do município, do Estado  e da Nação”.

O governador enfatizou ainda que o Concidades tem o desafio de retomar a construção de um País que possa financiar habitação, abastecimento de água, instalação de rede de esgoto, infraestrutura urbana, mobilidade urbana. “O Brasil precisa disso. A palavra confiança precisa voltar à agenda e a fazer parte do vocabulário do cotidiano do nosso País, dos brasileiros, sob pena da gente não retornar a economia. Se não retomar a confiança, na minha opinião, não retomaremos tão cedo a dinâmica econômica do nosso País, necessária para gerar emprego e renda para a população”, disse Rui.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
março 2017
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031